Último comentário capturado: 207166
Busca: (busque por um ativo. ex. EQTL)
Usuário:
ch3481 - 17/08/2013 19:13
citação: vellinhotrt4Boa tarde amigos!

Gostaria de saber se alguns de vocês estão posicionados em varejo de farmacias, qual ou quais vocês recomendariam para início de posição. Ass. Chupim estudioso...rsrs...

Para não perder o costume,segue imagem com mensagem!
1186075_429240850519218_1900218116_n.jpg



Tenho PNVL3....

Faz parte setor crescimento da minha carteira
 
ch3481 - 15/08/2013 06:23
citação: renato1631
citação: israel007PNVL3

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos
Atua no setor consumo não cíclico

Resultado do 2º Trimestre de 2013

A companhia registrou lucro líquido de R$ 14,7 M no 2T13, crescimento de 64,6% em relação ao 1T13 e aumento de 25,2% em relação ao 2° trimestre de 2012. A receita líquida atingiu R$ 426,2 M neste trimestre, uma variação de 7,7% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 14,7% em relação ao 2° trimestre de 2012.

A margem bruta atingiu 22,1% neste trimestre contra 21,5% no 1° trimestre de 2013 e 22,4% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 3,4% no 2° trimestre de 2013 contra 2,2% no trimestre ligeiramente anterior.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 534,3 M, crescimento de 22,8% em relação ao saldo no 2T12. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 255,8 M no segundo trimestre de 2013, valor 16,6% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.



Fala CH



Fala Renatones!!!

Tamos nela....
 
renato1631 - 14/08/2013 22:01
citação: israel007PNVL3

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos
Atua no setor consumo não cíclico

Resultado do 2º Trimestre de 2013

A companhia registrou lucro líquido de R$ 14,7 M no 2T13, crescimento de 64,6% em relação ao 1T13 e aumento de 25,2% em relação ao 2° trimestre de 2012. A receita líquida atingiu R$ 426,2 M neste trimestre, uma variação de 7,7% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 14,7% em relação ao 2° trimestre de 2012.

A margem bruta atingiu 22,1% neste trimestre contra 21,5% no 1° trimestre de 2013 e 22,4% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 3,4% no 2° trimestre de 2013 contra 2,2% no trimestre ligeiramente anterior.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 534,3 M, crescimento de 22,8% em relação ao saldo no 2T12. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 255,8 M no segundo trimestre de 2013, valor 16,6% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.



Fala CH
 
israel007 - 14/08/2013 20:51
PNVL3

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos
Atua no setor consumo não cíclico

Resultado do 2º Trimestre de 2013

A companhia registrou lucro líquido de R$ 14,7 M no 2T13, crescimento de 64,6% em relação ao 1T13 e aumento de 25,2% em relação ao 2° trimestre de 2012. A receita líquida atingiu R$ 426,2 M neste trimestre, uma variação de 7,7% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 14,7% em relação ao 2° trimestre de 2012.

A margem bruta atingiu 22,1% neste trimestre contra 21,5% no 1° trimestre de 2013 e 22,4% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 3,4% no 2° trimestre de 2013 contra 2,2% no trimestre ligeiramente anterior.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 534,3 M, crescimento de 22,8% em relação ao saldo no 2T12. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 255,8 M no segundo trimestre de 2013, valor 16,6% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.
 
ch3481 - 09/08/2013 16:12
Cascalhim!!!


DIMED (PNVL)
DRI: Roberto Coimbra Santos

Distribuicao de juros

Enviou o seguinte Aviso aos Acionistas:

Comunicamos aos Senhores Acionistas que em Reuniao Extraordinaria do Conselho
de Administracao realizada no dia 09 de agosto de 2013, foi aprovada a
apropriacao de juros a titulo de remuneracao sobre o capital proprio, no
montante de R$ 5.000.007,26 (Cinco milhoes e sete reais e vinte e seis
centavos), representando o valor de R$ 1,192406600 para as acoes preferenciais e
R$ 1,084006000 para as acoes ordinarias. O pagamento de referidos juros sobre
capital proprio, sera realizado em duas parcelas, nos dias 30 de agosto e 30 de
setembro de 2013, ad referendum da Assembleia Geral Ordinaria que apreciar as
demonstracoes financeiras do exercicio social a ser encerrado em 31/12/2013.
O pagamento dos juros sobre o capital proprio sera realizado sem qualquer
atualizacao monetaria ou juros, conforme a posicao acionaria de 09/08/2013 e
estara sujeito a retencao de Imposto de Renda na Fonte, na forma da legislacao
vigente. Nao sofrerao tal retencao os acionistas pessoas juridicas,
comprovadamente imunes ou isentos. Os juros sobre o capital proprio serao
imputados ao dividendo minimo obrigatorio relativo ao exercicio social a ser
encerrado em 31/12/2013.
Os acionistas terao seus creditos disponiveis nos dia 30/08/2013 e 30/09/2013,
de acordo com sua conta corrente e domicilio bancario fornecido ao Banco
Bradesco S/A, instituicao depositaria das acoes de emissao da Companhia.

Conforme deliberacoes da RCA, os juros sobre capital proprio serao pagos em duas
parcelas, com base na posicao acionaria de 09 de agosto de 2013, conforme
detalhamento abaixo:

Valor por acao
Parcelas Data do Inicio do Pagamento PN ON
1o Parcela JCP 30/08/2013 0,596203300 0,542003000
2o Parcela JCP 30/09/2013 0,596203300 0,542003000
Total 1,192406600 1,084006000

Norma: a partir de 12/08/2013, acoes escriturais ex-juros
 
ch3481 - 16/07/2013 08:56
citação: rogeriortmsProfessor, Small, Barbado e demais foristas, vou abusar mais uma vez de vocês.... Vendi um imóvel e gostaria de direcionar grande parte para a bolsa (já possuo um valor bem maior já aplicado, com bastante prejuízo virtual - erros de iniciante teimoso), estou consciente que depende de diversos fatores, mas gostaria de algumas dicas, se fosse possível, principalmente (não unicamente) em FIIs para aposentadoria. Desde já muito obrigado.



Vai saber o momento de vida, bem como disposição a risco, de cada um.
Mas já que vc diz "aposentadoria", pressuponho LP.

FII's com renda garantida para mim equivalem às empresas pré-operacionais.
Até tenho, mas por erro tb...rs.rs.......Não entro mais e nem aumento

Prefiro pagar mais, ou ter retorno menor, como queira em algo já com histórico de results e administração

Tem os da CSHG, alguns do BTG que gosto e RB Capital tb. Daí vc diversifica por setores

Ações eu iria/fui/to indo, na linha que vc postou acima, de CRUZ3, ETER3, AMBV3, VLID3, TAEE11, TBLE3, PNVL3, BBAS3, UGPA3, BBDC3, GETI3 entre outras.

Dá para vc acompanhar somente no DFP anual, sem maiores problemas.

Bons negócios

Repito que como vc salientou que é para aposentadoria, num tem nada relacionado a procura de upside em CP ou MP
 
small caps - 01/07/2013 23:38
citação: renatosp
citação: small caps
citação: renatosp
citação: small capsCampanha AVISA:

Reforço de posição em PINE4 e PRBC4.

Carteira 100% fluxo de caixa!

Poly, depois publico a carteira...

Abraços,
Small caps.



Small,

Tenho reforçado estes 2 ativos além de BBAS3.

Hoje encontrei em meus apontamentos uma carteira mencionada por você nem sei quando com os seguintes ativos: BGIP,PINE,PRBC,BNBR,DAYC,HBOR,EZTC,ETER,JHSF,COCE,GETI,ENBR,ELPL,EQTL,CEPE,GRND,FRAS,TKNO,POMO,WHRL,BRAP,CGAS,VIVT,CARD,VLID,CIEL,RDCD,PNVL.

Pelo que me lembro, havia encerrado posição em BNBR,ELPL,FRAS,POMO,CARD E VLID.

Poderia gentilmente comentar possíveis encerramentos que não acompanhei ou inclusões.

Abraços,



Renatosp, tem a carteira que eu utilizo, que é a de fluxo de caixa... boa parte destas eu vendi. Ficou as de maiores DY.

Tem a carteira com foco em ganho de capital, que é a do pessoal do clube que eu dou "dicas". Nesta tem muito ativo para ganho de capital, pois é o objetivo do investimento.

Quando publicar, vou colocar as duas, pois a ausência de ativos numa delas pode gerar interpretações equivocadas.

Abraços,
Small caps.



Small,

Também tenho acompanhado suas recentes aquisições em SOND,SSBR,GPIV,ELET,SAPR e BAHI.

Tens previsão de quando postará sua carteira tão esperada por muitos daqui?

Abraço,



hehehehe, mantenho todas elas na carteira de ganho de capital.

Na de fluxo de caixa, mantenho SOND e ELET.

Abraços,
Small caps.
 
renatosp - 01/07/2013 23:33
citação: small caps
citação: renatosp
citação: small capsCampanha AVISA:

Reforço de posição em PINE4 e PRBC4.

Carteira 100% fluxo de caixa!

Poly, depois publico a carteira...

Abraços,
Small caps.



Small,

Tenho reforçado estes 2 ativos além de BBAS3.

Hoje encontrei em meus apontamentos uma carteira mencionada por você nem sei quando com os seguintes ativos: BGIP,PINE,PRBC,BNBR,DAYC,HBOR,EZTC,ETER,JHSF,COCE,GETI,ENBR,ELPL,EQTL,CEPE,GRND,FRAS,TKNO,POMO,WHRL,BRAP,CGAS,VIVT,CARD,VLID,CIEL,RDCD,PNVL.

Pelo que me lembro, havia encerrado posição em BNBR,ELPL,FRAS,POMO,CARD E VLID.

Poderia gentilmente comentar possíveis encerramentos que não acompanhei ou inclusões.

Abraços,



Renatosp, tem a carteira que eu utilizo, que é a de fluxo de caixa... boa parte destas eu vendi. Ficou as de maiores DY.

Tem a carteira com foco em ganho de capital, que é a do pessoal do clube que eu dou "dicas". Nesta tem muito ativo para ganho de capital, pois é o objetivo do investimento.

Quando publicar, vou colocar as duas, pois a ausência de ativos numa delas pode gerar interpretações equivocadas.

Abraços,
Small caps.



Small,

Também tenho acompanhado suas recentes aquisições em SOND,SSBR,GPIV,ELET,SAPR e BAHI.

Tens previsão de quando postará sua carteira tão esperada por muitos daqui?

Abraço,

 
small caps - 01/07/2013 23:18
citação: renatosp
citação: small capsCampanha AVISA:

Reforço de posição em PINE4 e PRBC4.

Carteira 100% fluxo de caixa!

Poly, depois publico a carteira...

Abraços,
Small caps.



Small,

Tenho reforçado estes 2 ativos além de BBAS3.

Hoje encontrei em meus apontamentos uma carteira mencionada por você nem sei quando com os seguintes ativos: BGIP,PINE,PRBC,BNBR,DAYC,HBOR,EZTC,ETER,JHSF,COCE,GETI,ENBR,ELPL,EQTL,CEPE,GRND,FRAS,TKNO,POMO,WHRL,BRAP,CGAS,VIVT,CARD,VLID,CIEL,RDCD,PNVL.

Pelo que me lembro, havia encerrado posição em BNBR,ELPL,FRAS,POMO,CARD E VLID.

Poderia gentilmente comentar possíveis encerramentos que não acompanhei ou inclusões.

Abraços,



Renatosp, tem a carteira que eu utilizo, que é a de fluxo de caixa... boa parte destas eu vendi. Ficou as de maiores DY.

Tem a carteira com foco em ganho de capital, que é a do pessoal do clube que eu dou "dicas". Nesta tem muito ativo para ganho de capital, pois é o objetivo do investimento.

Quando publicar, vou colocar as duas, pois a ausência de ativos numa delas pode gerar interpretações equivocadas.

Abraços,
Small caps.
 
renatosp - 01/07/2013 22:46
citação: small capsCampanha AVISA:

Reforço de posição em PINE4 e PRBC4.

Carteira 100% fluxo de caixa!

Poly, depois publico a carteira...

Abraços,
Small caps.



Small,

Tenho reforçado estes 2 ativos além de BBAS3.

Hoje encontrei em meus apontamentos uma carteira mencionada por você nem sei quando com os seguintes ativos: BGIP,PINE,PRBC,BNBR,DAYC,HBOR,EZTC,ETER,JHSF,COCE,GETI,ENBR,ELPL,EQTL,CEPE,GRND,FRAS,TKNO,POMO,WHRL,BRAP,CGAS,VIVT,CARD,VLID,CIEL,RDCD,PNVL.

Pelo que me lembro, havia encerrado posição em BNBR,ELPL,FRAS,POMO,CARD E VLID.

Poderia gentilmente comentar possíveis encerramentos que não acompanhei ou inclusões.

Abraços,
 
Barbado - 21/06/2013 14:50
citação: uqaz
citação: ch3481
citação: padrinho
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!



Putzzz uqaz!!!!

Qdo for assim dá uma AVISA antes....BGIP e Cia...liquidez bem baixa é possível

Uma parte do lote tinha interesse

BGIP4 só vendo pro Barbado.
Banese é ação pra acumular.



Vocês ainda vão me agradecer por estar sempre falando que BGIP é um tamburete e que os resultados apresentados são um "aborto" da natureza.
 
uqaz - 21/06/2013 14:37
citação: ch3481
citação: uqaz
citação: ch3481
citação: padrinho
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!



Putzzz uqaz!!!!

Qdo for assim dá uma AVISA antes....BGIP e Cia...liquidez bem baixa é possível

Uma parte do lote tinha interesse

BGIP4 só vendo pro Barbado.
Banese é ação pra acumular.



ok...ok...BGIP foi exemplo...se for soltar mais algumas lança AVISA

N, por hoje é só. Aliás, pro mês. O prejuízo contábil acabou.
 
ch3481 - 21/06/2013 14:32
citação: uqaz
citação: ch3481
citação: padrinho
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!



Putzzz uqaz!!!!

Qdo for assim dá uma AVISA antes....BGIP e Cia...liquidez bem baixa é possível

Uma parte do lote tinha interesse

BGIP4 só vendo pro Barbado.
Banese é ação pra acumular.



ok...ok...BGIP foi exemplo...se for soltar mais algumas lança AVISA

 
uqaz - 21/06/2013 14:29
citação: ch3481
citação: padrinho
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!



Putzzz uqaz!!!!

Qdo for assim dá uma AVISA antes....BGIP e Cia...liquidez bem baixa é possível

Uma parte do lote tinha interesse

BGIP4 só vendo pro Barbado.
Banese é ação pra acumular.
 
ch3481 - 21/06/2013 14:27
citação: padrinho
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!



Putzzz uqaz!!!!

Qdo for assim dá uma AVISA antes....BGIP e Cia...liquidez bem baixa é possível

Uma parte do lote tinha interesse
 
padrinho - 21/06/2013 14:15
citação: uqazOutra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00


Hehehe

Conta lá no fórum do rcbocardo.......tem um camarada por lá que vai te chamar de TRADER!!!
 
uqaz - 21/06/2013 13:22
Outra pra vc eurico:

AVISA
V PNVL3F a 225,00
 
apolo20 - 03/06/2013 17:33
Srs.

A meu ver uma nova enquete duplicaria a atual.


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5


CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04



apolo
abs






CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE



CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



BGIP4
1-PERIQUITO VERDE



BPHA3
1-dUTI



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner



DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose



SLCE3
1-Duti



SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a


 
uqaz - 31/05/2013 09:31
citação: ch3481PNVL3, BBAS3 e CTSA3 proventos na cta

Selic + 0,5%.....huuummm....era o que apostava, quer dizer, era meu chute

Vamos ver mais tarde se aparece uns FII's dando sopa no cassinão!!!!

Fuiiiiii!!!!

Eu acho que os fiis de shopping vão sofrer. Mas como é final de mês n dá pra saber.

Particularmente apostaria num repique hoje de 1% no ibov. Final do mês e dia anterior vermelho me levam a crer nisso.
 
ch3481 - 31/05/2013 09:02
PNVL3, BBAS3 e CTSA3 proventos na cta

Selic + 0,5%.....huuummm....era o que apostava, quer dizer, era meu chute

Vamos ver mais tarde se aparece uns FII's dando sopa no cassinão!!!!

Fuiiiiii!!!!
 
ch3481 - 17/05/2013 08:48
BOPE....vou ficar mais em PNVL, mas vale raciocínio para resto tb

Eu penso que não esteja acontecendo nada demais

ML melhorando
ROE bom
Crescimento orgânico ( Eu gosto, ma agrada isso...o "tijolo após tijolo"...mas é subjetivo, claro)
Lucros crescentes
Administração hiper-profissional

Tudo normal...aposto que se chegarmos lá agora os caminhões estão sendo carregados para abastecer as famácias, as vans preparando pedidos que entraram pelo site, pessoas começando a ser atendidas nos balcões pelo RS afora.

Enfim, a empresa caminhando

Aaaahhhh, mas a cotação caiu!!!

Sim caiu, mas e daí??

vqv


citação: uqaz
citação: bpobpoNinguém comentou PFRM3, caiu muito depois do resultado do 1T13. Ele veio ruim, assim como Panvel, será problema no setor, ou estao punindo tanto porque subiu demais recentemente??

No comeco do ano muita gente daqui comprou, será que nessa valorizacao toda só eu mantive e vou ter q apagar a luz?? ahahahahaha

Por favor opinem se as perspectivas seguem boas ou esse resultado é o comeco do fim tipo CARD3 no tri passado??

Obrigado...

(chupim assustado)

Olha, neste trimestre ando percebendo que chegamos a um clímax de "choque de expectativas". Vou tentar traduzir.

A empresa começa a evoluir depois de algum tempo com o papel estagnado (GRND, PTBL, BEMA, CGRA - essa última tá barata demais). Subitamente, o papel bomba por meses, com o Sr. Mercado acostumado com resultados crescentes de lucros de 20% no LL, todo trimestre. Aí, depois de certo tempo, o Sr. Mercado "sabe" como virá o próximo resultado. Estando mal acostumado, o Sr. Mercado acha normal mais um resultado de +20% no LL e aproveita pra realizar tudo no dia do resultado."Quero sair desse papel na máxima" - diz o Sr. Mercado, ou seja, no dia da divulgação de mais um resultado explosivo. Sr. Mercado acha que a paixão foi boa, houve noites de verão inesquecíveis mas ele n acredita que a empresa possa manter aquele ritmo "caliente" por muito tempo...

Ou seja, aquela bombação que acontece no dia da divulgação de um bom resultado trimestral surpreendente (por exemplo, no 1T13 foi BAUH4 ou BGIP4...) é diluída meses antes da divulgação do resultado. Aí, a data de realização é certa: o dia do próximo resultado ("supostamente todo mundo anda tão feliz com a empresa que ninguém vai notar se eu pular fora agora" - Sr. Mercado). Graham nos ensina que toda mamata, um dia, acaba. Ele explica bem isso naquele fenômeno de janeiro, qdo os preços incham/inchavam e o pessoal aproveita pra desovar. Com o tempo essa pratica veio caindo, caindo... O mesmo ocorre aqui com essas desabadas nos dias de resultado.

Algo mais intenso acontece qdo a empresa rateia na expectativa do Sr. Mercado. Isso aconteceu com PFRM e VLID no ano passado. Esperavam um resultado ultra-fodônico que não veio. Aí aquela vontade de sair correndo na máxima da véspera é amplificada. Mas só esqueceram que a profarma comprou aquelas outras drogarias pro meio/final do 1T13...elas devem começar a fazer mais efeito no 2T13 m diante....inclusive o que derrubou a profarma foram "Despesas Financeiras" - fruto desse negócio que ainda n vingou - e "Outras Despesas" que não pesquisei o que foram...

Tendo em vista isso tudo aí acima, veja só o que aconteceu com EZTC, HBOR, SLED. Nessas o Sr. Mercado não considera que há uma paixão qualquer. É um relacionamento mais sério, ele é confiante na empresa.

Acho que o Sr. Mercado viu que essa história de tentar fugir na máxima prevista por ele (dia do resultado) é errada e vai parar com esse comportamento no 2T13. Acho.

Resumindo tudo aí acima, aplica-se aquela máxima: "Compra no boato, vende no fato"

Boato: Notícia, Relatório reservado, expectativa de um resultado fodônico.
Fato: Não concretização ou falta de conhecimento da notícia por meses, divulgação de resultados fodônicos já esperados.

 
uqaz - 16/05/2013 07:16
citação: ch3481PNVL3

Queda 10% do LL 1t13 X 1t12

O Lucro Líquido do 1T13 foi de R$ 8.902 mil, 10,7% menor quando comparado ao mesmo trimestre do ano
anterior.
Conforme explicado anteriormente, o ritmo mais baixo de crescimento de vendas, acompanhado por um
crescimento mais forte das despesas (não compensado pela margem bruta), levou a um Lucro Líquido
menor neste trimestre.

---------------------------------------------------------------------------

Investimentos

Os investimentos no primeiro trimestre de 2013 totalizaram R$ 11.900 mil, superando os investimentos
feitos no mesmo período de 2012 em 250,6%, reforçando a aposta da Companhia nos seus mercados de
atuação e em novos mercados, como o Estado do Paraná.
Do total investido, 36,4% foi destinado ao processo de expansão, com a abertura de lojas novas e a
remodelação das instalações de lojas já existentes.

-----------------------------------------------------------

Permaneço sócio!!!

A porrada hoje vai ser forte. Uns 10% talvez de queda.
 
ch3481 - 15/05/2013 19:27
PNVL3

Queda 10% do LL 1t13 X 1t12

O Lucro Líquido do 1T13 foi de R$ 8.902 mil, 10,7% menor quando comparado ao mesmo trimestre do ano
anterior.
Conforme explicado anteriormente, o ritmo mais baixo de crescimento de vendas, acompanhado por um
crescimento mais forte das despesas (não compensado pela margem bruta), levou a um Lucro Líquido
menor neste trimestre.

---------------------------------------------------------------------------

Investimentos

Os investimentos no primeiro trimestre de 2013 totalizaram R$ 11.900 mil, superando os investimentos
feitos no mesmo período de 2012 em 250,6%, reforçando a aposta da Companhia nos seus mercados de
atuação e em novos mercados, como o Estado do Paraná.
Do total investido, 36,4% foi destinado ao processo de expansão, com a abertura de lojas novas e a
remodelação das instalações de lojas já existentes.

-----------------------------------------------------------

Permaneço sócio!!!
 
ch3481 - 30/04/2013 08:45
VALE5, PNVL3 e MDIA3

Proventos na cta!!!!
 
ch3481 - 29/04/2013 14:38
DIMED (PNVL)
DRI: Roberto Coimbra Santos


Distribuicao de dividendo


Nas AGO/E de 26/04/2013 foram aprovadas, entre outras materias, as demonstracoes
financeiras referentes ao exercicio social/2012 e a distribuicao de dividendo,
no montante de R$1.168.542,18, equivalente a R$0,2533/acao ON e R$0,2787/acao, a
ser pago a partir de 31/05/2013.


Norma: a partir de 29/04/2013 acoes escriturais ex-dividendo.
 
pppadv - 27/04/2013 11:57
citação: FOCKINK
citação: aprendiz quebrado do professorCaro Small Caps

Vc não quer arriscar o fundo do poço da nossa Mangels?
Momento chute fundo do poço Mangels! Rsrsrsrs



Em entrevista a Exame deste mês, perguntaram a Buffet:
"Quais os maiores erros que o senhor cometeu na carreira? "
resposta:
"Sempre haverá erros. A pergunta é como resolvê-los. Seria melhor acertar sempre, mas é impossível. Mas o erro não pode colocar tudo em risco. Ter 10 iniciativas e errar em 4 não é errar."
Pra quem é fundamentalista, não se põe toda a grana num único ativo.
Faça o preço médio dos seguintes ativos proporcionalmente de 2 anos pra cá:
MGEL4, CAMB4, ECPR4, CEDO4, PNVL4, EZTC3, FRAS4, GRND3,CTSA3, BGIP4.
De 10 tivemos quantos erros?

Um abraço a todos e bom fim de semana!!!


O bom filho à casa torna!
Te atualizando, continuo 100% MLFT4 !
É como se fosse 100% Berkshire Hathaway tupiniquim !
 
FOCKINK - 27/04/2013 07:41
citação: aprendiz quebrado do professorCaro Small Caps

Vc não quer arriscar o fundo do poço da nossa Mangels?
Momento chute fundo do poço Mangels! Rsrsrsrs



Em entrevista a Exame deste mês, perguntaram a Buffet:
"Quais os maiores erros que o senhor cometeu na carreira? "
resposta:
"Sempre haverá erros. A pergunta é como resolvê-los. Seria melhor acertar sempre, mas é impossível. Mas o erro não pode colocar tudo em risco. Ter 10 iniciativas e errar em 4 não é errar."
Pra quem é fundamentalista, não se põe toda a grana num único ativo.
Faça o preço médio dos seguintes ativos proporcionalmente de 2 anos pra cá:
MGEL4, CAMB4, ECPR4, CEDO4, PNVL4, EZTC3, FRAS4, GRND3,CTSA3, BGIP4.
De 10 tivemos quantos erros?

Um abraço a todos e bom fim de semana!!!


 
small caps - 25/04/2013 19:03
citação: uqaz
citação: small caps
citação: small capsFresquinho:http://www.bmfbovespa.com.br/cias-Listadas/Empresas-Listadas/ConsultaArquivo.aspx?codigoCvm=19615&protocolo=377127&motivo=&idioma=pt-BR



Coisa linda:

Destaques do 1T13 vs. 1T12:
Crescimento de 22,8% na receita líquida.
EBIT de R$89,7 milhões aumento de 61,6%.
Lucro líquido de R$102,3 milhões, crescimento de 24,7% (R$82,1 milhões no
1T12).
Elevação das Margens Bruta, EBIT, EBITDA e Líquida.
Distribuição de Dividendos ? 8,7% maior que o 1T12 - R$64,1 milhões, ações
ex-dividendo a partir de 08 de maio de 2013.
Liderança de exportação ? A Grendene mantém a liderança nas exportações
de calçados brasileiros ? 45,0% dos calçados brasileiros exportados no 1T13
(43,5% no 1T12).

Abraços,
Small caps.

Já dá pra dizer que a grendene é desss que enchem o saco tod trimestre como EZTC, HBOR, PRBC, PNVL etc? rs.

Estou com uma peninha de girar a carteira ese mês...

Só pra lembrar, n tem muito a ver, mas...

SAPR4 fechou em 6,78...
ELPL tbm desabou. Olha o setor de concessionárias aí dando mole...pedindo pra mim: "Me compra vai, tou cansada de apanhar."

- Vcs aguentam mais suas safadas!



As melhores compras sempre são depois que o setor apanha muito...

Bancos médios e construtoras que o digam...

Agora, o setor elétrico pode ser um bom exemplo mesmo de espancamento...
Até por isso algumas já subiram bastante desde o ápice da crise...

Abraços,
Small caps.
 
uqaz - 25/04/2013 18:53
citação: small caps
citação: small capsFresquinho:http://www.bmfbovespa.com.br/cias-Listadas/Empresas-Listadas/ConsultaArquivo.aspx?codigoCvm=19615&protocolo=377127&motivo=&idioma=pt-BR



Coisa linda:

Destaques do 1T13 vs. 1T12:
Crescimento de 22,8% na receita líquida.
EBIT de R$89,7 milhões aumento de 61,6%.
Lucro líquido de R$102,3 milhões, crescimento de 24,7% (R$82,1 milhões no
1T12).
Elevação das Margens Bruta, EBIT, EBITDA e Líquida.
Distribuição de Dividendos ? 8,7% maior que o 1T12 - R$64,1 milhões, ações
ex-dividendo a partir de 08 de maio de 2013.
Liderança de exportação ? A Grendene mantém a liderança nas exportações
de calçados brasileiros ? 45,0% dos calçados brasileiros exportados no 1T13
(43,5% no 1T12).

Abraços,
Small caps.

Já dá pra dizer que a grendene é desss que enchem o saco tod trimestre como EZTC, HBOR, PRBC, PNVL etc? rs.

Estou com uma peninha de girar a carteira ese mês...

Só pra lembrar, n tem muito a ver, mas...

SAPR4 fechou em 6,78...
ELPL tbm desabou. Olha o setor de concessionárias aí dando mole...pedindo pra mim: "Me compra vai, tou cansada de apanhar."

- Vcs aguentam mais suas safadas!
 
fridao - 15/04/2013 18:52
citação: uqazDIMED (PNVL) - AGO/E - 26/04/2013 - 8H00 /
Distribuicao de dividendo
DRI: Roberto Coimbra Santos

Aprovar as demonstracoes financeiras referentes ao exercicio social/2012, a
destinacao do lucro liquido, a homologacao do pagamento de juros sobre capital
proprio e dividendos. Fixacao da remuneracao dos Administradores. Aumento do
capital social de R$ 195.000.000,00 para R$ 227.000.000,00 mediante incorporacao
de reservas, sem emissao de novas acoes. Cancelamento de 2.007 acoes ordinarias
escriturais que se encontravam em tesouraria em 31 de dezembro de 2012, sem
reducao do capital social. Consequente alteracao do "Caput" do artigo 5 do
Estatuto. Conforme proposta da Administracao, sera deliberada a distribuicao de
dividendo, no montante de R$1.168.542,18, equivalente a R$0,2533/acao ON e R
$0,2787/acao. Encontra-se a disposicao no site da BM&FBOVESPA
(www.bmfbovespa.com.br), em Empresas Listadas / Informacoes Relevantes, a
proposta da Administracao. A partir de 29/04/2013 acoes escriturais ex-
dividendo.



Só R$0,2787?????
 
uqaz - 15/04/2013 18:47
DIMED (PNVL) - AGO/E - 26/04/2013 - 8H00 /
Distribuicao de dividendo
DRI: Roberto Coimbra Santos

Aprovar as demonstracoes financeiras referentes ao exercicio social/2012, a
destinacao do lucro liquido, a homologacao do pagamento de juros sobre capital
proprio e dividendos. Fixacao da remuneracao dos Administradores. Aumento do
capital social de R$ 195.000.000,00 para R$ 227.000.000,00 mediante incorporacao
de reservas, sem emissao de novas acoes. Cancelamento de 2.007 acoes ordinarias
escriturais que se encontravam em tesouraria em 31 de dezembro de 2012, sem
reducao do capital social. Consequente alteracao do "Caput" do artigo 5 do
Estatuto. Conforme proposta da Administracao, sera deliberada a distribuicao de
dividendo, no montante de R$1.168.542,18, equivalente a R$0,2533/acao ON e R
$0,2787/acao. Encontra-se a disposicao no site da BM&FBOVESPA
(www.bmfbovespa.com.br), em Empresas Listadas / Informacoes Relevantes, a
proposta da Administracao. A partir de 29/04/2013 acoes escriturais ex-
dividendo.
 
ch3481 - 15/04/2013 13:08
Lá vem Mestre Paulo solapando minhas estratégias........:):):):)

Grato pela gentileza......

Tô tentando atualizar leitura....mas com toda certeza vamos olhar com beeeeeeem mais calma hj mais tarde.

Passei os olhos rapidamente....."you've get a point"


citação: paulo_profCh

A tabela abaixo mostra o quadro atual de alguns dos ativos de consumo em nosso mercado.

Claramente CGRA4, GRND3 e SLED4 estão muito bem na fita ... no sentido de que não é improvável que nos próximos 5 anos possam, efetivamente, postar as taxas reais de crescimento necessárias para justificar os preços atuais dos ativos.

Claramente, também, LAME4, LLIS3 e RADL3 estão muito mal na fita ... estas empresas só conseguirão postar as taxas necessárias por milagre ... (se eu tivesse que escolher uma para apostar a grana da pinga que consegue seria a LLIS3 ...)

As demais estão numa faixa intermediária mas, na minha opinião, pelo menos no que concerne uma taxa de desconto real de 8%, a probabilidade que sejam capazes de postar as taxas crescimento do lucro necessárias é menor do que aquela que não consigam.
Portanto, para aqueles cuja tolerância ao risco é incompatível com uma taxa de desconto real de 8%, é mais lógico vender e realizar o lucro, do que "sentar em cima", seguindo a estratégia do B&H rigidamente.

Infelizmente (para quem gostaria de poder comprar ativos de boas empresas e "esquecer") em nosso mercado e no momento atual são raros os ativos que ao longo de sua história tem mantido P/Ls compatíveis com as respectivas taxas de crescimento dos resultados. Entre outros, pode-se mencionar BGIP4, CRIV4, CSTA4, CGRA4, GRND3, SLED4 ...

Se chegar um momento onde o P/L se situar sensivelmente acima da capacidade de crescimento do lucro, é hora de vender e esperar que o mercado efetue os devidos ajustes.

Pessoalmente, acho que a probabilidade de fazer um mau negócio vendendo PNVL3 hoje, com uma programação de recompra para daqui um ano, é ínfima!!!
varejo12abr13.png

 
davilar - 15/04/2013 00:47
citação: paulo_profCh

A tabela abaixo mostra o quadro atual de alguns dos ativos de consumo em nosso mercado.

Claramente CGRA4, GRND3 e SLED4 estão muito bem na fita ... no sentido de que não é improvável que nos próximos 5 anos possam, efetivamente, postar as taxas reais de crescimento necessárias para justificar os preços atuais dos ativos.

Claramente, também, LAME4, LLIS3 e RADL3 estão muito mal na fita ... estas empresas só conseguirão postar as taxas necessárias por milagre ... (se eu tivesse que escolher uma para apostar a grana da pinga que consegue seria a LLIS3 ...)

As demais estão numa faixa intermediária mas, na minha opinião, pelo menos no que concerne uma taxa de desconto real de 8%, a probabilidade que sejam capazes de postar as taxas crescimento do lucro necessárias é menor do que aquela que não consigam.
Portanto, para aqueles cuja tolerância ao risco é incompatível com uma taxa de desconto real de 8%, é mais lógico vender e realizar o lucro, do que "sentar em cima", seguindo a estratégia do B&H rigidamente.

Infelizmente (para quem gostaria de poder comprar ativos de boas empresas e "esquecer") em nosso mercado e no momento atual são raros os ativos que ao longo de sua história tem mantido P/Ls compatíveis com as respectivas taxas de crescimento dos resultados. Entre outros, pode-se mencionar BGIP4, CRIV4, CSTA4, CGRA4, GRND3, SLED4 ...

Se chegar um momento onde o P/L se situar sensivelmente acima da capacidade de crescimento do lucro, é hora de vender e esperar que o mercado efetue os devidos ajustes.

Pessoalmente, acho que a probabilidade de fazer um mau negócio vendendo PNVL3 hoje, com uma programação de recompra para daqui um ano, é ínfima!!!
varejo12abr13.png



MGLU n está na sua tabela.
Estou começando a gostar dela...
 
paulo_prof - 14/04/2013 21:32
Ch

A tabela abaixo mostra o quadro atual de alguns dos ativos de consumo em nosso mercado.

Claramente CGRA4, GRND3 e SLED4 estão muito bem na fita ... no sentido de que não é improvável que nos próximos 5 anos possam, efetivamente, postar as taxas reais de crescimento necessárias para justificar os preços atuais dos ativos.

Claramente, também, LAME4, LLIS3 e RADL3 estão muito mal na fita ... estas empresas só conseguirão postar as taxas necessárias por milagre ... (se eu tivesse que escolher uma para apostar a grana da pinga que consegue seria a LLIS3 ...)

As demais estão numa faixa intermediária mas, na minha opinião, pelo menos no que concerne uma taxa de desconto real de 8%, a probabilidade que sejam capazes de postar as taxas crescimento do lucro necessárias é menor do que aquela que não consigam.

Portanto, para aqueles cuja tolerância ao risco é incompatível com uma taxa de desconto real de 8%, é mais lógico vender e realizar o lucro, do que "sentar em cima", seguindo a estratégia do B&H rigidamente.

Infelizmente (para quem gostaria de poder comprar ativos de boas empresas e "esquecer") em nosso mercado e no momento atual são raros os ativos que ao longo de sua história tem mantido P/Ls compatíveis com as respectivas taxas de crescimento dos resultados. Entre outros, pode-se mencionar BGIP4, CRIV4, CSTA4, CGRA4, GRND3, SLED4 ...

Se chegar um momento onde o P/L se situar sensivelmente acima da capacidade de crescimento do lucro, é hora de vender e esperar que o mercado efetue os devidos ajustes.

Pessoalmente, acho que a probabilidade de fazer um mau negócio vendendo PNVL3 hoje, com uma programação de recompra para daqui um ano, é ínfima!!!


varejo12abr13.png
 
uqaz - 14/04/2013 13:51
citação: ch3481Fala uqaz btarde,
e tb btarde a tds!!!

Vc aí pra trás vc diz "A chance de erros é imensa comparada a uma poupancinha pra ficar satisfeito com 6%% a.a"....

Aí, aqui embaixo vc diz....
"Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs"

Não tá fechando o seu raciocínio...de 2007 a 2012 deu 243%, a até agora 164%
(caso vc decida sair de sócio da empresa) creio que dê um pouco mais que os 6%a.a, não???

Não queime muito a mufa com o que deveria, ou não, ser.
No LP empresas boas vão crescer mais que qualquer RF

Vc diz aí pra trás que não consegue ver empresas boas como seguras, pois vivemos no Brasil, terra sem lei.

Segurança total e absoluta claro que não tem, quem sou eu pra advogar uma tese destas. Não tem nem aqui, nem em lugar nenhum
De volta pra nossa querida VLID3 (rs).....

Ela tem vários negócios com governo.....quase tds grandes empresas tem
À guisa de exemplo, se aparecer numa operação destas da Pol. Fed. que tem propina no contrato do Banco do Brasil....vixeeee....babau VLID...hehe...

A outra parte agora.....

a empresa tá caminhando amigo....
Tá investindo, mas td está sob controle.....vender praque??? porque???...
É Bolsa...de repente dá uma pancada pra cima, do nada....

AAahhh sim, agora fazer BH de ação sem TA é tb é arriscado.....como disseste, aqui é Terra de Marlboro!!!

Não é dor de cabeça nenhuma sair de empresa que considere ruim.
Repito, mais uma vez, saí de CARD3 nos 3,83 e com PM 4,40....e fui para outras que postei até no dia (não tenho paciência pra ir ficar buscador não..rs).

O P/L da Panvel ao que me consta sempre foi alto....mas e os LPA's???...esses vc não reparou não???......Essa empresa é puro growth meu amigo...tá indo td bem...sem dívida....administração hiper-profissa, governança boa, área que vai sempre existir, dá pra entender, sem muita força os balanços, ROE de 20%

Só saio da empresa se ela, ou qq outra, objeto deste nosso debate, ficar ruim!!!

Nops...negativo....esses caras de fundos de investimento são muuuuuuito melhores que eu...."no doubts about it"

Todavia, prefiro eu mesmo cuidar meu investimentos....com ajuda dos amigos daqui e alguma leitura eu NUNCA irei me tornar um Stulbherger. FATO

Mas dá pra discernir o que entendo ser melhor para mim

vqv

citação: polycrav
citação: uqaz
citação: polycravOutra coisa.

Um B&H bem "aplicado" em uma empresa "momentâneamente boa", sólida e promissora te dá, ao longo do tempo, uma "gordura" na rentabilidade, suficiente para que lá na frente se ocorrer um "imprevisto" ou problemas circunstânciais com a empresa, permitir uma saída ou um "giro" para outra oportunidade, sem prejudicar a rentabilidade obtida ou o seu "desempenho" de forma, digamos, contundente.

Caso prático então. VLID foi comprada a uns 13,25 em 2007 com P/L de 10. No final de 2012 bateu 45,50 com P/L de 25 e a empresa tinha tendência de piorar no próximo trimestre. Não era uma empresa com P/L de 12 não, viu?

Não me faz sentido ficar sentado em cima dessa dona e perder 25% (hoje)! Já era esperado, não acha?

Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs. Não sei vc, mas em mim doeu. Essa variação já não valeria a "dor de cabeça" de vender e esperar a empresa dar uma mehoradinha? Ou ir pra outra?

Agora o meu caso. Estva lotado de VLIDs. Em dezembro de 2012 vendi uma parte que a isenção mensal me permitia. Resolvi deixar um pouquinho nela - parte por impossibilidade operacional de não poder vender, parte por confiar em uma boa empresa. Deu no que deu.

Na mesma situação, tenho PNVL3 em carteira. Já vendi grande parte. Só que dessa vez pretendo vender o resto mês que vem. Podem falar que a empresa é excelente, que tem muito a crescer. Mas tudo isso não justifica um P/L de 30 cacildis.

Se fosse crescer ainda mais do que hoje (20%aa) tudo bem. Mas é muito difícil isso.

Saber comprar e vender são duas técnicas bem diferentes. São técnicas artísticas bem distintas.



Muito bom o exemplo.

Corroborando com o que eu quis dizer.


ch, estamos falando da mesma coisa, mas com perspectivas diferentes. Vc está vendo o passado da empresa e que puta empresa que é a VALID e com excelente horizonte de longo prazo. Eu, em dezembro de 2012 estava pensando no futuro imediato (1 ano) da empresa. Este futuro me dizia que a empresa iria ratear, e rateou.

Por isso, a história fecha sim. Havia risco imediato de perder pra poupança. Cadê a minha contrapartida. Assumo risco perseguindo rentabilidade. Sem rentabilidade, pra que segurar a batata?

O problema é que os buy'n'holders são puristas, não estão nem aí pro outro lado, ou seja a manada. Eu sou um boi um pouquinho mais consciente e consegui pegar um dos primeiros lugares da fila e saí correndo.

Mas ch, faça um favor. Olhe a Panvel amanhã. Setor altamente regulado, Dilma segurando nos bagos das farmacêuticas. Empresa caríssima, com P/L de 30. Corre um boato que as próximas medidas de "incentivo" serão no setor. Depois de tanta trapalhada não sei se isso é ruim ou bom. É muito difícil a empresa não errar, esse risco é muito elevado pra futura rentabilidade que nos esperaria...

Dá pra ver que o preço é manipulado, claramente inchado!

Pra mim, a Panvel é a Valid de amanhã. Tomara que até lá eu te convença a correr dessa danada hahahaha.
 
ch3481 - 13/04/2013 17:12
Fala uqaz btarde,
e tb btarde a tds!!!

Vc aí pra trás vc diz "A chance de erros é imensa comparada a uma poupancinha pra ficar satisfeito com 6%% a.a"....

Aí, aqui embaixo vc diz....
"Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs"

Não tá fechando o seu raciocínio...de 2007 a 2012 deu 243%, a até agora 164%
(caso vc decida sair de sócio da empresa) creio que dê um pouco mais que os 6%a.a, não???

Não queime muito a mufa com o que deveria, ou não, ser.
No LP empresas boas vão crescer mais que qualquer RF


Vc diz aí pra trás que não consegue ver empresas boas como seguras, pois vivemos no Brasil, terra sem lei.

Segurança total e absoluta claro que não tem, quem sou eu pra advogar uma tese destas. Não tem nem aqui, nem em lugar nenhum
De volta pra nossa querida VLID3 (rs).....

Ela tem vários negócios com governo.....quase tds grandes empresas tem
À guisa de exemplo, se aparecer numa operação destas da Pol. Fed. que tem propina no contrato do Banco do Brasil....vixeeee....babau VLID...hehe...

A outra parte agora.....

a empresa tá caminhando amigo....
Tá investindo, mas td está sob controle.....vender praque??? porque???...
É Bolsa...de repente dá uma pancada pra cima, do nada....

AAahhh sim, agora fazer BH de ação sem TA é tb é arriscado.....como disseste, aqui é Terra de Marlboro!!!

Não é dor de cabeça nenhuma sair de empresa que considere ruim.
Repito, mais uma vez, saí de CARD3 nos 3,83 e com PM 4,40....e fui para outras que postei até no dia (não tenho paciência pra ir ficar buscador não..rs).

O P/L da Panvel ao que me consta sempre foi alto....mas e os LPA's???...esses vc não reparou não???......Essa empresa é puro growth meu amigo...tá indo td bem...sem dívida....administração hiper-profissa, governança boa, área que vai sempre existir, dá pra entender, sem muita força os balanços, ROE de 20%

Só saio da empresa se ela, ou qq outra, objeto deste nosso debate, ficar ruim!!!

Nops...negativo....esses caras de fundos de investimento são muuuuuuito melhores que eu...."no doubts about it"

Todavia, prefiro eu mesmo cuidar meu investimentos....com ajuda dos amigos daqui e alguma leitura eu NUNCA irei me tornar um Stulbherger. FATO

Mas dá pra discernir o que entendo ser melhor para mim

vqv


citação: polycrav
citação: uqaz
citação: polycravOutra coisa.

Um B&H bem "aplicado" em uma empresa "momentâneamente boa", sólida e promissora te dá, ao longo do tempo, uma "gordura" na rentabilidade, suficiente para que lá na frente se ocorrer um "imprevisto" ou problemas circunstânciais com a empresa, permitir uma saída ou um "giro" para outra oportunidade, sem prejudicar a rentabilidade obtida ou o seu "desempenho" de forma, digamos, contundente.

Caso prático então. VLID foi comprada a uns 13,25 em 2007 com P/L de 10. No final de 2012 bateu 45,50 com P/L de 25 e a empresa tinha tendência de piorar no próximo trimestre. Não era uma empresa com P/L de 12 não, viu?

Não me faz sentido ficar sentado em cima dessa dona e perder 25% (hoje)! Já era esperado, não acha?

Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs. Não sei vc, mas em mim doeu. Essa variação já não valeria a "dor de cabeça" de vender e esperar a empresa dar uma mehoradinha? Ou ir pra outra?

Agora o meu caso. Estva lotado de VLIDs. Em dezembro de 2012 vendi uma parte que a isenção mensal me permitia. Resolvi deixar um pouquinho nela - parte por impossibilidade operacional de não poder vender, parte por confiar em uma boa empresa. Deu no que deu.

Na mesma situação, tenho PNVL3 em carteira. Já vendi grande parte. Só que dessa vez pretendo vender o resto mês que vem. Podem falar que a empresa é excelente, que tem muito a crescer. Mas tudo isso não justifica um P/L de 30 cacildis.

Se fosse crescer ainda mais do que hoje (20%aa) tudo bem. Mas é muito difícil isso.

Saber comprar e vender são duas técnicas bem diferentes. São técnicas artísticas bem distintas.



Muito bom o exemplo.

Corroborando com o que eu quis dizer.

 
polycrav - 13/04/2013 15:34
citação: uqaz
citação: polycravOutra coisa.

Um B&H bem "aplicado" em uma empresa "momentâneamente boa", sólida e promissora te dá, ao longo do tempo, uma "gordura" na rentabilidade, suficiente para que lá na frente se ocorrer um "imprevisto" ou problemas circunstânciais com a empresa, permitir uma saída ou um "giro" para outra oportunidade, sem prejudicar a rentabilidade obtida ou o seu "desempenho" de forma, digamos, contundente.

Caso prático então. VLID foi comprada a uns 13,25 em 2007 com P/L de 10. No final de 2012 bateu 45,50 com P/L de 25 e a empresa tinha tendência de piorar no próximo trimestre. Não era uma empresa com P/L de 12 não, viu?

Não me faz sentido ficar sentado em cima dessa dona e perder 25% (hoje)! Já era esperado, não acha?

Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs. Não sei vc, mas em mim doeu. Essa variação já não valeria a "dor de cabeça" de vender e esperar a empresa dar uma mehoradinha? Ou ir pra outra?

Agora o meu caso. Estva lotado de VLIDs. Em dezembro de 2012 vendi uma parte que a isenção mensal me permitia. Resolvi deixar um pouquinho nela - parte por impossibilidade operacional de não poder vender, parte por confiar em uma boa empresa. Deu no que deu.

Na mesma situação, tenho PNVL3 em carteira. Já vendi grande parte. Só que dessa vez pretendo vender o resto mês que vem. Podem falar que a empresa é excelente, que tem muito a crescer. Mas tudo isso não justifica um P/L de 30 cacildis.

Se fosse crescer ainda mais do que hoje (20%aa) tudo bem. Mas é muito difícil isso.

Saber comprar e vender são duas técnicas bem diferentes. São técnicas artísticas bem distintas.



Muito bom o exemplo.

Corroborando com o que eu quis dizer.
 
uqaz - 13/04/2013 10:25
citação: polycravOutra coisa.

Um B&H bem "aplicado" em uma empresa "momentâneamente boa", sólida e promissora te dá, ao longo do tempo, uma "gordura" na rentabilidade, suficiente para que lá na frente se ocorrer um "imprevisto" ou problemas circunstânciais com a empresa, permitir uma saída ou um "giro" para outra oportunidade, sem prejudicar a rentabilidade obtida ou o seu "desempenho" de forma, digamos, contundente.

Caso prático então. VLID foi comprada a uns 13,25 em 2007 com P/L de 10. No final de 2012 bateu 45,50 com P/L de 25 e a empresa tinha tendência de piorar no próximo trimestre. Não era uma empresa com P/L de 12 não, viu?

Não me faz sentido ficar sentado em cima dessa dona e perder 25% (hoje)! Já era esperado, não acha?

Apesar de que estava com 243% em 2012, agora "só" 164% rs. Não sei vc, mas em mim doeu. Essa variação já não valeria a "dor de cabeça" de vender e esperar a empresa dar uma mehoradinha? Ou ir pra outra?

Agora o meu caso. Estva lotado de VLIDs. Em dezembro de 2012 vendi uma parte que a isenção mensal me permitia. Resolvi deixar um pouquinho nela - parte por impossibilidade operacional de não poder vender, parte por confiar em uma boa empresa. Deu no que deu.

Na mesma situação, tenho PNVL3 em carteira. Já vendi grande parte. Só que dessa vez pretendo vender o resto mês que vem. Podem falar que a empresa é excelente, que tem muito a crescer. Mas tudo isso não justifica um P/L de 30 cacildis.

Se fosse crescer ainda mais do que hoje (20%aa) tudo bem. Mas é muito difícil isso.

Saber comprar e vender são duas técnicas bem diferentes. São técnicas artísticas bem distintas.
 
apolo20 - 12/04/2013 12:57
Facilitando a vida "Chupinssugas" da vida...fala sério....hahaha


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5


CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04



apolo
abs






CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE



CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



BGIP4
1-PERIQUITO VERDE



BPHA3
1-dUTI



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner



DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose



SLCE3
1-Duti



SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a
 
uqaz - 04/04/2013 13:47
citação: small caps
citação: ch3481Small...
O motivo n sei...n dah p saber nunca, todavia a Ágora tem
Seguidamente derrubado o ativo e gf no final recompra

Especuleta teoria conspiracao derrubam e sempre recompram depois
Tb tenho grnd compradas a 7,xx em jan/2012... Mas subiu bem depois q ela resolveu sair de cima do cx e investir...fazer o q??..rs

Me diz uma coisa...tu jah tem mais de 10 anos disso aqui...
Te incomoda mesmo uma queda num ativo c esse spread e volume de negociacao???

Dfp's de 2012 irrepreensiveis....puro growth

Sei nao meu comandante...sei n
Fora de sacode violento...num dah pra comprar baratim n!!

Meu pensamento....

citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.




ch3481, para mim, não existe ativo invendável.

Se alguém me oferecer P/L 20 pelas minhas HBOR3 e EZTC3 eu vendo agora :)

Isto não quer dizer que um ativo que mantenho não possa ter uma alta de mais de 1.000, 3.000%, 5.000% ... tudo depende da diferença de evoluções e riscos entre cotação e valor... bem como cenário futuro...

Abraços,
Small caps.

Acho que podemos diferenciar os investidores em ação em dois grupos. Aqueles que compram AMBV4 (Ou a coca-cola do Buffet) a esse preço e aqueles que não compram (não compram que um crescimento de 15%aa se sustente por 10 anos).

Eu fico no time dos ignorantes, o segundo.
 
ch3481 - 04/04/2013 12:13
Small

Tb p mim nada eh invendavel
Soh q p/l alto n eh estratosferico. Hbor e eztc nos P/l' s mencionados eh venda...mormente construtora q eh td bicicleta..rs

Vc n vai encontrar esses valores historicamente nos pls delas...pelo menos n me lembro de ter visto.

Panveltem histirico de pl alto...eh outro setor...comparar vai distorcer....dificil soh pl aih p tomada decisao...enfim

Mas vc n respondeu minha pergunta...deixou no vacuo

Assim vou acabar achando q vc tah ficando mao frouxa...rsrsr..

Absss



citação: small caps
citação: ch3481Small...
O motivo n sei...n dah p saber nunca, todavia a Ágora tem
Seguidamente derrubado o ativo e gf no final recompra

Especuleta teoria conspiracao derrubam e sempre recompram depois
Tb tenho grnd compradas a 7,xx em jan/2012... Mas subiu bem depois q ela resolveu sair de cima do cx e investir...fazer o q??..rs

Me diz uma coisa...tu jah tem mais de 10 anos disso aqui...
Te incomoda mesmo uma queda num ativo c esse spread e volume de negociacao???

Dfp's de 2012 irrepreensiveis....puro growth

Sei nao meu comandante...sei n
Fora de sacode violento...num dah pra comprar baratim n!!

Meu pensamento....

citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.




ch3481, para mim, não existe ativo invendável.

Se alguém me oferecer P/L 20 pelas minhas HBOR3 e EZTC3 eu vendo agora :)

Isto não quer dizer que um ativo que mantenho não possa ter uma alta de mais de 1.000, 3.000%, 5.000% ... tudo depende da diferença de evoluções e riscos entre cotação e valor... bem como cenário futuro...

Abraços,
Small caps.

 
renatosp - 04/04/2013 11:20
citação: small caps
citação: renatosp
citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.



Small,

Falando em FII e aproveitando sua presença, aloquei parte do que vendi de ações para FII nesta semana conforme carteira abaixo, você entende que falte alguma?

Se puder disponibilizar sua carteira de FII, agradeço imensamente.

BBPO11
FCFL11B
FLRP11B
FVBI11B
HGLG11
HGRE11
RBRD11
WPLZ11B

Abraço,



No momento, BRCR11, sempre abaixo de R$ 150,00...

Abraços,
Small caps.



Ah, bom lembrar, BRCR11 comprado no início desta semana (só esqueci de considerá-lo na carteira,risos).

Quanto às ações, tenho:

BBAS3
BEMA3
CGRA3
COCE3
DAYC4
ETER3
EZTC3
GRND3
HBOR3
JHSF3
PINE4
PRBC4
PRVI3
STBP11
TAEE11
TPIS3
VIVT3
WHRL3

Todas abaixo de 5% cada.

Entende que falte algo imprescindível?

Mais uma vez agradeço imensamente,

Abraço,
 
small caps - 04/04/2013 11:11
citação: renatosp
citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.



Small,

Falando em FII e aproveitando sua presença, aloquei parte do que vendi de ações para FII nesta semana conforme carteira abaixo, você entende que falte alguma?

Se puder disponibilizar sua carteira de FII, agradeço imensamente.

BBPO11
FCFL11B
FLRP11B
FVBI11B
HGLG11
HGRE11
RBRD11
WPLZ11B

Abraço,



No momento, BRCR11, sempre abaixo de R$ 150,00...

Abraços,
Small caps.
 
renatosp - 04/04/2013 11:10
citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.



Small,

Falando em FII e aproveitando sua presença, aloquei parte do que vendi de ações para FII nesta semana conforme carteira abaixo, você entende que falte alguma?

Se puder disponibilizar sua carteira de FII, agradeço imensamente.

BBPO11
FCFL11B
FLRP11B
FVBI11B
HGLG11
HGRE11
RBRD11
WPLZ11B

Abraço,
 
small caps - 04/04/2013 11:10
citação: ch3481Small...
O motivo n sei...n dah p saber nunca, todavia a Ágora tem
Seguidamente derrubado o ativo e gf no final recompra

Especuleta teoria conspiracao derrubam e sempre recompram depois
Tb tenho grnd compradas a 7,xx em jan/2012... Mas subiu bem depois q ela resolveu sair de cima do cx e investir...fazer o q??..rs

Me diz uma coisa...tu jah tem mais de 10 anos disso aqui...
Te incomoda mesmo uma queda num ativo c esse spread e volume de negociacao???

Dfp's de 2012 irrepreensiveis....puro growth

Sei nao meu comandante...sei n
Fora de sacode violento...num dah pra comprar baratim n!!

Meu pensamento....


citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.




ch3481, para mim, não existe ativo invendável.

Se alguém me oferecer P/L 20 pelas minhas HBOR3 e EZTC3 eu vendo agora :)

Isto não quer dizer que um ativo que mantenho não possa ter uma alta de mais de 1.000, 3.000%, 5.000% ... tudo depende da diferença de evoluções e riscos entre cotação e valor... bem como cenário futuro...

Abraços,
Small caps.
 
ch3481 - 04/04/2013 11:06
Small...
O motivo n sei...n dah p saber nunca, todavia a Ágora tem
Seguidamente derrubado o ativo e gf no final recompra

Especuleta teoria conspiracao derrubam e sempre recompram depois
Tb tenho grnd compradas a 7,xx em jan/2012... Mas subiu bem depois q ela resolveu sair de cima do cx e investir...fazer o q??..rs

Me diz uma coisa...tu jah tem mais de 10 anos disso aqui...
Te incomoda mesmo uma queda num ativo c esse spread e volume de negociacao???

Dfp's de 2012 irrepreensiveis....puro growth

Sei nao meu comandante...sei n
Fora de sacode violento...num dah pra comprar baratim n!!

Meu pensamento....



citação: small capsO risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.

 
small caps - 04/04/2013 10:46
O risco de carregar ativos caros:

1 PNVL3 Dimed ON 282.01 -8.29%

RESSALVA: É só um exemplo. Quando o ativo não ter MARGEM DE SEGURANÇA na sua aquisição, a queda pode, veja bem, PODE um dia se tornar definitiva.

Não será o caso....

Mas isto é angustiante para alguns...

Carregar ativos caros, definitivamente, não é a minha filosofia.

Estava bem mais seguro com a querida GRND3 aos R$ 9,00, quando ninguém queria.
O mesmo se diga a COCE.

Mas, não tem nem o que comprar no lugar, considerando a minha carteira atual.

Limite de exposição a FII atingido.

Abraços,
Small caps.
 
uqaz - 01/04/2013 19:28
citação: danieljoseaa
citação: uqazV PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.



rsrs, vendeu muito bem.

Minha meta inicial é ficar com 15% em FIIs, como tenho mantido 10% na RF, fico com 1/4 em FIIs e RF e 3/4 em ações..............porém, logo que conseguir fazer isso, o que talvez ocorra este mês, passo para a 2° meta, que é passar os FIIs para 30%, passando a RF para 5% e as ações para 65%, ou seja a meta principal é ficar com cerca de 2/3 em ações e 1/3 em FIIs/RF e assim devo ir por um bom tempo.

Vou mudar apenas como Graham preconiza, se as ações valorizarem demais, passando muito dos 65%, terei que recompor os FIIs, vendendo algumas ações, automaticamente me fazendo realizar alguns lucros.......se acontecer o contrário, ou seja, se as ações caírem e o percentual de 65% diminuir de forma considerável, faço o contrário, vendo algumas cotas de FIIs e compro ações.

Seguindo esse critério, estarei automaticamente comprando ações na baixa e realizando lucros em subidas, mantendo sempre a proporção de 65% ações/35% FIIs, seus movimentos é que ditarão o que tenho que fazer no futuro.

No período em que estiver lateralizando e mantendo o percentual com pouca variação, o dinheiro de venda de ações, continua indo para outras ações e o de venda de FIIs, continua em outros FIIs.

Bom, a idéia é essa, salvo alguma grande disparidade encontrada no futuro, é isto que tentarei manter.

Ficar quase 100% em ações é ótimo, enquanto está dando tudo certo, mas não posso contar com isso sempre, a história tá aí para me mostrar a verdade.

Desta forma, qualquer cenário me favorece.....se as ações um dia desses desabarem(e isso sempre acontece de tempos em tempos), tenho bala na agulha para agir e se elas formarem um longo caminho altista, estou cheio de ações para aproveitar e surfar.

A única coisa que ainda não defini é: a partir de qual alteração no patamar 65%/35%, faço o remanejamento, 5% para cima ou para baixo, 3%, 2%?? ou bimestral, trimestral?? enfim, isso vou ter que pensar, Graham sugere quando, por exemplo, o patamar passar de 65% para 70%, ou seja, 5%..........mas, penso que 5% é demais, tô mais propenso a adotar algum período para reavaliações, ou bimestral ou trimestral, enfim, ainda tenho que amadurecer este ponto.

Falei pra carajo!

Nesse finalzinho aí, se vc considera 5% pra cima, deve considerar 5% pra baixo da outra cesta (variação relativa entre cestas de 10%). Se vc acha muito, usa 2,5% pra cima de uma das cestas e 2,5% pra baixa da outra (5% do total).

Vc volta com o tema da alocação. Lembro que fiquei famoso ao postar um texto sobre laranjas e maçãs e remanejamento de carteiras (já recebi uns 3 e-mailis com esse texto de autor desconhecido rs).

Acontece que estava renascendo como investidor. À época fim de 2009 - diferente do q acabou sendo - achava que o mercado iria ficar de lado. Não ficou e as small caps bomabaram e o fizeram até agora. A idéia era dormir tranquilo e só ficar balanceando a carteira como vc propõe.

Lembro que passei por um dilema como o seu. "Quão sensível eu ponho esse gatilho?". Mas ao msm tempo pensava ser muito jovem pra pensar desse jeito, todo medroso.

Aí uma vez o small postou que além de praticar alocação, estava diversificando bastante. Lembro que ele tinha mais 30 empresas e achava aquilo um pouco exagerado. Resolvi arriscar um pouco. Meu plano original era 50 (ações) - 50 (fiis +caixa). Mudei para os atuais 80 (ações)-20, diversificando ao máximo a carteira, sem medo de pagar corretagem.

Nesses 2 anos que pratico isso, n me arrependo. Afinal, estamos respirando mercado, dá pra saber praque lado vão as coisas. E agora estou achando que as ações estão muito, muito caras. Daí vou mexer para os 50-50 originais.

Até que me provem o contrário, está tudo muito caro. Mas comprar fiis não precisa ter pressa. Com esse iminente aumento da selic, essas promoçõs como a que vc papou de HGRE vai durar semanas...

É isso isentar 20k/mês e migrar para fiis. Esse é o plano do uqaz para 2013 (por enquanto rs).
 
danieljoseaa - 01/04/2013 18:25
citação: uqazV PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.




rsrs, vendeu muito bem.

Minha meta inicial é ficar com 15% em FIIs, como tenho mantido 10% na RF, fico com 1/4 em FIIs e RF e 3/4 em ações..............porém, logo que conseguir fazer isso, o que talvez ocorra este mês, passo para a 2° meta, que é passar os FIIs para 30%, passando a RF para 5% e as ações para 65%, ou seja a meta principal é ficar com cerca de 2/3 em ações e 1/3 em FIIs/RF e assim devo ir por um bom tempo.

Vou mudar apenas como Graham preconiza, se as ações valorizarem demais, passando muito dos 65%, terei que recompor os FIIs, vendendo algumas ações, automaticamente me fazendo realizar alguns lucros.......se acontecer o contrário, ou seja, se as ações caírem e o percentual de 65% diminuir de forma considerável, faço o contrário, vendo algumas cotas de FIIs e compro ações.

Seguindo esse critério, estarei automaticamente comprando ações na baixa e realizando lucros em subidas, mantendo sempre a proporção de 65% ações/35% FIIs, seus movimentos é que ditarão o que tenho que fazer no futuro.

No período em que estiver lateralizando e mantendo o percentual com pouca variação, o dinheiro de venda de ações, continua indo para outras ações e o de venda de FIIs, continua em outros FIIs.

Bom, a idéia é essa, salvo alguma grande disparidade encontrada no futuro, é isto que tentarei manter.

Ficar quase 100% em ações é ótimo, enquanto está dando tudo certo, mas não posso contar com isso sempre, a história tá aí para me mostrar a verdade.

Desta forma, qualquer cenário me favorece.....se as ações um dia desses desabarem(e isso sempre acontece de tempos em tempos), tenho bala na agulha para agir e se elas formarem um longo caminho altista, estou cheio de ações para aproveitar e surfar.

A única coisa que ainda não defini é: a partir de qual alteração no patamar 65%/35%, faço o remanejamento, 5% para cima ou para baixo, 3%, 2%?? ou bimestral, trimestral?? enfim, isso vou ter que pensar, Graham sugere quando, por exemplo, o patamar passar de 65% para 70%, ou seja, 5%..........mas, penso que 5% é demais, tô mais propenso a adotar algum período para reavaliações, ou bimestral ou trimestral, enfim, ainda tenho que amadurecer este ponto.

Falei pra carajo!
 
ch3481 - 01/04/2013 18:03
hehehe...pode deixar....confia em mim meu amigo!!!!!!

aahhh sim....fii eh show....vc vai gostar

citação: uqaz
citação: ch3481
citação: uqazV PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.



pode deixar q eu tomo conta pra n virar bagunça..............:):):)

Ainda tenho 1,6% da carteira nela. Cuide com carinho, viu?!

 
uqaz - 01/04/2013 17:55
citação: ch3481
citação: uqazV PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.



pode deixar q eu tomo conta pra n virar bagunça..............:):):)

Ainda tenho 1,6% da carteira nela. Cuide com carinho, viu?!
 
ch3481 - 01/04/2013 17:45
citação: uqazV PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.



pode deixar q eu tomo conta pra n virar bagunça..............:):):)
 
uqaz - 01/04/2013 17:43
V PNVL3F a 306,50 (70%)

Próxima parada, fiis

Ass. Daniel.
 
small caps - 28/03/2013 14:50
citação: ch3481Pow Smallzito (by vasquiiim).....

Pera ae neh....as "ponto.com" tinham uma baboseira sem tamanho que era a estória de que lucro n era importante....a vc mais novo q tah lendo eu n me enganei n....eles diziam q lucro n importava.....é mole?!?!....me lembro bem.

Buffet n entrou nestas.....dizia q n conseguia entender o setor.

Embarcaram geral no pânico de alta

citação: small caps
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.



Eu concordo UGAZ, Hoje eu não entraria na Panvel ON, o ativo está caro. Na Real, todos no setor estão com os múltiplos nada atraentes. Minha "aposta" em Profarma é de apenas 1,3% da Carteira. Vejamos no que vai dar e decidi que irei aguardar os resultados para 2013 com os novos números provenientes das novas aquisições.



O futuro do setor de farmácia é animal...

Mas jamais se esqueçam de que várias certezas o tempo se encarrega de desmentir...

No ano 2.000, todo mundo tinha certeza que as ponto.com teriam crescimento avassaladores.

Recentemente, a história mostra o quanto foi difícil para tantos investidores verem seus recursos serem corroidas pelas expectativas não confirmadas das certezas que era o setor de siderurgia.

Uma certeza precificada muito antecipadamente dá uma dor de barriga desgraçada.
Portanto, CUIDADO.

A história nos mostra que a cegueira pode ser um problema grave. Por vezes, muitas vezes mesmo, dá certo.

Mas deve-se ter sempre noção do risco superior que isto pode denotar caso algo não dê certo... pois sugere que mesmo balanços ótimos não sejam suficientes...

Desde 2000 tenho raros investimentos comprados com P/L acima de 10... só em momento como este, em que quase tudo esta CARO DEMAIS.

O custo de preços caros pode sempre chegar... Os japoneses tem bem mais história e podem explicar melhor isto para todos por aqui...

Primeiro mandamento: com preços caros, NÃO PERCA A RAZÃO!
Segundo mandamento: Proteja-se das suas CERTEZAS!
Terceiro mandamento: Ativos bem precificados não permitem muitos DESLIZES!

Abraços,
Small caps.




Com certeza...

O exemplo foi só retórico.

Abraços,
Small caps.
 
ch3481 - 28/03/2013 14:46
Pow Smallzito (by vasquiiim).....

Pera ae neh....as "ponto.com" tinham uma baboseira sem tamanho que era a estória de que lucro n era importante....a vc mais novo q tah lendo eu n me enganei n....eles diziam q lucro n importava.....é mole?!?!....me lembro bem.

Buffet n entrou nestas.....dizia q n conseguia entender o setor.

Embarcaram geral no pânico de alta


citação: small caps
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.



Eu concordo UGAZ, Hoje eu não entraria na Panvel ON, o ativo está caro. Na Real, todos no setor estão com os múltiplos nada atraentes. Minha "aposta" em Profarma é de apenas 1,3% da Carteira. Vejamos no que vai dar e decidi que irei aguardar os resultados para 2013 com os novos números provenientes das novas aquisições.



O futuro do setor de farmácia é animal...

Mas jamais se esqueçam de que várias certezas o tempo se encarrega de desmentir...

No ano 2.000, todo mundo tinha certeza que as ponto.com teriam crescimento avassaladores.

Recentemente, a história mostra o quanto foi difícil para tantos investidores verem seus recursos serem corroidas pelas expectativas não confirmadas das certezas que era o setor de siderurgia.

Uma certeza precificada muito antecipadamente dá uma dor de barriga desgraçada.
Portanto, CUIDADO.

A história nos mostra que a cegueira pode ser um problema grave. Por vezes, muitas vezes mesmo, dá certo.

Mas deve-se ter sempre noção do risco superior que isto pode denotar caso algo não dê certo... pois sugere que mesmo balanços ótimos não sejam suficientes...

Desde 2000 tenho raros investimentos comprados com P/L acima de 10... só em momento como este, em que quase tudo esta CARO DEMAIS.

O custo de preços caros pode sempre chegar... Os japoneses tem bem mais história e podem explicar melhor isto para todos por aqui...

Primeiro mandamento: com preços caros, NÃO PERCA A RAZÃO!
Segundo mandamento: Proteja-se das suas CERTEZAS!
Terceiro mandamento: Ativos bem precificados não permitem muitos DESLIZES!

Abraços,
Small caps.

 
rnelias - 28/03/2013 14:38
citação: small caps
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.



Eu concordo UGAZ, Hoje eu não entraria na Panvel ON, o ativo está caro. Na Real, todos no setor estão com os múltiplos nada atraentes. Minha "aposta" em Profarma é de apenas 1,3% da Carteira. Vejamos no que vai dar e decidi que irei aguardar os resultados para 2013 com os novos números provenientes das novas aquisições.



O futuro do setor de farmácia é animal...

Mas jamais se esqueçam de que várias certezas o tempo se encarrega de desmentir...

No ano 2.000, todo mundo tinha certeza que as ponto.com teriam crescimento avassaladores.

Recentemente, a história mostra o quanto foi difícil para tantos investidores verem seus recursos serem corroidas pelas expectativas não confirmadas das certezas que era o setor de siderurgia.

Uma certeza precificada muito antecipadamente dá uma dor de barriga desgraçada.
Portanto, CUIDADO.

A história nos mostra que a cegueira pode ser um problema grave. Por vezes, muitas vezes mesmo, dá certo.

Mas deve-se ter sempre noção do risco superior que isto pode denotar caso algo não dê certo... pois sugere que mesmo balanços ótimos não sejam suficientes...

Desde 2000 tenho raros investimentos comprados com P/L acima de 10... só em momento como este, em que quase tudo esta CARO DEMAIS.

O custo de preços caros pode sempre chegar... Os japoneses tem bem mais história e podem explicar melhor isto para todos por aqui...

Primeiro mandamento: com preços caros, NÃO PERCA A RAZÃO!
Segundo mandamento: Proteja-se das suas CERTEZAS!
Terceiro mandamento: Ativos bem precificados não permitem muitos DESLIZES!

Abraços,
Small caps.



Tenho mais medo deste setor de medicamentos que o de concessões rodoviárias.

É muito fácil fazer populismo com ele para atingir uma parte considerável e sensível da população de duas formas: pelo emocional e pelo financeiro.

Entendo que é um setor com poucos e grandes players e com margens atraentes mas, para esse governo sair distribuindo medicamento de graça ou forçando baixa de preço não custa nada.
 
small caps - 28/03/2013 14:32
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.



Eu concordo UGAZ, Hoje eu não entraria na Panvel ON, o ativo está caro. Na Real, todos no setor estão com os múltiplos nada atraentes. Minha "aposta" em Profarma é de apenas 1,3% da Carteira. Vejamos no que vai dar e decidi que irei aguardar os resultados para 2013 com os novos números provenientes das novas aquisições.



O futuro do setor de farmácia é animal...

Mas jamais se esqueçam de que várias certezas o tempo se encarrega de desmentir...

No ano 2.000, todo mundo tinha certeza que as ponto.com teriam crescimento avassaladores.

Recentemente, a história mostra o quanto foi difícil para tantos investidores verem seus recursos serem corroidas pelas expectativas não confirmadas das certezas que era o setor de siderurgia.

Uma certeza precificada muito antecipadamente dá uma dor de barriga desgraçada.
Portanto, CUIDADO.

A história nos mostra que a cegueira pode ser um problema grave. Por vezes, muitas vezes mesmo, dá certo.

Mas deve-se ter sempre noção do risco superior que isto pode denotar caso algo não dê certo... pois sugere que mesmo balanços ótimos não sejam suficientes...

Desde 2000 tenho raros investimentos comprados com P/L acima de 10... só em momento como este, em que quase tudo esta CARO DEMAIS.

O custo de preços caros pode sempre chegar... Os japoneses tem bem mais história e podem explicar melhor isto para todos por aqui...

Primeiro mandamento: com preços caros, NÃO PERCA A RAZÃO!
Segundo mandamento: Proteja-se das suas CERTEZAS!
Terceiro mandamento: Ativos bem precificados não permitem muitos DESLIZES!

Abraços,
Small caps.
 
DANIELBOSSAN - 28/03/2013 14:23
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.



Eu concordo UGAZ, Hoje eu não entraria na Panvel ON, o ativo está caro. Na Real, todos no setor estão com os múltiplos nada atraentes. Minha "aposta" em Profarma é de apenas 1,3% da Carteira. Vejamos no que vai dar e decidi que irei aguardar os resultados para 2013 com os novos números provenientes das novas aquisições.
 
uqaz - 28/03/2013 12:20
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.

Daniel, não acho justo vc comparar PFRM3 com uma PNVL4, por esta última não ter lá tanta liquidez nem tag along. Mas, deve ser reconheicod que esse P/L = 28 da PNVL3 é um tanto inchado pelo tal fundo IP.

Um P/L de 23-25 seria um valor "justo" para PNVL3.
 
ch3481 - 28/03/2013 09:15
pomo
ambv
cnes
pnvl
bbas

proventos na cta
 
DANIELBOSSAN - 27/03/2013 21:10
citação: uqaz
citação: DANIELBOSSANUGAZ,

Os números não mentem e acho que os FII's vieram para ficar.

Preciso ampliar a minha diversificação, bem como em ações do Banco do Brasil para que passe a ser minha 2a maior posição da carteira de ações.

Só não compreendi a questão das aquisições em PFRM lhe trazer receios. Pensei exatamente o contrário. Desculpe minha ignorância,Rs. Refere isto devido a Dívida Bruta / Pat Líq % vir crescendo acima da média do setor?

Obrigado pela análise.

Não Daniel, vejo com bons olhos as aquisições. Só não acho que o Mercado teria paciência de esperar até agosto (2T13) deste ano pra ver os resultados. E aí, qq anúncio de outra aquisição faria o papel bomar ateh os 25,00/PFRM3.

Isso daria um P/L = 20 pruma empresa em que não se sabe o futuro. Ou o msm pode se dar daq a anos... Pra mim já taria ótimo!

Esses anúncios de aquisições me lembraram da época em que a petrobras sempre anunciava ter descoberto novo poço de petróleo lá pra 2007. Pessoal ficava animado igual com profarma rs.



Com P/L de 20 quase encostaria em PNVL4 que tem P/L de 23,
seria ainda uma das mais baratas do setor,
mas daí arriscar, também acho que não vale a pena Ugaz.
O mercado está escasso, mas existem ainda poucas boas oportunidades
e o tempo não está para ficar inventando moda.

Valeu UGAZ.
 
uqaz - 27/03/2013 20:23
citação: DANIELBOSSAN
citação: uqaz
citação: danieljoseaa
citação: ch3481
citação: danieljoseaaLucro da VALID 13,8 milhões contra 36,4 milhões no 4° tri de 2011.



opa....isso dá uns 27% de crescimento de LL 2011 x 2012



Não Ch.....o LL de 2012 foi cerca de 10% menor que o de 2011......vc que está entupido dela, é bom ficar de olho, se for só um desvio da curva, aliás 2 desvios(3° e 4°) tudo bem.......o preço embute enormes expectativas(P/L de quase 20).....se elas não forem sendo correspondidas, o caminho para baixo não é curto, tenho reparado que vc tem comprado boas empresas, mas a maioria delas com P/L muito alto, cuidado aí meu amigo.

ch, faço coro.

Tenha medo dessas suas PNVL3...elas estão muito inchadas e n tem lá tanta liquidez.

Vcs podem me chamar de chupim, mas estou alinhando meu pensamento ao do small. Queria fugir para o ouro, mas n rolou.

Vai acabar sobrando pra fiis msm. Tenho em carteira PNVL3, VLID3, BEMA3, JHSF, TAEE e TPIS com múltiplos inchadíssimos.

E GRND, PFRM e PTBL estão indo pelo mesmo caminho...



UGAZ, poderia me dar sua opinião?

o que você considera de PTBL, GRND e PFRM...?

PTBL estaria muito valorizada?

Considera que os múltiplos de GRND, embora apresente P/l já acima de 10, continuam a permitir um investimento seguro?

E PFRM seria mesmo uma nova PANVEL visto que o setor de beleza e farmacêutico tem despertado o mercado devido a ascensão das classes "C" e "D"?

Está realmente difícil as pechinchas de antigamente!

PTBL3, GRND3 e PFRM3 apresentam, respectivamente P/Ls de 14,59, 14,83 e 18,72.

PTBL3 é um caso de turn-around que está se consolidando. Fora isso, está enveredando pelo lado da grendene, criando as tais lojinhas. Se grendene ou portobello ratearem um único e isolado trimestre, devolvem 20%.

Mas tudo depende do futuro Daniel...considerando um aumento de 10%aa reais por 3 anos e perpetuidade nula, terímos um P/L justo de 16,21 (8%aa de taxa de desconto) a 22 (6%aa de taxa de desconto).

Sendo que o P/L das duas gira em torno dos 15, cadê a segurança? Por enquanto mantenho, vamos ver. O 1T13 da grendenecostuma ser bem forte. Tendo a acreditar que grendene seja mais apta a vencer essas premissas com mais facilidade.

Qto a profarma, simplesmente não sei, pq n tenho o dom de prever o futuro. Qdo o preço era inferior ao ativo líquido circulante (aliás como em TRIS3) dava pra ir dormir. Agora, com esse preço inchado...

Tudo depende do futuro, o qual não. O Mercado parece bem otimista em associar PFRM a PNVL3. Mas daí a isso acontecer de fato...Espero uma decepção do mercado, pelas aquisições terem sido feitas muito tarde no 1T13. rs, mas uma notícia de outra aquisição me faria sair do papel...
 
DANIELBOSSAN - 27/03/2013 20:03
citação: uqaz
citação: danieljoseaa
citação: ch3481
citação: danieljoseaaLucro da VALID 13,8 milhões contra 36,4 milhões no 4° tri de 2011.



opa....isso dá uns 27% de crescimento de LL 2011 x 2012



Não Ch.....o LL de 2012 foi cerca de 10% menor que o de 2011......vc que está entupido dela, é bom ficar de olho, se for só um desvio da curva, aliás 2 desvios(3° e 4°) tudo bem.......o preço embute enormes expectativas(P/L de quase 20).....se elas não forem sendo correspondidas, o caminho para baixo não é curto, tenho reparado que vc tem comprado boas empresas, mas a maioria delas com P/L muito alto, cuidado aí meu amigo.

ch, faço coro.

Tenha medo dessas suas PNVL3...elas estão muito inchadas e n tem lá tanta liquidez.

Vcs podem me chamar de chupim, mas estou alinhando meu pensamento ao do small. Queria fugir para o ouro, mas n rolou.

Vai acabar sobrando pra fiis msm. Tenho em carteira PNVL3, VLID3, BEMA3, JHSF, TAEE e TPIS com múltiplos inchadíssimos.

E GRND, PFRM e PTBL estão indo pelo mesmo caminho...



UGAZ, poderia me dar sua opinião?

o que você considera de PTBL, GRND e PFRM...?

PTBL estaria muito valorizada?

Considera que os múltiplos de GRND, embora apresente P/l já acima de 10, continuam a permitir um investimento seguro?

E PFRM seria mesmo uma nova PANVEL visto que o setor de beleza e farmacêutico tem despertado o mercado devido a ascensão das classes "C" e "D"?

Está realmente difícil as pechinchas de antigamente!

 
ch3481 - 27/03/2013 19:51
Ok......grato, mas tá no script mesmo

Despesas com certificação digital, que ao lngo de td 2012 não foi mais considerada como n recorrente e aquisições EUA pesaram mesmo

Dei uma lida rápida...depois leio o DFP com mais calma

Geração de caixa continua boa
Endividamento controlado div.liq/ebitda - 0,82
div. liq / LL - 1,62

12% decréscimo LL, pelo menos aparentemente justificado.

Sigo no ativo e amanhã tem o webcast



citação: uqaz
citação: danieljoseaa
citação: ch3481
citação: danieljoseaaLucro da VALID 13,8 milhões contra 36,4 milhões no 4° tri de 2011.



opa....isso dá uns 27% de crescimento de LL 2011 x 2012



Não Ch.....o LL de 2012 foi cerca de 10% menor que o de 2011......vc que está entupido dela, é bom ficar de olho, se for só um desvio da curva, aliás 2 desvios(3° e 4°) tudo bem.......o preço embute enormes expectativas(P/L de quase 20).....se elas não forem sendo correspondidas, o caminho para baixo não é curto, tenho reparado que vc tem comprado boas empresas, mas a maioria delas com P/L muito alto, cuidado aí meu amigo.

ch, faço coro.

Tenha medo dessas suas PNVL3...elas estão muito inchadas e n tem lá tanta liquidez.

Vcs podem me chamar de chupim, mas estou alinhando meu pensamento ao do small. Queria fugir para o ouro, mas n rolou.

Vai acabar sobrando pra fiis msm. Tenho em carteira PNVL3, VLID3, BEMA3, JHSF, TAEE e TPIS com múltiplos inchadíssimos.

E GRND, PFRM e PTBL estão indo pelo mesmo caminho...

 
uqaz - 27/03/2013 19:42
citação: danieljoseaa
citação: ch3481
citação: danieljoseaaLucro da VALID 13,8 milhões contra 36,4 milhões no 4° tri de 2011.



opa....isso dá uns 27% de crescimento de LL 2011 x 2012



Não Ch.....o LL de 2012 foi cerca de 10% menor que o de 2011......vc que está entupido dela, é bom ficar de olho, se for só um desvio da curva, aliás 2 desvios(3° e 4°) tudo bem.......o preço embute enormes expectativas(P/L de quase 20).....se elas não forem sendo correspondidas, o caminho para baixo não é curto, tenho reparado que vc tem comprado boas empresas, mas a maioria delas com P/L muito alto, cuidado aí meu amigo.

ch, faço coro.

Tenha medo dessas suas PNVL3...elas estão muito inchadas e n tem lá tanta liquidez.

Vcs podem me chamar de chupim, mas estou alinhando meu pensamento ao do small. Queria fugir para o ouro, mas n rolou.

Vai acabar sobrando pra fiis msm. Tenho em carteira PNVL3, VLID3, BEMA3, JHSF, TAEE e TPIS com múltiplos inchadíssimos.

E GRND, PFRM e PTBL estão indo pelo mesmo caminho...
 
ch3481 - 26/03/2013 18:10
Nas DFP's consolidadas o AC é de 401.204 e o PC é de 228.717.

Habemus tranquilidd!!!




citação: ch3481Uma curiosidd, mas que demonstra nível de profissionalismo da administração

-------------------------------------------------------------

Mantendo o seu pioneirismo característico, a Dimed foi uma das primeiras
empresas do Brasil a emitir a nova NFC-e (Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica). Vale lembrar
que a Dimed foi a primeira empresa do Brasil e emitir uma Nota Fiscal Eletrônica, em
Setembro/2006.


citação: ch3481PNVL3 - Não achei um "porém" sequer....Muuuito bom

E ainda cancelaram as recompradas em 2012...hehe

Baratinho...baratinho só se Espanha for pro buraco...hehe...e aí eu aumento tb

Lucro Líquido
O Lucro Líquido de 2012 foi de R$ 47 MM, 25,9% superior ao Lucro Líquido de 2011, que foi de R$
37 MM. Além do crescimento de vendas e da melhora na Margem Bruta, a empresa reduziu
suas despesas financeiras. Com isso, nossa Margem Líquida passa de 2,78% em 2011 para 3,09%

---------------------------------------------------------------------------

O EBITDA de 2012 foi de R$ 76 MM, apresentando um crescimento de 18% em relação ao EBITDA
de 2011 que totalizou R$ 64 MM. A Margem EBITDA apresentou crescimento de 0,2 p.p.,
passando de 4,8 % em 2011 para 5% em 2012. A melhora na Margem de EBITDA está
diretamente relacionada com a melhora na Margem Bruta

-------------------------------------------------------------------------

Outro ponto de destaque em 2012 foi o canal de vendas da web. Tivemos um crescimento de
vendas via o site panvel.com.br de 51,6%, com destaque para o crescimento nos estados do
Paraná e São Paulo. Além das regiões Sul e Sudeste, o canal de vendas da web atende estados
em outras regiões do país como Minas Gerais, Bahia, Pernambuco e Distrito Federal.

---------------------------------------------------------------------

O segmento de perfumaria merece destaque, apresentando um crescimento de vendas na
ordem de 25% neste último ano, passando a representar 31% do total da Receita Líquida da
Dimed. Mais uma vez a Marca Própria apresentou bons resultados, mantendo seu crescimento
de venda em 26%, e uma Margem Bruta superior à média da Perfumaria.

----------------------------------------------------------------------

Inauguramos 14 novas lojas durante o ano de 2012, passando a contar com 292 lojas divididas
entre os Estados do RS, SC e PR. A empresa segue com a estratégia de expansão visando um
crescimento sustentável e equilibrado, utilizando, em sua maioria, recursos gerados pela própria
operação.

---------------------------------------------------------------------------
CANCELADAS!!!

Foram recompradas, no ano de 2012, 2.007 ações ordinárias no valor de R$ 277 mil e
canceladas 7.000 ações ordinárias nominativas e 480 ações preferenciais nominativas no valor
de R$ 634 mil, aumentando desta forma a participação dos atuais acionistas no capital social.

--------------------------------------------------------------------------

E a ML ainda foi de 2,8 para 3,1%


 
ch3481 - 26/03/2013 17:11
Uma curiosidd, mas que demonstra nível de profissionalismo da administração

-------------------------------------------------------------

Mantendo o seu pioneirismo característico, a Dimed foi uma das primeiras
empresas do Brasil a emitir a nova NFC-e (Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica). Vale lembrar
que a Dimed foi a primeira empresa do Brasil e emitir uma Nota Fiscal Eletrônica, em
Setembro/2006.



citação: ch3481PNVL3 - Não achei um "porém" sequer....Muuuito bom

E ainda cancelaram as recompradas em 2012...hehe

Baratinho...baratinho só se Espanha for pro buraco...hehe...e aí eu aumento tb

Lucro Líquido
O Lucro Líquido de 2012 foi de R$ 47 MM, 25,9% superior ao Lucro Líquido de 2011, que foi de R$
37 MM. Além do crescimento de vendas e da melhora na Margem Bruta, a empresa reduziu
suas despesas financeiras. Com isso, nossa Margem Líquida passa de 2,78% em 2011 para 3,09%

---------------------------------------------------------------------------

O EBITDA de 2012 foi de R$ 76 MM, apresentando um crescimento de 18% em relação ao EBITDA
de 2011 que totalizou R$ 64 MM. A Margem EBITDA apresentou crescimento de 0,2 p.p.,
passando de 4,8 % em 2011 para 5% em 2012. A melhora na Margem de EBITDA está
diretamente relacionada com a melhora na Margem Bruta

-------------------------------------------------------------------------

Outro ponto de destaque em 2012 foi o canal de vendas da web. Tivemos um crescimento de
vendas via o site panvel.com.br de 51,6%, com destaque para o crescimento nos estados do
Paraná e São Paulo. Além das regiões Sul e Sudeste, o canal de vendas da web atende estados
em outras regiões do país como Minas Gerais, Bahia, Pernambuco e Distrito Federal.

---------------------------------------------------------------------

O segmento de perfumaria merece destaque, apresentando um crescimento de vendas na
ordem de 25% neste último ano, passando a representar 31% do total da Receita Líquida da
Dimed. Mais uma vez a Marca Própria apresentou bons resultados, mantendo seu crescimento
de venda em 26%, e uma Margem Bruta superior à média da Perfumaria.

----------------------------------------------------------------------

Inauguramos 14 novas lojas durante o ano de 2012, passando a contar com 292 lojas divididas
entre os Estados do RS, SC e PR. A empresa segue com a estratégia de expansão visando um
crescimento sustentável e equilibrado, utilizando, em sua maioria, recursos gerados pela própria
operação.

---------------------------------------------------------------------------
CANCELADAS!!!

Foram recompradas, no ano de 2012, 2.007 ações ordinárias no valor de R$ 277 mil e
canceladas 7.000 ações ordinárias nominativas e 480 ações preferenciais nominativas no valor
de R$ 634 mil, aumentando desta forma a participação dos atuais acionistas no capital social.

--------------------------------------------------------------------------

E a ML ainda foi de 2,8 para 3,1%

 
ch3481 - 26/03/2013 16:48
PNVL3 - Não achei um "porém" sequer....Muuuito bom

E ainda cancelaram as recompradas em 2012...hehe

Baratinho...baratinho só se Espanha for pro buraco...hehe...e aí eu aumento tb


Lucro Líquido
O Lucro Líquido de 2012 foi de R$ 47 MM, 25,9% superior ao Lucro Líquido de 2011, que foi de R$
37 MM. Além do crescimento de vendas e da melhora na Margem Bruta, a empresa reduziu
suas despesas financeiras. Com isso, nossa Margem Líquida passa de 2,78% em 2011 para 3,09%

---------------------------------------------------------------------------

O EBITDA de 2012 foi de R$ 76 MM, apresentando um crescimento de 18% em relação ao EBITDA
de 2011 que totalizou R$ 64 MM. A Margem EBITDA apresentou crescimento de 0,2 p.p.,
passando de 4,8 % em 2011 para 5% em 2012. A melhora na Margem de EBITDA está
diretamente relacionada com a melhora na Margem Bruta

-------------------------------------------------------------------------

Outro ponto de destaque em 2012 foi o canal de vendas da web. Tivemos um crescimento de
vendas via o site panvel.com.br de 51,6%, com destaque para o crescimento nos estados do
Paraná e São Paulo. Além das regiões Sul e Sudeste, o canal de vendas da web atende estados
em outras regiões do país como Minas Gerais, Bahia, Pernambuco e Distrito Federal.

---------------------------------------------------------------------

O segmento de perfumaria merece destaque, apresentando um crescimento de vendas na
ordem de 25% neste último ano, passando a representar 31% do total da Receita Líquida da
Dimed. Mais uma vez a Marca Própria apresentou bons resultados, mantendo seu crescimento
de venda em 26%, e uma Margem Bruta superior à média da Perfumaria.

----------------------------------------------------------------------

Inauguramos 14 novas lojas durante o ano de 2012, passando a contar com 292 lojas divididas
entre os Estados do RS, SC e PR. A empresa segue com a estratégia de expansão visando um
crescimento sustentável e equilibrado, utilizando, em sua maioria, recursos gerados pela própria
operação.

---------------------------------------------------------------------------
CANCELADAS!!!

Foram recompradas, no ano de 2012, 2.007 ações ordinárias no valor de R$ 277 mil e
canceladas 7.000 ações ordinárias nominativas e 480 ações preferenciais nominativas no valor
de R$ 634 mil, aumentando desta forma a participação dos atuais acionistas no capital social.

--------------------------------------------------------------------------

E a ML ainda foi de 2,8 para 3,1%
 
ch3481 - 26/03/2013 12:02
Como não gostar de acréscimo de LL 2011x2012 de 26%???.....:):)
Como não gostar de acréscimo de Pat. Liq 2011 x 2012 de 17,5%???.....:):):)
Margem Líquida é aquela que a gente já conhece mesmo....

Ainda não li nada....mais tarde o faço
Algo n recorrente???....
Permaneço no Ativo

Totais diferentes do que consta site bovespa

http://www.bmfbovespa.com.br/Cias-Listadas/Empresas-Listadas/ResumoEmpresaPrincipal.aspx?idioma=pt-br&codigoCvm=9342


citação: uqaz
citação: robertohaPNVL4 (DIMED PN)

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos

Resultado do 4º Trimestre de 2012

A empresa anunciou lucro líquido de R$ 11,2 M no quarto trimestre de 2012, decréscimo de 21,8% em relação ao terceiro trimestre de 2012 e acréscimo de 27,0% em relação ao quarto trimestre de 2011. A receita líquida somou R$ 404,5 M no 4° trimestre de 2012, uma variação de 5,3% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 12,6% em relação ao quarto trimestre de 2011.

O resultado corresponde a uma margem bruta de 22,5% contra 22,7% no 3° trimestre de 2012 e 19,3% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 2,8% no quarto trimestre de 2012 contra 3,7% no terceiro trimestre de 2012.

Os ativos totais registraram o saldo de R$ 494,6 M, aumento de 12,3% em relação ao saldo no quarto trimestre de 2011. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 233,6 M neste trimestre, valor 17,3% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.

Nestes três meses, a ação oscilou 29,9% contra 3,0% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 758,6 M contra R$ 427,9 M no 4° trimestre de 2011.

Gostou ch?
Batei os nossos 53/55mi (em 2012 R$ 58.2mi)

 
uqaz - 26/03/2013 11:42
citação: robertohaPNVL4 (DIMED PN)

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos

Resultado do 4º Trimestre de 2012

A empresa anunciou lucro líquido de R$ 11,2 M no quarto trimestre de 2012, decréscimo de 21,8% em relação ao terceiro trimestre de 2012 e acréscimo de 27,0% em relação ao quarto trimestre de 2011. A receita líquida somou R$ 404,5 M no 4° trimestre de 2012, uma variação de 5,3% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 12,6% em relação ao quarto trimestre de 2011.

O resultado corresponde a uma margem bruta de 22,5% contra 22,7% no 3° trimestre de 2012 e 19,3% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 2,8% no quarto trimestre de 2012 contra 3,7% no terceiro trimestre de 2012.

Os ativos totais registraram o saldo de R$ 494,6 M, aumento de 12,3% em relação ao saldo no quarto trimestre de 2011. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 233,6 M neste trimestre, valor 17,3% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.

Nestes três meses, a ação oscilou 29,9% contra 3,0% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 758,6 M contra R$ 427,9 M no 4° trimestre de 2011.

Gostou ch?
Batei os nossos 53/55mi (em 2012 R$ 58.2mi)
 
paulo_prof - 26/03/2013 11:25
PNVL3
PREÇO: R$ 288,98
PAYOUT 2012: 20,4%

P/L 28,03
P/VPA 5,65
PSR 0,87
DY 0,73%
EV/EBITDA 17,09
MARGEM BRUTA 22,5%
MARGEM OPERACIONAL 4,2%
MARGEM LÍQUIDA 3,1%
LUCRO POR AÇÃO R$ 10,310
MARGEM EBITDA 5,1%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 14,2%
ROE 20,16%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,75

Taxas de Crescimento Nominal

a) exercício de 2012 vs 2011
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA 13,26%
RESULTADO BRUTO 18,00%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -26,04%
RESULTADO OPERACIONAL 25,26%
RESULTADO LÍQUIDO 25,88%
EBITDA 20,50%

b) 4T12 vs 4T11
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA 12,38%
RESULTADO BRUTO 24,49%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -46,69%
RESULTADO OPERACIONAL 31,99%
RESULTADO LÍQUIDO 26,98%
EBITDA 35,36%

c) lucro (taxa média anual)
UA 25,88%
U2A 23,72%
U3A 16,62%

d) patrimônio líquido médio
UA 16,55%
U2A 15,76%
U3A 15,52%

Preço justo fornecido pela fórmula do FCD para uma taxa média de crescimento real nulo do lucro líquido dos últimos 12 meses durante 5 anos, perpetuidade real nula e taxa de desconto real de 8%: R$ 128,88

Ou, taxa de crescimento real do lucro líquido dos últimos 12 meses necessária, durante os próximos 5 anos, para que o preço justo fornecido pela fórmula do FCD seja igual ao preço corrente (com uma perpetuidade real nula e taxa de desconto anual real de 8%): +20,0%
 
robertoha - 26/03/2013 10:24
PNVL4 (DIMED PN)

Ação da empresa Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos

Resultado do 4º Trimestre de 2012

A empresa anunciou lucro líquido de R$ 11,2 M no quarto trimestre de 2012, decréscimo de 21,8% em relação ao terceiro trimestre de 2012 e acréscimo de 27,0% em relação ao quarto trimestre de 2011. A receita líquida somou R$ 404,5 M no 4° trimestre de 2012, uma variação de 5,3% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 12,6% em relação ao quarto trimestre de 2011.

O resultado corresponde a uma margem bruta de 22,5% contra 22,7% no 3° trimestre de 2012 e 19,3% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 2,8% no quarto trimestre de 2012 contra 3,7% no terceiro trimestre de 2012.

Os ativos totais registraram o saldo de R$ 494,6 M, aumento de 12,3% em relação ao saldo no quarto trimestre de 2011. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 233,6 M neste trimestre, valor 17,3% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.

Nestes três meses, a ação oscilou 29,9% contra 3,0% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 758,6 M contra R$ 427,9 M no 4° trimestre de 2011.
 
renato1631 - 23/03/2013 14:36
Sensacional!

Comprei mais Hbor ontem achando que ela ia virar minha segunda maior posição , mas PNVL4 não deixou.


PNVL4

R$ 236,00

+7,27 %
 
uqaz - 20/03/2013 17:27
citação: suzisinhaUgaz,
parece que não estaria cara. Comparado a seu par RADL, estaria inclusive melhor.

PNVL3 não estaria cara, mas tbm não estaria barata. Se Panvel tivesse um P/L de 50 e a RADL de 100 dá pra dizer que uma é melhor que a outra...mas e em relação ao bom-senso?

Com um P/L de 29, sendo que um P/L justo para três anos é de 28,05 (6%)...não sei n...

Pra 5 anos de crescimento (isso é uma faculdade de engenharia), subindo 20%aa reais (o que seria uma façanha) o P/L é de 38.

Agora veja grendene. Vamos por 10%aa de crescimento real por (ritmo não muito exagerado, até saudável) por 3 anos. Espera-se um P/L de 15 a 20.

Está em P/L = 15.

O que vc acha? É mais certo grendene crescer 10%aa por 3 anos ou dimed 20%aa por 3 anos? E em 5 anos, o que é factível?

Entendendo a situação acima vc já está habilitada a cometer outras heresias faturar mais que o ibovespa rs.
 
uqaz - 20/03/2013 17:11
citação: suzisinhaUgaz,
Não entendi a tabela. Quanto maior a taxa de crescimento real do lucro, maior a taxa de desconto a ser usada para cálculo do preço justo?
Ou seria na primeira coluna: taxa anual média real de crescimento do lucro EXIGIDA nos 3 ou 5 anos para a respectiva taxa de desconto utilizada?
(ai que medo de estar falando heresias... rsrs)

As tabelas têm como entradas, condições, enfim.

- Crescimento real do lucro (3 ou 5 anos);
- Taxa de desconto real (6% ou 8%);

Escolhendo os dois acima, aparece o P/L justo, de acordo com FCD do lucro líquido.

Por exemplo, qual seria o P/L ideal, SUPONDO que uma empresa apresente crescimento de 3 anos de 20%aa acima da inflação, supondo perpetuidade nula (depois de três anos a empresa o lucro da empresa só acompanha a inflação), considerando uma taxa de desconto de 6%, real (poderia ser a poupança, ou seja, 0%. Poderia ser qq taxa de referência de retorno seguro).

R.: P/L = 28,05.

Caso prático. Dimed cresce a 20%aa (considere este crescimento em termos reais tá?)
A PNVL3 estaria cara nesse cenário aí de cima?

É cometendo "heresias" - desde que não sejam guiadas pela ganância exagerada - que a carteira cresce...
 
uqaz - 19/03/2013 19:04
citação: ch3481Uqaz dá um pontapé bonito aí pras nossas PNVL3 vai!!!!

LL no ano de uns 55MI???.....pega???

1,2 x 14.28 (4T11) = 17,13mi

No ano isso daria R$ 53mi

Por outro lado 1,2 x 37.422 (2011) = 44,906 (ou 8mi no 4T12 hahahaha)

Eu si divirto.
 
ch3481 - 19/03/2013 18:12
Uqaz dá um pontapé bonito aí pras nossas PNVL3 vai!!!!

LL no ano de uns 55MI???.....pega???
 
aecg - 07/03/2013 17:39
citação: apolo20
citação: fhalves2Voltei hj de dois meses fora do Brasil sem tempo de acompanhar o fórum, só pude ver o Bovespa andando de lado esses últimos meses e perdi as boas discussões aqui do fórum ...

Estou com apenas 4% do patrimônio em bolsa querendo realocar alguns investimentos em renda fixa que estão lamentáveis, alguma boa pedida pra esse início de março??

Desde já agradeço e mando abraço a todos!



Caro colega,

Comece dando uma analisada nos ativos indicados pelo fórum e faça a sua seleção.

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5

CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04


apolo
abs



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath


CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel


DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly


PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321


VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal

CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321

CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS


ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof


BGIP4
1-PERIQUITO VERDE


BPHA3
1-dUTI


CCR03
1-antonio a

CEMIG4
1-RRunner


DAYC4
1-Analisefunddd

FESA4
1-Andino

HGTX3
1-Radukan

IGTA3
1-pppadv

ITUB4
1-Renato1631

JSLG3
1-Topore

MTSA4
1-SMALL CAPS

MLFT4
1-pppadv

POSI3
1-IKKI De Phoenix

PRVI3
1-conservador22

SAPR4
1-rodrigose


SLCE3
1-Duti


SOND5
1-Peroquini

TIBR5
1-Andino

VIVT3
1-antonio a



Tnl esta tudo ai.
 
Polpudo - 04/03/2013 22:23


NABA4
BAMBU3
PICA3
TROLHA11 (BDR)
FERRO1 (subscrição)
MICO3


Phiodeu11

hehehehehe


citação: apolo20
citação: fhalves2Voltei hj de dois meses fora do Brasil sem tempo de acompanhar o fórum, só pude ver o Bovespa andando de lado esses últimos meses e perdi as boas discussões aqui do fórum ...

Estou com apenas 4% do patrimônio em bolsa querendo realocar alguns investimentos em renda fixa que estão lamentáveis, alguma boa pedida pra esse início de março??

Desde já agradeço e mando abraço a todos!



Caro colega,

Comece dando uma analisada nos ativos indicados pelo fórum e faça a sua seleção.

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5

CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04


apolo
abs



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath


CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel


DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly


PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321


VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal

CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321

CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS


ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof


BGIP4
1-PERIQUITO VERDE


BPHA3
1-dUTI


CCR03
1-antonio a

CEMIG4
1-RRunner


DAYC4
1-Analisefunddd

FESA4
1-Andino

HGTX3
1-Radukan

IGTA3
1-pppadv

ITUB4
1-Renato1631

JSLG3
1-Topore

MTSA4
1-SMALL CAPS

MLFT4
1-pppadv

POSI3
1-IKKI De Phoenix

PRVI3
1-conservador22

SAPR4
1-rodrigose


SLCE3
1-Duti


SOND5
1-Peroquini

TIBR5
1-Andino

VIVT3
1-antonio a

 
apolo20 - 04/03/2013 15:35
citação: fhalves2Voltei hj de dois meses fora do Brasil sem tempo de acompanhar o fórum, só pude ver o Bovespa andando de lado esses últimos meses e perdi as boas discussões aqui do fórum ...

Estou com apenas 4% do patrimônio em bolsa querendo realocar alguns investimentos em renda fixa que estão lamentáveis, alguma boa pedida pra esse início de março??

Desde já agradeço e mando abraço a todos!



Caro colega,

Comece dando uma analisada nos ativos indicados pelo fórum e faça a sua seleção.

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5


CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04



apolo
abs






CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE



CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



BGIP4
1-PERIQUITO VERDE



BPHA3
1-dUTI



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner



DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose



SLCE3
1-Duti



SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a
 
paulo_prof - 24/02/2013 14:31
citação: ch3481http://www.investsite.com.br/principais_indicadores.php?cod_negociacao=PCAR4

GH

Pcar4

Pelo que peguei do link acima (soh vi numeros, nao li nada) observei

Margem liquida de 2,27....eh baixa...ok que seja ateh caracteristica do setor....para contrapor temos o giro de ativo de 1,47......

Mas eh uma margem baixa...nao que seja impeditivo para se investir nela....tenho pnvl3 que tb tem margem baixa....rs

Dy de 0,77%.....putzzzzz esse eh baixo mesmo hein...rs.rs. Esse meu caso jah uma restricao maior.....mesmo que vc diga que faz contraponto no crescimento.

Lucro liquido 2010- 585.930
Lucro liquido em 2011 - 719.156
Lucro liquida 2012 - 1.156.436

Tah muito bom hein...crescendo jah tres anos

Mas putzzzzz...receita de 50mi pra soh isso de lucro????!?!

Div/LL - 2,95...tah ok

Caixa gerado nas operacoes tb crescendo bem...http://www.investsite.com.br/fluxo_caixa.php?cod_negociacao=PCAR4

Enfim pelo que peguei assim, vendo soh numeros...

Mas realmente nao entraria no ativo. Pn's sem TA
Este motivo por si soh jah me afasta. Eh criterio. Soh invisto com TA e tb esta quantdd de receita pra pouco lucro nao me deixa muito satisfeito nao...rs

Eh isso, mas repito nao li nada

Vvar3 bem mais punck hein!!!!hehehe....pro pessoal de emocoes mais fortes


Usando uma taxa de desconto anual real de 8%, um período de 5 anos de crescimento do lucro e uma perpetuidade real nula (o crescimento do lucro só acompanhará a inflação daqui há 5 anos), a taxa real de crescimento anual média do lucro líquido para justificar o preço atual teria que ser de 16% !!!!

Se a taxa de desconto for reduzida para 6% reais a.a., a taxa de crescimento real do lucro nos 5 anos baixaria para mais "palatáveis" 8,5%
 
ch3481 - 24/02/2013 11:53
http://www.investsite.com.br/principais_indicadores.php?cod_negociacao=PCAR4

GH

Pcar4

Pelo que peguei do link acima (soh vi numeros, nao li nada) observei

Margem liquida de 2,27....eh baixa...ok que seja ateh caracteristica do setor....para contrapor temos o giro de ativo de 1,47......

Mas eh uma margem baixa...nao que seja impeditivo para se investir nela....tenho pnvl3 que tb tem margem baixa....rs

Dy de 0,77%.....putzzzzz esse eh baixo mesmo hein...rs.rs. Esse meu caso jah uma restricao maior.....mesmo que vc diga que faz contraponto no crescimento.

Lucro liquido 2010- 585.930
Lucro liquido em 2011 - 719.156
Lucro liquida 2012 - 1.156.436

Tah muito bom hein...crescendo jah tres anos

Mas putzzzzz...receita de 50mi pra soh isso de lucro????!?!

Div/LL - 2,95...tah ok

Caixa gerado nas operacoes tb crescendo bem...
http://www.investsite.com.br/fluxo_caixa.php?cod_negociacao=PCAR4

Enfim pelo que peguei assim, vendo soh numeros...

Mas realmente nao entraria no ativo. Pn's sem TA
Este motivo por si soh jah me afasta. Eh criterio. Soh invisto com TA e tb esta quantdd de receita pra pouco lucro nao me deixa muito satisfeito nao...rs

Eh isso, mas repito nao li nada

Vvar3 bem mais punck hein!!!!hehehe....pro pessoal de emocoes mais fortes

 
uqaz - 20/02/2013 18:23
TOP 10:

GRND3
WHRL/BMTO4
GETI3
BGIP4
HBOR3
VIVT4 (argh)
PNVL3
PINE4
DAYC4
EZTC3

Os setores estão, todos bem parecidos com 20% cada um. O de concessionárias é que está "inchado" com 21% rs.

Mas vou aumentar amanhã o de bancos com mais BB. P/L de 5,9 podendo cair ainda mais, com proventos a dar com pau este ano. Promete.
 
apolo20 - 14/02/2013 10:47

Srs.

Facilitando a vida dos recém-chegados.

apolo
abs

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5


CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04



apolo
abs






CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE



CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



BGIP4
1-PERIQUITO VERDE



BPHA3
1-dUTI



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner



DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose



SLCE3
1-Duti



SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a


 
apolo20 - 07/02/2013 13:13
Srs.


Breve comentário a respeito da nossa enquete:

Podemos observar que os ativos indicados representam de forma bastante equilibrada,o perfil dos investidores do fórum,trata-se sem nenhuma dúvida,de uma excelente fonte de pesquisa e de referência,constituindo-se em importante instrumento auxiliar de consulta.

Imprescindível salientar que os ativos foram exaustivamente analisados, abrangendo os seus mais variados aspectos setoriais, econômicos e financeiros,entretanto,é correto também ressaltar que não se trata em absoluto,de influenciar o investidor para comprar determinada ação,no entanto é perfeitamente compreensível que esta seleção tão bem elaborada,sirva de parâmetro para alguém que queira iniciar,balizar ou até mesmo aferir o seu portfólio.

Agradeço e desejo a todos os participantes ou não da enquete bastante sucesso nos investimentos.

apolo
abs



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS 2013 - TOP5


CLASSIFICAÇÃO/ATIVO/QTDE INDICAÇÕES

1-GRND3-19
2-BBAS3-11
3-LLXL3/TPIS3-06
4-ALLL3-05
5-BAUH4-04



apolo
abs






CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset
4-PERIQUITO VERDE



CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal
3-acarlos321



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE6
1-POBRE
2-acarlos321


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



BGIP4
1-PERIQUITO VERDE



BPHA3
1-dUTI



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner



DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose



SLCE3
1-Duti



SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a

 
GARUDA20 - 04/02/2013 16:22
citação: rneliasAVISA

C BBAS @ 23.87



Tanta gente boa comprando...

coloquei uma ordem. C 23,75, vamo ver se pega.

Ps. V - Pnvl4 19,99 na sexta, bom lucro.

Abs
 
uqaz - 01/02/2013 08:01
panvel PNVL dimed profarma PFRM3

citação: paulo_profSuponha que a Receita Líquida da Rede adquirida tenha crescido 15% e suponha uma margem líquida de 2%. Nestes termos, o lucro anual da empresa adquirida seria de aprox. R$ 7,5 milhões, da ordem de 1/6 do que a Profarma lucra hoje.

Na minha opinião, o que geral valor na Profarma não é o adicional de lucro. Sou capaz de apostar que daqui há 10 anos, o negócio varejo da Profarma será muito maior (em termos de lucro) do que o negócio distribuição.

Vc que é acionista da PNVL deveria saber qual é a proporção entre os números do varejo e distribuição da empresa? Lembre que a PNVL iniciou como uma distribuidora de medicamentos!


Do DFP 2010:

"Tivemos crescimento em receita bruta de vendas e/ou serviços, de 10,07%. A Margem Bruta permaneceu praticamente estável em 2010. Em compensação, a Margem Líquida mostrou uma pequena redução, em grande parte vinculada ao período de maturação necessário para o atingimento do ponto de equilíbrio das lojas abertas ao longo do ano. Em seu conjunto, as lojas abertas em 2010 contribuíram para o crescimento da receita menos que proporcionalmente do que para crescimento das despesas, o que é considerado um comportamento normal para o período de tempo
em questão. Dessa forma, o Lucro Líquido do Exercício 2010 fechou em R$ 30.773 mil ante um Lucro Líquido de R$ 29.697 mil em 2009 (crescimento de 3,62%)"

De 2007 a 2010 dá pra ver, apenas indiretamente, o crescimento do varejo na receita. Infelizmente, só pelo número de filiais totais:

2005: 190
2006: x + 12 = 202
2007: + 16 = 218
2008: + 12 = 230
2009: + 24 = 254
2010: + 18 = 272

...Em cinco anos, o número de filiais quase dobrou...
-------------------------------------------------------------------------------
Do DFP 2011:
"Em 2011, as vendas realizadas pelo canal atacadista tiveram um crescimento satisfatório. O mercado de distribuição farmacêutica manteve os níveis de competitividade de 2010. A empresa conseguiu, principalmente maior participação de perfumarias e genéricos no mix de venda... Melhoramos também o desempenho nas vendas efetuadas através de canais eletrônicos, que passaram a representar 75% do total. A gestão do prazo médio de vendas contribuiu positivamente para a geração de caixa da Companhia neste exercício."

75% não seria muito?

"O segmento de perfumaria merece destaque, apresentando um crescimento de venda
ordem de 20%, passando a representar 28% do total da Receita Líquida da Dimed."

A receita como um todo crescera 13%, "apenas". O resto é de medicamentos - que puxam a margem pra baixo.

Em 2011 foram 284 lojas...foram inauguradas 16 novas lojas e "A Receita Líquida de Vendas das lojas inauguradas em 2011 representou 1% da venda total da Panvel." Então, cada loja contribui com 1.345.632.000 x 1% / 16 =

R$ 841.000 /loja

Aaaaa se as 284 lojas tivessem esse msm desempenho.

Estou contigo prof. Varejo é promissor.
 
ch3481 - 31/01/2013 18:29
Aguardando tb ansiosamente o releaese da PNVL3...

GF com regularidd se fazendo presente nas compras...

tem tb a recompra (se eh que está acontecendo...rs)
 
apolo20 - 29/01/2013 17:25
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.



Atenção:



Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13


Participem !!!!!



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha
17-calote
18-Pro fit
19-Assayd




BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers
10-AnaliseFunddd
11-Andpensador




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires
6-AnaliseFunddd




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS
6-Radukan




ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva
5-ale1972sp




BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset




CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat



CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal




CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner


CPLE6
1-POBRE


DAYC4
1-Analisefunddd


FESA4
1-Andino


HGTX3
1-Radukan


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a
 
claubi - 26/01/2013 12:43
citação: apolo20Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Ativo para carteira valor indicada pelo Small Caps é MTSA4

Small gentileza confirmar.

Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13

Participem seus caras pálidas!!!!!


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha

BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath


CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel


DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly


VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat

CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS


ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PFRM3
1-RRunner
2-frenzal

PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof


CCR03
1-antonio a

CEMIG4
1-RRunner

CPLE6
1-POBRE

FESA4
1-Andino

IGTA3
1-pppadv

ITUB4
1-Renato1631

JSLG3
1-Topore

MTSA4
1-SMALL CAPS

MLFT4
1-pppadv

POSI3
1-IKKI De Phoenix

PRVI3
1-conservador22

SAPR4
1-rodrigose

SOND5
1-Peroquini

TIBR5
1-Andino

VIVT3
1-antonio a


Meu voto vai para ELPL4 .Nunca vi tantos carros e caminhões nas ruas de São Paulo. Algum resultado bom deve trazer.E são todos novos.
Abs.
 
claubi - 26/01/2013 12:38
citação: apolo20Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Ativo para carteira valor indicada pelo Small Caps é MTSA4

Small gentileza confirmar.

Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13

Participem seus caras pálidas!!!!!


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha

BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath


CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel


DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly


VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat

CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS


ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PFRM3
1-RRunner
2-frenzal

PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof


CCR03
1-antonio a

CEMIG4
1-RRunner

CPLE6
1-POBRE

FESA4
1-Andino

IGTA3
1-pppadv

ITUB4
1-Renato1631

JSLG3
1-Topore

MTSA4
1-SMALL CAPS

MLFT4
1-pppadv

POSI3
1-IKKI De Phoenix

PRVI3
1-conservador22

SAPR4
1-rodrigose

SOND5
1-Peroquini

TIBR5
1-Andino

VIVT3
1-antonio a

 
apolo20 - 24/01/2013 16:43
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.



Atenção:

Ativo para carteira valor indicada pelo Small Caps é MTSA4

Small gentileza confirmar.


Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13


Participem seus caras pálidas!!!!!



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience
16-Suzisinha


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS



ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires
4-vlamirmsilva



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset




CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI
3-2Rath



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal




CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner


CPLE6
1-POBRE


FESA4
1-Andino


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MTSA4
1-SMALL CAPS


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a

 
acarlos321 - 23/01/2013 14:01
Profarma
Dá uma olhada no comparativo desta empresa em forte expansão que está entrando no setor de varejo com suas respectivas concorrentes:

Profarma - PFRM3 - P/VP = 0,93 - P/L = 12,72

Drogaria Raia - RADL3 - P/VP = 3,40 - P/L = 69,25

Brazil Pharma - BPHA3 - P/VP = 2,36 - P/L = 240,95

Panvel - PNVL4 - P/VP = 3,90 - P/L = 19,93

Está ou não está barata????
Up-side gigantesco.
Vejo vcs nos 20 reais logo logo...
 
Xito - 23/01/2013 12:05
Pessoal, alguém tem alguma opinião sobre uma entrada em PFRM3 agora? Considero que está barata e pode haver nova pernada de alta, mas gostaria de saber a opinião dos senhores antes de tomar minha decisão...

Abs!

citação: Xito
citação: paulo_prof
citação: uqaz
citação: polycrav
citação: frenzalUqaz... acho que vc descobriu a area de medicamentos como seu setor!!!

Profarma com volume de 9m até agora!!!!



hehehe

Eu me divirto!

kkk, e eu lá vou saber que iria bombar desse jeito?!Fiz um preço médio de 13,41/PFRM3 já com custos de venda. Essa bombação estragou minha compra.

PEnsem bem. PFRM3 está cotada a 0,16 de sua receita líquida atual, menos de um trimestre de receita líquida. PNVL3 estah cotada a 0,87. Ok, PNVL parece inchada pq todo mundo quer um pouquinho...digamos que o normal seja 0,5.

Com essa compra da profarma, esses 0,16 (que agora devem ser 0,18 com essa bombação toda) vão diminuir. Além disso, coloco um teto de venda em 0,5.

Dá pra perceber que a cotação tem tudo pra triplicar de preço?

Prof, é só superpor os números das duas empresas?


Acho que não dá para estimar nada !!!!

O único dado efetivo que foi fornecido é que no exercício de 2011 a Receita Líquida da rede de farmácias que foi adquirida foi de R$ 333 milhões.

E daí? A Receita está crescendo ou encolhendo? Qual é a estrutura de capital? Quais são as margens?

A margem líquida da PNVL nos 9M12 foi de 3,2%; a da RADL foi 2,6%; a da BPHA foi de 0,8%.

O crescimento da receita líquida dos 9M12 sobre os 9M11, da PNVL, foi de 13,6%; o da RADL foi 19,7%; o da BPHA foi de 271%

Suponha que a Receita Líquida da Rede adquirida tenha crescido 15% e suponha uma margem líquida de 2%. Nestes termos, o lucro anual da empresa adquirida seria de aprox. R$ 7,5 milhões, da ordem de 1/6 do que a Profarma lucra hoje.

Na minha opinião, o que geral valor na Profarma não é o adicional de lucro. Sou capaz de apostar que daqui há 10 anos, o negócio varejo da Profarma será muito maior (em termos de lucro) do que o negócio distribuição.

Vc que é acionista da PNVL deveria saber qual é a proporção entre os números do varejo e distribuição da empresa? Lembre que a PNVL iniciou como uma distribuidora de medicamentos!



uqaz, parabéns por acertar o da mosca lindamente.

Senhores, estou tentando avaliar se PFRM3 ainda tem upside para justificar início de posição.

Por um lado, parece que sim, pois considerando um múltiplo de receita de 1,5 (similar à radl e bpha) teríamos um valor de mercado de R$ 500 milhões p/ nova unidade de negócios da Profarma. Considerando um múltiplo de 0,5 (CVS, Wallgreens - farmas de mercado maduro) teríamos um valor de R$ 250 mi. O valor de mercado atual é de 500 e poucos mi, indicando que a unidade principal estaria muito subavaliada, mesmo descontando os 87 milhões.

Por outro lado, o grupo mexicano Casa Saba pagou R$ 185 milhões pela mesma rede em 2008. Eram 90 lojas à época, que faturavam R$ 270 milhões. Assim, vemos que houve diminuição do número de lojas - alerta para as perspectivas de crescimento. O faturamento cresceu +/- 7% a.a., o que é um pouco abaixo dos números SSS de Raia e BPHA, mas não é horrível.

Dado que Profarma pagou apenas 80 e poucos mi pela aquisição, será que tem um esqueleto no armário ou o Grupo Casa Saba estava apenas querendo sair do brasil/fazer caixa/etc??

O que acham?

abs

 
Xito - 22/01/2013 12:31
citação: paulo_prof
citação: uqaz
citação: polycrav
citação: frenzalUqaz... acho que vc descobriu a area de medicamentos como seu setor!!!

Profarma com volume de 9m até agora!!!!



hehehe

Eu me divirto!

kkk, e eu lá vou saber que iria bombar desse jeito?!Fiz um preço médio de 13,41/PFRM3 já com custos de venda. Essa bombação estragou minha compra.

PEnsem bem. PFRM3 está cotada a 0,16 de sua receita líquida atual, menos de um trimestre de receita líquida. PNVL3 estah cotada a 0,87. Ok, PNVL parece inchada pq todo mundo quer um pouquinho...digamos que o normal seja 0,5.

Com essa compra da profarma, esses 0,16 (que agora devem ser 0,18 com essa bombação toda) vão diminuir. Além disso, coloco um teto de venda em 0,5.

Dá pra perceber que a cotação tem tudo pra triplicar de preço?

Prof, é só superpor os números das duas empresas?


Acho que não dá para estimar nada !!!!

O único dado efetivo que foi fornecido é que no exercício de 2011 a Receita Líquida da rede de farmácias que foi adquirida foi de R$ 333 milhões.

E daí? A Receita está crescendo ou encolhendo? Qual é a estrutura de capital? Quais são as margens?

A margem líquida da PNVL nos 9M12 foi de 3,2%; a da RADL foi 2,6%; a da BPHA foi de 0,8%.

O crescimento da receita líquida dos 9M12 sobre os 9M11, da PNVL, foi de 13,6%; o da RADL foi 19,7%; o da BPHA foi de 271%

Suponha que a Receita Líquida da Rede adquirida tenha crescido 15% e suponha uma margem líquida de 2%. Nestes termos, o lucro anual da empresa adquirida seria de aprox. R$ 7,5 milhões, da ordem de 1/6 do que a Profarma lucra hoje.

Na minha opinião, o que geral valor na Profarma não é o adicional de lucro. Sou capaz de apostar que daqui há 10 anos, o negócio varejo da Profarma será muito maior (em termos de lucro) do que o negócio distribuição.

Vc que é acionista da PNVL deveria saber qual é a proporção entre os números do varejo e distribuição da empresa? Lembre que a PNVL iniciou como uma distribuidora de medicamentos!



uqaz, parabéns por acertar o da mosca lindamente.

Senhores, estou tentando avaliar se PFRM3 ainda tem upside para justificar início de posição.

Por um lado, parece que sim, pois considerando um múltiplo de receita de 1,5 (similar à radl e bpha) teríamos um valor de mercado de R$ 500 milhões p/ nova unidade de negócios da Profarma. Considerando um múltiplo de 0,5 (CVS, Wallgreens - farmas de mercado maduro) teríamos um valor de R$ 250 mi. O valor de mercado atual é de 500 e poucos mi, indicando que a unidade principal estaria muito subavaliada, mesmo descontando os 87 milhões.

Por outro lado, o grupo mexicano Casa Saba pagou R$ 185 milhões pela mesma rede em 2008. Eram 90 lojas à época, que faturavam R$ 270 milhões. Assim, vemos que houve diminuição do número de lojas - alerta para as perspectivas de crescimento. O faturamento cresceu +/- 7% a.a., o que é um pouco abaixo dos números SSS de Raia e BPHA, mas não é horrível.

Dado que Profarma pagou apenas 80 e poucos mi pela aquisição, será que tem um esqueleto no armário ou o Grupo Casa Saba estava apenas querendo sair do brasil/fazer caixa/etc??


O que acham?

abs
 
paulo_prof - 18/01/2013 16:21
citação: uqaz
citação: polycrav
citação: frenzalUqaz... acho que vc descobriu a area de medicamentos como seu setor!!!

Profarma com volume de 9m até agora!!!!



hehehe

Eu me divirto!

kkk, e eu lá vou saber que iria bombar desse jeito?!Fiz um preço médio de 13,41/PFRM3 já com custos de venda. Essa bombação estragou minha compra.

PEnsem bem. PFRM3 está cotada a 0,16 de sua receita líquida atual, menos de um trimestre de receita líquida. PNVL3 estah cotada a 0,87. Ok, PNVL parece inchada pq todo mundo quer um pouquinho...digamos que o normal seja 0,5.

Com essa compra da profarma, esses 0,16 (que agora devem ser 0,18 com essa bombação toda) vão diminuir. Além disso, coloco um teto de venda em 0,5.

Dá pra perceber que a cotação tem tudo pra triplicar de preço?

Prof, é só superpor os números das duas empresas?


Acho que não dá para estimar nada !!!!

O único dado efetivo que foi fornecido é que no exercício de 2011 a Receita Líquida da rede de farmácias que foi adquirida foi de R$ 333 milhões.

E daí? A Receita está crescendo ou encolhendo? Qual é a estrutura de capital? Quais são as margens?

A margem líquida da PNVL nos 9M12 foi de 3,2%; a da RADL foi 2,6%; a da BPHA foi de 0,8%.

O crescimento da receita líquida dos 9M12 sobre os 9M11, da PNVL, foi de 13,6%; o da RADL foi 19,7%; o da BPHA foi de 271%

Suponha que a Receita Líquida da Rede adquirida tenha crescido 15% e suponha uma margem líquida de 2%. Nestes termos, o lucro anual da empresa adquirida seria de aprox. R$ 7,5 milhões, da ordem de 1/6 do que a Profarma lucra hoje.

Na minha opinião, o que geral valor na Profarma não é o adicional de lucro. Sou capaz de apostar que daqui há 10 anos, o negócio varejo da Profarma será muito maior (em termos de lucro) do que o negócio distribuição.

Vc que é acionista da PNVL deveria saber qual é a proporção entre os números do varejo e distribuição da empresa? Lembre que a PNVL iniciou como uma distribuidora de medicamentos!
 
uqaz - 18/01/2013 15:30
citação: polycrav
citação: frenzalUqaz... acho que vc descobriu a area de medicamentos como seu setor!!!

Profarma com volume de 9m até agora!!!!



hehehe

Eu me divirto!

kkk, e eu lá vou saber que iria bombar desse jeito?!Fiz um preço médio de 13,41/PFRM3 já com custos de venda. Essa bombação estragou minha compra.

PEnsem bem. PFRM3 está cotada a 0,16 de sua receita líquida atual, menos de um trimestre de receita líquida. PNVL3 estah cotada a 0,87. Ok, PNVL parece inchada pq todo mundo quer um pouquinho...digamos que o normal seja 0,5.

Com essa compra da profarma, esses 0,16 (que agora devem ser 0,18 com essa bombação toda) vão diminuir. Além disso, coloco um teto de venda em 0,5.

Dá pra perceber que a cotação tem tudo pra triplicar de preço?

Prof, é só superpor os números das duas empresas?
 
apolo20 - 18/01/2013 15:15
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Alguns membros importantes do conselho do Fórum, ainda não indicaram os seus Ativos, estou aguardando.


Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13


Participem seus caras pálidas!!!!!



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience



BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly
8-padrinho
9-spiangers




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI
2-frenzal


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI



CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof



PFRM3
1-RRunner
2-frenzal


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner


CPLE6
1-POBRE


FESA4
1-Andino


IGTA3
1-pppadv


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MLFT4
1-pppadv


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a
 
RRunner - 17/01/2013 11:48
citação: pobre
citação: uqaz
citação: Ikki de Phoenix
citação: uqazNão é possível cair muito mais e valer 0,91 do ativo circulante líquido.

P/L = 10

Setor de consumo.

Isso é loucura demais pra eu deixar passar. Primeiro PFRM3, depois TRIS3.

E tenho dito!



O problema do setor são as margens.. Qualquer espirro, a casa cai.

As margens são naturalmente baixas. PNVL3, que tema melhor margem do setor, é de 3,02%.

A da PFRM3 é de 1,20%. Mas o resultadfo financeiro melhora a cada dia.

Demanda inelástica rs.



mas uqaz o ponto de interrogação que está no ar:
o que está acontecendo nos bastidores que nós mortais não sabemos e que está penalizando sensivelmente as ações profarma? Está despencando...



Pobre, é um movimento normal. Fez um "M" no diário e rompeu pra baixo.

Pela AT, vai cair mais, bem mais e eu vou comprar mais, bem mais .. rsrs

Além disso, alguns dizem que ela é igual a BPHA3, mas não é. A Profarma é distribuidora de medicamentos e tem as margens bem pequenas.

Isso deve melhorar com o passar dos anos, é só ter paciência :)
 
apolo20 - 17/01/2013 10:33
Srs.

Atualização semanal.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Alguns membros importantes do conselho do Fórum, ainda não indicaram os seus Ativos, estou aguardando,cadê o SAMU, padrinho e mais alguns????


Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13


Participem seus caras pálidas!!!!!



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4
15-ManoScience



BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI



CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



EZTC3
1-ManoScience
2-tittonel



ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI


CEMIG4
1-RRunner


CPLE6
1-POBRE


FESA4
1-Andino


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MLFT4
1-pppadv


PFRM3
1-RRunner


POSI3
1-IKKI De Phoenix


PRVI3
1-conservador22


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a


 
pobre - 17/01/2013 09:59
citação: uqaz
citação: Ikki de Phoenix
citação: uqazNão é possível cair muito mais e valer 0,91 do ativo circulante líquido.

P/L = 10

Setor de consumo.

Isso é loucura demais pra eu deixar passar. Primeiro PFRM3, depois TRIS3.

E tenho dito!



O problema do setor são as margens.. Qualquer espirro, a casa cai.

As margens são naturalmente baixas. PNVL3, que tema melhor margem do setor, é de 3,02%.

A da PFRM3 é de 1,20%. Mas o resultadfo financeiro melhora a cada dia.

Demanda inelástica rs.



mas uqaz o ponto de interrogação que está no ar:
o que está acontecendo nos bastidores que nós mortais não sabemos e que está penalizando sensivelmente as ações profarma? Está despencando...
 
uqaz - 17/01/2013 09:55
citação: Ikki de Phoenix
citação: uqazNão é possível cair muito mais e valer 0,91 do ativo circulante líquido.

P/L = 10

Setor de consumo.

Isso é loucura demais pra eu deixar passar. Primeiro PFRM3, depois TRIS3.

E tenho dito!



O problema do setor são as margens.. Qualquer espirro, a casa cai.

As margens são naturalmente baixas. PNVL3, que tema melhor margem do setor, é de 3,02%.

A da PFRM3 é de 1,20%. Mas o resultadfo financeiro melhora a cada dia.

Demanda inelástica rs.
 
uqaz - 14/01/2013 18:29
citação: ch3481Uqaz e demais que possuam

Se a recompra das PNVL3 está sendo feita eu não sei, mas...

que o movimento tem estado masior desde então, isso tem

Movimento maior, leia-se mais de um negócio por dia...rs.rs.

Mas a subida tah mais devagar do que outrora...

Achei que chegaria nos 300,00 ateh fim de 2012. Mas chega nisso ateh o fim do mês, sem pressa.
 
ch3481 - 14/01/2013 16:34
Uqaz e demais que possuam

Se a recompra das PNVL3 está sendo feita eu não sei, mas...

que o movimento tem estado masior desde então, isso tem

Movimento maior, leia-se mais de um negócio por dia...rs.rs.
 
apolo20 - 10/01/2013 17:37
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Aos que aguardavam com ansiedade,os ativos indicados pelo Prof.Paulo são:

DIRR3
UNIP6


Aos que aguardavam ansiosos, a indicação do SMALL CAPS para Turn é a TRISUL-TRIS3



Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA ATIVA
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631
14-vellinhotrt4



BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza
7-Poly




LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires




TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA ATIVA
5-ALPACIUS


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset



CSNA3
1-lorde
2-los gomes
3-tittonel



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof
3-Poly



VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI


CRUZ3
1-Barbado
2-ALPACIUS



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI



EZTC3
1-tittonel


FESA4
1-Andino


ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore


MLFT4
1-pppadv


PFRM3
1-RRunner


POSI3
1-IKKI De Phoenix


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a


Atualização visando principalmente a correção do nome do ilustre forista Wilson que é da ATIVA...hahaha.

apolo
abs
 
tittonel - 09/01/2013 18:33
Apolão dá pra incluir o meu....

eztc3
Csna3

vlw


citação: apolo20Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.

Atenção:

Aos que aguardavam com ansiedade,os ativos indicados pelo Prof.Paulo são:

DIRR3
UNIP6

Aos que aguardavam ansiosos, a indicação do SMALL CAPS para Turn é a TRISUL-TRIS3


Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA PASSIVA.....!!!rs....
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza

LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA PASSIVA

ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires

BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset

VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat

CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI

CSNA3
1-lorde
2-los gomes

DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof

ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino

ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof

PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof


CCR03
1-antonio a

CEMIG4
1-RRunner

CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI

CRUZ3
1-Barbado


FESA4
1-Andino

ITUB4
1-Renato1631


JSLG3
1-Topore

MLFT4
1-pppadv

PFRM3
1-RRunner

POSI3
1-IKKI De Phoenix

SAPR4
1-rodrigose

SOND5
1-Peroquini

TIBR5
1-Andino

VIVT3
1-antonio a

 
apolo20 - 09/01/2013 17:26
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Aos que aguardavam com ansiedade,os ativos indicados pelo Prof.Paulo são:

DIRR3
UNIP6


Aos que aguardavam ansiosos, a indicação do SMALL CAPS para Turn é a TRISUL-TRIS3



Lembrem-se que o encerramento das indicações é dia 31/01/13



CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão
7-darlanesg
8-pedrosouza
9-no prat
10-WILSON DA PASSIVA.....!!!rs....
11-alisonvm
12-rodrigoset
13-Renato1631



BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8
5-egfrreitas
6-pedrosouza


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83
4-ronanb
5-nelsonpires



TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão
4-WILSON DA PASSIVA


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm
3-nelsonpires


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini
3-rodrigoset


VLID3
1-CH3481
2-Lorde
3-no prat


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI


CSNA3
1-lorde
2-los gomes


DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof


ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



CCR03
1-antonio a


CEMIG4
1-RRunner


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI


CRUZ3
1-Barbado



FESA4
1-Andino


ITUB4
1-Renato1631



JSLG3
1-Topore


MLFT4
1-pppadv


PFRM3
1-RRunner


POSI3
1-IKKI De Phoenix


SAPR4
1-rodrigose


SOND5
1-Peroquini


TIBR5
1-Andino


VIVT3
1-antonio a
 
apolo20 - 05/01/2013 22:05
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Aos que aguardavam com ansiedade,os ativos indicados pelo Prof.Paulo são:

DIRR3
UNIP6


Aos que aguardavam ansiosos, a indicação do SMALL CAPS para Turn é a TRISUL-TRIS3

Participem!!!!


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83


CSNA3
1-lorde
2-los gomes


VLID3
1-CH3481
2-Lorde


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



MLFT4
1-pppadv



SOND5
1-Peroquini


PFRM3
1-RRunner


CEMIG4
1-RRunner


VIVT3
1-antonio a


CCR03
1-antonio a


CRUZ3
1-Barbado



JSLG3
1-Topore


POSI3
1-IKKI De Phoenix


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI


FESA4
1-Andino


TIBR5
1-Andino







CARTEIRA TURNAROUND SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


BEMA3
1-harisonoliveira
2-K78
3-danieljoseaa
4-bernardon
5-RRunner



UNIP6
1-Rnelias
2-BANZAI 10
3-Paulo prof.
4-IKKI De Phoenix
5-Fridão



PTBL3
1-gabg
2-bommauricio
3-kknove
4-Jorge tomaz



IGRB3
1-apolo20
2-Robertoha


OGXP3
1-AGO8
2-artur83



SNSY5
1-ZOTTI


ENBR3
1-CH3481


MGLU3
1-slf17


PTPA4
1-edbmsev


VINE5
1-RRunner


EALT4
1-Barbado


ELET6
1-marcelio2


SHOW3
1-AGO8


BDLL4
1-GEORGE CAVALCANTI


TRIS3
1-SMALL CAPS
 
apolo20 - 05/01/2013 21:56
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.


Atenção:

Aos que aguardavam com ansiedade,os ativos indicados pelo Prof.Paulo são:

DIRR3
UNIP6


Participem!!!!


CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove
5-Topore
6-Fridão


BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20
4-AGO8


TPIS3
1-danieljoseaa
2-Leamm
3-Fridão


LLXL3
1-Peroquini
2-marcelio2
3-artur83


CSNA3
1-lorde
2-los gomes


VLID3
1-CH3481
2-Lorde


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini


ALLL3
1-Apolo20
2-Leamm


ITUB4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do prof


PNVL4
1-edbmsev
2-Aprendiz quebrado do Prof



DIRR3
1-Paulo Prof
2-Aprendiz quebrado do Prof



ETER3
1-BANZAI 10
2-Andino



MLFT4
1-pppadv



SOND5
1-Peroquini


PFRM3
1-RRunner


CEMIG4
1-RRunner


VIVT3
1-antonio a


CCR03
1-antonio a


CRUZ3
1-Barbado



JSLG3
1-Topore


POSI3
1-IKKI De Phoenix


CGRA4
1-GEORGE CAVALCANTI


FESA4
1-Andino


TIBR5
1-Andino







CARTEIRA TURNAROUND SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


BEMA3
1-harisonoliveira
2-K78
3-danieljoseaa
4-bernardon
5-RRunner



UNIP6
1-Rnelias
2-BANZAI 10
3-Paulo prof.
4-IKKI De Phoenix
5-Fridão



PTBL3
1-gabg
2-bommauricio
3-kknove
4-Jorge tomaz



IGRB3
1-apolo20
2-Robertoha


OGXP3
1-AGO8
2-artur83



SNSY5
1-ZOTTI


ENBR3
1-CH3481


MGLU3
1-slf17


PTPA4
1-edbmsev


VINE5
1-RRunner


EALT4
1-Barbado


ELET6
1-marcelio2


SHOW3
1-AGO8


BDLL4
1-GEORGE CAVALCANTI
 
aprendiz quebrado do professor - 04/01/2013 19:23
Apostas do aprendiz quebrado

Valor

DIRR3,ITUB4,PNVL4
 
aprendiz quebrado do professor - 04/01/2013 19:05
Avisa atrasado da Madrinha

Compra
CRUZ3- 30,42
PNVL4- 139,00
PINE4- 13,15



 
fiberman - 04/01/2013 18:26
Amigos,
uma curiosidade minha: sob que aspectos voces classificam BEMA ou PTBL como turnarounds?? Sao empresas em crescimento, pouca divida (BEMA) ou divida equilibrada e diminuindo (PTBL), com evolucao clara dos fundamentos que se traduz na valorizacao das cotacoes.

Como podem ser turnarounds? A nao ser que voces operem vendidos e queiram ver os papeluchos embicarem pra baixo ? ;-)

Fica dificil de contribuir na enquete se as definicoes forem diferentes.

citação: apolo20Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove

BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20


CSNA3
1-lorde
2-los gomes

VLID3
1-CH3481
2-Lorde

CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI


BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini


TPIS3
1-danieljoseaa

ALLL3
1-Apolo20


MLFT4
1-pppadv


SOND5
1-Peroquini

LLXI3
1-Peroquini

ETER3
1-BAZAI 10

ITUB4
1-edbmsev

PNVL4
1-edbmsev

PFRM3
1-RRunner

CEMIG4
1-RRunner


CARTEIRA TURNAROUND SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

BEMA3
1-harisonoliveira
2-K78
3-danieljoseaa
4-bernardon
5-RRunner


PTBL3
1-gabg
2-bommauricio
3-kknove
4-Jorge tomaz


UNIP6
1-Rnelias
2-BANZAI 10

IGRB3
1-apolo20
2-Robertoha

SNSY5
1-ZOTTI

ENBR3
1-CH3481

MGLU3
1-slf17

PTPA4
1-edbmsev

VINE5
1-RRunner

 
apolo20 - 04/01/2013 18:01
Srs.

Enquete para composição da Carteira do Fórum Small Caps 2013.

CARTEIRA VALOR SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO

GRND3
1-gabg
2-harisonoliveira
3-bommauricio
4-kknove

BBAS3
1-ghfranco
2-los gomes
3-GARUDA20



CSNA3
1-lorde
2-los gomes


VLID3
1-CH3481
2-Lorde


CPLE3
1-edbmsev
2-ZOTTI



BAUH4
1-BANZAI 10
2-Peroquini



TPIS3
1-danieljoseaa


ALLL3
1-Apolo20



MLFT4
1-pppadv



SOND5
1-Peroquini


LLXI3
1-Peroquini


ETER3
1-BAZAI 10


ITUB4
1-edbmsev


PNVL4
1-edbmsev

PFRM3
1-RRunner

CEMIG4
1-RRunner




CARTEIRA TURNAROUND SMALL CAPS-2013

ATIVO
INDICAÇÃO


BEMA3
1-harisonoliveira
2-K78
3-danieljoseaa
4-bernardon
5-RRunner



PTBL3
1-gabg
2-bommauricio
3-kknove
4-Jorge tomaz




UNIP6
1-Rnelias
2-BANZAI 10


IGRB3
1-apolo20
2-Robertoha

SNSY5
1-ZOTTI


ENBR3
1-CH3481


MGLU3
1-slf17


PTPA4
1-edbmsev

VINE5
1-RRunner
 
edbmsev - 04/01/2013 08:28

Para a enquete do apolo:

turnaround - ptpa4
valor - cple3, itub4 e pnvl4

PTPA4 é a holding Petropar, que atua, por meio de suas subsidiárias, no ramo de não-tecidos, latas de alumínio e tampas plásticas. Recentemente, a empresa ampliou sua alavancagem financeira para comprar ativos de não-tecidos no exterior. Tal alavancagem foi reduzida significativamente após ter fechado acordo judicial com o Itaú BBA, no valor de 330 milhões de reais. A evolução do preço da ação dependerá de sua maior ou menor capacidade em integrar os ativos adquiridos, o que sempre é um risco relevante. É uma empresa de crescimento e não se deve esperar receber fartos dividendos no curto prazo. O free float é baixíssimo e a empresa é controlada pela família Ling.

http://www.valor.com.br/empresas/2825556/petropar-fecha-acordo-judicial-para-receber-r-330-milhoes-do-itau-bba
 
ch3481 - 31/12/2012 12:51
Vai aih aprendiz...% passo depois...tah outra maquina o arquivo

Alpa3
Ambv3
Bbas3
Bema
Bgip4
Bmto4
Brin
Card
Cgra
Cgas
Coce
Cple
Csna
Cruz
Ctsa
Ektr4
Enbr
Enma3b
Eztc
Geti
Grnd
Hbor
Jhsf
Mdia
Pine
Pnvl
Pomo
Prbc
Ptbl
Sgas
Trpl
Vale5
Vivt
VLID3(essa vai em maiusculo...rs)
Whrl

Todas ON...

Fora vale 5...soh fico comprado em ON...paciencia questao liquidez....fora cgra e bgip que tem TA para PN tb

Mas de cabeça.....maior posição em um ativo eh VLID3,

por setor maior concentração eh bancos

E depois eletricas.......as eletricas andei aumentando bem apos a mp 579....

Abssss





 
uqaz - 30/12/2012 19:12
citação: paulo_prof
citação: uqaz
Necessariamente, uma rentabilidade virtual alta em 2012 não significa um fluxo de caixa bom de fato. Mas indiretamente, uma rentabilidade virtual alta significa uma semente positiva para 2013, apenas. E é nisso que eu estou apostando, uma vez que os aportes em 2013 serão bem menores (estimo).


Será mesmo, uqaz, que a rentabilidade virtual constitui uma semente positiva para o futuro?

Na minha opinião, na fase de crescimento de uma carteira de investimentos, o risco deve ser maior do que na fase da "perpetuidade". Mas o risco deve ser "dirigido" para gerar fluxo de caixa. É o fluxo de caixa aportado de volta à carteira que efetivamente a faz crescer ... a tal bola de neve.

O objetivo relativo ao ativo com o qual vc decidiu "casar" (em princípio por toda a eternidade) deve ser o de aumentar o número de ações. Para este objetivo, quanto menor o valor da ação, melhor!!!

Ações em carteira cujos preços "explodem" são ótimas para ... "a realização de lucro", objetivando gerar caixa para aplicações em ativos promissores mais baratos ...



Vamos dar o nome aos bois então, estou casado (enquanto durar o "amor") com:
GRND3
HBOR3
VIVT4
PINE4
BGIP4
PNVL3 (estou quase me separando rs)
VLID3
EZTC3
GETI3
PTBL3
TPIS3
CGRA4
TAEE11
STBP11
DIRR3
EALT4
BAUH4
CRIV4
SLED4
BBAS3

Tenho um casinho com:

JHSF3
DAYC4
CARD3
OIBR4
WHRL3/BMTO4
FJTA4
BAZA3
UNIP6
CPLE3


por achá-las demasiado injusto o o preço.

Mas faço uma observação. Difícil achar uma empresa, como BGIP4, que fique atraente por anos a fio. Então, um casamento eterno, na minha condição inicial de acumulação é bem difícil.

Lembro de o small lamentando-se da venda de suas POMO3. É dessas que vc se refere como casamento.

Aposto que estou casado em empresas com DY% bem menor que as suas!
 
uqaz - 29/12/2012 16:02
citação: 17andre
citação: uqazVamos à prestação de contas de 2012:

IBOV +7,40%
CDI +7,13%
UQAZ +37,15% (pelo método de cotas)
UQAZ'+41,87% (Valor final de 2012 - aportes em 2012)/(Valor inicial de 2012)

Em termos de comparação apenas de 2012, consideraria UQAZ'. Agora compondo um prazo de 10 anos, usaria 37,15%.

No dia 3/1/13, uma quinta-feira, teremos o rendimento de diversos fundos em 2012 (as cotas ainda estão datadas do dia 26/12,hoje):http://www.comparacaodefundos.com/apps/#/rankings/rentabilidade/1ano/acoes/tabela/1/96

Aí é só tirar 20% e ver onde ficamos nesse ranking.

Para 2013 tenho dois objetivos: (i)dobrar a cota, que está em 1,84 para 2,00 até o meio do ano (o que daria menos de 3,5 anos!) e (ii) conseguir no ano 30-33% (atingiria um número mágico em R$ rs).

Obs: Daniel, seu histórico é invejável. Esse ano, claramente, vc aprendeu o q a falta de diversificação faz com a carteira - se é q se pode falar disso qdo se ganha 30% rs. Não fosse a lapada em BNBR4, seu rendimento estaria melhor. Considere isso um pedágio de sabedoria.

Essa lapada que vc tomou, tbm apanhei em 2011, só q bem pior rs.



Uqaz,

Excelente os vídeos disponibilizados por você!!

É possível divulgar a sua carteira de ações com a indicação de quais papéis devem permanecer na carteira em 2013?

Abraços

André

André, não tem segredo. É só acompanhar as empresas que discutimos aqui exaustivamente a cada divulgação trimestral de resultados. O ajuste fino, a arte, está em saber dosar mais ou menos aquela ou esta ação. Mas isso é pessoal de cada pessoa.

Eu, por exemplo, morro de medo de P/L altos. Mas como vc poderá ver, as maiores posições da minha carteira são aquelas com P/Ls altos rs. Um P/L alto justifica ma Administração nota dez ou DY bacana ou um crescimento bom dos lucros.

Daí, tento mesclar essas empresas com outras desprezadas pelo mercado, sempre tentando pulverizar ao máximo por empresa, e respeitando % entre setores (são 5 setores cada um com 20%). Aprendi essa com o small, e é uma das principais lições que aprendi de 2011 para 2012 - na prática.

Minha carteira atual é:

GRND3 6,66%
HBOR3 5,73%
JHSF3 5,29%
VIVT4 5,17%
PINE4 5,12%
BGIP4 5,08%
PNVL3 4,92%
VLID3 4,80%
DAYC4 4,64%
EZTC3 4,51%
CARD3 4,20%
OIBR4 3,65%
GETI3 3,32%
WHRL3 3,17%
PTBL3 3,14%
BMTO4 2,70%
TPIS3 2,63%
CGRA4 2,53%
TAEE11 2,30%
FJTA4 2,24%
STBP11 2,05%
DIRR3 1,99%
EALT4 1,96%
BAZA3 1,95%
BAUH4 1,91%
CRIV4 1,86%
SLED4 1,82%
BBAS3 1,80%
UNIP6 1,54%
CPLE3 1,33%

Indicação específica, não tenho pra ti rs. Tudo depende de resultados trimestrais. Mas pode-se dizer que o setor de consumo já está bem precificado. Acho que a chance do momento é o setor bancário, mas este deu uma disparada meio esquisita nestas últimas semanas. Um setor que está verde ainda é o elétrico. Deve sofrer até a metade do ano que vem...aí veremos os resultados trimestrais já com a canetada da Dilma, descobrimos se é ou não ruim para a empresa e papamos - ou n!

E lembre-se, este ano a poupança deve render uns 5,5%aa. Espera-se - eu, pelo menos espero há muito - uma migração de pessoas físicas para a Bolsa.

É só acompanhar o fórum e as oportunidades que aparecem, como BGIP4, por exemplo. Como vc pode ver já estou lotado...Abaixo de 50,00/BGIP4 está muito, muito barato.
 
renato1631 - 28/12/2012 18:24
E PNVL......subindo , subindo.....
 
grizzo - 28/12/2012 16:30
GRND3, incansável...rsrsrsrs
Nova HGTX3?
Nova AMBV4?
Nova PNVL3?
 
edbmsev - 28/12/2012 08:57
citação: uqaz
citação: ch3481
citação: edbmsevAinda em relação a Panvel (Dimed) tenho a relatar que recentemente fiz uma compra pelo site da empresa e o atendimento foi ótimo. Entregaram a mercadoria em SP, dentro do prazo, e por preço inferior ao das drogarias locais. O atendimento do call center da empresa também é bom.

Não pretendo vender as ações da Dimed tão cedo.



Somos 2 entao

Soh q BH em açao sem TA prefiro nao fazer

Realmente melhorando a margem situacao vai ficar ainda melhor

E tem tb o programa de recompra..

Discordo dos 2. A empresa está muito cara. Vai crescer pacas, mas o preço já embute esse crescimento.

Mas ou menos como ambev.

Uma rateada em um resultado(s) trimestrais fará o papel desabar 30%, pela liquidez.

Ainda estou com minhas PNVL3, mas morrendo de medo rs.



Concordo que, por se tratar de papel de baixíssima liquidez, há a possibilidade de quedas abruptas na cotação.

Em relação aos fundamentos de longo prazo, sobretudo dos papéis preferenciais, me parece a melhor alternativa para se posicionar no setor farmacêutico, dado os múltiplos favoráveis em relação às demais empresas do setor, liderança regional e ótima gestão. Mas, de fato, é um setor de crescimento com múltiplos mais agressivos.

Todavia, suspeito que boa parte da alta recente esteja vinculada ao programa de recompra de ações.

O fato de a Investidor Profissional, asset ativista, deter posição relevante no papel dá certo conforto ao minoritário no tocante à questões de governança.

 
uqaz - 28/12/2012 08:51
citação: ch3481
citação: edbmsevAinda em relação a Panvel (Dimed) tenho a relatar que recentemente fiz uma compra pelo site da empresa e o atendimento foi ótimo. Entregaram a mercadoria em SP, dentro do prazo, e por preço inferior ao das drogarias locais. O atendimento do call center da empresa também é bom.

Não pretendo vender as ações da Dimed tão cedo.



Somos 2 entao

Soh q BH em açao sem TA prefiro nao fazer

Realmente melhorando a margem situacao vai ficar ainda melhor

E tem tb o programa de recompra..

Discordo dos 2. A empresa está muito cara. Vai crescer pacas, mas o preço já embute esse crescimento.

Mas ou menos como ambev.

Uma rateada em um resultado(s) trimestrais fará o papel desabar 30%, pela liquidez.

Ainda estou com minhas PNVL3, mas morrendo de medo rs.
 
uqaz - 21/12/2012 19:17
PNVL3 a 270,00...valorização monstruosa nos últimos meses.

Programa de recompra de ações ateh 14/05/2013. Aparece uma OV no book dando sopa e eles vão lá e créu rs.

Pretendo reduzir VLID3, DAYC4, PNVL3 nos próximos meses. PNVL3 com seu P/L de 27 vaii ficando pra depois, depois...
 
ch3481 - 20/12/2012 18:40
citação: fridaoCARD3...jurinhos R$ 0,167942312 por ação...uauuuuuuuuuuuu!!!!



E mais PNVL3 e CTSA3 hj

VQV!!!!
 
no prat - 19/12/2012 13:44
Que fase linda:

Dupla GRND3/VLID3 é só alegria

PTBL3 sempre andando
SAPR4 pagando dividendos
HTMX11b retomando trajetória de alta exponencial
PNVL3 sem palavras

Não precisa mais que isso


citação: small capsAqui torcendo para que isto inspire a CPLE.. que faz parte do grupo de controle da Sanepar:

19/12/2012 09:28 SANEPAR (SAPR) - DISTRIBUICAO DE JCP

(19/12) SANEPAR (SAPR) - Distribuicao de Juros sobre o Capital Proprio

Enviou o seguinte aviso aos acionistas:

"A Companhia de Saneamento do Parana - Sanepar comunica aos Senhores Acionistas
que o Conselho de Administracao na 13 /2012 Reuniao Extraordinaria, realizada no
dia 18 de dezembro de 2012, deliberou pela atribuicao de credito contabil, em 31
de dezembro de 2012, no montante bruto de R$ 58.361.393,60 (cinquenta e oito
milhoes, trezentos e sessenta e um mil, trezentos e noventa e tres reais e
sessenta centavos), referente a "Juros sobre o Capital Proprio". Esse montante e
em substituicao aos dividendos obrigatorios, conforme previsao estatutaria e com
base nos resultados alcancados pela Companhia no periodo de julho a dezembro de
2012, correspondendo a R$ 0,136835814757 por acao ordinaria e R$ 0,150519396232
por acao preferencial do Capital Social da Sanepar, de acordo com a posicao
acionaria de 28 de dezembro de 2012, resultando para as acoes preferenciais em
um rendimento 10% (dez por cento) superior em relacao as acoes ordinarias.

A Companhia informa que o valor atribuido e o limite maximo permitido para fins
de dedutibilidade tributaria, conforme a legislacao que rege a remuneracao do
capital proprio e complementa o montante creditado contabilmente no primeiro
semestre de 2012 com o mesmo titulo. Os Juros sobre o Capital Proprio estao
sujeitos a incidencia de 15% (quinze por cento) de Imposto de Renda na Fonte,
exceto para os acionistas que declararem ser imunes ou isentos.

A disponibilizacao financeira dos respectivos valores dos Juros sobre o Capital
Proprio para os acionistas ocorrera em data a ser definida em Assembleia Geral
Ordinaria a ser realizada ate o mes de abril de 2013.

A partir de 02 de janeiro de 2013, as acoes serao negociadas ex-juros sobre o
capital proprio dos resultados do exercicio social de 2012. Curitiba, 18 de
dezembro de 2012."

Norma: a partir de 02/01/2013 acoes escriturais ex-juros

 
frenzal - 18/12/2012 16:55
citação: uqaz
citação: danieljoseaa
citação: uqaz
citação: danieljoseaa
VLID3 é outra que a cotação andou muito mais do que seus resultados, além disso seu DY deverá ficar em torno de 3% esse ano, na atual cotação, ou seja, a margem de segurança está cada vez menor, ela não subirá para sempre, dia 28 também será o dia D para ela, ou finalizo o que restou dela na carteira ou vendo a metade.....P/L de 20, P/VP de quase 5, e DY baixo, já se tornaram múltiplos que não condizem muito com meu perfil.........por mais que seja uma empresa de excelência, por mais que tenha possibilidade de manter seus lucros crescentes, a precificação começa a se tornar perigosa em minha opinião...........posso estar errado e ela chegar a 100 reais, mas aí já será sem qualquer fundamento.

Tenho a mesma impressão que vc, mas creio que não há pra onde correr rs...

No setor, quais seriam as alternativas?

E fora do setor?



Uqaz, opções existem, o que pode acontecer é ter que se "furar" por um momento a alocação setorial, mesmo que em pequena proporção, MAS, caso não se queira fazer isso, em alguns momentos é melhor deixar o dinheiro em algum FII ou na poupança do que se manter comprado em determinada ação apenas por regras setoriais, imagina ter que manter HGTX, LLIS, LREN, AMAR......para mim não servem, para muitos outros são ótimas, mas quando a chance de se perder fica maior que a de ganhar fico extremamente desconfortável, apesar de que, a diversificação extrema, diminui essa cobrança ou expectativa por um determinado ativo, enfim, encerrar posição na VLID3 pode ser no MP um tiro no pé, mas é o que a minha consciência começa a me mostrar, certo ou errado?? não sei, apenas é o que meu método de investimento indica, nunca será uma má venda já que estou nela desde os 24 e pouco, na época ela tinha indicadores altos, nem tanto quanto hoje e sinalizava com um DY de 8% para a cotação da época, o que animou a minha entrada, hoje, contando esses dividendos que papamos, já são quase 100% de lucro, percentual esse que pode ser atingido no dia 28, sei não, mas acho que vão jogar ela lá para os 45 no leilão de fechamento, o DY de 8%, hoje tem tudo para ser na casa de 3%, os indicadores fundamentalistas estão nas alturas, sei não, pode até ser que não venda tudo, MAS, pelo menos metade vai embora no leilão de fechamento do dia 28, isso se não for tudo que restou dela em minha carteira, hoje 4%.

A manutenção dela, principalmente se bater nos 44/45 como espero, não se sustentará mais nos pilares fundamentalistas e sim no da especulação, aí o negócio começa a apertar e ficar sem sustentação, sei não Uqaz, sei não..........qual o upside dela nos 45 reais, com os indicadores atuais e com seu lucro crescendo 10% ? baseado em que ela continuará essa precificação de 10 anos a frente?

É complicado Uqaz, por mais dados que tenhamos, mesmo assim, ficamos na dúvida, HOJE, estou propenso a finalizar VLID.

OBS: só falta no tão esperado dia 28 a bolsa cair 5% e derrubar esse monte de planejamento furado.......hehe.

Felizmente, meu problema é diferente do seu. Como vc bem lembrou, a VLID3 valorizou pacas. Tanto, que virou 7,15% da minha carteira. A meu ver isso é demais. Desta forma, não vou ficar triste em limar metade ou um pouquinho mais.

A empresa é excelente e vc se engana qto ao futuro da mesma. Ocorre que esse crescimento nesse e no próximo trimestre foram/serão ruins. Mas a partir do 1T13 os resultados voltam a bombar. De acordo com a empresa, não tenho bola de cristal rs. Por isso, pretendo manter pelo menos 3% em carteira, empresa muito boa. E é possível que os proventos polpudos voltem (segundo a Administração o pay-out mantido será de 50%)

Até lá esses 45/VLID3 que vc citou serão uma lembrança apenas. Tem tudo pro papel bater nos 35/VLID3 lá pra fevereiro/março. Aí eu volto com tudo!

Mas me espanta essa falta de opção no setor. Vc citou empresas com P/L inchadíssimos e VLID3, CGRA4 e PNVL3, por exemplo, estão indo por esse caminho.

Arrisco a dizer que a única que está em conta, no setor, pelo preço é SLED4. Essa e o nosso azarão favorito, CARD3 rs.

O negócio é não se empolgar muito com esses bancos. Como vc, acho que são as melhores oportunidades de compra, hoje, na Bolsa.




uqaz,
vc acha mesmo o p/l de 10 inchado para CGRA4?
Se comparar com as do setor, e' a mais barata em rela'cao a este multiplo.
A graziottin e' uma empresa que entrei nos 12 e sai nos 18,20.... Vejo esses 16 como oportunidade, tanto que voltei nela.


off
alguem sabe configurar acento no teclado do MAC quando se esta' usando windows 7?
 
uqaz - 17/12/2012 14:42
citação: danieljoseaa
citação: uqaz
citação: danieljoseaa
VLID3 é outra que a cotação andou muito mais do que seus resultados, além disso seu DY deverá ficar em torno de 3% esse ano, na atual cotação, ou seja, a margem de segurança está cada vez menor, ela não subirá para sempre, dia 28 também será o dia D para ela, ou finalizo o que restou dela na carteira ou vendo a metade.....P/L de 20, P/VP de quase 5, e DY baixo, já se tornaram múltiplos que não condizem muito com meu perfil.........por mais que seja uma empresa de excelência, por mais que tenha possibilidade de manter seus lucros crescentes, a precificação começa a se tornar perigosa em minha opinião...........posso estar errado e ela chegar a 100 reais, mas aí já será sem qualquer fundamento.

Tenho a mesma impressão que vc, mas creio que não há pra onde correr rs...

No setor, quais seriam as alternativas?

E fora do setor?



Uqaz, opções existem, o que pode acontecer é ter que se "furar" por um momento a alocação setorial, mesmo que em pequena proporção, MAS, caso não se queira fazer isso, em alguns momentos é melhor deixar o dinheiro em algum FII ou na poupança do que se manter comprado em determinada ação apenas por regras setoriais, imagina ter que manter HGTX, LLIS, LREN, AMAR......para mim não servem, para muitos outros são ótimas, mas quando a chance de se perder fica maior que a de ganhar fico extremamente desconfortável, apesar de que, a diversificação extrema, diminui essa cobrança ou expectativa por um determinado ativo, enfim, encerrar posição na VLID3 pode ser no MP um tiro no pé, mas é o que a minha consciência começa a me mostrar, certo ou errado?? não sei, apenas é o que meu método de investimento indica, nunca será uma má venda já que estou nela desde os 24 e pouco, na época ela tinha indicadores altos, nem tanto quanto hoje e sinalizava com um DY de 8% para a cotação da época, o que animou a minha entrada, hoje, contando esses dividendos que papamos, já são quase 100% de lucro, percentual esse que pode ser atingido no dia 28, sei não, mas acho que vão jogar ela lá para os 45 no leilão de fechamento, o DY de 8%, hoje tem tudo para ser na casa de 3%, os indicadores fundamentalistas estão nas alturas, sei não, pode até ser que não venda tudo, MAS, pelo menos metade vai embora no leilão de fechamento do dia 28, isso se não for tudo que restou dela em minha carteira, hoje 4%.

A manutenção dela, principalmente se bater nos 44/45 como espero, não se sustentará mais nos pilares fundamentalistas e sim no da especulação, aí o negócio começa a apertar e ficar sem sustentação, sei não Uqaz, sei não..........qual o upside dela nos 45 reais, com os indicadores atuais e com seu lucro crescendo 10% ? baseado em que ela continuará essa precificação de 10 anos a frente?

É complicado Uqaz, por mais dados que tenhamos, mesmo assim, ficamos na dúvida, HOJE, estou propenso a finalizar VLID.

OBS: só falta no tão esperado dia 28 a bolsa cair 5% e derrubar esse monte de planejamento furado.......hehe.

Felizmente, meu problema é diferente do seu. Como vc bem lembrou, a VLID3 valorizou pacas. Tanto, que virou 7,15% da minha carteira. A meu ver isso é demais. Desta forma, não vou ficar triste em limar metade ou um pouquinho mais.

A empresa é excelente e vc se engana qto ao futuro da mesma. Ocorre que esse crescimento nesse e no próximo trimestre foram/serão ruins. Mas a partir do 1T13 os resultados voltam a bombar. De acordo com a empresa, não tenho bola de cristal rs. Por isso, pretendo manter pelo menos 3% em carteira, empresa muito boa. E é possível que os proventos polpudos voltem (segundo a Administração o pay-out mantido será de 50%)

Até lá esses 45/VLID3 que vc citou serão uma lembrança apenas. Tem tudo pro papel bater nos 35/VLID3 lá pra fevereiro/março. Aí eu volto com tudo!

Mas me espanta essa falta de opção no setor. Vc citou empresas com P/L inchadíssimos e VLID3, CGRA4 e PNVL3, por exemplo, estão indo por esse caminho.

Arrisco a dizer que a única que está em conta, no setor, pelo preço é SLED4. Essa e o nosso azarão favorito, CARD3 rs.

O negócio é não se empolgar muito com esses bancos. Como vc, acho que são as melhores oportunidades de compra, hoje, na Bolsa.
 
uqaz - 16/12/2012 20:49
citação: ch3481Continuo apostando em inflação...existem varios drivers que podem atiçá-la ainda mais. Temos os fii's (tijolo e papel), VLID, OHLB, Bancos em geral ( eles de novo..rs)

Mas Uqaz...sobre VLID.... Sim ela deu uma derrapada apos results ( mas q jah haviam sido alertados pala administracao). Super normal....movimentaçao de CP...papel jah retornou seus R$40,00.

Nao dah pra medir por resultado de 1 tri somente.

Recente comprei/aumentei CSNA nos 10,30..... Acho que temos espaço para uma, pequena que seja, retomada da China

Enfim....vamos ver esse pacotão pra infra-estrutura e industria que esta no forno

Isso aih

ch, não estou preocupado com comportamentos mundanos em um papel decorrente de um resultado trimestral apenas. Só quis mostrar o pau que o Mercado aprontou com VLID sem um motivo mais sério (?).

Estou preocupado com a precificação de CGRA4, VLID3, PNVL3 dentre outras, pois nos cálculos - coerentes - de precificação do prof a margem de segurança está próxima do 0%! Sinceramente, isto está me incomodando. Além disso, os P/Ls estão na estratosfera. Esses dois fatores, qdo combinados, me mostram que 2013 é provável uma realização no setor de consumo, a não ser que os resultados de 2013 explodam...

Parece que ninguém (?) está se dando conta disso...

CGRA4 já saiu dos seus 18,80 e está em 16,60...outro exemplo de rateada pequena de resultado trimestral que ocasionou quase 15% de queda (e não voltou como valid hehehe). Bateram nela sem motivo, ano que vem as variações dos seus lucros trimestrais serão mais fortes. Sem preocupações - a não ser que haja outra seca como a desse ano!

Mas estou com vc, a inflação vai vir aí. Desta forma, não espero maiores desvalorizações cambiais. Talvez isto indique uma entrada em PETR4 (dívida atrelada a dolar), mas para tal deveria haver subida nos combustíveis, o que nos leva a um paradoxo (inflação).

Sábios são aqueles q sabem a hora de ou permanecer imóveis ou se moverem.

De todos os setores que vc citou, o mais favorável à compra, hoje, é o bancário. FIIs, VLID (consumo), tudo já está inchado demais. Os preços dos bancos ainda estão em patamares de abril (início do furacão. O lucro estagnou e a inadimplência bombou). Um Banese da vida com inadimplência controlada é uma boa. Idem PINE. BBAS3 está barato à beça, mas traz consigo um risco maior que estes dois.

Vamos ver que bicho vai dar, pena que não haja outros com essa minha impressão rs.
 
alisonvm - 13/12/2012 00:26
citação: polycrav
citação: alisonvmAVISA

Na data de hoje a valorização da minha carteira em 2012, finalmente alcança a valorização de 110% (mesma de GRND) em 2012... com boa parte performado nos ultimos 3 meses...

Tenho como objetivo obter a melhor performance do mercado...como se não bastasse, meu próximo objetivo será alcançar PNVL3 EM 135%, se o tempo permitir.

Abrss



Parabens Alison.

Sem dúvida, Um ano excelente.

Lembre-se que o importante é manter uma estratégia de ganhos consistentes ao longo dos anos...

Se possível, Procure replicar sua estratégia vencedora no futuro.

Abs,

Poly



Obrigado Poly

Tudo graças a AT aplicada em boas empresas....
Sem duvidas continuar a performance será um desafio gostoso de praticar...
obtive tbm valorização de 280% nos umtimos 24 meses....pelo visto estou no caminho certo.

Olho na proxima pernada de alta de:

GRND 22,00
JHSF 12,00
BEMA 8,00
CSNA3 18,00
E
POR AI VAI......
 
polycrav - 13/12/2012 00:11
citação: alisonvmAVISA

Na data de hoje a valorização da minha carteira em 2012, finalmente alcança a valorização de 110% (mesma de GRND) em 2012... com boa parte performado nos ultimos 3 meses...

Tenho como objetivo obter a melhor performance do mercado...como se não bastasse, meu próximo objetivo será alcançar PNVL3 EM 135%, se o tempo permitir.

Abrss



Parabens Alison.

Sem dúvida, Um ano excelente.

Lembre-se que o importante é manter uma estratégia de ganhos consistentes ao longo dos anos...

Se possível, Procure replicar sua estratégia vencedora no futuro.

Abs,

Poly




 
alisonvm - 12/12/2012 23:19
AVISA

Na data de hoje a valorização da minha carteira em 2012, finalmente alcança a valorização de 110% (mesma de GRND) em 2012... com boa parte performado nos ultimos 3 meses...

Tenho como objetivo obter a melhor performance do mercado...como se não bastasse, meu próximo objetivo será alcançar PNVL3 EM 135%, se o tempo permitir.

Abrss
 
renato1631 - 11/12/2012 19:17
Algumas bastante comentadas nete espaço!

Desempenho
Migração para carteira de small caps exige cautela
Lucas Bombana (lbombana@brasileconomico.com.br)
11/12/12

Mesmo com forte valorização neste ano, as empresas de menor capitalização, geralmente, têm um giro reduzido, o que pode dificultar a saída de posição do investidor mais à frente.

Das 371 ações negociadas na Bolsa brasileira atualmente, apenas 13 delas têm valorização no acumulado de 2012, até a última sexta-feira (7/12), que supera os 100%.

Nenhum desses papéis fazem parte do Ibovespa, índice composto por 69 ações que respondem por aproximadamente 80% do volume total negociado no mercado doméstico.

Embora se mostre atraente em um primeiro momento, a migração de uma carteira mais segura como o Ibovespa, para uma de perfil mais arriscado como àquela formada por small caps, pode não trazer os resultados esperados, e deve ser feita de maneira cautelosa.

"Não tem porque migrar da primeira linha para a segunda linha. As small caps subiram muito, e quem ficou para trás foram Vale, Petrobras e bancos", diz Mitsuko Kaduoka, diretora de análise de investimento da BI&P - Indusval & Partners Corretora.

No ano, até o dia 7, a ação preferencial da Petrobras (PETR4) cai 9%, a preferencial da Vale (VALE5) recua 8,6%, e a ordinária do Banco do Brasil (BBAS3) sobe 1,8%.

Por outro lado, a preferencial da Biomm (BIOM4) atinge alta de 148,3%, a ordinária da Dimed (PNVL3) avança 127,9%, e a ordinária da Portobello (PTBL3) ganha 123,8%. O Ibovespa no período sobe 3,05%.

"Acho arriscado fazer essa mudança [do Ibovespa para small caps] neste momento. Uma melhora da Bolsa deve beneficiar quem está para trás. As empresas de primeira linha ficaram devendo muito em relação às empresas de segunda linha", pondera a especialista.

No curto prazo, Mitsuko acredita que os ativos das grandes companhias podem apresentar alguma recuperação, e apresentar uma performance superior à dos papéis de empresas menores, que devem ficar próximos da estabilidade.

"Daqui a pouco as casas vão começar a divulgar seus relatório para 2013, e vai ter muita mudança nas carteiras. Muitos papéis de segunda linha já valorizaram bastante, até mesmo antecipando parte do que poderiam mostrar no ano que vem", nota a analista do Indusval.

Já em uma perspectiva de médio e longo prazo, a especialista acredita que o mais prudente é formar uma carteira bem balanceada, com papéis de primeira e segunda linha, tendo nessa segunda companhias médias e também small caps.

Além da valorização percentual, é importante destacar também, lembra João Pedro Brugger, da Leme Investimentos, a questão da liquidez dos papéis.

Essas small caps geralmente tem um giro muito reduzido, que pode dificultar a saída de posição do investidor mais à frente.

O papel BIOM4, por exemplo, tem giro de apenas R$ 1,16 milhão no ano, contra R$ 156,2 bilhões do ativo VALE5.

Além disso, alguns desses ativos têm valor unitário por papel muito baixo, e qualquer alteração de poucos centavos gera uma significativa variação percentual, que nem sempre corresponde a ganhos reais expressivos.

A BIOM4, novamente, tem um preço de R$ 3,80, enquanto a preferencial classe B da Millenium (TIBR6), que sobe 105% em 2012, tem valor unitário de apenas R$ 0,26.

"Acredito ser importante para o investidor buscar alternativas que não necessariamente estejam no senso comum do mercado", fala Brugger.

"No entanto, o investidor tem que ser mais cauteloso. Muitas delas não recebem cobertura por parte dos analistas, e fica mais difícil ser feita uma análise por parte do investidor", pondera o especialista da Leme.

As small caps, ressalta Brugger, exigem maior conhecimento, e tempo disponível do agente para avaliar com precisão os riscos atrelados a determinado papel que não tem tanto atenção do mercado.
 
uqaz - 30/11/2012 11:43
citação: ch3481Eu, particularmente, só compro ação com TA....

Liquidez inferior, ou ateh ruim????...paciência

Mas este eh meu pensamento, que não quer dizer que esteja nem errado e nem certo

citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.



Fazer posição nos preços atuais tá temerário... será que vale?!?!?

Dê uma olhada no histórico do fórum: http://advfn-reader.heroku.com/

Tire suas próprias conclusões.

Lembro que andei lendo que o small comprou nos 40,00 e vendeu nos 114,00. Está em 235,00. Quer dizer, nem ele conseguiu antecipar essa subida. E nem ele saberá dizer a qto vai essa danada rs.



Obrigado Uqaz... já havia dado uma furunfada nas postages sobre Dimed... são tentadoras, mas vi tb que há possibilidade de desdobramento... nesses preços seria excelente negócio e estratégia da empresa... vcs tão comprando PN ou PN?


Idem ch.

E vellinho, dá uma olhada no livro da PN. Comprar lá é aquela dificuldade...
 
ch3481 - 30/11/2012 11:34
Eu, particularmente, só compro ação com TA....

Liquidez inferior, ou ateh ruim????...paciência

Mas este eh meu pensamento, que não quer dizer que esteja nem errado e nem certo

citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.



Fazer posição nos preços atuais tá temerário... será que vale?!?!?

Dê uma olhada no histórico do fórum: http://advfn-reader.heroku.com/

Tire suas próprias conclusões.

Lembro que andei lendo que o small comprou nos 40,00 e vendeu nos 114,00. Está em 235,00. Quer dizer, nem ele conseguiu antecipar essa subida. E nem ele saberá dizer a qto vai essa danada rs.



Obrigado Uqaz... já havia dado uma furunfada nas postages sobre Dimed... são tentadoras, mas vi tb que há possibilidade de desdobramento... nesses preços seria excelente negócio e estratégia da empresa... vcs tão comprando PN ou PN?

 
vellinhotrt4 - 30/11/2012 11:30
citação: uqaz
citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.



Fazer posição nos preços atuais tá temerário... será que vale?!?!?

Dê uma olhada no histórico do fórum: http://advfn-reader.heroku.com/

Tire suas próprias conclusões.

Lembro que andei lendo que o small comprou nos 40,00 e vendeu nos 114,00. Está em 235,00. Quer dizer, nem ele conseguiu antecipar essa subida. E nem ele saberá dizer a qto vai essa danada rs.



Obrigado Uqaz... já havia dado uma furunfada nas postages sobre Dimed... são tentadoras, mas vi tb que há possibilidade de desdobramento... nesses preços seria excelente negócio e estratégia da empresa... vcs tão comprando PN ou PN?
 
ch3481 - 30/11/2012 11:08
tão se estapenado no fracionario de PNVL3....hehe
 
uqaz - 29/11/2012 13:15
citação: vellinhotrt4
citação: uqaz
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.



Fazer posição nos preços atuais tá temerário... será que vale?!?!?

Dê uma olhada no histórico do fórum: http://advfn-reader.heroku.com/

Tire suas próprias conclusões.

Lembro que andei lendo que o small comprou nos 40,00 e vendeu nos 114,00. Está em 235,00. Quer dizer, nem ele conseguiu antecipar essa subida. E nem ele saberá dizer a qto vai essa danada rs.
 
vellinhotrt4 - 29/11/2012 12:29
citação: uqaz
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.



Fazer posição nos preços atuais tá temerário... será que vale?!?!?
 
uqaz - 29/11/2012 12:25
citação: ch3481Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)

(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."

É, essa bicha vai a 300,00 ateh final do ano msm. Só faltava um desdobramento.

Ou não, talvez esse motivo aí de cima seja a explicação dessa bombação toda rs.
 
ch3481 - 29/11/2012 09:45
Olha aih Uqaz!!!....que coisa hein!!!......:-):-):-)


(29/11) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos


Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Comunicamos que o Conselho de Administracao de DIMED S/A DISTRIBUIDORA DE
MEDICAMENTOS, em reuniao realizada em 28/11/2012, atendendo as disposicoes
estatutarias e as Instrucoes CVM n. 10/80, 268/97 e 390/03, deliberou autorizar
a Diretoria a providenciar na aquisicao pela Companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
nas seguintes condicoes:
Objetivo: aproveitar recursos disponiveis da Companhia.
Quantidade de acoes a serem adquiridas: ate 133.064 acoes, sendo 108.819 acoes
ordinarias e 24.245 acoes preferenciais, o que equivale a 10% do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado.
Prazo para aquisicao: 180 (cento e oitenta) dias, a contar do dia 28/11/2012 e
com o prazo do termino em 27/05/2013.
Quantidade de acoes em circulacao no Mercado: 1.330.648, sendo 1.088.196 de
acoes ordinarias e 242.452 de acoes preferenciais.
Instituicao Financeira Intermediaria: as aquisicoes, conforme autorizacao, serao
sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, com
intermediacao da Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com
sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP."
 
Kings of Leon - 19/11/2012 14:41
PNVL3...
 
no prat - 19/11/2012 10:55
Dupla VLID3/GRND3 disparando hoje

Além delas 85% da carteira está em:

PTBL3
EZTC3
SAPR4
PNVL3
HTMX11

E criando coragem para concentrar mais nesses 7 ativos.



 
paulo_prof - 13/11/2012 23:12
PNVL3
PREÇO: R$ 191,21
PAYOUT (2011): 27,0%

Múltiplos relativos aos últimos 12 meses:
P/L 19,53
P/VPA 3,82
PSR 0,59
DY 1,38%
EV/EBITDA 12,71
MARGEM BRUTA 21,8%
MARGEM OPERACIONAL 4,1%
MARGEM LÍQUIDA 3,0%
LUCRO POR AÇÃO R$ 9,791
MARGEM EBITDA 4,6%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,9%
ROE 19,56%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,91

Taxas de Crescimento dos Resultados dos 9M12 em relação aos Resultados dos 9M11:
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +13,6%
RESULTADO BRUTO +15,8%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -16,8%
RESULTADO OPERACIONAL +23,5%
RESULTADO LÍQUIDO +25,5%
EBITDA +16,3%

Taxas de Crescimento dos Resultados dos 3T12 em relação aos Resultados dos 3T11:
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +13,4%
RESULTADO BRUTO +20,9%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO +47,9%
RESULTADO OPERACIONAL +18,8%
RESULTADO LÍQUIDO +22,5%
EBITDA +15,9%

Taxas Anuais Médias de Crescimento Nominal
a) do lucro líquido:
UA 28,03%
U2A 19,16%
U3A 20,18%


b) do patrimônio líquido médio
UA 16,03%
U2A 15,47%
U3A 15,35%

Taxa anual média REAL de crescimento do lucro líquido dos últimos 12 meses necessária durante os próximos 3 anos para que o preço justo calculado pela fórmula do FCD com perpetuidade real nula e desconto anual real de 8% seja IGUAL ao preço atual: +17,5%

 
GARUDA20 - 12/11/2012 23:35
Tenho um lotinho, essa nao vendo!!

Parece que ainda esta barata se colocar as concorrentes ao lado.


citação: small caps
citação: GARUDA20UM CARAJO para PNVL

Resultado do 3º Trimestre de 2012

A companhia divulgou lucro líquido de R$ 14,3 M no 3T12, uma variação de 22,0% em relação ao 2° trimestre de 2012 e acréscimo de 22,5% em relação ao 3° trimestre de 2011. A receita líquida atingiu R$ 384,0 M no 3° trimestre de 2012, crescimento de 3,4% em relação ao 2° trimestre de 2012 e crescimento de 12,5% em relação ao terceiro trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 22,7% neste trimestre contra 22,4% no trimestre anterior e 21,2% no terceiro trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 3,7% no terceiro trimestre de 2012 contra 3,1% no 2T12.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 449,6 M, acréscimo de 14,7% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 228,7 M neste trimestre, o que representou uma variação de 16,9% em relação ao saldo no 3° trimestre de 2011.

Neste período, a ação oscilou 24,1% contra 8,9% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 589,5 M contra R$ 377,8 M no 3T11.



hehehehhee, saudades do tempo que era um ativo desprezado... perambulando nos R$ 40,00...

Abraços,
Small caps.

 
small caps - 12/11/2012 23:19
citação: GARUDA20UM CARAJO para PNVL

Resultado do 3º Trimestre de 2012

A companhia divulgou lucro líquido de R$ 14,3 M no 3T12, uma variação de 22,0% em relação ao 2° trimestre de 2012 e acréscimo de 22,5% em relação ao 3° trimestre de 2011. A receita líquida atingiu R$ 384,0 M no 3° trimestre de 2012, crescimento de 3,4% em relação ao 2° trimestre de 2012 e crescimento de 12,5% em relação ao terceiro trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 22,7% neste trimestre contra 22,4% no trimestre anterior e 21,2% no terceiro trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 3,7% no terceiro trimestre de 2012 contra 3,1% no 2T12.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 449,6 M, acréscimo de 14,7% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 228,7 M neste trimestre, o que representou uma variação de 16,9% em relação ao saldo no 3° trimestre de 2011.

Neste período, a ação oscilou 24,1% contra 8,9% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 589,5 M contra R$ 377,8 M no 3T11.



hehehehhee, saudades do tempo que era um ativo desprezado... perambulando nos R$ 40,00...

Abraços,
Small caps.
 
GARUDA20 - 12/11/2012 23:18
UM CARAJO para PNVL

Resultado do 3º Trimestre de 2012

A companhia divulgou lucro líquido de R$ 14,3 M no 3T12, uma variação de 22,0% em relação ao 2° trimestre de 2012 e acréscimo de 22,5% em relação ao 3° trimestre de 2011. A receita líquida atingiu R$ 384,0 M no 3° trimestre de 2012, crescimento de 3,4% em relação ao 2° trimestre de 2012 e crescimento de 12,5% em relação ao terceiro trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 22,7% neste trimestre contra 22,4% no trimestre anterior e 21,2% no terceiro trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 3,7% no terceiro trimestre de 2012 contra 3,1% no 2T12.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 449,6 M, acréscimo de 14,7% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 228,7 M neste trimestre, o que representou uma variação de 16,9% em relação ao saldo no 3° trimestre de 2011.

Neste período, a ação oscilou 24,1% contra 8,9% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado alcançou R$ 589,5 M contra R$ 377,8 M no 3T11.
 
paulo_prof - 08/11/2012 12:18
citação: renato1631Mestre Paulo

A diferença entre PNVL3-PNVL4 está em 38,5%. PNVL4 com valor 27,8% menor! Essa diferença se justifica?

Valeu


Em tese, no caso da PNVL4 não ter tag along (não verifiquei), sim. O mercado talvez julgue que com este movimento de consolidação no setor, a PNVL possa ser comprada. Ofertas de aquisição, de fato, foram realizadas. Até o momento, entretanto, o controlador não aceitou conversar.
 
renato1631 - 07/11/2012 23:26
Mestre Paulo

A diferença entre PNVL3-PNVL4 está em 38,5%. PNVL4 com valor 27,8% menor! Essa diferença se justifica?

Valeu
 
ch3481 - 05/11/2012 17:44
citação: aprendiz quebrado do professorShow caro ch3481+1000

citação: ch3481C. PINE4 - 13,70 call fechamento....aumento poisição e PM
C. PNVL3 - 183,15 call fechamento.....início
C. TRX Edificios - 100,00 sai cta amanhã....início...rs

VQV,!!!!




Nem me fala meu amigo aprendiz....nem me fala

Vou ligar pra sua madrinha pra ela me dar uma força....

Mas desisti do IPO do FII do Banco Brasil
 
aprendiz quebrado do professor - 05/11/2012 17:40
Show caro ch3481+1000

citação: ch3481C. PINE4 - 13,70 call fechamento....aumento poisição e PM
C. PNVL3 - 183,15 call fechamento.....início
C. TRX Edificios - 100,00 sai cta amanhã....início...rs

VQV,!!!!

 
ch3481 - 05/11/2012 17:22
C. PINE4 - 13,70 call fechamento....aumento poisição e PM
C. PNVL3 - 183,15 call fechamento.....início
C. TRX Edificios - 100,00 sai cta amanhã....início...rs

VQV,!!!!
 
uqaz - 05/11/2012 12:48
citação: padrinho
citação: eurico22
citação: uqaz

No seu exemplo vc cita BBAS3, CARD3 e EALT3. São empresas com perspectivas muito diferentes. A primeira tem o risco governo eternamente imbutido. A segundo pode ser que venha a vingar (chutaria 50/50) e a terceira é mais certa que a segunda, mas devemos aguardar a sedimentação de resultados.

Essas 3 são muito mais "apostas" do que as citadas posteriormente (JHSF, CIEL, VLID, PNVL)



Governança ruim, péssima liquidez e histórico inconstante realmente ajudam a precificar pra baixo várias empresas que até encontram-se em bons momentos.

Concordo com você que o risco é bem maior do que as outras, mas ainda acho que é um risco bem administrável. Arriscaria dizer que as 3 estarão valendo um tanto mais do que hoje no período de 12 meses. Já em relação à JHSF, CIEL, VLID e PNVL, não faço idéia de quanto estarão custando no mesmo período.

O problema, na verdade, caminha exatamente por aí: não há no mercado bons papéis com bom histórico e governança que estejam com P/L de 5 ou menos, por exemplo, como víamos com alguma facilidade há 2 ou 3 anos. É claro que isso se deve à queda das taxas de juro e ao péssimo desempenho das commodities, que faz com que os gestores sejam obrigados a procurar outras alternativas...


E o que dizer então e como avaliar uma BRIN (sem histórico) que todo mês solta FR (hoje já tem um....) sobre aquisição de sociedade/participação através de emissão de novas ações por preços aquém do Mercado?

Nicho de Mercado bem interessante.....

Realmente existem algumas empresas em que taxa de subjetividade precisa ser um pouco ponderada para que se crie um certo Valuation......rs

Exatamente padrinho. Como avaliar então essa subjetividade na forma de uma formação de preços? Como saber se o que estão cobrando pela AMBV4 (P/L =25), hoje, é barato ou não?

A empresa vai continuar crescendo nesse ritmo alucinante por uns 10-15 anos?

Por isso, há que mesclar com o contrário: Será que essa joça um dia vai dar lucro, rs (BICB4, CARD3, MGEL4, FRAS4)? Aqui vc corre o risco de ganhar, e muito!

E é como o small diz, qq rateada de -10% no lucro numa CARD ou EALT é perdoada pelo mercado...mas para AMBV ou HGTX isso não é aceitável.
 
padrinho - 05/11/2012 12:21
citação: eurico22
citação: uqaz

No seu exemplo vc cita BBAS3, CARD3 e EALT3. São empresas com perspectivas muito diferentes. A primeira tem o risco governo eternamente imbutido. A segundo pode ser que venha a vingar (chutaria 50/50) e a terceira é mais certa que a segunda, mas devemos aguardar a sedimentação de resultados.

Essas 3 são muito mais "apostas" do que as citadas posteriormente (JHSF, CIEL, VLID, PNVL)



Governança ruim, péssima liquidez e histórico inconstante realmente ajudam a precificar pra baixo várias empresas que até encontram-se em bons momentos.

Concordo com você que o risco é bem maior do que as outras, mas ainda acho que é um risco bem administrável. Arriscaria dizer que as 3 estarão valendo um tanto mais do que hoje no período de 12 meses. Já em relação à JHSF, CIEL, VLID e PNVL, não faço idéia de quanto estarão custando no mesmo período.

O problema, na verdade, caminha exatamente por aí: não há no mercado bons papéis com bom histórico e governança que estejam com P/L de 5 ou menos, por exemplo, como víamos com alguma facilidade há 2 ou 3 anos. É claro que isso se deve à queda das taxas de juro e ao péssimo desempenho das commodities, que faz com que os gestores sejam obrigados a procurar outras alternativas...


E o que dizer então e como avaliar uma BRIN (sem histórico) que todo mês solta FR (hoje já tem um....) sobre aquisição de sociedade/participação através de emissão de novas ações por preços aquém do Mercado?

Nicho de Mercado bem interessante.....

Realmente existem algumas empresas em que taxa de subjetividade precisa ser um pouco ponderada para que se crie um certo Valuation......rs
 
eurico22 - 05/11/2012 10:51
citação: uqaz

No seu exemplo vc cita BBAS3, CARD3 e EALT3. São empresas com perspectivas muito diferentes. A primeira tem o risco governo eternamente imbutido. A segundo pode ser que venha a vingar (chutaria 50/50) e a terceira é mais certa que a segunda, mas devemos aguardar a sedimentação de resultados.

Essas 3 são muito mais "apostas" do que as citadas posteriormente (JHSF, CIEL, VLID, PNVL)



Governança ruim, péssima liquidez e histórico inconstante realmente ajudam a precificar pra baixo várias empresas que até encontram-se em bons momentos.

Concordo com você que o risco é bem maior do que as outras, mas ainda acho que é um risco bem administrável. Arriscaria dizer que as 3 estarão valendo um tanto mais do que hoje no período de 12 meses. Já em relação à JHSF, CIEL, VLID e PNVL, não faço idéia de quanto estarão custando no mesmo período.

O problema, na verdade, caminha exatamente por aí: não há no mercado bons papéis com bom histórico e governança que estejam com P/L de 5 ou menos, por exemplo, como víamos com alguma facilidade há 2 ou 3 anos. É claro que isso se deve à queda das taxas de juro e ao péssimo desempenho das commodities, que faz com que os gestores sejam obrigados a procurar outras alternativas...
 
uqaz - 05/11/2012 10:30
citação: eurico22

Deveríamos analisar a vantagem competitiva e o histórico da empresa, o crescimento do setor, a capacidade da empresa de performar em diferentes cenários...
[quote]
Vc tem razão, mas seriam tantos cenários traçados, que fica impossível se guiar apenas por eles. Ando avaliando a relação de um crescimento de lucros consistente e relativamente constante com o P/L de uma empresa.

As mais famosas possuem P/L inchadíssimos, que a literatura/estatística condena, apesar de taxas de crescimento de lucro boas. Aí sobram as desprezadas como PNVL, por exemplo, ou como VLID3 outrora.

No seu exemplo vc cita BBAS3, CARD3 e EALT3. São empresas com perspectivas muito diferentes. A primeira tem o risco governo eternamente imbutido. A segundo pode ser que venha a vingar (chutaria 50/50) e a terceira é mais certa que a segunda, mas devemos aguardar a sedimentação de resultados.

Essas 3 são muito mais "apostas" do que as citadas posteriormente (JHSF, CIEL, VLID, PNVL)
 
eurico22 - 05/11/2012 09:47
citação: paulo_prof
citação: eurico22Aos colegas que estão estudando Panvel (PNVL3/4) :

Os indicadores fundamentalistas no site do GuiaInvest estão bem errados.

Uma análise superficial indica que o P/PVA da preferencial é 2,81, e o P/L semestral anualizado é de 14,2. Bem menor que os seus pares, eu reconheço. Mas é preciso ver com mais calma o porquê da queda da EBIT, que despencou 25% nos seis primeiros meses do ano (comparação com 2011). Ao menos com os números que o GuiaInvest publicou no site...

Abs!!
Eurico


O problema com o Ebit, Eurico, pode ser de definição.

Afinal, o que é o Ebit?

Se não estou enganado, tanto o Fundamentus quanto o Guiainvest calculam o Ebit deduzindo, do Resultado Bruto, as Despesas com Pessoal e Despesas Gerais e Administrativas. Ou seja, ambos os sites excluem Outras Receitas/Despesas Operacionais.

No caso da PNVL3, a exclusão de Outras Receitas Operacionais tem um grande impacto, uma vez que normalmente é mais do que 50% do Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos que, na minha opinião, é que de fato é o Ebit, ou seja, o Resultado Antes dos Impostos - o Resultado Financeiro.

PNVL3, por acaso, está em minha planilha. Não calculo o Ebit especificamente. O parâmtero em minha planilha é o Ebitda, ou seja, adiciono as depesas de depreciação e amortização.

No que tange o Ebitda trimestral, posso lhe garantir que vem crescendo, embora com algumas oscilações:

2T10: 15.700 mil
3T10: 18.410 mil
4T10: 10.449 mil
1T11: 15.105 mil
2T11: 16.662 mil ... U12M: 60.626 mil (há um ano)
3T11: 19.670 mil
4T11: 10.366 mil
1T12: 17.479 mil
2T12: 19.523 mil ... U12M: 67.038 mil

Ainda no que concerne a PNVL3 (mais líquida) o P/VPA para o preço de R$ 187,00 é 3,89 e o P/L relativo ao lucro anualizado dos últimos 6 meses é 19,71.

Os multiplicadores mostrados pelo Guiainvest estão, de fato, totalmente furados ...



Legal, Paulo!

Eu cheguei a comprar na casa de 4x,xx, mas vendi muito cedo.

Confesso ter muita dificuldade para embutir um crescimento esperado da empresa no preço. Parece fácil apontar para Aço Altona, Banco do Brasil e Card System e dizer que estão baratos. Mas como avaliar corretamente quanto deveria valer uma MPLU3, uma CIEL3, uma VLID3, JHSF3, ou até mesmo uma AMBV4, que chegou a ser discutida por alguns amigos?

Deveríamos analisar a vantagem competitiva e o histórico da empresa, o crescimento do setor, a capacidade da empresa de performar em diferentes cenários...

Ando preocupado, para ser sincero. Se nossos papéis conhecidos continuarem a subir, se a selic se manter baixa, vamos precisar desenvolver esse talento.

O que vocês pensam em relação ao tema?

Abs!!
Eurico
 
Fabricio Bandeira - 04/11/2012 16:35
citação: uqaz
citação: eurico22Aos colegas que estão estudando Panvel (PNVL3/4) :

Os indicadores fundamentalistas no site do GuiaInvest estão bem errados.

Uma análise superficial indica que o P/PVA da preferencial é 2,81, e o P/L semestral anualizado é de 14,2. Bem menor que os seus pares, eu reconheço. Mas é preciso ver com mais calma o porquê da queda da EBIT, que despencou 25% nos seis primeiros meses do ano (comparação com 2011). Ao menos com os números que o GuiaInvest publicou no site...

Abs!!
Eurico

Pra variar, tudo errado.

Um site que nunca me deixou na mão é esse aqui:http://www.investsite.com.br/demonstracao_resultado.php?cod_negociacao=PNVL3



Excelente! Obrigado pela indicação.
 
uqaz - 04/11/2012 13:11
citação: eurico22Aos colegas que estão estudando Panvel (PNVL3/4) :

Os indicadores fundamentalistas no site do GuiaInvest estão bem errados.

Uma análise superficial indica que o P/PVA da preferencial é 2,81, e o P/L semestral anualizado é de 14,2. Bem menor que os seus pares, eu reconheço. Mas é preciso ver com mais calma o porquê da queda da EBIT, que despencou 25% nos seis primeiros meses do ano (comparação com 2011). Ao menos com os números que o GuiaInvest publicou no site...

Abs!!
Eurico

Pra variar, tudo errado.

Um site que nunca me deixou na mão é esse aqui:
http://www.investsite.com.br/demonstracao_resultado.php?cod_negociacao=PNVL3
 
paulo_prof - 04/11/2012 12:52
citação: eurico22Aos colegas que estão estudando Panvel (PNVL3/4) :

Os indicadores fundamentalistas no site do GuiaInvest estão bem errados.

Uma análise superficial indica que o P/PVA da preferencial é 2,81, e o P/L semestral anualizado é de 14,2. Bem menor que os seus pares, eu reconheço. Mas é preciso ver com mais calma o porquê da queda da EBIT, que despencou 25% nos seis primeiros meses do ano (comparação com 2011). Ao menos com os números que o GuiaInvest publicou no site...

Abs!!
Eurico


O problema com o Ebit, Eurico, pode ser de definição.

Afinal, o que é o Ebit?

Se não estou enganado, tanto o Fundamentus quanto o Guiainvest calculam o Ebit deduzindo, do Resultado Bruto, as Despesas com Pessoal e Despesas Gerais e Administrativas. Ou seja, ambos os sites excluem Outras Receitas/Despesas Operacionais.

No caso da PNVL3, a exclusão de Outras Receitas Operacionais tem um grande impacto, uma vez que normalmente é mais do que 50% do Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos que, na minha opinião, é que de fato é o Ebit, ou seja, o Resultado Antes dos Impostos - o Resultado Financeiro.

PNVL3, por acaso, está em minha planilha. Não calculo o Ebit especificamente. O parâmtero em minha planilha é o Ebitda, ou seja, adiciono as depesas de depreciação e amortização.

No que tange o Ebitda trimestral, posso lhe garantir que vem crescendo, embora com algumas oscilações:

2T10: 15.700 mil
3T10: 18.410 mil
4T10: 10.449 mil
1T11: 15.105 mil
2T11: 16.662 mil ... U12M: 60.626 mil (há um ano)
3T11: 19.670 mil
4T11: 10.366 mil
1T12: 17.479 mil
2T12: 19.523 mil ... U12M: 67.038 mil

Ainda no que concerne a PNVL3 (mais líquida) o P/VPA para o preço de R$ 187,00 é 3,89 e o P/L relativo ao lucro anualizado dos últimos 6 meses é 19,71.

Os multiplicadores mostrados pelo Guiainvest estão, de fato, totalmente furados ...
 
eurico22 - 04/11/2012 00:44
Aos colegas que estão estudando Panvel (PNVL3/4) :

Os indicadores fundamentalistas no site do GuiaInvest estão bem errados.

Uma análise superficial indica que o P/PVA da preferencial é 2,81, e o P/L semestral anualizado é de 14,2. Bem menor que os seus pares, eu reconheço. Mas é preciso ver com mais calma o porquê da queda da EBIT, que despencou 25% nos seis primeiros meses do ano (comparação com 2011). Ao menos com os números que o GuiaInvest publicou no site...

Abs!!
Eurico
 
polycrav - 29/10/2012 11:47
citação: polycravCORRIDA SMALL CAPS - 2º Etapa (29/10-02/11)

Lá vai minha carteira semanal...

AMAR3
CESP6
CIEL3
FJTA4
GRND3
PFRM3
QGEP3
TRPL4

Poly


Topore tb entrou na dança!

Poly,

vai meu palpite pra semana :

GRND3 (comprado)
JSLG3 (comprado)
BBDC4
HYPE3

O Aprendiz tb!

Apostas do aprendiz quebrado

dirr3
bmto4
mdia3
ptbl4
pnvl3


A do PPP (todos já sabem!)

IGTA3

A do Pampeto é:

Vou postar a carteira para a semana:

RDNI3
BICB4

Segue a do Alison

Carteira sugerida para semana de 29/10 a 02/11.lembrando que é de longo prazo, pelo menos por hora.

BEMA3
DIRR3
JHSF3
GRND3
PMAM3

A do Evalaretto

Também vou participar dessa brincadeira:

DIRR3
GRND3
CSNA3


DNA entrou na roda

CORRIDA SMALL CAPS DO MUDINHO DO FORUM !

1- UNIP6
2- GRND3
3- BMTO4
4- OGXP3
5- WEGE3
6- KEPL3
7- BTTL4
9- PDGR3
10- BAZA3
11 -MAGG3

qui mico também!!

Poly,
Por favor, inclua a minha indicação para a corrida semanal:

BEMA3
IDNT3
IGTA3
POMO4

APOLÂO vem FORTE! rs Trouxe até o Gorila!

Apolo carteira sugerida:

BMTO4
GETI3
IGBR3

E Fridao estourando o prazo...

Fridao carteira sugerida:

SLED4
IGBR3
GETI3
OGXP3(azarão)



Franco,

BTTL3



ENCERRADAS as INSCRIÇÔES para essa ETAPA!
 
polycrav - 29/10/2012 09:51
CORRIDA SMALL CAPS - 2º Etapa (29/10-02/11)

Lá vai minha carteira semanal...

AMAR3
CESP6
CIEL3
FJTA4
GRND3
PFRM3
QGEP3
TRPL4

Poly




Topore tb entrou na dança!

Poly,

vai meu palpite pra semana :

GRND3 (comprado)
JSLG3 (comprado)
BBDC4
HYPE3


O Aprendiz tb!

Apostas do aprendiz quebrado

dirr3
bmto4
mdia3
ptbl4
pnvl3



A do PPP (todos já sabem!)

IGTA3


A do Pampeto é:

Vou postar a carteira para a semana:

RDNI3
BICB4


Segue a do Alison

Carteira sugerida para semana de 29/10 a 02/11.lembrando que é de longo prazo, pelo menos por hora.

BEMA3
DIRR3
JHSF3
GRND3
PMAM3


A do Evalaretto

Também vou participar dessa brincadeira:

DIRR3
GRND3
CSNA3



DNA entrou na roda

CORRIDA SMALL CAPS DO MUDINHO DO FORUM !

1- UNIP6
2- GRND3
3- BMTO4
4- OGXP3
5- WEGE3
6- KEPL3
7- BTTL4
9- PDGR3
10- BAZA3
11 -MAGG3


qui mico também!!

Poly,
Por favor, inclua a minha indicação para a corrida semanal:

BEMA3
IDNT3
IGTA3
POMO4


APOLÂO vem FORTE! rs Trouxe até o Gorila!

Apolo carteira sugerida:

BMTO4
GETI3
IGBR3


E Fridao estourando o prazo...

Fridao carteira sugerida:

SLED4
IGBR3
GETI3
OGXP3(azarão)






 
pppadv - 29/10/2012 09:18
Poly, troca a minha carteira por favor:
para esta semana vou de 100% IGTA3 em vez de 100% MLFT4 (motivo elástico)

citação: polycravCORRIDA SMALL CAPS - 2º Etapa (29/10-02/11)

Lá vai minha carteira semanal...

AMAR3
CESP6
CIEL3
FJTA4
GRND3
PFRM3
QGEP3
TRPL4

Poly


Topore tb entrou na dança!

Poly,

vai meu palpite pra semana :

GRND3 (comprado)
JSLG3 (comprado)
BBDC4
HYPE3

O Aprendiz tb!

Apostas do aprendiz quebrado

dirr3
bmto4
mdia3
ptbl4
pnvl3


A do PPP (todos já sabem!)

MLFT4


A do Pampeto é:

Vou postar a carteira para a semana:

RDNI3
BICB4

Segue a do Alison

Carteira sugerida para semana de 29/10 a 02/11.lembrando que é de longo prazo, pelo menos por hora.

BEMA3
DIRR3
JHSF3
GRND3
PMAM3

A do Evalaretto

Também vou participar dessa brincadeira:

DIRR3
GRND3
CSNA3


Esqueci alguma?

Apolo?


 
aprendiz quebrado do professor - 26/10/2012 22:04
Vamos lá meus caros

Semana de 29 de outubro a 01 de novembro

Apostas do aprendiz quebrado

dirr3
bmto4
mdia3
ptbl4
pnvl3
 
uqaz - 25/10/2012 09:31
citação: alisonvm
citação: alisonvm
citação: danieljoseaaCampanha do AVISA:

JHSF3 foguetou :):):):)



Ontem rompeu um triangulo com corpo do candle inteiro fora dele, e hoje confirma o ronpimento com uma boa alta com volume.
Pode buscar um novo triangulo igual a este só que como topo os 5,60 quiça 6.
Na minha opinião:
A bolsa no momento não tem papel com tanta certeza de valorização no CP e LP como este.
Sigo 100%.

Abrss


Para o nosso amigo Uqaz

uma pequena amostra

Este post acima foi escrito dia 25/11/2011 pagina 5206

A cotação estava em 4,40

este post foi o mas antigo que consegui!!!

alguem sabe como conseguir os mais antigos se pesquisar pagina por pagina?????

Abrss

Rapaz, eu não estou nem aí pras suas operações ou para o sobe-descer do papel. Comentei sobre a empresa, que promete uma coisa e não cumpre - e mesmo assim bomba.

Cada vez mais acho que nessa bolsa de valores um papel precisa ter um fundo de investimento "padrinho". Veja o que acontece todo final de mês DAYC4.

Veja o que está acontecendo com PNVL3 tbm.
 
paulo_prof - 24/10/2012 20:34
citação: uqazprof, já que está aí, que acha dessa disparada em PNVL3?

Essa bicha sobe pra sempre?

Não estaria querendo ficar cara...desse jeito bate nos 200 até o final do ano. Comprei pra vender daqui a 1-2 anos e bicha já chegou quase lá cacildis.


Se vc supor que o lucro líquido da Dimed pode crescer numa taxa real de 20% durante os próximos 3 anos, e acompanhar a inflação daí em diante, o valor intrínsico da PNVL3 para uma taxa de desconto real de 8% seria R$ 192,31, uma margem de segurança de 4,6% sobre o preço atual.

Para uma mesma margem de segurança sobre o preço atual e mesmas condições, a taxa de crescimento real do lucro líquido da RADL3 nos p´roximos 3 anos teria que ser 84%!!!!!

Considerando que as taxas nominais de crescimento anual dos lucros líquidos foram:
PNVL3
UA 25,13%
U2A 17,08%
U3A 32,49%

RADL3
UA 0,19%
U2A 15,17%
U3A 24,66%

Moral da história ... até que PNVL3 tenha a metade da performance de mercado da RADL3, ainda tem muito chão ...

Se vc acreditar que a PNVL3 possa chegar perto, talvez vc tenha que mirar uns R$ 350,00 rssss ...
 
uqaz - 24/10/2012 19:00
prof, já que está aí, que acha dessa disparada em PNVL3?

Essa bicha sobe pra sempre?

Não estaria querendo ficar cara...desse jeito bate nos 200 até o final do ano. Comprei pra vender daqui a 1-2 anos e bicha já chegou quase lá cacildis.
 
pppadv - 24/10/2012 09:28
citação: aprendiz quebrado do professorCaros pppadv,polycrav,apolo30

Alguém explica o aumento de volume de pnvl3?
Muito obrigado


Deve ser alguem que excitou !
 
aprendiz quebrado do professor - 24/10/2012 00:23
Conclusão o sobral deveria ser 40 e o apolo 30.

citação: polycrav
citação: sobral30
citação: aprendiz quebrado do professorCaros pppadv,polycrav,apolo30

Alguém explica o aumento de volume de pnvl3?
Muito obrigado



Caro aprendiz,

O apolo é 20, eu é que sou 30.

Abraço,

Sobral (50% a mais)30



Sobral... Devia ser 40!

 
polycrav - 23/10/2012 23:57
citação: sobral30
citação: aprendiz quebrado do professorCaros pppadv,polycrav,apolo30

Alguém explica o aumento de volume de pnvl3?
Muito obrigado



Caro aprendiz,

O apolo é 20, eu é que sou 30.

Abraço,

Sobral (50% a mais)30



Sobral... Devia ser 40!

 
sobral30 - 23/10/2012 23:50
citação: aprendiz quebrado do professorCaros pppadv,polycrav,apolo30

Alguém explica o aumento de volume de pnvl3?
Muito obrigado



Caro aprendiz,

O apolo é 20, eu é que sou 30.

Abraço,

Sobral (50% a mais)30

 
aprendiz quebrado do professor - 23/10/2012 23:47
Caros pppadv,polycrav,apolo30

Alguém explica o aumento de volume de pnvl3?
Muito obrigado
 
aprendiz quebrado do professor - 19/10/2012 19:02
Pois é...

citação: aprendiz quebrado do professorCarteira do aprendiz quebrado para a semana

pnvl4
dirr3
alpa4
mlft4
jhsf3

 
small caps - 17/10/2012 00:38
citação: aprendiz quebrado do professorHBOR3,EALT4,PNVL3,ALPA4,ECOR3,FII,etc....

citação: fridao
citação: goodguys8não foi aqui que puseram no cardápio para comprarem MANGUINHOS na semana passada??

o que dizer aos que compraram ??

coincidentemente a notícia estourou final de semana.



É nesses momentos que agradeço aos mais experientes quando sugerem DIVERSIFICAÇÃO.

OBRIGADO Small.

Meus 0,5% em RPMG não me preocupam; VLID, GRND, EZTC, BGIP, JHSF, FJTA, irão recompor "facim" esse pequeno prejú.




Estas empresas parecem de outro mundo...

Desprezam totalmente a crise...

Abraços,
Small caps.
 
aprendiz quebrado do professor - 17/10/2012 00:21
HBOR3,EALT4,PNVL3,ALPA4,ECOR3,FII,etc....

citação: fridao
citação: goodguys8não foi aqui que puseram no cardápio para comprarem MANGUINHOS na semana passada??

o que dizer aos que compraram ??

coincidentemente a notícia estourou final de semana.



É nesses momentos que agradeço aos mais experientes quando sugerem DIVERSIFICAÇÃO.

OBRIGADO Small.

Meus 0,5% em RPMG não me preocupam; VLID, GRND, EZTC, BGIP, JHSF, FJTA, irão recompor "facim" esse pequeno prejú.

 
ch3481 - 15/10/2012 18:56
citação: uqazGostaria de abrir um enquete com os colegas. Andei refletindo esses dias sobre empresas de consumo interno. Pelo P/L estão caríssimas. Não estou falando distorções como LAME ou MGLU não.

Cito VLID, MDIA, PNVL e shoppings para ilustrar meu pensamento. São empresas excelentes, mas com múltiplos inchadíssimos. Acho que é pra se pensar bem se não vivemos uma euforia no setor de consumo interno.

Inclusive, parece ser o setor da moda, várias matérias de jornais saem a todos os dias sobre o assunto. Sinais claros de entusiasmo/bolha, enfim.

Assim, qual seria o setor do futuro? Em 2009 os colegas me convenceram de que o consumo interno seria a bola da vez (e foi!)...mas e agora? No curtissíssimo prazo, o setor industrial seria uma boa. Mas e aí?

Será que já dá pra PENSAR em voltar a apostar em commoditties e siderúrgicas?

Algum outro setor que possa liderar nossos ganhos em mente, como foi o de consumo interno nesses 3 anos?



Uqaz

Eu concordo com o ispholambra.

Acho boa estratégia estar comprado em inflação.

Penso que mercado interno ainda não se exauriu não.
Permaneço comprado, todavia não tenho aumentado posição. Até pq já está demais.

Me agradam muito setores ligados a TI.
Na área de tecnologia para "mobiles" então o que tem de água pra rolar ainda.
VIXEEE!!!!

"Comótis"...só se for muuuito bom preço mesmo.
Como tivemos recente VALE nos R$31,xx/32,baixo
CSNA nos 9,xx

Aih compro, fora isso...NOPS!!!

E os FII's para subscrições

Continuo enxergando momento como sendo bom, apesar de toda ingerência governo e Europa patinando.

Penso que preços atuais ainda vão deixar saudades

Recente, se não me engano, umas 4 semanas tivemos PINE4 nos R$ 13,80.

Condições razoáveis vez por outra ainda se apresentam...

Mas pode tb Europa, China azedar de vez t tudo aih em cima parecer caro demais....hehehehe!!!!.....nosso famoso OU NÃO!!!!!

VQV!!!!!
 
padrinho - 15/10/2012 14:45
citação: uqaz
citação: padrinho
citação: uqazGostaria de abrir um enquete com os colegas. Andei refletindo esses dias sobre empresas de consumo interno. Pelo P/L estão caríssimas. Não estou falando distorções como LAME ou MGLU não.

Cito VLID, MDIA, PNVL e shoppings para ilustrar meu pensamento. São empresas excelentes, mas com múltiplos inchadíssimos. Acho que é pra se pensar bem se não vivemos uma euforia no setor de consumo interno.

Inclusive, parece ser o setor da moda, várias matérias de jornais saem a todos os dias sobre o assunto. Sinais claros de entusiasmo/bolha, enfim.

Assim, qual seria o setor do futuro? Em 2009 os colegas me convenceram de que o consumo interno seria a bola da vez (e foi!)...mas e agora? No curtissíssimo prazo, o setor industrial seria uma boa. Mas e aí?

Será que já dá pra PENSAR em voltar a apostar em commoditties e siderúrgicas?

Algum outro setor que possa liderar nossos ganhos em mente, como foi o de consumo interno nesses 3 anos?


Uqaz,

venho comprando CSN e VALE com muita parcimônia desde abril e conforme os altos e baixos de cada uma delas. A CSN não fosse a cagada das USIM estaria bem melhor na foto....

Dá uma olhada no gráfico mensal das duas....CSN na AT parece mais interessante.... acho que já dá uma parte da resposta da tua pergunta!

Acho que é ativo pra comprar e ficar bem quietinho....a coisa provavelmente vai levar um tempo pra se mostrar. Enquanto isso pode-se receber uns dividendos meio migalhentos....rs

Dentro deste raciocínio como fica ALLL3?

Complicado padrinho...uma vez o small postou um gráfico elucidante:
http://ycharts.com/indicators/iron_ore_spot_price_any_origin/chart#series=type%3Aindicator%2Cid%3Airon_ore_spot_price_any_origin%2Ccalc%3A&format=real&recessions=false&zoom=10&startDate=&endDate=

Só na "crise" tivemos um desempenho parecido. Importante notar que houve um soluço de 5 meses começando de novembro de 2011. Mas convém lembrar das mega-impressões dolarísticas desde então. Ou seja, era pro ferro - em dólares - ter disparado de preço (corrida para commodities) mesmo com o desaquecimento econômico. Nesse gráfico, sem palavras, dá pra ver o tamanho do estrago na economia atual.

Se quiser tentar achar uma relação de valor real do ferro, dê uma olhada no gráfico do ouro dolarizado:
http://ycharts.com/indicators/iron_ore_spot_price_any_origin/chart#series=type%3Aindicator%2Cid%3Airon_ore_spot_price_any_origin%2Ccalc%3A%2C%2Cid%3Agold_price%2Ctype%3Aindicator%2Ccalc%3A&format=indexed&recessions=true&zoom=10&startDate=&endDate=

Em 10 anos o preço do ferro em dólares subiu 48%...o do ouro 213,7%...Note que houve um descolamento em nov11 que não para de se acelerar. Esse gráfico parece ser um bom termômetro pra sabermos o momento bom de compra de VALE e siderúrgicas.

Preço do ferro vem caindo há dois anos. Aí não há santo que dê jeito.


Hehehe....note que eu não disse que vai subir!

Considero porém que pra empresas com o management de uma VALE e CSN (e excluido politicadas) o momento da compra pode estar em parte sendo agora e muito por vir ainda com a ferrada que os europeus ainda tem por levar nos mais diversos países......

Os Mercados vão dar tempo para todas as manobras e pros mais diversos tipos de players....aliás sempre tem um Mercado ruim, outros mais ou menos e outro bom...cada país em seu momento. Até onde vai o fôlego dos chineses? Qual o próximo país a sofrer um Big Boom econômico e se expandir loucamente?

Se você tivesse ouro, e olhando esse mesmo gráfico que postaste, você compraria mais??? rsrsrs
 
uqaz - 15/10/2012 14:31
citação: padrinho
citação: uqazGostaria de abrir um enquete com os colegas. Andei refletindo esses dias sobre empresas de consumo interno. Pelo P/L estão caríssimas. Não estou falando distorções como LAME ou MGLU não.

Cito VLID, MDIA, PNVL e shoppings para ilustrar meu pensamento. São empresas excelentes, mas com múltiplos inchadíssimos. Acho que é pra se pensar bem se não vivemos uma euforia no setor de consumo interno.

Inclusive, parece ser o setor da moda, várias matérias de jornais saem a todos os dias sobre o assunto. Sinais claros de entusiasmo/bolha, enfim.

Assim, qual seria o setor do futuro? Em 2009 os colegas me convenceram de que o consumo interno seria a bola da vez (e foi!)...mas e agora? No curtissíssimo prazo, o setor industrial seria uma boa. Mas e aí?

Será que já dá pra PENSAR em voltar a apostar em commoditties e siderúrgicas?

Algum outro setor que possa liderar nossos ganhos em mente, como foi o de consumo interno nesses 3 anos?


Uqaz,

venho comprando CSN e VALE com muita parcimônia desde abril e conforme os altos e baixos de cada uma delas. A CSN não fosse a cagada das USIM estaria bem melhor na foto....

Dá uma olhada no gráfico mensal das duas....CSN na AT parece mais interessante.... acho que já dá uma parte da resposta da tua pergunta!

Acho que é ativo pra comprar e ficar bem quietinho....a coisa provavelmente vai levar um tempo pra se mostrar. Enquanto isso pode-se receber uns dividendos meio migalhentos....rs

Dentro deste raciocínio como fica ALLL3?

Complicado padrinho...uma vez o small postou um gráfico elucidante:

http://ycharts.com/indicators/iron_ore_spot_price_any_origin/chart#series=type%3Aindicator%2Cid%3Airon_ore_spot_price_any_origin%2Ccalc%3A&format=real&recessions=false&zoom=10&startDate=&endDate=

Só na "crise" tivemos um desempenho parecido. Importante notar que houve um soluço de 5 meses começando de novembro de 2011. Mas convém lembrar das mega-impressões dolarísticas desde então. Ou seja, era pro ferro - em dólares - ter disparado de preço (corrida para commodities) mesmo com o desaquecimento econômico. Nesse gráfico, sem palavras, dá pra ver o tamanho do estrago na economia atual.

Se quiser tentar achar uma relação de valor real do ferro, dê uma olhada no gráfico do ouro dolarizado:

http://ycharts.com/indicators/iron_ore_spot_price_any_origin/chart#series=type%3Aindicator%2Cid%3Airon_ore_spot_price_any_origin%2Ccalc%3A%2C%2Cid%3Agold_price%2Ctype%3Aindicator%2Ccalc%3A&format=indexed&recessions=true&zoom=10&startDate=&endDate=

Em 10 anos o preço do ferro em dólares subiu 48%...o do ouro 213,7%...Note que houve um descolamento em nov11 que não para de se acelerar. Esse gráfico parece ser um bom termômetro pra sabermos o momento bom de compra de VALE e siderúrgicas.

Preço do ferro vem caindo há dois anos. Aí não há santo que dê jeito.
 
padrinho - 15/10/2012 12:46
citação: uqazGostaria de abrir um enquete com os colegas. Andei refletindo esses dias sobre empresas de consumo interno. Pelo P/L estão caríssimas. Não estou falando distorções como LAME ou MGLU não.

Cito VLID, MDIA, PNVL e shoppings para ilustrar meu pensamento. São empresas excelentes, mas com múltiplos inchadíssimos. Acho que é pra se pensar bem se não vivemos uma euforia no setor de consumo interno.

Inclusive, parece ser o setor da moda, várias matérias de jornais saem a todos os dias sobre o assunto. Sinais claros de entusiasmo/bolha, enfim.

Assim, qual seria o setor do futuro? Em 2009 os colegas me convenceram de que o consumo interno seria a bola da vez (e foi!)...mas e agora? No curtissíssimo prazo, o setor industrial seria uma boa. Mas e aí?

Será que já dá pra PENSAR em voltar a apostar em commoditties e siderúrgicas?

Algum outro setor que possa liderar nossos ganhos em mente, como foi o de consumo interno nesses 3 anos?


Uqaz,

venho comprando CSN e VALE com muita parcimônia desde abril e conforme os altos e baixos de cada uma delas. A CSN não fosse a cagada das USIM estaria bem melhor na foto....

Dá uma olhada no gráfico mensal das duas....CSN na AT parece mais interessante.... acho que já dá uma parte da resposta da tua pergunta!

Acho que é ativo pra comprar e ficar bem quietinho....a coisa provavelmente vai levar um tempo pra se mostrar. Enquanto isso pode-se receber uns dividendos meio migalhentos....rs

Dentro deste raciocínio como fica ALLL3?
 
uqaz - 15/10/2012 11:24
Gostaria de abrir um enquete com os colegas. Andei refletindo esses dias sobre empresas de consumo interno. Pelo P/L estão caríssimas. Não estou falando distorções como LAME ou MGLU não.

Cito VLID, MDIA, PNVL e shoppings para ilustrar meu pensamento. São empresas excelentes, mas com múltiplos inchadíssimos. Acho que é pra se pensar bem se não vivemos uma euforia no setor de consumo interno.

Inclusive, parece ser o setor da moda, várias matérias de jornais saem a todos os dias sobre o assunto. Sinais claros de entusiasmo/bolha, enfim.

Assim, qual seria o setor do futuro? Em 2009 os colegas me convenceram de que o consumo interno seria a bola da vez (e foi!)...mas e agora? No curtissíssimo prazo, o setor industrial seria uma boa. Mas e aí?

Será que já dá pra PENSAR em voltar a apostar em commoditties e siderúrgicas?

Algum outro setor que possa liderar nossos ganhos em mente, como foi o de consumo interno nesses 3 anos?
 
aprendiz quebrado do professor - 14/10/2012 21:52
Carteira do aprendiz quebrado para a semana

pnvl4
dirr3
alpa4
mlft4
jhsf3
 
paulo_prof - 29/09/2012 12:14
citação: uqaz
citação: fazambuj
citação: ch3481Valid aumentando o volume!!!

p/l é um número do passado. Nessa aí eu paguei os tubos a preços de ontem e parece que paguei barato a preços futuros. O mercado parece estar botando fé na cruzada pelo mercado gringo. Pode dobrar o faturamento.
Já comentei algumas vezes sobre o critério de Stock Picking CANSLIM. A Valid é um exemplo que se encaixou mais ou menos bem.
C Current quarterly Earning and sales: The Higher, The Better - Valid se encaixava aqui
A Annual Earnings increase: Look for significant growth - Também
N New product, New management, New high: Buy at the right time - Entrada nos States + Certificação Digital + rompimento de TH atrás de TH

S Supply and Demand: Shares outstanding plus big volume demand - É small cap com demanda
L Leader or Laggard? Which is your stock? - Leader - Tá lá na tabeda de melhores performances
I Institutional Sponsorship: Follow the leaders - Aqui eu não sei dar pitaco. Não sei se tem gringo ou banco comprando a rodo.
M Market Direction: How you can learn to determine it - Rompendo TH atrás de TH

Enfim, foi um caso em que esse critério de Stock picking funcionou. Agora é só esperar um sinal de reversão do mercado para sair.

OO'Neil diz para ignorar o p/l, DY. O que está caro olhando o passado pode estar barato olhando o futuro.
Geralmente são os papéis do setor de tecnologia que se encaixam nesse critério. daí vem a grande dificuldade no nossa bolsa: por aqui só negociamos cerveja, cigarro, água... faltam oportunidades de negócios de alto crescimento. Mas aí é outra história.

Enfim encontrei a discussão perfeita para divagar um pouco sobre o P/L e outros múltiplos.

A definição de P/L clássica é aquela que diz que este múltiplo é o tempo em anos que a empresa leva para dobrar o investimento de um acionista, considerando apenas o L anual.

Isso foi uma regra. Não quer dizer que o futuro vai ser esse. Veja, o P/L é realmente o que diz a definição se o crescimento de lucros for 0%aa. Mas há empresas que performam taxas de crescimento constantes há anos.

Por exemplo, o P/L "verdadeiro" ou "potencial" da VLID3 não é 16,21 (fundamentus) e sim um valor bem menor, se considerarmos um crescimento de 15%aa do lucro líquido:

O LPA atual de R$ 2,218/ano (ao preço atual de 35,95/VLID3):

Anos: LPA ? LPA
1 2,55 2,55
2 2,93 5,48
3 3,37 8,86
4 3,88 12,74
5 4,46 17,20
6 5,13 22,33
7 5,90 28,23
8 6,78 35,01
9 7,80 42,82

O que fiz acima se trata de um somatório de uma Progressão Geométrica:http://pt.wikipedia.org/wiki/Progress%C3%A3o_geom%C3%A9trica#Soma_dos_termos_dentro_de_um_intervalo_da_P.G.

Em 8,3 (?) anos o preço pago "se paga" beeem menor dos tais 16,21 anos... Tá certo que 15% durante 8 anos seguidos é meio esquisito...mas se já aconteceu antes...e com certa regularidade...pq n esperar mais?

Vejam lá hein... Isso se aplica para empresas regulares! Não essas coisas de BEMA ou CARD ou BMTO.

Fiz isso pra PNVL3 e dei uma risada. Para AMBV4 e NATU3 tbm há reduções significantes, de P/Ls de 2X para uns 11-12. Quer dizer, dentre as "caras" estão caras rs.

Além de considerar essa componente logarítmica da análise, lembro tbm que o ROE é importante. O ROE se reflete no P/VPA. E a cada L de cada ano, um pedacinho desse L vira VPA. Assim o P/L de 8,x ficaria ainda menor se considerarmos um P/VPA para o L...

Fazer o que, filipa dormiu e eu tenho que fazer hora até ela acordar de novo rs.


É por isto que o indicador "valor intrínsico" fornecido pela fórmula do FCD tem uma faixa de utilização mais ampla, podendo-se comparar ativos de empresas com distintas taxas de crescimento anual médio do lucro líquido.

Para efeito de exemplo, fixemos os seguintes parâmetros da fórmula do FCD:
taxa de crescimento na perpetuidade: nula (real, descontada a inflação)
taxa de desconto anual: 10% (real, descontada a inflação)
anos de crescimento do lucro líquido: 5 (cinco)
Lucro real por ação no ano 0: R$ 1,00

Nestas condições, podemos calcular o valor intrínsico da ação, considerando diversas taxas médias de crescimento do lucro durante os 5 anos:

Taxa média de crescimento do lucro .......... valor intrínsico
.................... -5,0% ...................................... R$ 8,10
.................... -2,5% ...................................... R$ 9,00
....................... 0% ..................................... R$ 10,00
.................. +2,5% ...................................... R$ 11,09
.................. +5,0% ...................................... R$ 12,28
.................. +7,5% ...................................... R$ 13,58
................. +10,0% ..................................... R$ 15,00
................. +12,5% ..................................... R$ 16,54
................. +15,0% ..................................... R$ 18,21
................. +17,5% ..................................... R$ 20,03
................. +20,0% ..................................... R$ 21,99

Embora todas estas empresas apresentem o mesmo LPA hoje, o mercado tem a "obrigação" de precificar de forma distinta, devido as taxas de crescimento do lucro líquido esperadas para os próximos anos não serem idênticas.

Assim, um ativo com P/L = 10 imbute, além da validade dos parâmetros da FCD que foram fixados, a expectativa de crescimento real nulo do LPA. Já um ativo com P/L = 22 imbute uma expectativa de crescimento real médio de 20% a.a. para o LPA, durante os 5 anos fixados.
 
WK2007 - 29/09/2012 01:34
citação: uqaz
citação: fazambuj
citação: ch3481Valid aumentando o volume!!!

p/l é um número do passado. Nessa aí eu paguei os tubos a preços de ontem e parece que paguei barato a preços futuros. O mercado parece estar botando fé na cruzada pelo mercado gringo. Pode dobrar o faturamento.
Já comentei algumas vezes sobre o critério de Stock Picking CANSLIM. A Valid é um exemplo que se encaixou mais ou menos bem.
C Current quarterly Earning and sales: The Higher, The Better - Valid se encaixava aqui
A Annual Earnings increase: Look for significant growth - Também
N New product, New management, New high: Buy at the right time - Entrada nos States + Certificação Digital + rompimento de TH atrás de TH

S Supply and Demand: Shares outstanding plus big volume demand - É small cap com demanda
L Leader or Laggard? Which is your stock? - Leader - Tá lá na tabeda de melhores performances
I Institutional Sponsorship: Follow the leaders - Aqui eu não sei dar pitaco. Não sei se tem gringo ou banco comprando a rodo.
M Market Direction: How you can learn to determine it - Rompendo TH atrás de TH

Enfim, foi um caso em que esse critério de Stock picking funcionou. Agora é só esperar um sinal de reversão do mercado para sair.

OO'Neil diz para ignorar o p/l, DY. O que está caro olhando o passado pode estar barato olhando o futuro.
Geralmente são os papéis do setor de tecnologia que se encaixam nesse critério. daí vem a grande dificuldade no nossa bolsa: por aqui só negociamos cerveja, cigarro, água... faltam oportunidades de negócios de alto crescimento. Mas aí é outra história.

Enfim encontrei a discussão perfeita para divagar um pouco sobre o P/L e outros múltiplos.

A definição de P/L clássica é aquela que diz que este múltiplo é o tempo em anos que a empresa leva para dobrar o investimento de um acionista, considerando apenas o L anual.

Isso foi uma regra. Não quer dizer que o futuro vai ser esse. Veja, o P/L é realmente o que diz a definição se o crescimento de lucros for 0%aa. Mas há empresas que performam taxas de crescimento constantes há anos.

Por exemplo, o P/L "verdadeiro" ou "potencial" da VLID3 não é 16,21 (fundamentus) e sim um valor bem menor, se considerarmos um crescimento de 15%aa do lucro líquido:

O LPA atual de R$ 2,218/ano (ao preço atual de 35,95/VLID3):

Anos: LPA ? LPA
1 2,55 2,55
2 2,93 5,48
3 3,37 8,86
4 3,88 12,74
5 4,46 17,20
6 5,13 22,33
7 5,90 28,23
8 6,78 35,01
9 7,80 42,82

O que fiz acima se trata de um somatório de uma Progressão Geométrica:http://pt.wikipedia.org/wiki/Progress%C3%A3o_geom%C3%A9trica#Soma_dos_termos_dentro_de_um_intervalo_da_P.G.

Em 8,3 (?) anos o preço pago "se paga" beeem menor dos tais 16,21 anos... Tá certo que 15% durante 8 anos seguidos é meio esquisito...mas se já aconteceu antes...e com certa regularidade...pq n esperar mais?

Vejam lá hein... Isso se aplica para empresas regulares! Não essas coisas de BEMA ou CARD ou BMTO.

Fiz isso pra PNVL3 e dei uma risada. Para AMBV4 e NATU3 tbm há reduções significantes, de P/Ls de 2X para uns 11-12. Quer dizer, dentre as "caras" estão caras rs.

Além de considerar essa componente logarítmica da análise, lembro tbm que o ROE é importante. O ROE se reflete no P/VPA. E a cada L de cada ano, um pedacinho desse L vira VPA. Assim o P/L de 8,x ficaria ainda menor se considerarmos um P/VPA para o L...

Fazer o que, filipa dormiu e eu tenho que fazer hora até ela acordar de novo rs.



Muito bom Uqaz, perceber isso é fundamental.
 
uqaz - 28/09/2012 21:31
citação: fazambuj
citação: ch3481Valid aumentando o volume!!!

p/l é um número do passado. Nessa aí eu paguei os tubos a preços de ontem e parece que paguei barato a preços futuros. O mercado parece estar botando fé na cruzada pelo mercado gringo. Pode dobrar o faturamento.
Já comentei algumas vezes sobre o critério de Stock Picking CANSLIM. A Valid é um exemplo que se encaixou mais ou menos bem.
C Current quarterly Earning and sales: The Higher, The Better - Valid se encaixava aqui
A Annual Earnings increase: Look for significant growth - Também
N New product, New management, New high: Buy at the right time - Entrada nos States + Certificação Digital + rompimento de TH atrás de TH

S Supply and Demand: Shares outstanding plus big volume demand - É small cap com demanda
L Leader or Laggard? Which is your stock? - Leader - Tá lá na tabeda de melhores performances
I Institutional Sponsorship: Follow the leaders - Aqui eu não sei dar pitaco. Não sei se tem gringo ou banco comprando a rodo.
M Market Direction: How you can learn to determine it - Rompendo TH atrás de TH

Enfim, foi um caso em que esse critério de Stock picking funcionou. Agora é só esperar um sinal de reversão do mercado para sair.

OO'Neil diz para ignorar o p/l, DY. O que está caro olhando o passado pode estar barato olhando o futuro.
Geralmente são os papéis do setor de tecnologia que se encaixam nesse critério. daí vem a grande dificuldade no nossa bolsa: por aqui só negociamos cerveja, cigarro, água... faltam oportunidades de negócios de alto crescimento. Mas aí é outra história.

Enfim encontrei a discussão perfeita para divagar um pouco sobre o P/L e outros múltiplos.

A definição de P/L clássica é aquela que diz que este múltiplo é o tempo em anos que a empresa leva para dobrar o investimento de um acionista, considerando apenas o L anual.

Isso foi uma regra. Não quer dizer que o futuro vai ser esse. Veja, o P/L é realmente o que diz a definição se o crescimento de lucros for 0%aa. Mas há empresas que performam taxas de crescimento constantes há anos.

Por exemplo, o P/L "verdadeiro" ou "potencial" da VLID3 não é 16,21 (fundamentus) e sim um valor bem menor, se considerarmos um crescimento de 15%aa do lucro líquido:

O LPA atual de R$ 2,218/ano (ao preço atual de 35,95/VLID3):

Anos: LPA ? LPA
1 2,55 2,55
2 2,93 5,48
3 3,37 8,86
4 3,88 12,74
5 4,46 17,20
6 5,13 22,33
7 5,90 28,23
8 6,78 35,01
9 7,80 42,82

O que fiz acima se trata de um somatório de uma Progressão Geométrica:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Progress%C3%A3o_geom%C3%A9trica#Soma_dos_termos_dentro_de_um_intervalo_da_P.G.

Em 8,3 (?) anos o preço pago "se paga" beeem menor dos tais 16,21 anos... Tá certo que 15% durante 8 anos seguidos é meio esquisito...mas se já aconteceu antes...e com certa regularidade...pq n esperar mais?

Vejam lá hein... Isso se aplica para empresas regulares! Não essas coisas de BEMA ou CARD ou BMTO.

Fiz isso pra PNVL3 e dei uma risada. Para AMBV4 e NATU3 tbm há reduções significantes, de P/Ls de 2X para uns 11-12. Quer dizer, dentre as "caras" estão caras rs.

Além de considerar essa componente logarítmica da análise, lembro tbm que o ROE é importante. O ROE se reflete no P/VPA. E a cada L de cada ano, um pedacinho desse L vira VPA. Assim o P/L de 8,x ficaria ainda menor se considerarmos um P/VPA para o L...

Fazer o que, filipa dormiu e eu tenho que fazer hora até ela acordar de novo rs.
 
dax1 - 18/09/2012 21:44
citação: fridao
citação: frenzal
citação: LCrippauqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!



LCrippa,
eu estou com a mesma dúvida em relação a que ativo escolher. Pelo que o uQaz falou, acho que ele se apaixonou pela Panvel.
Eu queria saber se ele comprou no fracionário, e se conseguiu fazer isso em um só dia. Pq sinceramente, o que me segura quanto a PNVL é o lote padrão com custo um tanto salgado.

abs



Se os múltiplos são bons, o preço não interessa...se vier um desdobramento então...sai da frente.

Se eu tivesse dindin sobrando, apostaria na PNVL.

abs




O preço interessa sim, sempre. Se uma empresa/ação, mesmo com qualidade e administração excelentes, for comprada MUITO cara, poderá levar MUITO tempo para trazer retorno, considerando também o "custo de oportunidade" de nesse intervalo de tempo (deixar de) investir (com mais ganho) em outra empresa, também ótima, mas muito mais "barata" no momento da compra.

 
fridao - 18/09/2012 11:45
citação: frenzal
citação: LCrippauqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!



LCrippa,

eu estou com a mesma dúvida em relação a que ativo escolher. Pelo que o uQaz falou, acho que ele se apaixonou pela Panvel.
Eu queria saber se ele comprou no fracionário, e se conseguiu fazer isso em um só dia. Pq sinceramente, o que me segura quanto a PNVL é o lote padrão com custo um tanto salgado.

abs



Se os múltiplos são bons, o preço não interessa...se vier um desdobramento então...sai da frente.

Se eu tivesse dindin sobrando, apostaria na PNVL.

abs
 
ch3481 - 18/09/2012 11:04
citação: uqaz
citação: LCrippauqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!

Tem nem dúvida, a segunda. O problema é vc conseguir comprar e o lance do tag along (que é zero!). Fora isso...



Vai na ON....tem 80% TA
 
uqaz - 18/09/2012 10:58
citação: LCrippauqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!

Tem nem dúvida, a segunda. O problema é vc conseguir comprar e o lance do tag along (que é zero!). Fora isso...
 
frenzal - 18/09/2012 10:32
citação: LCrippauqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!



LCrippa,

eu estou com a mesma dúvida em relação a que ativo escolher. Pelo que o uQaz falou, acho que ele se apaixonou pela Panvel.
Eu queria saber se ele comprou no fracionário, e se conseguiu fazer isso em um só dia. Pq sinceramente, o que me segura quanto a PNVL é o lote padrão com custo um tanto salgado.

abs
 
LCrippa - 17/09/2012 22:16
uqaz...

PRFM3 ou PNVL4??

Abs!
 
pppadv - 12/09/2012 13:00
citação: TexasDraw
citação: steve rayTexasDraw, o difícil é acertar pois veja até a ETER3 está na berlinda com o julgamento do ano que vem...

Acho que sobram small caps relacionadas a const. civil ex JHSF;HBOR;EZTC;PTBL, shoppings centers que não subiram muito, difícil...SHOW3 é uma boa mas cara, sei lá tá difícil....cade as vacas leiteiras? são quase todas reguladas...



Ok, pense no longo prazo...

Imagine o pessoal da velha guarda, não vou falar de mim.

Imagina quem comprou LAME4, AmBV4, Itsa, Cruz3 há 15 anos atrás...mesmo tendo aplicado pouco capital, hoje estão todos nadando no dinheiro.

Lógico que tudo pode ser regulado neste governo de merd#, mas ha coisas que são mais dificeis, itsa4 por exemplo, a administração sempre conseguiu dar a volta por cima de tudo quanto é obstaculo e aumentar o valor para os acionistas..

O buy&hold hoje em dia eh mais dificil?
Pra mim eh a mesma coisa...

Ficaria de olho nessas ações sem liquidez, estilo de investimento parece um private equity, mas daqui a 10 anos vão valer muito mais que hoje..

VLID3, PNVL4, CGRR4, BEEF3 e talves uma MDIA3...

Sei lá, mas tirando Panvel que é mais fortemente regulada na venda de remédios, o resto consegue sempre crescer mais que a economia como um todo e sofrem pouco regulamentação PTista. Mas enfim, faria buy7hold tranquilo nelas, sem medo de ser feliz...


Empresas de shoppings são vacas leiteiras, só que o rebanho está em crescimento e o leite distribuído atualmente ainda é racionado, mas se o rebanho parar de crescer sobrará bastante leite para distribuir!
Atualmente abre-se mão do leite farto de hoje por mais leite amanhã!
 
TexasDraw - 12/09/2012 12:21
citação: steve rayTexasDraw, o difícil é acertar pois veja até a ETER3 está na berlinda com o julgamento do ano que vem...

Acho que sobram small caps relacionadas a const. civil ex JHSF;HBOR;EZTC;PTBL, shoppings centers que não subiram muito, difícil...SHOW3 é uma boa mas cara, sei lá tá difícil....cade as vacas leiteiras? são quase todas reguladas...



Ok, pense no longo prazo...

Imagine o pessoal da velha guarda, não vou falar de mim.

Imagina quem comprou LAME4, AmBV4, Itsa, Cruz3 há 15 anos atrás...mesmo tendo aplicado pouco capital, hoje estão todos nadando no dinheiro.

Lógico que tudo pode ser regulado neste governo de merd#, mas ha coisas que são mais dificeis, itsa4 por exemplo, a administração sempre conseguiu dar a volta por cima de tudo quanto é obstaculo e aumentar o valor para os acionistas..

O buy&hold hoje em dia eh mais dificil?
Pra mim eh a mesma coisa...

Ficaria de olho nessas ações sem liquidez, estilo de investimento parece um private equity, mas daqui a 10 anos vão valer muito mais que hoje..

VLID3, PNVL4, CGRR4, BEEF3 e talves uma MDIA3...

Sei lá, mas tirando Panvel que é mais fortemente regulada na venda de remédios, o resto consegue sempre crescer mais que a economia como um todo e sofrem pouco regulamentação PTista. Mas enfim, faria buy7hold tranquilo nelas, sem medo de ser feliz...
 
polycrav - 11/09/2012 11:38
citação: uqaz
citação: polycrav
citação: uqaz
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?

Aaaa, o nobre colega há de concordar comigo:

citação: porcarias do polycrav"CARTEIRA PUNK" HOJE

OGXP3 -1,74%
ELPL4 -2,33%
USIM3 -0,28%
RSID3 -1,16%
PDGR3 +0,26%
SUZB5 -0,22%
CSNA3 +6,08%
GOLL4 +5,54%
ELET6 +1,21%

RENT: +0,82%

Não tem uma que salve aí...talvez RSID3 ou ELET6. Se quiser, retiro a frase, quer?



Naum uqaz!

Naum!

vc está com o "pé trocado"...

1. CSNA3 é porqueira?
2. ELPL4 virou porqueira?
3. Não possuo essa carteira.
4. Isso foi um teste "virtual" de uma lista "faca caindo" do índice IBOV desde o início de 2012. É só uma brincadeira.

É só um pequeno teste, um testículo de desempenho que estou avaliando até o final do ano, comparado ao IBOV e ao que quiser mais...

Qto tá dando essa carteira no ano, poly?



Não vou nem falar... porque a "apuração" começou no final da semana passada... de forma que seria muita maldade e a modéstia me impede de fazê-lo. rss
 
padrinho - 11/09/2012 11:34
citação: polycrav
citação: uqaz
citação: polycravEm tempo uqaz,

Pra você que só "namora" porcaria, EUCA4 está bem "animada" ATisticamente...

Sim poly, mas aquela história de tomarem os dividendos dos acionistas foi muito triste rs. E o que vc acha de PNVL3?

Ultrapassou o TH, só que sem volume...aliás, volume é o que falta nessa desgraçada. Um desdobramento faria maravilhas!



Buzísticamente esse volume pífio de negócios "embaça" a visão e a análise... diria que tá "esticada"...

Sobre a empresa, conheço muito pouco... só sei que tem uma em cada esquina, mas ainda é menor do que a Pague Menos (que vai abrir o capital ainda esse ano) por aqui...


A rede Pague Menos fez uma oferta pela Panvel aqui no RS....

A família Motin (dona da Panvel) disse não! Isso foi há uns 3-4 anos....e desde então a rede Pague Menos (que é do Ceará) tem abrido mais e mais farmácias aqui no RGS.....

O grande trunfo da Panvel parece ser a sua distribuidora (segunda do Brasil em volume se não me engano) e a marca própria de cosméticos e outras quinquilharias de produtos para farmácia.
 
polycrav - 11/09/2012 11:27
citação: uqaz
citação: polycravEm tempo uqaz,

Pra você que só "namora" porcaria, EUCA4 está bem "animada" ATisticamente...

Sim poly, mas aquela história de tomarem os dividendos dos acionistas foi muito triste rs. E o que vc acha de PNVL3?

Ultrapassou o TH, só que sem volume...aliás, volume é o que falta nessa desgraçada. Um desdobramento faria maravilhas!



Buzísticamente esse volume pífio de negócios "embaça" a visão e a análise... diria que tá "esticada"...

Sobre a empresa, conheço muito pouco... só sei que tem uma em cada esquina, mas ainda é menor do que a Pague Menos (que vai abrir o capital ainda esse ano) por aqui...
 
uqaz - 11/09/2012 11:27
citação: polycrav
citação: uqaz
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?

Aaaa, o nobre colega há de concordar comigo:

citação: porcarias do polycrav"CARTEIRA PUNK" HOJE

OGXP3 -1,74%
ELPL4 -2,33%
USIM3 -0,28%
RSID3 -1,16%
PDGR3 +0,26%
SUZB5 -0,22%
CSNA3 +6,08%
GOLL4 +5,54%
ELET6 +1,21%

RENT: +0,82%

Não tem uma que salve aí...talvez RSID3 ou ELET6. Se quiser, retiro a frase, quer?



Naum uqaz!

Naum!

vc está com o "pé trocado"...

1. CSNA3 é porqueira?
2. ELPL4 virou porqueira?
3. Não possuo essa carteira.
4. Isso foi um teste "virtual" de uma lista "faca caindo" do índice IBOV desde o início de 2012. É só uma brincadeira.

É só um pequeno teste, um testículo de desempenho que estou avaliando até o final do ano, comparado ao IBOV e ao que quiser mais...

Qto tá dando essa carteira no ano, poly?
 
uqaz - 11/09/2012 11:22
citação: polycravEm tempo uqaz,

Pra você que só "namora" porcaria, EUCA4 está bem "animada" ATisticamente...

Sim poly, mas aquela história de tomarem os dividendos dos acionistas foi muito triste rs. E o que vc acha de PNVL3?

Ultrapassou o TH, só que sem volume...aliás, volume é o que falta nessa desgraçada. Um desdobramento faria maravilhas!
 
polycrav - 11/09/2012 10:40
citação: GARUDA20
citação: CAP7
citação: padrinho
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?


Eita Porquera!



Polim

Ele quis dizer aquela coleção bonita de latinhas véia de cerveja que você tem em casa !!!!

Pipalulusempre



Mestre poly, nao ligue pro que eles dizem...



São loucos Garuda.

Loucos!

Perdoá-los-ei.

Não sabem o que falam...
 
polycrav - 11/09/2012 10:32
citação: uqaz
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?

Aaaa, o nobre colega há de concordar comigo:

citação: porcarias do polycrav"CARTEIRA PUNK" HOJE

OGXP3 -1,74%
ELPL4 -2,33%
USIM3 -0,28%
RSID3 -1,16%
PDGR3 +0,26%
SUZB5 -0,22%
CSNA3 +6,08%
GOLL4 +5,54%
ELET6 +1,21%

RENT: +0,82%

Não tem uma que salve aí...talvez RSID3 ou ELET6. Se quiser, retiro a frase, quer?



Naum uqaz!

Naum!

vc está com o "pé trocado"...

1. CSNA3 é porqueira?
2. ELPL4 virou porqueira?
3. Não possuo essa carteira.
4. Isso foi um teste "virtual" de uma lista "faca caindo" do índice IBOV desde o início de 2012. É só uma brincadeira.

É só um pequeno teste, um testículo de desempenho que estou avaliando até o final do ano, comparado ao IBOV e ao que quiser mais...
 
uqaz - 11/09/2012 10:31
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?

Aaaa, o nobre colega há de concordar comigo:

citação: porcarias PUNKs do polycrav"CARTEIRA PUNK" HOJE

OGXP3 -1,74%
ELPL4 -2,33%
USIM3 -0,28%
RSID3 -1,16%
PDGR3 +0,26%
SUZB5 -0,22%
CSNA3 +6,08%
GOLL4 +5,54%
ELET6 +1,21%

RENT: +0,82%

Não tem uma que salve aí...talvez RSID3 ou ELET6. Se quiser, retiro a frase, quer?
 
GARUDA20 - 11/09/2012 10:28
citação: CAP7
citação: padrinho
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?


Eita Porquera!



Polim

Ele quis dizer aquela coleção bonita de latinhas véia de cerveja que você tem em casa !!!!

Pipalulusempre



Mestre poly, nao ligue pro que eles dizem...

 
CAP7 - 11/09/2012 10:24
citação: padrinho
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?


Eita Porquera!



Polim

Ele quis dizer aquela coleção bonita de latinhas véia de cerveja que você tem em casa !!!!

Pipalulusempre
 
padrinho - 11/09/2012 09:52
citação: polycravUqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?


Eita Porquera!
 
polycrav - 11/09/2012 09:10

Uqaz,

Explique melhor essa sua frase "Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3..."

Baseado em quê vc faz essa afirmação nefasta?

 
uqaz - 11/09/2012 08:46
citação: padrinho
citação: aprendiz quebrado do professorCaro Uqaz alguma dica para o aprendiz quebrado?


Faço minha as suas palavras aprendiz!!!

Fiquei neste feriado pensando aonde botar uns pilas.....

ETER3 não chegou no "meu preço"....
VALE estilingou....
VLID não aparece "mão fraca".....
FRAS me traiu.....não caiu o que esperava após o 1T12 e ainda puxaram....
Querendo comprar mais EALT....

Trabalho muito corrido estas últimas 2 semanas.

Esse mês anda difícil vencer as siderúrgicas e commoditeiras da vida:

Em setembro:
uqaz: + 0,27%
IBOV: + 2,35%

Mas esse movimento me parece bastante artificial: China dando uma cantada no mundo, ameaças maiores de um QE3, Super Mario prometendo papar todos os cogumelos...não sei o quão real será o efeito disso tudo. Por isso, prefiro ainda ficar nos balanços e não me deixar levar por essas notícias papa-sardinhas.

Agora, vamos às elocubrações. Recentemente comprei PNVL3. Se vc aceita o preço atual de VLID3, és obrigado a comprar PNVL3, para manter a coerência de pensamento e diversificar. Acho que o poly coleciona tantas porcarias, que esqueceu de observar que PNVL3, apesar de ser uma empresa razoável está rompendo o topo histórico. Parece cara, mas não está!

Vou parar de falar sobre Panvel, pq gamei na empresa e sou suspeito rs.

Vamos a outra que penso estar ridiculamente barata: VIVT4. Esse ano foi marcado até agora pela sana comunista da dona Dilma. Os bancos foram os primeiros, depois as telecoms, agora as elétricas...VIVT4 se encontra num fundo gráfico interessante, pagando proventos igualmente interessantes neste fundo...

No campo das apostas, que não gosto muito observaria BNBR4, ETER3 e EUCA4. A primeira, parece ser a menos pior pelos proventos deliciosos (Abaixo de 20,00/BNBR4 eu compro!) e por um dia haver reflexo daqueles R$ 4bi no balanço. As outras duas são muito arriscadas, apesar de ETER ser uma empresa daquelas. EUCA4, preferiria que vc tirasse suas conclusões rs.

No home-broker tenho uma aba que chamo "OPORTUNIDADES". São papéis que estou de olho. Dando aquele mole, eu papo. As ações são:

CRIV4
BNBR4
BEMA3
VALE5
ELET3
EUCA4
EEEL3
MPLU3

Até quarta-feira passada, esperava comprar VALE5 por menos de 30,00. BEMA3 sigo esperando abaixo de 4,00. ELET3 está apetitosa. MPLU3 quero ver sangrar e até agora nada.
 
GARUDA20 - 05/09/2012 16:11
Em tempo, apesar de achar a ohl uma empresa fantastica, vendi com um lucrinho, apos chupinhar o Mestre Small... mas vendi pra comprar a Pnvl4, por achar que esta tem um puta potencial,que provavelmente nao va ter influencia do governo e que acredito estar barata.
abs
citação: Banzai10
citação: GARUDA20Serio!!! Qualquer um pode opinar?! entao la vai...

Vai vender por qual motivo?

os fundamentos nao mudaram, as perspectivas continuam, essa eh uma puta empresa, os esponhois tao precisando de din din pra salvar o core business(ou pra alguma oportunidade na propria Espanha deve ta tudo barato. vide Samu comprando tudo em Barca), entao estao abrindo mao dos tentaculos... acho que deve dar uma balancadinha no curto prazo mas no medio e longo so tem um caminho, pro alto e avante.

boa pagadora de dividendo, infraestrutura, olha o psr e compara com a ccro e a ecor.

Venda somente pra comprar coisa melhor e mais barato, nao por causa de boato.

abs

citação: fridaoSmall, Prof. Paulo e quem mais quiser opinar...

OHLB3...sair...ficar...permanecer...rezar...

Please.




Acho que ainsa vai dar sopa essa avaliação recém feita.

Oportunidade para comprar mais barato, diminui minha posição dela, mas não consigo sair, pois a empresa e seus fundamentos são muito bons.

Mas temos que ver se não vai fechar o capital e se fechar, com uma avaliação daquelas é nabo na certa.

O risco aumentou, mesmo a empresa tendo se mantido a mesma. Não podemos esquecer que o fator controlador também faz parte da empresa, assim como a governança. Não adianta o core-business ser bom e a empresa odiar os minoritários, não que seja o caso.

 
paulo_prof - 04/09/2012 01:00
citação: jlc007
citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%



Mas prof ,
Que liquidez é essa?!


Sim, a liquidez da PNVL4 é horrível ... Por outro lado, a liquidez de PNVL3 é bem melhor do que aquela de muitos ativos "bem conceituados" aqui (por exemplo, BGIP4). O preço corrente da PNVL3 é R$ 154,00. A melhor oferta de compra da PNVL4 é R$ 101,00. Aí não pode ser uma surpresa não aparecer um vendedor ... Tenta colocar uma ordem de compra a R$ 120,00 para ver se realmente não executa em menos de 5 pregões!!!
 
paulo_prof - 04/09/2012 00:15
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%



Então o gráfico do EBIT anualizado do Fundamentus está furado, pois está claramente decrescente !http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


No que se refere ao cálculo do EBIT, o Fundamentus deve estar cometendo um erro fundamental ...

Hoje em dia, a DRE informa especificamente:

3.05 Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos .... 18.496 .... 33.826

Ou seja, o EBIT do 1o. semestre de 2012 é de quase R$ 34 milhões.

Já o site do Fundamentus (http://fundamentus.com.br/detalhes.php?papel=PNVL3&x=44&y=18) informa que o EBIT dos últimos 12 meses é de apenas 15.973 e o dos últimos 3 meses é de ridiculos 7.573. Nada a ver!!! Vai saber que conta louca o Fundamentus está fazendo para chegar a estes valores!!!
 
jlc007 - 03/09/2012 23:45
citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%



Mas prof ,
Que liquidez é essa?!
 
pppadv - 03/09/2012 20:59
citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%



Então o gráfico do EBIT anualizado do Fundamentus está furado, pois está claramente decrescente !
http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2
 
danielbehar - 03/09/2012 20:56
citação: frenzal
citação: uqazpaulo, andei namorando estas PNVLs. Mas ocorre é que não achei informações sobre o tag along. Aq:http://www.rad.cvm.gov.br/ENETCONSULTA/frmGerenciaPaginaFRE.aspx?NumeroSequencialDocumento=20869&CodigoTipoInstituicao=2

em 18., não achei nada sobre tag along. Na busca do forum encontrei o danielbehar em 2001 afirmando que o tag along das ON era de 80%. Só que as PNs estão muito baratas (DY, e P/L = 12 vs P/L = 16 das ON).

Acho q vou de ON msm.



Não há nada no site da bolsa mesmo. Sendo assim, eles não tem nada além do que é exigível por lei, que são os 80% em ON.

abs



Além da questão do tag along, é preciso considerar que a liquidez do ativo é sofrível. Nesse cenário, prefiro as ordinárias, pois têm mais liquidez.

Observem a composição do capital social:

Ordinárias 4.121.059
Preferenciais 449.523
Total 4.570.582

Abs!

Daniel
 
uqaz - 03/09/2012 20:54
citação: frenzal
citação: uqazpaulo, andei namorando estas PNVLs. Mas ocorre é que não achei informações sobre o tag along. Aq:http://www.rad.cvm.gov.br/ENETCONSULTA/frmGerenciaPaginaFRE.aspx?NumeroSequencialDocumento=20869&CodigoTipoInstituicao=2

em 18., não achei nada sobre tag along. Na busca do forum encontrei o danielbehar em 2001 afirmando que o tag along das ON era de 80%. Só que as PNs estão muito baratas (DY, e P/L = 12 vs P/L = 16 das ON).

Acho q vou de ON msm.



Não há nada no site da bolsa mesmo. Sendo assim, eles não tem nada além do que é exigível por lei, que são os 80% em ON.

abs

frenzal, gamei nessa empresa. Grosso modo, em termos de múltiplos e características financeiras, está próxima a uma VLID3 - só que não paga tantos proventos e com um ROE levemente menor. Só que superior a uma MDIA3, por exemplo. Vence a MDIA3 no ROE, na dívida líquida, no crescimento de receitas.

Crescimento constante de receita. Não depende do dólar - lembra a CGRA tbm rs. Sei que contrariaria a história, mais um pequeno aumento na margem líquida levaria os lucros ao infinito.

Já imaginou uma desoneração tributária - que anda muito na moda, ou em vias de acontecer - no setor?!

Uma coisa que me intriga é o 3Txx da empresa. Há três anos que há uma pancada nesse trimestre, vou estudar o que passa nas notas explicativas.
 
frenzal - 03/09/2012 17:07
citação: uqazpaulo, andei namorando estas PNVLs. Mas ocorre é que não achei informações sobre o tag along. Aq:
http://www.rad.cvm.gov.br/ENETCONSULTA/frmGerenciaPaginaFRE.aspx?NumeroSequencialDocumento=20869&CodigoTipoInstituicao=2

em 18., não achei nada sobre tag along. Na busca do forum encontrei o danielbehar em 2001 afirmando que o tag along das ON era de 80%. Só que as PNs estão muito baratas (DY, e P/L = 12 vs P/L = 16 das ON).

Acho q vou de ON msm.



Não há nada no site da bolsa mesmo. Sendo assim, eles não tem nada além do que é exigível por lei, que são os 80% em ON.

abs
 
vonka - 03/09/2012 15:43
citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%



-------------------------

Prezado Paulo_prof, mandei um e-mail ontem. Deve estar em seus SPANS.
 
frenzal - 03/09/2012 14:19
Liquidez é sofrível mesmo, e para piorar, o lote mínimo é um tanto salgado. A solução para quem não quiser comprar 15K de Panvel seria ir pro fracionário...
É sofrível, mas dá!


citação: paulo_prof
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%

 
uqaz - 03/09/2012 14:04
paulo, andei namorando estas PNVLs. Mas ocorre é que não achei informações sobre o tag along. Aq:

http://www.rad.cvm.gov.br/ENETCONSULTA/frmGerenciaPaginaFRE.aspx?NumeroSequencialDocumento=20869&CodigoTipoInstituicao=2

em 18., não achei nada sobre tag along. Na busca do forum encontrei o danielbehar em 2001 afirmando que o tag along das ON era de 80%. Só que as PNs estão muito baratas (DY, e P/L = 12 vs P/L = 16 das ON).

Acho q vou de ON msm.
 
paulo_prof - 03/09/2012 12:06
citação: pppadv
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2


Se EBIT = Resultado Antes do Financeiro e Impostos = Resultado Antes dos Impostos - Resultado Financeiro

e a minha planilha estiver correta, nos 12 meses terminados em 30JUN, a situação é a seguinte:

EBIT 2008/2009: R$ 30,192 milhões
EBIT 2009/2010: R$ 43,944 milhões
EBIT 2010/2011: R$ 53,480 milhões
EBIT 2011/2012: R$ 60,281 milhões

taxa anual média de crescimento nominal últimos 3 anos: 25,9%
taxa anual média de crescimento nominal últimos 2 anos: 17,1%
taxa anual média de crescimento nominal no último ano: 12,7%
 
frenzal - 03/09/2012 00:02
citação: uqaz
citação: pppadv
citação: uqaz
citação: pppadv
citação: uqaz
citação: LCrippaugaz ,

pq n compra mais VLID ou GRND?

eu diminui a diversificaçao e comprei mais do mesmo que vem c excelentes resultados como

EZTC e HBOR.

abs

Jah tenho demais destas e subiram muito
Soh n queria comprar ELET3 que Estah suculenta.



Ugaz, já tem IGTA3 ?
Comércio /serviços que vc quer ? Não é, mas é "tipo" comércio/serviços (tiponet):p.php?pid=chartscreenshot&u=ExVTCM7Ieb9yVG0D2mmOMboynkhXIZJ2
Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com


Não vou falar sobre múltiplos nem sobre dividendos ou outras coisas, pois são meio mentirosos...

Desde que estudei IGTA3 e outras empresas de shoppings, aquela história de lucro de valorização de terrenos no DRE é meio esquisita. Sendo valorização de mercado, ou por TIR (que eu acho a que pode ser mais manipulada de todas rs) isso me cheira a picaretagem...Não é tão radical qto variação do câmbio, mas uma desvalorização - lá pra 2016, por exemplo - pode levar a resultados negativos, mesmo não afetando o operacional-operacional da empresa.

Mas essa é a minha opinião, não sou estudioso do assunto n...


Ugaz,
Todos os lucros da IGTA3 são reais (aluguéis, prestação de serviços de administração descontados das despesas, ou resultados de vendas de participação descontados dos custos de aquisição ou implantação) !
A Iguatemi não atualiza o valor de suas propriedades a valor de mercado e considera como lucro não!

Algumas empresas de shoppings contabilizam a valorização de suas propriedades como lucro, mas não são todas!

Opa, sendo assim volto a considera-lá. Essa semana pretendo estudar então BEMA3, IGTA3, PNVL4 e PRFM3. hebete, as três ultimas em suas máximas do ano...algumas em TH.

Frenzal, continue tentando me convencer sobre BEMA3. Meu problema com essa dona eh o ROE fraquíssimo. De resto, ela estah ótima. O que te leva a crer que o LL possa estourar os 54mi/ano? (máximo histórico)



Uqaz,
eu finalmente iniciei minha posição em BEMA3, nesta sexta-feira.
Claro que não tenho 1% da segurança que tenho ao investir em eztec.

Agora estou (estamos) dependentes de uma continua melhora das condições, e isso só quem é da empresa deve poder responder com certeza.
Bom, a Bematech tem uma bela participação no mercado em relação ao setor de hardware, sendo que é este o setor mais maduro e estabelecido da empresa. Quanto a qualidade do produto, até então não ouvi reclamações.
O problema fica em relação ao setor de softwares e serviços. Se não estiver enganado, software é algo que demanda um investimento inicial grande, mas após a maturação do negócio, esse custo tende a diminuir significativamente. Para se produzir e vender um software já criado não é necessário tantos insumos como é necessário para se vender um produto físico, é basicamente um exercício de CTRL C CTRL V. Óbvio que é necessário posicionar uma verba para atualizações, bugs, mas não deve ser comparavel ao desenvolvimento inicial. Será que seria esse o segredo do ROEzão da TOTVS? Se estiver correto neste aspecto, seria uma bela notícia para a gente. O que eu precisaria saber é em que estágio eles se encontram. Um publico em potencial eles já tem, incluindo diversas empresas que já usam o hardware deles. O desafio é convencer alguns a migrarem para o software também.
A parte de serviços também fica dependente do poder de persuasão deles. Quantos bares e pubs d Brasil podem seguir o exemplo do Wall Street Bar de sampa?
Quantos estabelecimentos podem se beneficiar de uma maior automatização? Acredito que este seja um setor que demande mais tempo para ser trabalhado.

Agora, existe algumas perguntas que eu gostaria de fazer para a empresa:
Em que etapa da reestruturação eles se encontram? Eles pensam em reposicionar mais unidades, assim como fizeram com Diadema? Quanto a área de P&D dá de retorno? Não poderia ser mais interessante alguma terceirização?

Abs
 
uqaz - 02/09/2012 22:11
citação: pppadv
citação: uqaz
citação: pppadv
citação: uqaz
citação: LCrippaugaz ,

pq n compra mais VLID ou GRND?

eu diminui a diversificaçao e comprei mais do mesmo que vem c excelentes resultados como

EZTC e HBOR.

abs

Jah tenho demais destas e subiram muito
Soh n queria comprar ELET3 que Estah suculenta.



Ugaz, já tem IGTA3 ?
Comércio /serviços que vc quer ? Não é, mas é "tipo" comércio/serviços (tiponet):p.php?pid=chartscreenshot&u=ExVTCM7Ieb9yVG0D2mmOMboynkhXIZJ2
Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com


Não vou falar sobre múltiplos nem sobre dividendos ou outras coisas, pois são meio mentirosos...

Desde que estudei IGTA3 e outras empresas de shoppings, aquela história de lucro de valorização de terrenos no DRE é meio esquisita. Sendo valorização de mercado, ou por TIR (que eu acho a que pode ser mais manipulada de todas rs) isso me cheira a picaretagem...Não é tão radical qto variação do câmbio, mas uma desvalorização - lá pra 2016, por exemplo - pode levar a resultados negativos, mesmo não afetando o operacional-operacional da empresa.

Mas essa é a minha opinião, não sou estudioso do assunto n...


Ugaz,
Todos os lucros da IGTA3 são reais (aluguéis, prestação de serviços de administração descontados das despesas, ou resultados de vendas de participação descontados dos custos de aquisição ou implantação) !
A Iguatemi não atualiza o valor de suas propriedades a valor de mercado e considera como lucro não!

Algumas empresas de shoppings contabilizam a valorização de suas propriedades como lucro, mas não são todas!

Opa, sendo assim volto a considera-lá. Essa semana pretendo estudar então BEMA3, IGTA3, PNVL4 e PRFM3. hebete, as três ultimas em suas máximas do ano...algumas em TH.

Frenzal, continue tentando me convencer sobre BEMA3. Meu problema com essa dona eh o ROE fraquíssimo. De resto, ela estah ótima. O que te leva a crer que o LL possa estourar os 54mi/ano? (máximo histórico)
 
pppadv - 02/09/2012 21:47
citação: paulo_prof
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.


Porque o EBIT de PNVL vem decrescendo a três anos seguidos?
http://www.fundamentus.com.br/graficos.php?papel=PNVL4&tipo=2
 
uqaz - 02/09/2012 20:15
Taí, gostei prof. ROE decente lucro expandindo este ano e anos anteriores.

Margem líquida maior do setor, o que explica um P/L um pouquinho maior que a PFRM3.

PNVL4...gostei da dona.
 
paulo_prof - 02/09/2012 20:06
citação: uqazPrezados, estou querendo comprar uma empresa de comércio/serviços para reeequilibrar os setores de minha carteira, face a compra de novas GETI3. BEMA3, muito comentada, acho que está caríssima. Nem SULA ou qq outra relativa tbm n, os resultados do 2T12 foram desanimadores.

SHOW3, poucos dividendos e sem histórico. CGRA, VLID, CARD, BRIN, SLED4 já tenho em grandes quantidades.

Alguém sugere alguma outra?


Dos ativos que acompanho (mesmo que meio de longe), o que me parece mais promissor nos setores que vc menciona parece ser PNVL4 (a PNVL3 está bem mais cara, mas não deixa de ser também uma opção). A liquidez de ambas é sofrível, mas a empresa me parece super sólida e com boas perspectivas (tem tudo para expandir os seus negócios para outras regiões do país, deverá ser assediada pelos gigantes do setor, e está relativamente barata para uma empresa cujo lucro líquido está crescendo mais de 15% reais ao ano.
 
paulo_prof - 18/08/2012 00:45
Como termo de comparação à RADL3, os resultados de empresa cujo ativo está bem mais razoavelmente precificado pelo mercado ...

PNVL3

PREÇO: R$ 146,00
PAYOUT (2011): 27,0%

Multiplicadores relativos aos últimos 12 meses
P/L 15,84
P/VPA 3,04
PSR 0,47
DY 1,70%
EV/EBITDA 10,11
MARGEM BRUTA 21,5%
MARGEM OPERACIONAL 4,1%
MARGEM LÍQUIDA 2,9%
LUCRO POR AÇÃO R$ 9,217
MARGEM EBITDA 4,7%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,7%
ROE 19,19%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,92

Taxas de crescimento do 1S12 em relação ao 1S11 e de 30JUN12 em relação a 30JUN11:
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +13,69%
RESULTADO BRUTO +13,09%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -39,20%
RESULTADO OPERACIONAL +26,42%
RESULTADO LÍQUIDO +27,62%
EBITDA +16,48%
PATRIMÔNIO LÍQUIDO +16,50%

Taxas de crescimento nominal do 2T12 em relação ao 2T11
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +10,58%
RESULTADO BRUTO +13,29%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -15,14%
RESULTADO OPERACIONAL +29,22%
RESULTADO LÍQUIDO +31,42%
EBITDA +17,17%

Taxas de crescimento anual médio nominal
a) do lucro líquido
UA 25,13%
U2A 17,08%
U3A 32,49%

b) do patrimônio líquido médio
UA 15,42%
U2A 15,20%
U3A 15,17%

Taxa anual média de crescimento real do lucro líquido necessária, durante 3 anos, para que o "preço justo" fornecido pela fórmula da FCD seja 30% superior à cotação atual (perpetuidade real de 0%; taxa de desconto anual de 8%): +19,5%
 
NotwenCardozo - 14/08/2012 21:44
Outra que está esticada mas está voando!

PNVL3 Resultados GuiaInvest
Empresa: DIMED S.A. DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS Ação: DIMED ON
Setor: Consumo não Cíclico Subsetor: Comércio e Distribuição
0,84%R$ 152,4514/08/12
Resultado do 2º Trimestre de 2012

A companhia divulgou lucro líquido de R$ 11,7 M no segundo trimestre de 2012, uma variação de 17,3% em relação ao primeiro trimestre de 2012 e crescimento de 31,4% em relação ao 2T11. A receita líquida totalizou R$ 371,5 M no 2T12, uma variação de 4,0% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e aumento de 10,8% em relação ao segundo trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 22,4% neste trimestre contra 20,9% no 1° trimestre de 2012 e 22,1% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 3,1% no 2T12 contra 2,8% no trimestre ligeiramente anterior.

Os ativos totais registraram o saldo de R$ 435,1 M, crescimento de 15,3% em relação ao saldo no 2T11. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 219,4 M no segundo trimestre de 2012, o que representou uma variação de 16,5% em relação ao saldo no 2° trimestre de 2011.

Nestes três meses, a ação oscilou 5,7% contra -15,7% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado atingiu R$ 680,5 M contra R$ 389,7 M no 2° trimestre de 2011.
 
anne rice - 22/05/2012 08:55
citação: NotwenCardozo
citação: paulo_profParece mesmo que no setor de varejo muito pouca coisa se salva ...varejo21mai12.jpg

Destas só tenho PNVL4 que está bem mais descontada do que PNVL3. PNVL3 está 40% mais cara.



eita tá feia a coisa
 
NotwenCardozo - 22/05/2012 01:11
citação: paulo_profParece mesmo que no setor de varejo muito pouca coisa se salva ...
varejo21mai12.jpg

Destas só tenho PNVL4 que está bem mais descontada do que PNVL3. PNVL3 está 40% mais cara.
 
paulo_prof - 15/05/2012 17:16
Devagar e sempre ... No que me concerne, meio cara mas, muito mais barata, por exemplo, do que RADL3, LLIS3 e outras mais ...

PNVL3
PREÇO: R$ 140,00
PAYOUT (2011): 27%

P/L 16,27
P/VPA 3,06
PSR 0,46
DY 1,66%
EV/EBITDA 9,78
MARGEM BRUTA 21,4%
MARGEM OPERACIONAL 3,9%
MARGEM LÍQUIDA 2,8%
LUCRO POR AÇÃO R$ 8,605
MARGEM EBITDA 4,7%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 9,9%
ROE 18,81%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,78

Taxas anuais médias nominais de crescimento
a) lucro líquido
UA 21,50%
U2A 11,40%
U3A 51,38%

b) patrimônio líquido médio
UA 14,99%
U2A 14,95%
U3A 14,66%

Taxa anual média de crescimento real do lucro líquido necessária nos próximos 3 anos para que o preço justo calculado pela fórmula do FCD seja 1,3 vezes a cotação atual (perpetuidade real nula; taxa de desconto real de 8%): +21%

Taxas nominais de crescimento relativas ao 1T11
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +17,38%
RESULTADO BRUTO +14,03%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO -68,65%
RESULTADO OPERACIONAL +23,34%
RESULTADO LÍQUIDO +23,43%
EBITDA +15,72%
PATRIMÔNIO LÍQUIDO +15,41%
ENDIVIDAMENTO LÍQUIDO -39,51%

 
NotwenCardozo - 15/05/2012 01:05
Acho que ninguém comentou este resultado.

PNVL3 (DIMED ON) 1T12 Resultados

R$ 140,00
---
09/05/12
Gráfico de Análise Técnica

Resultado do 1º Trimestre de 2012

A empresa registrou lucro líquido de R$ 10,0 M neste trimestre, uma variação de 13,5% em relação ao 4T11 e crescimento de 23,4% em relação ao 1T11. A receita líquida totalizou R$ 357,3 M neste trimestre, 0,5% menor que o 4T11, que foi de R$ 359,2 M. No mesmo período do ano anterior, a receita líquida havia atingido o valor de R$ 306,2 M.

O resultado corresponde a uma margem bruta de 20,94% contra 19,32% no quarto trimestre de 2011 e 21,77% no mesmo período do ano passado. Já a margem líquida ficou em 2,79% no 1T12 contra 2,45% no trimestre ligeiramente anterior.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 433,6 M, acréscimo de 20,6% em relação ao saldo no 1° trimestre de 2011. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 209,0 M neste trimestre, o que representou uma variação de 15,4% em relação ao saldo no primeiro trimestre de 2011.

Nestes três meses, a ação oscilou 29,28% contra 13,67% do Ibovespa, enquanto que o valor de mercado atingiu R$ 647,7 M contra R$ 397,2 M no 1T11.
 
Ikki de Phoenix - 03/05/2012 19:19
citação: danieljoseaa
citação: Ikki de Phoenix
citação: danieljoseaaRapaz....há algum tempo eu tô de olho nessa.....eu diria que é a SLED de outro setor....tem tudo ótimo, mas as margens são ridículas, se melhorar um pouquinho este ponto, tem tudo para ser um bom investimento.....PSR 0,1.

PFRM3:

Resultado do 1º Trimestre de 2012

A companhia registrou lucro líquido de R$ 9,5 M neste trimestre, crescimento de 9,4% em relação ao 4° trimestre de 2011 e aumento de 336,3% em relação ao 1T11. A receita líquida totalizou R$ 736,2 M no 1T12, uma variação de -39,4% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e crescimento de 11,8% em relação ao 1° trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 4,68% neste trimestre contra 2,29% no trimestre anterior e 5,92% no primeiro trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 1,30% no 1° trimestre de 2012 contra 0,72% no 4° trimestre de 2011.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 1,2 B, aumento de 10,5% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 555,0 M no 1T12, o que representou uma variação de 6,4% em relação ao saldo no 1T11.



Essa daí o governo não deixa andar nem por reza braba. Minha família INTEIRA pega remédio de graça no posto. Seja pra pressão, diabetes ou controle de colesterol, tudo se ganha... Pra quê comprar se a Dilminha dá pra gente?



Opa Ikki, A profarma é distribuidora de medicamentos.....bem diferente de PNVL, BHPA e todas as outras.....ela é única no setor de capital aberto.



Daniel, as margens das farmácias listadas em bolsa são ridículas também. Acho que de certa forma PFRM está relacionada a elas. Com a oferta cada vez maior de medicamentos gratuitos pelo governo as farmácias cada vez mais precisam reduzir seus preços para se tornar competitivas, e a pressão nos preços acaba sobrando também para a distribuidora.

Mas vc tem razão, é um ativo atraente... desde já está no meu radar.
 
danieljoseaa - 03/05/2012 19:05
citação: Ikki de Phoenix
citação: danieljoseaaRapaz....há algum tempo eu tô de olho nessa.....eu diria que é a SLED de outro setor....tem tudo ótimo, mas as margens são ridículas, se melhorar um pouquinho este ponto, tem tudo para ser um bom investimento.....PSR 0,1.

PFRM3:

Resultado do 1º Trimestre de 2012

A companhia registrou lucro líquido de R$ 9,5 M neste trimestre, crescimento de 9,4% em relação ao 4° trimestre de 2011 e aumento de 336,3% em relação ao 1T11. A receita líquida totalizou R$ 736,2 M no 1T12, uma variação de -39,4% em relação ao trimestre ligeiramente anterior e crescimento de 11,8% em relação ao 1° trimestre de 2011.

A margem bruta atingiu 4,68% neste trimestre contra 2,29% no trimestre anterior e 5,92% no primeiro trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 1,30% no 1° trimestre de 2012 contra 0,72% no 4° trimestre de 2011.

Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 1,2 B, aumento de 10,5% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido atingiu a soma de R$ 555,0 M no 1T12, o que representou uma variação de 6,4% em relação ao saldo no 1T11.



Essa daí o governo não deixa andar nem por reza braba. Minha família INTEIRA pega remédio de graça no posto. Seja pra pressão, diabetes ou controle de colesterol, tudo se ganha... Pra quê comprar se a Dilminha dá pra gente?



Opa Ikki, A profarma é distribuidora de medicamentos.....bem diferente de PNVL, BHPA e todas as outras.....ela é única no setor de capital aberto.
 
paulo_prof - 26/03/2012 14:49
PNVL3
PREÇO: R$ 148,00
PAYOUT (2011): 27%

Múltiplos baseados nos últimos 12 meses
P/L 18,08
P/VPA 3,40
PSR 0,50
DY 1,49%
EV/EBITDA 10,29
MARGEM BRUTA 21,6%
MARGEM OPERACIONAL 3,8%
MARGEM LÍQUIDA 2,8%
LUCRO POR AÇÃO R$ 8,187
MARGEM EBITDA 4,8%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 10,9%
ROE 18,78%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,69

Taxas anuais média nominais de crescimento
a) do lucro líquido
UA 21,61%
U2A 12,26%
U3A 56,90%

b) do patrimônio líquido médio
UA 14,98%
U2A 15,01%
U3A 13,80%

De acordo com a fórmula do FCD com perpetuidade real nula e taxa de desconto anual real de 10%, para que o preço atual seja o valor "justo" com margem de segurança nula, é necessário que a taxa anual de crescimento real do lucro líquido nos próximos 3 anos seja superior a 24%

Moral da história ... ativo meio caro para o meu gosto ...
 
steve ray - 21/03/2012 21:06
citação: WK2007
citação: floripasempre
citação: NotwenCardozoFrancamente não entendi bem direito esta história! Muito pouca clareza. Quer dizer que na próxima crise as ações irão subir? Sei que imprimiram bastante dinheiro e isso faz com que ele desvalorize ao longo do tempo, mas no ápice da crise quando está tudo negro. Será que não temos que ter o dinheiro separado lá para comprar as barganhas? Entendo que daqui até lá temos que ter ações, Fii's etc. Para mim, o pânico e a venda de ações numa crise próxima a qualquer preço já virou comportamento automático do ser humano. Então na próxima crise o dolar vai cair? (daqui até lá o US$ desvaloriza, mas lá no olho do furacão será que as ações vão subir?)."Na próxima crise, o que vai perder valor é o dinheiro", afirma Stuhlberger
Gestor do maior fundo multimercado do País fala sobre o alto endividamento global e diz que tem vendido ações e apostado em câmbiohttp://economia.ig.com.br/mercados/na-proxima-crise-o-que-vai-perder-valor-e-o-dinheiro-afirma-stuh/n1597692301321.html



Notwen

Vou tentar colocar da maneira mais primária possível.........

primeiro.....temos que reconhecer que vivemos em um "sistema fechado"......o mundo globalizado está limitado ao Planeta Terra........não é possível a Terra anexar outros planetas e civilizações para prosseguir o processo de expansão capitalista....parece sacanagem isso que estou falando, mas é verdade.....é importante entender esse ponto.....

segundo.......isso posto, entende-se que a solução para as atuais dificuldades devem ser encontradas dentro desse próprio mercado globalizado em que vivemos, e que veio funcionando sem grandes questionamentos até 2008.........a regra financeira mais importante do planeta que valia até então era - os superavits comerciais japoneses e chineses tinham contrapartida nos deficits americanos.......essa equaçao se sustentava, pois desde 1980 os juros americanos são baratos, e temos uma economia americana com PIB em expansão.....essa expansão americana sempre foi muito dependente do mercado imobiliário.......ou seja, o PIB crescia, com a valorização e incremento do mercado imobiliário, financiado na prática com aumento do endividamento (com China e Japão comprando papeis americanos - decorrente do proprio superavit de balança comercial desses países contra os americanos).

terceiro - desde 1980, os haveres financeiros cresceram terrivelmente, muito acima da produçao de bens.....há um desequilíbrio entre o dinheiro existente no mundo e a produçao real de bens......algumas estatísticas apontavam uma massa global de U$ 600 trilhoes de haveres financeiros em out de 2008 contra um PIB global de apenas U$ 50 trilhöes.

quarto - em out de 2008, alguem gritou que o Rei estava nú (crise do subprime). O primeiro impacto é sobre o PIB americano.....se nao posso contar mais com o mercado imobiliário....como faço para crescer?.......Se nao cresço adequadamente, como posso sustentar meu crescente déficit comercial/orçamentário? Nesse momento da partida, japao e china continuam compradores de papéis americanos.....até porque nao há outra alternativa.....mas todas as variaveis de riscos continuam presentes.....até porque, NADA ainda, substituiu os elementos daquela equaçao que foi destruida em 2008. Pelo contrário....EUA ainda precisa explicar para o Mundo como vai fazer o seu ajuste fiscal.....mantido o cenário atual, com o que foi feito até agora, o mundo que conhecemos simplesmente deixará de existir.....

peço desculpas aos técnicos, pela simplicidade do texto....eu dei apenas as carateristicas básicas do processo, para que o Notwen possa melhor entender porque o dinheiro perderá seu valor (e muito) conforme a dúvida por ele mesmo postada. Pode perder Not, simplesmente porque o GRAU DE CONFIANÇA vai se reduzindo, decorrente da falta de capacidade das autoridades no sentido de garantir a integridade das contas públicas.

Mas esse é um processo que pode se alongar por muito tempo, até que uma grande crise global sobrevenha.



Só complementando" de forma ainda mais sintética. A demanda americana era gerada por endividamento, sendo que as dívidas eram financiadas pelos chineses, japoneses e sauditas. Com a crise do subprime, tornou-se necessária a desalavancagem, para que as empresas e famílias reduzissem seu grau de endividamento. A "receita" dos Governos para atenuar esse problema, ajudando os endividados, foi aplicar uma política monetária ultra frouxa (juros reais negativos e quantitative easing), que em condições normais gera inflação. Daí a afirmação do Stuhkberger de que o grande perdedor será o dinheiro. Eu concordo com ele.



Achei o pensamento do gestor, de maneira filosófica , muito interessante porém voltando ao pensamento mais pragmático : muita gente vai se aposentar nesses anos vindouros e nao adianta espernear o mercado de acoes vai continuar sendo uma fonte essencial para acumular riqueza. Novas alternativas de investimento, avanço dos fiis, etc vão dar uma ajuda na busca da rentabilidade perdida pelo avanço da inflação.
A época agora e de preços premium para acoes com geracao de caixa atrelada a inflação.Vide as Ecor3, ohlb3, trna11, construtoras com recebiveis corrigidos pelo Igpm-eztc3-, consumo-pcar4, pnvl3,etc
Pena q já subiram demais e agora pareço um engenheiro de obra pronta citando as mesmas mas tah duro achar novas pechinchas.
Abs
 
small caps - 05/03/2012 23:19
citação: NotwenCardozo
citação: floripasempreNotwen

O Small vendeu LLIS3 por R$ 10,00.......tenho certeza que o Prof. tb já fez a mesma coisa.......eu, seguramente, estou fora dessa lista dos 5% que vendem na hora correta.......o que vc falou tb tem muita lógica.....mas mesmo dentro dessa lógica, cometemos muito erros........a saída de um ativo, que acreditamos bem valorizado, para outro ativo que chamamos de "barganha", nem sempre funciona.

Lembro que logo que comecei, conheci o Small logo em seguida......e tinha muita coisa cara na Bolsa.....então o Small começou a apostar em RANI, PTNT, EALT, MWET etc etc....e na época, tinha muito sentido fazer isso....o Small e o Prof desenvolveram uma rara sensibilidade, ao longo do tempo, da análise dos dados das empresas, e os futuros impactos com mudanças no cenário macro. "Entender" esses momentos exige conhecimento, confiança e uma certa dose de coragem.

Cada um com sua estratégia! Não há dúvida da competencia do Prof e do Small, embora pouco possa dizer sobre a sensibilidade deles, já vi eles pularem cedo demais de alguns ativos (incluindo minha maior posição TGMA3, HGTX3, PNVL3 e outras). Não gosto da estratégia de fatiar a picanha de empresas que considero excelentes para o LP, e olha que sou mais velho do que o Small. Mas o importante é cada um manter com suas estratégias e estar feliz com isso!

Além disso, o professor está num outro estágio de vida e muitas vezes quando um ativo sobe 30% e ele pula para outro ativo mais depreciado pois já está bom um ganho nestes patamares. Muito boa estratégia e funciona com segurança, mas dificilmente um investidor voltará a uma empresa que foi vendida cedo demais e que tenha se valorizado bastante depois da venda (quando usamos a famosa expressão "perder o bonde").

WB já dizia: "Uma vez realizado um bom investimento em uma empresa excelente, é melhor dormir sobre os louros do que vendê-la obtendo um lucro modesto e procurar outra empresa para investir. Daí a importancia de saber distinguir uma empresa excelente. Mas se vc investiu numa empresa medíocre cujos fundamentos econômicos de LP não trabalham a seu favor, melhor seguir o conselho de Bernard Baruch (o WB de sua época), que, quando lhe perguntaram como tinha enriquecido, respondeu com um sorriso maroto: "sempre vendi cedo demais"."

Certamente hoje sei que nem todas empresas em que investi são boas para LP mas as que considero de LP ainda as mantenho em carteira!



Este fato é relevante e minha posição é:

As decisões são tomadas conforme as cartas que estão na mesa.
No fatídico dia da venda da LLIS, após mais de 200% de alta em pouco tempo, vi uma entrevista com um dos administradores da empresa dizendo: Nâo temos planos de expansão. Nosso modelo de negócio não comporta uma expansão relevante.

Pois bem, naqueles múltiplos vendi sem dó, pois apenas e tão somente a expansão justificaria aqueles preços.

Agora, sobre venda afoita, tenho certeza que não sofro. Não foi a toa que fiz 5.000% em LAME3 (vendi em 2007 e NUNCA MAIS chegou naquele preço) e em MNPR3 que também vendi e hoje negocia a menos de 30% do valor de venda. Ainda que se tenha lucros extratosféricos é FUNDAMENTAL saber vender.

Por exemplo, este ano encerrei posição em ativos que também ganhei mais de 1.000%. Um deles foi CEPE5. Já viram os múltiplos? Comparei com a querida TRNA11 e não tive dúvida do que fazer. Desde então, CEPE5 encontra-se estagnada, e já levei de brinde mais 27% em TRNA11 em menos de 60 dias. This is the game.

Não há qualquer posição INVENDÁVEL neste mundo. O mercado não é uma ilha e é por isso que diversos aspectos devem ser analisados, como o timing. Diversos papeís só performam de forma sensacional porque foram comprados na hora certa. Quem entrou no IPO de Helbor ganhou 100/200%. Quem comprou quando entrou na carteira small caps já ganha mais de 1.000% em pouco tempo.

Sobre gestão de risco, a lição de BNBR4 a meu Juízo é mais do que o suficiente. Não existe qualquer empresa no mundo imune a fatos que passam despercebidos pelo investidor e a única forma de se proteger disto é fazer previamente a lição de casa. Saber onde está pisando e até quando está disposto a perder num ativo.

Abraços,
Small caps.
 
aprendiz quebrado do professor - 05/03/2012 19:32
Excelente , caro Notwen

Estou segurando alpa com cadeado, apesar de sua alta recente. Deixei de ganhar algumas vezes por sair cedo do papel. Eztec sobe,sobe e sobe. Mas vou segurando.
Mas posso ter saido cedo de fras.
Até


citação: NotwenCardozo
citação: floripasempreNotwen

O Small vendeu LLIS3 por R$ 10,00.......tenho certeza que o Prof. tb já fez a mesma coisa.......eu, seguramente, estou fora dessa lista dos 5% que vendem na hora correta.......o que vc falou tb tem muita lógica.....mas mesmo dentro dessa lógica, cometemos muito erros........a saída de um ativo, que acreditamos bem valorizado, para outro ativo que chamamos de "barganha", nem sempre funciona.

Lembro que logo que comecei, conheci o Small logo em seguida......e tinha muita coisa cara na Bolsa.....então o Small começou a apostar em RANI, PTNT, EALT, MWET etc etc....e na época, tinha muito sentido fazer isso....o Small e o Prof desenvolveram uma rara sensibilidade, ao longo do tempo, da análise dos dados das empresas, e os futuros impactos com mudanças no cenário macro. "Entender" esses momentos exige conhecimento, confiança e uma certa dose de coragem.

Cada um com sua estratégia! Não há dúvida da competencia do Prof e do Small, embora pouco possa dizer sobre a sensibilidade deles, já vi eles pularem cedo demais de alguns ativos (incluindo minha maior posição TGMA3, HGTX3, PNVL3 e outras). Não gosto da estratégia de fatiar a picanha de empresas que considero excelentes para o LP, e olha que sou mais velho do que o Small. Mas o importante é cada um manter com suas estratégias e estar feliz com isso!

Além disso, o professor está num outro estágio de vida e muitas vezes quando um ativo sobe 30% e ele pula para outro ativo mais depreciado pois já está bom um ganho nestes patamares. Muito boa estratégia e funciona com segurança, mas dificilmente um investidor voltará a uma empresa que foi vendida cedo demais e que tenha se valorizado bastante depois da venda (quando usamos a famosa expressão "perder o bonde").

WB já dizia: "Uma vez realizado um bom investimento em uma empresa excelente, é melhor dormir sobre os louros do que vendê-la obtendo um lucro modesto e procurar outra empresa para investir. Daí a importancia de saber distinguir uma empresa excelente. Mas se vc investiu numa empresa medíocre cujos fundamentos econômicos de LP não trabalham a seu favor, melhor seguir o conselho de Bernard Baruch (o WB de sua época), que, quando lhe perguntaram como tinha enriquecido, respondeu com um sorriso maroto: "sempre vendi cedo demais"."

Certamente hoje sei que nem todas empresas em que investi são boas para LP mas as que considero de LP ainda as mantenho em carteira!

 
NotwenCardozo - 05/03/2012 19:06
citação: floripasempreNotwen

O Small vendeu LLIS3 por R$ 10,00.......tenho certeza que o Prof. tb já fez a mesma coisa.......eu, seguramente, estou fora dessa lista dos 5% que vendem na hora correta.......o que vc falou tb tem muita lógica.....mas mesmo dentro dessa lógica, cometemos muito erros........a saída de um ativo, que acreditamos bem valorizado, para outro ativo que chamamos de "barganha", nem sempre funciona.

Lembro que logo que comecei, conheci o Small logo em seguida......e tinha muita coisa cara na Bolsa.....então o Small começou a apostar em RANI, PTNT, EALT, MWET etc etc....e na época, tinha muito sentido fazer isso....o Small e o Prof desenvolveram uma rara sensibilidade, ao longo do tempo, da análise dos dados das empresas, e os futuros impactos com mudanças no cenário macro. "Entender" esses momentos exige conhecimento, confiança e uma certa dose de coragem.

Cada um com sua estratégia! Não há dúvida da competencia do Prof e do Small, embora pouco possa dizer sobre a sensibilidade deles, já vi eles pularem cedo demais de alguns ativos (incluindo minha maior posição TGMA3, HGTX3, PNVL3 e outras). Não gosto da estratégia de fatiar a picanha de empresas que considero excelentes para o LP, e olha que sou mais velho do que o Small. Mas o importante é cada um manter com suas estratégias e estar feliz com isso!

Além disso, o professor está num outro estágio de vida e muitas vezes quando um ativo sobe 30% e ele pula para outro ativo mais depreciado pois já está bom um ganho nestes patamares. Muito boa estratégia e funciona com segurança, mas dificilmente um investidor voltará a uma empresa que foi vendida cedo demais e que tenha se valorizado bastante depois da venda (quando usamos a famosa expressão "perder o bonde").

WB já dizia: "Uma vez realizado um bom investimento em uma empresa excelente, é melhor dormir sobre os louros do que vendê-la obtendo um lucro modesto e procurar outra empresa para investir. Daí a importancia de saber distinguir uma empresa excelente. Mas se vc investiu numa empresa medíocre cujos fundamentos econômicos de LP não trabalham a seu favor, melhor seguir o conselho de Bernard Baruch (o WB de sua época), que, quando lhe perguntaram como tinha enriquecido, respondeu com um sorriso maroto: "sempre vendi cedo demais"."

Certamente hoje sei que nem todas empresas em que investi são boas para LP mas as que considero de LP ainda as mantenho em carteira!
 
danielbehar - 17/02/2012 18:34


SAUDADES: PNVL3
 
fridao - 17/02/2012 00:58
PNVL3...o que é aquilo? Putz!!!
 
M Boi Mirim - 04/02/2012 20:59
citação: fridaoAlguém consegue explicar essa valorização da PNVL3? Será que existe algo que não sabemos?...Lembro que o Small saiu do papel, mas ela continua subindo sem parar...Putz!!!

Abs



Fridao, a Panvel esta em franca expansão em SC, RS, PR, melhorou a rentabilidade das operações nos últimos anos, ocorrem boatos de fusão, venda etc nesse setor farmacêutico e parece q a brazil pharma estava interessada ou algo assim. Tem umas notas no valor econômico sobre isso.
Da empresa em si pode observar que eh uma empresa integrada, com laboratório proprio-cosméticos em geral-, centro de distribuição de medicamentos e ainda os pontos de venda-farmácias-.
Engraçado ainda q mesmo depois dessas altas continua relativamente mais barata q as concorrentes.
Baixo endividamento, foco no mercado interno, alvo de consolidação, tudo q o mercado gosta. Mas depois de tanta alta o risco de corrigir eh alto ein?
Abs
 
fridao - 04/02/2012 19:36
Alguém consegue explicar essa valorização da PNVL3? Será que existe algo que não sabemos?...Lembro que o Small saiu do papel, mas ela continua subindo sem parar...Putz!!!

Abs
 
paulo_prof - 04/01/2012 11:29
citação: revelleProfessor, estou apostando no setor de varejo para 2012.
Alguma indicação ?

Obrigado desde ja.


Acho que a probabilidade de perder dinheiro em CGRA4 é praticamente nula. Por outro lado, como é um ativo meio esquecido pelo mercado, também não dá para prever grandes ganhos.

Um outro ativo na mesma condição é PNVL3. Muito baixa a probabilidade de perder grana.

Com um risco muito maior, vejo boas possibilidades na AMAR3. Posso estar enganado, mas me parece ser o tipo de loja frequentado pelo segmento da baixa renda que será turbinado com o aumento do SM. Por outro lado, parece que os caras estão num processo de modificar o mix de produtos nas lojas, objetivando um aumento de R$ faturados por m2.
 
pedrosousa - 23/12/2011 18:35
citação: paulo_prof
citação: danieljoseaaEssa semana tem JCP de BNBR4, BBAS3, ETER3, talvez de JHSF3.....rendimentos de CNES11B......ho, ho, ho.....:):)


BBAS3 e ETER3 já anunciaram ...

... a minha lista inclui também ABCB4, BEES3, CEPE5, CRUZ3, DAYC4, DROG3, EMBR3, EUCA3 ???, IDVL4, ITSA4, ITUB4, PETR4, PINE4, PNVL3, PSSA3, ROMI3, SANB11, SBSP3 ??? e WEGE3.



EUCA, anunciou hj jcp, data "com" hj.
Quais ainda faltam, alguém tem atualizado ???

(23/12) EUCATEX (EUCA - N1) - Distribuicao de juros sobre o capital proprio
DRI: Jose Antonio Goulart de Carvalho

Enviou o seguinte Aviso aos Acionistas:

"EUCATEX S/A - INDUSTRIA E COMERCIO, com sede na Av. Presidente Juscelino
Kubitschek, 1830 - Torre I - 11o andar - Sao Paulo/SP, devidamente inscrita no
CNPJ/MF. sob o n. 56.643.018/0001-66, AVISA aos seus acionistas que atraves de
reuniao do Conselho de Administracao realizada no dia 22/12/11, foi deliberado o pagamento de juros sobre o capital proprio, relativo ao exercicio social que
encerrar-se-a em 31 de dezembro de 2011, cujo valor foi apurado com base no
balanco patrimonial levantado em 30 de setembro de 2011 e nos reflexos contabeis projetados para 31/12/2011, no valor bruto de R$ 22.450.000,00 (vinte e dois milhoes, quatrocentos e cinquenta mil reais), resultando em R$ 0,228559, por acao ordinaria e R$ 0,251415 por acao preferencial, com base na posicao acionaria de 23/12/11.

A data de pagamento dos juros sobre o capital proprio sera deliberada pela
Assembleia Geral Ordinaria a ser realizada ate o dia 30 de abril de 2012, sem
que seja devida qualquer atualizacao monetaria ou remuneracao correspondente
entre a presente data e a data do seu efetivo pagamento.

As acoes de emissao da Companhia passarao a ser negociadas ex juros sobre o
capital proprio em 26/12/11. Sobre os valores pagos a titulo de juros sobre o
capital proprio incidirao imposto de renda na fonte, nos termos da Lei n
9.249/95. Os acionistas terao seus creditos disponiveis de acordo com o
domicilio bancario fornecido ao Banco Itau S/A, Instituicao Custodiante das
acoes de emissao da Companhia.

Para maiores informacoes sobre a documentacao necessaria e sobre o procedimento para atualizacao de cadastro, favor entrar em contato atraves do telefone (11) 5029.7780
ou e-mail investfone.investimento@itau-unibanco.com.br.

Sao Paulo, 22 de dezembro de 2011."

Norma: a partir 26/12/2011, acoes nominativas ex-juros.
 
paulo_prof - 18/12/2011 20:26
citação: renato1631mestre Paulo

E prbc4?

citação: paulo_prof
citação: danieljoseaaEssa semana tem JCP de BNBR4, BBAS3, ETER3, talvez de JHSF3.....rendimentos de CNES11B......ho, ho, ho.....:):)


... e mais ABCB4, BEES3, CEPE5, CRUZ3, DAYC4, DROG3, EMBR3, EUCA3 ???, IDVL4, ITSA4, ITUB4, PETR4, PINE4, PNVL3, PSSA3, ROMI3, SANB11, SBSP3 ??? e WEGE3.



PRBC4 deverá anunciar ainda este ano, mas o dia "com" será aprox. 09JAN.
 
paulo_prof - 18/12/2011 20:25
citação: danieljoseaaEssa semana tem JCP de BNBR4, BBAS3, ETER3, talvez de JHSF3.....rendimentos de CNES11B......ho, ho, ho.....:):)


BBAS3 e ETER3 já anunciaram ...

... a minha lista inclui também ABCB4, BEES3, CEPE5, CRUZ3, DAYC4, DROG3, EMBR3, EUCA3 ???, IDVL4, ITSA4, ITUB4, PETR4, PINE4, PNVL3, PSSA3, ROMI3, SANB11, SBSP3 ??? e WEGE3.
 
renato1631 - 18/12/2011 20:25
mestre Paulo

E prbc4?

citação: paulo_prof
citação: danieljoseaaEssa semana tem JCP de BNBR4, BBAS3, ETER3, talvez de JHSF3.....rendimentos de CNES11B......ho, ho, ho.....:):)


... e mais ABCB4, BEES3, CEPE5, CRUZ3, DAYC4, DROG3, EMBR3, EUCA3 ???, IDVL4, ITSA4, ITUB4, PETR4, PINE4, PNVL3, PSSA3, ROMI3, SANB11, SBSP3 ??? e WEGE3.

 
paulo_prof - 12/12/2011 12:13
citação: NotwenCardozo
citação: paulo_profPor volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?

Olha os dividendos da TRIS3 aí finalmente pingando:

(12/12) TRISUL (TRIS - NM) - Data de pagamento do dividendo
DRI: Fernando Salomao

Enviou o seguinte Aviso aos Acionistas:

"Comunicamos aos Senhores Acionistas que, em Assembleia Geral Ordinaria da
Companhia realizada em 29 de abril de 2011, conforme proposto pela
Administracao, os acionistas aprovaram o pagamento de dividendos obrigatorios,
sujeito as seguintes condicoes:

1. Farao jus aos dividendos os detentores de acoes de emissao da Companhia em 29
de abril de 2011, data da aprovacao dos mesmos pela Assembleia Geral Ordinaria
da Companhia.

2. Montante total dos dividendos R$ 9.300.390,62 correspondentes a
R$ 0,113698422, por acao, deduzido acoes em tesouraria.

3. Data do Pagamento: 20 de dezembro de 2011.

4. As acoes da Companhia sao negociadas ex-direito a dividendos, desde 30 de
abril de 2011, inclusive.

5. Os acionistas terao seus creditos disponiveis de acordo com o domicilio
bancario fornecido ao Banco Itau Unibanco S.A., Instituicao Financeira
Escrituraria das acoes de emissao da Companhia, a partir da data de inicio do
pagamento dos dividendos.

6. Aos acionistas cujo cadastro nao contenha a inscricao do numero do CPF/MF ou
do CNPJ/MF, ou a indicacao de Banco/Agencia/Conta Corrente, os valores somente
serao creditados a partir do 3 dia util, contado da data da atualizacao
cadastral nos arquivos eletronicos do Banco Itau Unibanco S.A., que podera ser
efetuada atraves de qualquer agencia da rede Itau Unibanco, ou atraves de
correspondencia dirigida ao Banco Itau Unibanco S.A. - Unidade de Acoes e
Debentures, situada na Cidade de Sao Paulo, Estado de Sao Paulo, Avenida
Engenheiro Armando de Arruda Pereira, n 707 - 10o andar, bairro Jabaquara, CEP
04344-902.

7. Aos acionistas usuarios de custodia fiduciaria da CBLC - Companhia Brasileira
de Liquidacao e Custodia, os dividendos serao pagos a referida CBLC que os
repassara aos acionistas titulares por intermedio dos seus Agentes de Custodia.

Sao Paulo, 09 de dezembro de 2011."


Pelas minhas anotações ... agora estaria faltando somente o glorioso turnaround do século 22, Inepar ... Não é, Samu?
 
NotwenCardozo - 12/12/2011 10:26
citação: paulo_profPor volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?

Olha os dividendos da TRIS3 aí finalmente pingando:

(12/12) TRISUL (TRIS - NM) - Data de pagamento do dividendo
DRI: Fernando Salomao

Enviou o seguinte Aviso aos Acionistas:

"Comunicamos aos Senhores Acionistas que, em Assembleia Geral Ordinaria da
Companhia realizada em 29 de abril de 2011, conforme proposto pela
Administracao, os acionistas aprovaram o pagamento de dividendos obrigatorios,
sujeito as seguintes condicoes:

1. Farao jus aos dividendos os detentores de acoes de emissao da Companhia em 29
de abril de 2011, data da aprovacao dos mesmos pela Assembleia Geral Ordinaria
da Companhia.

2. Montante total dos dividendos R$ 9.300.390,62 correspondentes a
R$ 0,113698422, por acao, deduzido acoes em tesouraria.

3. Data do Pagamento: 20 de dezembro de 2011.

4. As acoes da Companhia sao negociadas ex-direito a dividendos, desde 30 de
abril de 2011, inclusive.

5. Os acionistas terao seus creditos disponiveis de acordo com o domicilio
bancario fornecido ao Banco Itau Unibanco S.A., Instituicao Financeira
Escrituraria das acoes de emissao da Companhia, a partir da data de inicio do
pagamento dos dividendos.

6. Aos acionistas cujo cadastro nao contenha a inscricao do numero do CPF/MF ou
do CNPJ/MF, ou a indicacao de Banco/Agencia/Conta Corrente, os valores somente
serao creditados a partir do 3 dia util, contado da data da atualizacao
cadastral nos arquivos eletronicos do Banco Itau Unibanco S.A., que podera ser
efetuada atraves de qualquer agencia da rede Itau Unibanco, ou atraves de
correspondencia dirigida ao Banco Itau Unibanco S.A. - Unidade de Acoes e
Debentures, situada na Cidade de Sao Paulo, Estado de Sao Paulo, Avenida
Engenheiro Armando de Arruda Pereira, n 707 - 10o andar, bairro Jabaquara, CEP
04344-902.

7. Aos acionistas usuarios de custodia fiduciaria da CBLC - Companhia Brasileira
de Liquidacao e Custodia, os dividendos serao pagos a referida CBLC que os
repassara aos acionistas titulares por intermedio dos seus Agentes de Custodia.

Sao Paulo, 09 de dezembro de 2011."
 
paulo_prof - 11/12/2011 16:58
citação: gustgef
citação: paulo_profPor volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?



Professor, quanto a EUCA4, não vou nem questionar suas contas porque elas batem com alguma clareza. Mas a pergunta é: você sabe de alguma outra noticia que indique o pagamento de dividendos em dezembro ou é só porque ano passado foi assim?

Aprofundando a EUCA4, reli seus resultados e vi que é uma companhia extremamente verticalizada e está melhorando suas margens recorrentes. Vejo também que ela calcula o valor de mercado dos ativos biológicos (uma vez que ela vai vender para ela mesma é uma boa maneira de verificar a remuneração do setor primário da empresa). Baseado nisso, projetei um LL de algo em torno de 95 milhões pra 2012 (conservador se contarmos que o dólar prejudicou o último balanço). Se com 77 ela distribui 0,35 (5,7% a preços correntes), com 95 ela distribuiria 0,43 (7%). Soma-se a isso o extenso patrimônio e um crescimento recente de 17% a.a. acho que caso ela anuncie esse pagamento a ação pode vir a BOMBAR, já que boa parte da queda do papel ocorreu devido à suspensão de pagamento dos dividendos de maio.

Entendo a preferência do fórum por Eternit no ramo de material de construção, mas a euca4 é uma empresa diferente (madeira) e anda bem mais defesada do que a primeira.


Não. Nada além do fato de, tendo a empresa colocado a casa em ordem no ano passado, ter efetivamente pago os proventos em duas parcelas. Como ela continua "muito bem das pernas", a conjectura é de que não há razões para mudanças.

No mais, acho que é isto mesmo ... a empresa é ótima ... mas prefiro os sócios da Eternit ...
 
gustgef - 11/12/2011 14:52
citação: paulo_profPor volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?



Professor, quanto a EUCA4, não vou nem questionar suas contas porque elas batem com alguma clareza. Mas a pergunta é: você sabe de alguma outra noticia que indique o pagamento de dividendos em dezembro ou é só porque ano passado foi assim?

Aprofundando a EUCA4, reli seus resultados e vi que é uma companhia extremamente verticalizada e está melhorando suas margens recorrentes. Vejo também que ela calcula o valor de mercado dos ativos biológicos (uma vez que ela vai vender para ela mesma é uma boa maneira de verificar a remuneração do setor primário da empresa). Baseado nisso, projetei um LL de algo em torno de 95 milhões pra 2012 (conservador se contarmos que o dólar prejudicou o último balanço). Se com 77 ela distribui 0,35 (5,7% a preços correntes), com 95 ela distribuiria 0,43 (7%). Soma-se a isso o extenso patrimônio e um crescimento recente de 17% a.a. acho que caso ela anuncie esse pagamento a ação pode vir a BOMBAR, já que boa parte da queda do papel ocorreu devido à suspensão de pagamento dos dividendos de maio.

Entendo a preferência do fórum por Eternit no ramo de material de construção, mas a euca4 é uma empresa diferente (madeira) e anda bem mais defesada do que a primeira.

 
aprendiz quebrado do professor - 10/12/2011 23:50
Caracoles. Esse homem é um fenômeno.

Viva nosso professor

citação: paulo_profPor volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?

 
paulo_prof - 10/12/2011 23:35
Por volta do dia 21/22 de dezembro, o BB costuma distribuir a última parcela dos JCP do exercício.

Pelas minhas contas, o limite legal seria algo em torno dos R$ 0,34 por ação. Não creio, entretanto, que o banco pague o teto. Acho que está mais para R$ 0,29-0,30.

Outras empresas que deverão pagar JCP razoáveis ainda em dezembro são:

CGRA4: pela minha estimativa poderá distribuir até R$ 0,75/ação;
EUCA4: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,35/ação;
JHSF3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 0,15/ação;
PNVL3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 1,35/ação;
SBSP3: pela minha estimativa poderá distribuir aprox R$ 2,50/ação;
PINE4: vai saber? uns R$ 0,30/ação entre JCP e dividendos?
 
NotwenCardozo - 03/12/2011 00:00
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.

Boa! PNVL3 fechou a 116,50 ontem. Continuo comprado em PNVL4 desde os 59 (PM).
 
Barbado - 02/12/2011 17:41
citação: samudutra
citação: polycrav
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.



Ahhhh seu malvado! Então era você que tava vendendo pro Samu? rs

Small... vc num presta! AVISA!! kkk



E quem quiser vender a 130,00 pode por lá que eu vou comprar!



Samu, abra um vinho, corte uns queijos e espere essa m.e.r.d... cair mais, eu não creio que vá se sustentar em 130,00 não.

 
samudutra - 02/12/2011 17:35
citação: polycrav
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.



Ahhhh seu malvado! Então era você que tava vendendo pro Samu? rs

Small... vc num presta! AVISA!! kkk




E quem quiser vender a 130,00 pode por lá que eu vou comprar!
 
WILSONDAATIVA - 02/12/2011 17:31
citação: small caps
citação: polycrav
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.



Ahhhh seu malvado! Então era você que tava vendendo pro Samu? rs

Small... vc num presta! AVISA!! kkk



Samu comprou mais barato.
No primeiro fato, vendi a R$ 170,00, porque não conseguir fazê-lo na abertura por R$ 2,00... seria por R$ 189,00...
Neste segundo, foi-se a R$ 147,50.

Ainda que a redução da locação seja de apenas 10%, a R$ 147,00 valia mais a venda, a meu Juízo, pois outros fundos, quando totalmente locados e sem inquilinos FDP e sem altíssimo risco de inadimplência, também pagam (pagarão) 1% a.m. como o próprio FMOF11, cujo risco HOJE, É infinitamente menor que de um hospital mal administrado especializado em produzir dívidas.

Abraços,
Small caps.




EU AVISEI !

Nosso mestre avalizou agora .


Mas ainda vale um trade rápido .
 
small caps - 02/12/2011 17:25
citação: polycrav
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.



Ahhhh seu malvado! Então era você que tava vendendo pro Samu? rs

Small... vc num presta! AVISA!! kkk



Samu comprou mais barato.
No primeiro fato, vendi a R$ 170,00, porque não conseguir fazê-lo na abertura por R$ 2,00... seria por R$ 189,00...
Neste segundo, foi-se a R$ 147,50.

Ainda que a redução da locação seja de apenas 10%, a R$ 147,00 valia mais a venda, a meu Juízo, pois outros fundos, quando totalmente locados e sem inquilinos FDP e sem altíssimo risco de inadimplência, também pagam (pagarão) 1% a.m. como o próprio FMOF11, cujo risco HOJE, É infinitamente menor que de um hospital mal administrado especializado em produzir dívidas.

Abraços,
Small caps.
 
polycrav - 02/12/2011 17:16
citação: small capsIlustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.



Ahhhh seu malvado! Então era você que tava vendendo pro Samu? rs

Small... vc num presta! AVISA!! kkk

 
small caps - 02/12/2011 17:11
Ilustres,
Campanha AVISA:

Vendida a posição em PNVL3... aquelas compradas a R$ 4x,xx e aqui anunciado ...
Recomprada a posição em SLED4.

Finalizei a venda das NSLU11B's remanescentes ontem na abertura: não tolero mais ativo em carteira que me traz sensações negativas, como a raiva e a vontade de mandá-los TNC!!!!!!!! A venda alivia estes sintomas... Meu preço médio era por volta dos R$ 130,00 atuais...

A maior parte da antiga posição em NSLU11B se transformou em CNES11B e HGLG11.

OBS: não venderia nos preços atuais...

Abraços,
Small caps.
 
small caps - 15/11/2011 23:46
E os serviços?

Vamos lá!

CGAS3 mudança contábil pegando gente com as calças na mão. Compre ao som dos trovões.
VIVT3 A força da gestão e da estratégia em jogo. A ressurreição do speedy e a compra da maior na telefonia celular.
CARD3 O call center do futuro, o cartão que vai voltar a crescer e o crescimento possível do processamento de transações com cartões..
VLID3 14 anos de crescimento de receita e lucro dizem tudo. Sem mais.
CIEL3 A força da marca e da proteção da inflação. Crescimento forte. Concorrência abrandada.
RDCD3 Idem acima com a mudança ocorrida em busca das margens.
PNVL3 O varejo do futuro é para os mais idosos. O crescimento constante com responsabilidade e manutenção das margens.

Abraços,
Small caps.
 
small caps - 15/11/2011 22:55
citação: renato1631Excelente daniel

Vou incluir ssbr3

citação: danieljoseaaDeixo aqui meu top5 de balanços até agora, em minha humilde opinião(incluindo uns lucrinhos não recorrentes que se tornaram recorrentes, heheh)

Não necessariamente nesta ordem, até agora, os 5 melhores balanços, em minha modesta opinião, foram:

BNBR4
JHSF3
ELPL4
TRPL4
LEVE3

Não se enganem, tenham certeza que BGIP4 fará este topfive virar topsix.




Boa... podemos ir incluindo aqui os big balanços...

DAYC4, VLID3 e PNVL3 não deixaram a desejar também...

Abraços,
Small caps.
 
ispholambra - 15/11/2011 22:05
citação: Banzai10
citação: small caps
citação: paulo_profNo varejo, o destaque é para a "regularidade" da CGRA e PNVL3 mas, principalmente, para a HGTX, que apresenta uma taxa de crescimento que chinês nunca viu ...varejo3t01.jpg



Caramba...

Este setor parece num verdadeiro empate técnico... muita empresa com pontução parecida...

Abraços,
Small caps.



Estou de LLIS, mas estudando trocar de posição com HGTX, é dificil muito dificil de solta-las... Empresa muito interessante e muito bem posicionada, com estratégia de crescimento mais arrojada do setor.. construindo marcas do 0 e ampliando suas lojas a ritmos incriveis..



Banzai10

Eu ja entrei e sai de LLIS3 varias vezes... tenho o papel desde os 3 reais...e toda a vez que eu sai eu tive de pegar ele rapidinho de novo pra nao perder o bonde... minha ultima compra foi a 19,20 a bem pouco tempo atras... vendi quase nos 26,00 e nao é que o ativo buscou os 28,00... pensei que ja tinha perdido o bonde...
Agora que baixou aproveitei e recomprei a 25,00... agora vou esperar... nao vendo mais...nem que cair... a empresa esta abrindo loja em cima de loja e pelo visto no ano que vem pode terminar o ano admnistrando 4 marcas e com mais de 200 lojas abertas...vao ter marcas novas...vao sim... mas nao vao começar do zero de jeito nenhum pois vao contar com a experiencia da Restoque, e com a estrutura de logistica ja montada...e se as novas marcas forem boas certamente clientes nao faltarao... vai ter uma marca masculina (Noir se nao me engano) e uma unissex de jeans (John John)... certamente vamos virar clientes também!!!

Abraço

Ivan
 
Banzai10 - 15/11/2011 20:12
citação: small caps
citação: paulo_profNo varejo, o destaque é para a "regularidade" da CGRA e PNVL3 mas, principalmente, para a HGTX, que apresenta uma taxa de crescimento que chinês nunca viu ...varejo3t01.jpg



Caramba...

Este setor parece num verdadeiro empate técnico... muita empresa com pontução parecida...

Abraços,
Small caps.



Estou de LLIS, mas estudando trocar de posição com HGTX, é dificil muito dificil de solta-las... Empresa muito interessante e muito bem posicionada, com estratégia de crescimento mais arrojada do setor.. construindo marcas do 0 e ampliando suas lojas a ritmos incriveis..
 
small caps - 15/11/2011 10:47
citação: paulo_profNo varejo, o destaque é para a "regularidade" da CGRA e PNVL3 mas, principalmente, para a HGTX, que apresenta uma taxa de crescimento que chinês nunca viu ...
varejo3t01.jpg



Caramba...

Este setor parece num verdadeiro empate técnico... muita empresa com pontução parecida...

Abraços,
Small caps.
 
paulo_prof - 15/11/2011 08:52
No varejo, o destaque é para a "regularidade" da CGRA e PNVL3 mas, principalmente, para a HGTX, que apresenta uma taxa de crescimento que chinês nunca viu ...


varejo3t01.jpg
 
paulo_prof - 14/11/2011 19:22
PNVL3

Resultados dos últimos 9 meses em relação a igual período de 2010:

RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA +13,6%
RESULTADO BRUTO +17,2%
RESULTADO FINANCEIRO NEGATIVO +30,6%
RESULTADO OPERACIONAL +16,1%
RESULTADO LÍQUIDO +17,0%
EBITDA +13,7%

Crescimento do Patrimônio Líquido em 12 meses: +14,5%

Multiplicadores relativos aos últimos 12 meses

PREÇO: R$ 104,00
PAYOUT: 25,6%
P/L 12,19
P/VPA 2,43
PSR 0,36
DY 2,10%
EV/EBITDA 6,32
MARGEM BRUTA 21,5%
MARGEM OPERACIONAL 4,0%
MARGEM LÍQUIDA 3,0%
LUCRO POR AÇÃO R$ 8,531
MARGEM EBITDA 5,6%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 11,4%
ROE 19,94%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,84

Taxas anuais médias nominais de crescimento:
a) do lucro líquido
UA 23,79%
U2A 23,03%
U3A 55,95%

b) do patrimônio líquido médio
UA 14,91%
U2A 15,01%
U3A 12,88%

Taxa anual média de crescimento real do lucro líquido durante 3 anos necessária para um preço justo 50% maior do que a cotação anual (perpetuidade de 0% real; taxa de desconto anual real de 10%): +24,5%
 
WILSONDAATIVA - 02/11/2011 20:33
Esta é uma Tabela baseada no indice de Greenblatt :

Utilizo como indicadores o P/L, EV/EBTIDA, crescimento e dividendos.

Tabela atualizada: 31/10/2011 -

Ação P/L EV/EBTIDA
Crescimento Dividend Yield
MLFT4 1,78x 3,52x 44,35% 11,06%
ELPL4 4,08x 3,13x 7,18% 22,84%
FJTA4 5,86x 3,98x 10,91% 6,84%
JHSF3 6,64x 8,08x 15,22% 7,86%
AELP3 5,00x 2,80x 7,12% 8,81%
EVEN3 5,68x 7,15x 48,94% 3,85%
ETER3 8,78x 6,59x 19,66% 9,60%
VALE5 5,55x 4,24x 9,24% 5,92%
HBOR3 6,61x 7,73x 61,79% 3,66%
EQTL3 10,20x 4,61x 18,94% 16,20%
CSNA3 6,97x 6,33x 7,84% 8,14%
CLSC6 4,87x 4,01x 6,20% 5,83%
TRPL4 10,70x 7,38x 16,12% 11,68%
GRND3 7,19x 7,18x 7,64% 6,74%
RDNI3 4,87x 11,78x 38,84% 3,22%
SBSP3 6,41x 6,95x 13,14% 4,25%
RAPT3 7,12x 4,21x 14,17% 3,94%
BRKM5 7,58x 13,79x 15,62% 5,45%
BISA3 9,42x 8,33x 80,89% 3,46%
PETR4 6,77x 5,60x 6,88% 4,75%
DIRR3 8,30x 8,73x 81,18% 2,89%
CPLE3 7,71x 4,86x 7,61% 4,91%
FRAS4 7,59x 8,15x 6,85% 5,60%
MRVE3 8,22x 9,13x 71,43% 2,78%
FESA4 7,04x 3,75x 9,56% 3,37%
GFSA3 9,41x 10,95x 46,69% 3,59%
EZTC3 7,53x 7,63x 38,03% 2,58%
LIGT3 10,50x 6,41x 6,00% 6,43%
POMO3 9,74x 8,58x 11,99% 5,44%
CPLE6 8,84x 5,57x 7,61% 4,71%
KLBN4 7,41x 7,69x 7,71% 3,80%
TCSA3 8,27x 10,05x 59,38% 2,33%
RSID3 8,42x 12,83x 49,52% 2,86%
RAPT4 8,84x 5,15x 14,17% 3,17%
PDGR3 9,20x 10,92x 96,16% 2,20%
BRPR3 3,26x 19,46x 72,10% 0,49%
SLED4 11,90x 6,97x 28,44% 3,21%
TBLE3 13,10x 9,41x 9,76% 5,77%
POMO4 11,50x 9,88x 11,99% 4,57%
ECOR3 12,30x 11,00x 30,43% 3,77%
VLID3 10,80x 8,17x 16,67% 3,15%
GETI4 13,70x 9,16x 5,04% 9,48%
CPFE3 13,90x 9,47x 7,95% 5,84%
DTEX3 10,80x 9,83x 101,47% 1,82%
SHUL4 10,60x 8,50x 14,33% 3,03%
MYPK3 11,60x 9,25x 18,39% 2,96%
BEEF3 8,21x 8,60x 24,70% 1,28%
CIEL3 13,90x 11,18x 7,18% 5,66%
RDCD3 14,90x 15,85x 11,62% 6,25%
BVMF3 18,70x 16,81x 22,80% 5,61%
CCPR3 11,60x 9,87x 44,88% 1,64%
TGMA3 14,40x 10,43x 13,32% 4,39%
BBRK3 14,60x 8,16x 43,16% 2,61%
LREN3 18,70x 8,58x 14,77% 4,51%
NATU3 18,90x 13,07x 16,99% 5,30%
ALPA4 13,00x 10,09x 19,45% 2,66%
TIMP3 8,20x 10,55x 6,94% 2,31%
AMBV3 17,30x 11,43x 13,04% 4,92%
LEVE3 14,20x 6,02x 5,70% 4,17%
ALPA3 13,10x 10,19x 19,45% 2,40%
TNLP4 23,60x 8,77x 15,39% 4,40%
ODPV3 19,30x 23,68x 39,92% 3,65%
CYRE3 14,80x 15,83x 42,22% 2,25%
TMAR5 17,00x 10,57x 15,41% 3,08%
UGPA3 19,40x 14,54x 41,98% 3,07%
VIVR3 10,00x 17,33x 36,72% 0,00%
AMBV4 21,40x 14,15x 13,04% 4,38%
PNVL3 12,90x 15,86x 12,96% 2,17%
KEPL3 12,10x 12,79x 24,05% 0,00%
GUAR4 13,10x 10,76x 13,15% 1,48%
PLAS3 12,50x 10,35x 20,01% 0,00%
LPSB3 14,40x 11,50x 24,19% 1,45%
IGTA3 16,30x 18,05x 21,48% 2,19%
MDIA3 13,60x 12,36x 12,79% 1,75%
BRFS3 18,60x 14,43x 41,82% 1,61%
MMXM3 14,30x 20,59x 78,03% 0,00%
RENT3 16,90x 10,37x 17,33% 1,55%
TNLP3 26,70x 9,18x 15,39% 2,82%
GUAR3 14,10x 11,54x 13,15% 1,25%
TEMP3 15,20x 5,33x 15,81% 0,00%
MAGG3 17,50x 7,35x 33,62% 0,00%
HGTX3 21,40x 16,61x 38,90% 1,66%
ALSC3 19,60x 14,48x 53,38% 0,69%
BRML3 17,60x 17,63x 37,60% 0,81%
HYPE3 24,80x 13,26x 46,05% 1,30%
PCAR4 23,80x 9,57x 29,60% 0,27%
MULT3 25,30x 15,47x 20,65% 1,67%
WEGE3 20,60x 15,91x 6,94% 2,86%
SLCE3 26,10x 11,00x 40,79% 0,93%
DROG3 24,40x 41,93x 30,98% 1,38%
FLRY3 20,90x 13,82x 13,11% 1,47%
AEDU3 29,20x 36,14x 65,06% 0,03%
CREM3 24,60x 14,08x 11,38% 2,02%
ALLL3 23,90x 8,34x 8,47% 0,97%
NETC4 17,10x 8,88x 7,20% 0,00%
SCAR3 27,30x 12,96x 25,08% 0,00%
fórmula
Uma boa posição no ranking dá boas sugestões de empresas baratas e com crescimento. O investidor deve usar este ranking no processo de seleção das empresas e analisar mais profundamente seus indicadores e balanços.

O script foi programado a partir dos dados do Fundamentus. A tabela é atualizada diariamente e utiliza os seguintes filtros:

P/L entre 1 e 30
ROE maior que 0%
P/VP entre 0 e 20
Liquidez corrente maior que 1
Margem de Ebtida maior que 0
Crescimento anual maior que 5% (para filtrar empresas que cresçam mais que o PIB Brasileiro)
Liquidez das ações maior que 100.000 (para tirar as não negociadas)


W.B.
 
small caps - 31/10/2011 00:17
Ilustres, a seguir, minha carteira atual e composição:

Segue a lista de ativos.
Primeiro por tipo:
Ações 44,07%
FII 39,25%
Renda Fixa 16,68%

E agora, por setor.
O percentual é sobre todo o capital:

Ativo Setor percentual
BGIP4 banco 3,80%
PINE4 banco 2,89%
PRBC4 banco 1,90%
BNBR4 banco 1,54%
DAYC4 banco 0,83%
HBOR3 construção civil 3,45%
EZTC3 construção civil 2,41%
ETER3 construção civil 1,49%
JHSF3 construção civil 1,44%
COCE3 elétrica 2,77%
GETI3 elétrica 2,47%
ENBR3 elétrica 1,83%
ELPL4 elétrica 1,39%
EQTL3 elétrica 1,29%
CEPE5 elétrica 0,68%
GRND3 indústria 1,59%
FRAS4 indústria 1,14%
TKNO4 indústria 1,05%
POMO3 indústria 0,99%
WHRL3 indústria 0,73%
BRAP4 indústria 0,69%
CGAS3 serviços 1,64%
VIVT3 serviços 1,45%
CARD3 serviços 1,29%
VLID3 serviços 1,16%
CIEL3 serviços 0,82%
RDCD3 serviços 0,73%
PNVL3 serviços 0,61%
FAMB11B FII 5,06%
CXCE11B FII 4,60%
HGRE11 FII 4,41%
EURO11 FII 4,22%
ALMI11B FII 3,52%
HGBS11 FII 3,04%
MBRF11 FII 2,89%
FEXC11B FII 2,76%
FPAB11 FII 2,44%
TRXL11 FII 2,12%
FIIP11B FII 1,94%
NSLU11B FII 1,49%
FAED11B FII 0,77%
PREVIDENCIA Renda fixa 5,24%
TESOURO DIRETO Renda fixa 2,68%
CDB Renda fixa 6,84%
POUPANÇA Renda fixa 1,92%

Abraços,
Small caps.
 
small caps - 06/10/2011 11:23
citação: small caps
citação: samudutraSmall,

Quais ativos voce tem em sua carteira que considera como "turn around" ?



Atualmente, nenhum.

Estou comprando ativos de valor ou de crescimento nada precificado. Estou limitando altamente o downsizing e mantendo a possibilidade de acompanhar a recuperação do mercado que virá ao ter posições em setores com maior delta em relação ao mercado, como bancos médios e construção civil.

Vou ver se consigo postar a minha carteira por setor... só um pouco...



As ações representam aproximadamente 43% do meu portfólio atual. Os fundos imobiliários outros 40%.

Segue por setor a carteira de ações:

Bancos médios 24,45%

BGIP4 7,63%
PINE4 6,64%
PRBC4 4,65%
BNBR4 3,77%
DAYC4 1,76%

Construção civil 18,36%
HBOR3 6,95%
EZTC3 4,85%
ETER3 3,31%
JHSF3 3,25%

elétricas 25,31%

COCE3 6,52%
GETI3 6,06%
ENBR3 4,71%
EQTL3 3,23%
ELPL4 3,19%
CEPE5 1,60%

Indústria 14,04%
GRND3 3,47%
TKNO4 2,60%
FRAS4 2,50%
POMO3 2,07%
WHRL3 1,88%
BRAP4 1,52%

Serviços diversos 17,84%

CGAS3 4,00%
TLPP3 3,21%
CARD3 2,95%
VLID3 2,67%
CIEL3 1,88%
RDCD3 1,66%
PNVL3 1,47%

Abraços,
Small caps.
 
paulo_prof - 26/09/2011 16:06
citação: edbmsevAlguém poderia me ajudar com informações complementares referentes a TKNO4?

Os múltiplos da empresa estão bastante atrativos, com valor de mercado de cerca de 215 milhões de reais e dívida líquida negativa de 145 milhões. Nos últimos anos, o lucro tem se mantido estacionado na faixa de 20-25 milhões de reais.

No passado, a empresa teve um quase monopólio do setor de aços pré-pintados no Brasil, cenário que foi modificado com a entrada da CSN neste segmento. Ainda assim, parece ser uma empresa sólida, com resultados estáveis que podem crescer caso tenha sucesso em seus investimentos para diversificar produtos e serviços na área de pré-pintados. Tem buscado firmar joint-ventures com grandes empresas para manter-se competitiva, como a parceria firmada com a Arcelor na área de materiais para construção civil.

A empresa paga dividendos superiores a 8% e costuma bonificar seus acionistas todo ano. É uma empresa familiar com tag along estendido às açoes preferenciais.

A crise me parece um momento adequado para focarmos em small caps que tenham bons negócios e baixo endividamento. Dentre as empresas com valor de mercado na faixa de 200-400 milhões de reais, poderíamos citar ainda CGRA3/4 (ambas com tag along), PNVL3 e MTSA4.

ETER3, FESA4, GRND3 seriam outras alternativas interessantes, mas de maior porte.

Tenho carteira focada em utilities e bancos de grande porte e queria turbinar os ganhos de longo prazo adquirindo papéis de small caps com baixa alavancagem financeira e boas perspectivas de crescimento de longo prazo. Outras alternativas que atendam tais pré-requisitos, especialmente de empresas até 400-500 milhões de valor de mercado?



Tive uma impressão de empresa estagnada. A Receota Líquida vem crescendo, em média, apenas 1,5% ao ano. O lucro líquido parece completamente estagnado. A taxa média de crescimento anual é de 0,7%. O mesmo ocorre com o Patrimônio Líquido ... vem crescendo a uma taxa anual média de 2,9%.

Uma outra observação é que a parcela do lucro que é devida aos resultado finaceiro parece que vem aumentando. O ROE na faixa dos 10% também não é lá muito auspicioso.

De qualquer forma, como no preço atual o DY está na faixa dos 8% e considerando que anualmente há uma bonificação de 2-3%, parece que um investimento no ativo não é arriscado, especialmente considerando que a Copa do Mundo e Olimpíada poderão impactar favoravelmente. Mesmo se nada ocorrer, um retorno de aprox. 10% parece estar quase garantido.
 
jaumsp - 25/09/2011 22:17
citação: edbmsevA crise me parece um momento adequado para focarmos em small caps que tenham bons negócios e baixo endividamento. Dentre as empresas com valor de mercado na faixa de 200-400 milhões de reais, poderíamos citar ainda CGRA3/4 (ambas com tag along), PNVL3 e MTSA4.

ETER3, FESA4, GRND3 seriam outras alternativas interessantes, mas de maior porte.

Tenho carteira focada em utilities e bancos de grande porte e queria turbinar os ganhos de longo prazo adquirindo papéis de small caps com baixa alavancagem financeira e boas perspectivas de crescimento de longo prazo. Outras alternativas que atendam tais pré-requisitos, especialmente de empresas até 400-500 milhões de valor de mercado?




Acho que pode ser interessante analisar tb CARD3 , FRIO3 , FRAS4, BGIP4 , GSHP3(um pouco alavancada) , UNIP6 (governança ruinzinha) . Não estou lembro de muitas outras nessa faixa de preço.
 
edbmsev - 25/09/2011 16:58
Alguém poderia me ajudar com informações complementares referentes a TKNO4?

Os múltiplos da empresa estão bastante atrativos, com valor de mercado de cerca de 215 milhões de reais e dívida líquida negativa de 145 milhões. Nos últimos anos, o lucro tem se mantido estacionado na faixa de 20-25 milhões de reais.

No passado, a empresa teve um quase monopólio do setor de aços pré-pintados no Brasil, cenário que foi modificado com a entrada da CSN neste segmento. Ainda assim, parece ser uma empresa sólida, com resultados estáveis que podem crescer caso tenha sucesso em seus investimentos para diversificar produtos e serviços na área de pré-pintados. Tem buscado firmar joint-ventures com grandes empresas para manter-se competitiva, como a parceria firmada com a Arcelor na área de materiais para construção civil.

A empresa paga dividendos superiores a 8% e costuma bonificar seus acionistas todo ano. É uma empresa familiar com tag along estendido às açoes preferenciais.

A crise me parece um momento adequado para focarmos em small caps que tenham bons negócios e baixo endividamento. Dentre as empresas com valor de mercado na faixa de 200-400 milhões de reais, poderíamos citar ainda CGRA3/4 (ambas com tag along), PNVL3 e MTSA4.

ETER3, FESA4, GRND3 seriam outras alternativas interessantes, mas de maior porte.

Tenho carteira focada em utilities e bancos de grande porte e queria turbinar os ganhos de longo prazo adquirindo papéis de small caps com baixa alavancagem financeira e boas perspectivas de crescimento de longo prazo. Outras alternativas que atendam tais pré-requisitos, especialmente de empresas até 400-500 milhões de valor de mercado?



 
NotwenCardozo - 22/09/2011 12:12
citação: pppadvA minha barraca está uma rocha! 100% protegida em MLFT4 !gruta_wallpaper-40391.jpeghttp://images.imagensdeposito.com/fotos/g/gruta_wallpaper-40391.jpeg>



Seja pela baixa liquidez, seja pela qualidade da empresa, seja pelos dividendos, seja pelo cenário futuro, seja porque já caiu demais, seja por avaliação errada do mercado ...estão imóveis no meu radar:

AZEV4
BAUH4
BGIP3/BGIP4
BNBR3/BNBR4
BMTO3
BRSR3/BRSR5
CTSA4
EALT4 (valorizando merreca)
ECPR4
ENMA3B
FESA3
IDVL4
MLFT4
PFRM3
PNVL4
PTNT3
SCAR3
TKNO3
TUPY3
WHRL3/WHRL4
 
NotwenCardozo - 03/09/2011 12:51
citação: ale1972sp
citação: NotwenCardozo
citação: danieljoseaaQuem deve se preocupar com liquidez é investidor institucional, especulador e gente que tem muita grana como vocês........eu fico tranquilão em papéis de baixa liquidez, rsrsr.

Eu também. Vide alguns outros papéis que eu tenho tipo AZEV4, ECPR4, ENMA3B, FESA3, PNVL4 e minha relevante posição no golpe do BAUH!
Quando vc erra é uma M pois realmente fica difícil de pular fora mas quando acerta fica se perguntando porque não comprou mais (é o caso de BGIP4).



tava pensando que 2% de sua carteira tava no bauh
rs

Quem dera! Mas quando subir deve representar bem mais do que representa hoje.
 
ale1972sp - 02/09/2011 16:54
citação: NotwenCardozo
citação: danieljoseaaQuem deve se preocupar com liquidez é investidor institucional, especulador e gente que tem muita grana como vocês........eu fico tranquilão em papéis de baixa liquidez, rsrsr.

Eu também. Vide alguns outros papéis que eu tenho tipo AZEV4, ECPR4, ENMA3B, FESA3, PNVL4 e minha relevante posição no golpe do BAUH!
Quando vc erra é uma M pois realmente fica difícil de pular fora mas quando acerta fica se perguntando porque não comprou mais (é o caso de BGIP4).



tava pensando que 2% de sua carteira tava no bauh
rs
 
NotwenCardozo - 02/09/2011 16:41
citação: danieljoseaaQuem deve se preocupar com liquidez é investidor institucional, especulador e gente que tem muita grana como vocês........eu fico tranquilão em papéis de baixa liquidez, rsrsr.

Eu também. Vide alguns outros papéis que eu tenho tipo AZEV4, ECPR4, ENMA3B, FESA3, PNVL4 e minha relevante posição no golpe do BAUH!
Quando vc erra é uma M pois realmente fica difícil de pular fora mas quando acerta fica se perguntando porque não comprou mais (é o caso de BGIP4).
 
NotwenCardozo - 09/08/2011 14:31
(09/08) DIMED (PNVL) - Distribuicao de juros sobre o capital proprio
DRI: Roberto Coimbra Santos


Na RCA de 09/08/2011 foi aprovada a apropriacao, no exercicio em curso, de juros
sobre capital proprio, no montante de R$ 4.000.232,42. Os juros ora aprovados
sao por conta do dividendo anual, o pagamento sera efetuado no dia 31 de agosto
de 2011, e nao sofrera nenhuma atualizacao monetaria, ad referendum da
Assembleia Geral Ordinaria a ser realizada no ano de 2012 e serao imputados ao
dividendo minimo obrigatorio relativo ao exercicio social a ser encerrado em
31/12/2011. Referido juros sobre capital proprio sera pago, com base na posicao
acionaria de 09 de agosto de 2011, atraves do Banco Bradesco S/A, representando
o valor de R$ 0,9525 para as acoes preferenciais e R$ 0,8659 para as acoes
ordinarias, por acao do capital social, sendo o valor liquido, ja deduzido o
Imposto de Renda na Fonte, R$ 0,8096 e R$ 0,7360 respectivamente, exceto para os
acionistas pessoas juridicas, comprovadamente imunes, que receberao, o valor
declarado, integralmente. O credito contabil sera efetuado em 31 de agosto de
2011.

Norma: a partir de 10/08/2011, acoes escriturais ex-juros.
 
pppadv - 03/08/2011 16:04
Está tudo vermelho! Do lado positivo, só achei estas movimentações no momento:
http://br.advfn.com/p.php?pid=adntl&m=BOV&p=1&tl=1

Código Nome ULT VAR Diferença News
1 CEED4 Ceee-d PN 2.50 13.64% 0.30
2 GPCP3 Gpc Part ON 2.00 8.70% 0.16
3 AMPI3 Ampla Invest ON 30.00 7.33% 2.05
4 ELET5 Eletrobras PNA 45.00 5.36% 2.29
5 TUPY3 Tupy ON 28.69 3.57% 0.99
6 RAIA3 Raia ON 28.38 3.20% 0.88 1
7 DROG3 Drogasil ON 12.63 2.68% 0.33 2
8 CBEE3 Ampla Energ ON 1.27 2.42% 0.03
9 CPFE3 Cpfl Energia ON 22.26 1.37% 0.30 1
10 NETC4 Net PN 15.24 1.26% 0.19
11 PNVL3 Dimed ON 88.24 0.96% 0.84
12 CRIV4 Alfa Financ PN 3.55 0.85% 0.03
13 UOLL4 Uol PN 17.50 0.46% 0.08
14 GETI4 Aes Tiete PN 23.82 0.42% 0.10
15 AMIL3 Amil ON 17.44 0.35% 0.06
 
ghfranco - 02/08/2011 00:09
Não lembro de ter visto essa análise por aqui...
fonte: http://www.revistainvestmais.com.br/smallcaps/832-PanVel+PNVL3+e+PNVL4.html
Dimed S.A. Distribuidora de Medicamentos (PanVel) ? Comentários de Anderson Lueders

A Dimed, mais conhecida pela marca PanVel, tem apresentado um bom e sistemático crescimento, inclusive durante a crise econômica iniciada em 2008. O faturamento líquido partiu de R$579,5 milhões em 2004 e atingiu R$1,19 bilhão em 2010, mantendo o ritmo de crescimento em 2011, uma vez que o primeiro trimestre mostrou evolução de 12,4% na comparação anual. O lucro líquido ficou oscilando na faixa dos R$12 milhões desde 2004 e, a partir de 2009, teve forte incremento, atingindo a cifra de R$30,7 milhões em 2010, 3,6% acima dos 12 meses anteriores. No 1T11, a evolução continuou com um crescimento de 24,4% sobre o mesmo período de 2010.

Uma das principais razões do súbito aumento das margens operacionais é a substituição tributária de ICMS sobre medicamentos e perfumarias, o que melhorou fortemente o ambiente competitivo, ao mesmo tempo em que passou a ser obrigatória a emissão de Nota Fiscal Eletrônica a partir de dezembro de 2008. Isso afetou fortemente parte da concorrência, que viu a dificuldade em sonegar tributos aumentar.

Com a cotação das ações ordinárias a R$87,30, conforme último negócio realizado no pregão de 8 de junho de 2011, o valor de mercado da empresa equivale a R$400 milhões. Seu Preço/Lucro (nos últimos 12 meses) é 12,3 e o Preço/Valor Patrimonial da ação é 2,2. A Dimed custa o equivalente a 0,33 vezes o faturamento líquido de um ano. Some-se a isso um bom Retorno sobre Patrimônio Líquido (ROE) de 17,9%.

Como vantagens para o investimento, a empresa apresenta:

* Boa situação financeira, permitindo atravessar com mais facilidade as crises econômicas.
* Novos mercados, expandindo fronteiras geográficas e chegando ao estado do Paraná.
* Baixo investimento para ampliação da área de vendas e potencial para continuação desse movimento.
* Tendência de envelhecimento populacional favorecendo o consumo de medicamentos.
* Aumento da renda e baixo desemprego no Brasil, incentivando o consumo de cosméticos.
* Marca própria, permitindo melhores margens em alguns produtos e fidelização de clientes.
* Bom retorno sobre o patrimônio líquido atual.
* Liderança regional, o que ajuda a diluir os custos fixos.



Como pontos negativos, destacam-se:

* Ausência de exposição no mercado nordestino, que é o de maior crescimento atual no País.
* Não é negociada nos níveis mais elevados de governança corporativa, coexistem diferentes classes de ações e há menores garantias aos acionistas minoritários.
* Histórico de lucros anterior a 2009 com baixo crescimento e retorno sobre o patrimônio líquido.



A cotação das ações da Dimed historicamente tem acompanhado o desempenho da empresa, partindo de menos de R$10, em 2003, até atingir por volta de R$70, em 2007, época em que diversas small caps estavam no topo histórico. A crise de 2008 trouxe nova oportunidade de compra, com as ações sendo cotadas abaixo de R$30 até metade de 2009 ? isso apesar da forte melhora do resultado do 1T09. Tratou-se de um momento excepcional de descolamento do preço da ação em mercado com seu valor intrínseco, gerando uma oportunidade ímpar para compra. A partir do segundo semestre de 2009, a cotação passou a imprimir forte alta até atingir quase R$100 este ano, refletindo as melhorias do balanço e as perspectivas futuras.

Portanto, o investimento em ações da companhia é adequado para o investidor que pretende se posicionar numa empresa que tem apresentado bom crescimento e potencial de mantê-lo, com múltiplos que parcialmente precificam esse futuro. Deve-se acreditar que a empresa prosseguirá tendo êxito em sua expansão geográfica, mantendo a rentabilidade, o que redundará na tendência de longo prazo de valorização das ações.


Anderson Lueders é conhecido como Small Caps em alguns fóruns de investimento. É formado em direito, com MBA em gestão empresarial pela FGV. Tem experiência como investidor individual no mercado de ações desde 2000, com foco na análise de empresas small caps e desprezadas pelo mercado. É autor do livro Investindo em small caps: um roteiro completo para se tornar um investidor de sucesso, da editora Campus/Elsevier.

E-mail: smallcaps@pop.com.br

Blog: http://br.advfn.com/p.php?pid=blogbr& blog= small_caps



Comprometimento e respeito com todos os públicos

A PanVel baseia sua atuação em valores, e foi assim que construiu uma relação de respeito e confiança com clientes, colaboradores, fornecedores e acionistas. Fundamentada na relação saudável com os públicos e focada na sua missão, a PanVel vem transformando, dia após dia, sua visão de mercado e realidade.



Missão

"Proporcionar saúde e bem-estar às pessoas"



Visão

"Ser a melhor provedora de produtos e serviços de saúde e bem-estar nos mercados em que atua"



Valores

Trabalho em equipe.

Excelência no atendimento.

Ética.

Inovação.

Agilidade.

Orientação para o resultado.

Autor(a): Carolina Montenegro
 
ZOTTI - 10/06/2011 12:33
PNVL4 dando sopa!
 
polycrav - 17/05/2011 19:28
O que eu acho bacana do sujeito novo é isso... Pode fazer planos para daqui a 20, 30 anos na maior tranquilidade...

Bacana mesmo! :-)


citação: paulo_prof
citação: ACT2010
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

(...)
Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.



Caro Paulo, como vai?

De tudo que se falou aqui no forum, muitas verdades se comprovaram.
Agora, gostaria de saber se vc ainda acredita em Vale. Tô comprado a 46 e penso em comprar mais. É um p! empresa, cujo pl esté em torno de 6. Diz aí, ainda Vale uma aposta?
Abraços,
André


VALE5 já é 6,3% de minha carteira, além de BRAP4, com 1,8%. Se continuar dando sopa, na medida em que vou liquidando outros ativos, vou aumentar. No médio prazo (2/3 anos) Vale é uma certeza, a menos que o mundo derreta! E se derreter é só ter recursos para aumentar a posição durante o derretimento.

 
harisonoliveira - 17/05/2011 18:45
citação: paulo_prof
citação: ACT2010
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

(...)
Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.



Caro Paulo, como vai?

De tudo que se falou aqui no forum, muitas verdades se comprovaram.
Agora, gostaria de saber se vc ainda acredita em Vale. Tô comprado a 46 e penso em comprar mais. É um p! empresa, cujo pl esté em torno de 6. Diz aí, ainda Vale uma aposta?
Abraços,
André


VALE5 já é 6,3% de minha carteira, além de BRAP4, com 1,8%. Se continuar dando sopa, na medida em que vou liquidando outros ativos, vou aumentar. No médio prazo (2/3 anos) Vale é uma certeza, a menos que o mundo derreta! E se derreter é só ter recursos para aumentar a posição durante o derretimento.



Concordo prof.. paulo..
hoje a vale é minha segunda posição e tambem continuo queimando alguns ativos mais arriscados e comprando CERTEZA que é vale
p/l baixo e margem bruta e liquida excelentes

abraço
 
ZOTTI - 17/05/2011 18:29
citação: small caps
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

P/L 10,82
P/VPA 2,18
PSR 0,32
DY 2,36%
EV/EBITDA 5,52
MARGEM BRUTA 21,2%
MARGEM OPERACIONAL 3,9%
MARGEM LÍQUIDA 3,0%
LUCRO POR AÇÃO R$ 7,955
MARGEM EBITDA 5,9%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,4%
ROE 20,11%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,92

TAXAS ANUAIS MÉDIAS DE CRESCIMENTO DO LUCRO LÍQUIDO: U1A = 15%; U2A = 79%; U3A = 35%

Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.



Sazonalmente o primeiro trimestre é sempre mais fraco.
Interessante é que estão conseguindo melhorar os resultados junto do crescimento...
É dos ativos do setor de "consumo" que ainda não precifica o eterno crescimento de 50% a.a.
Mantenho a posição no ativo.
Abraços,
Small caps.


Verdade.
PNVL4 está descontada em relação PNVL3 só que não tem vendedor, só a 100. hehhehe
 
paulo_prof - 17/05/2011 18:01
citação: ACT2010
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

(...)
Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.




Caro Paulo, como vai?

De tudo que se falou aqui no forum, muitas verdades se comprovaram.
Agora, gostaria de saber se vc ainda acredita em Vale. Tô comprado a 46 e penso em comprar mais. É um p! empresa, cujo pl esté em torno de 6. Diz aí, ainda Vale uma aposta?
Abraços,
André


VALE5 já é 6,3% de minha carteira, além de BRAP4, com 1,8%. Se continuar dando sopa, na medida em que vou liquidando outros ativos, vou aumentar. No médio prazo (2/3 anos) Vale é uma certeza, a menos que o mundo derreta! E se derreter é só ter recursos para aumentar a posição durante o derretimento.
 
ACT2010 - 17/05/2011 15:09
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

(...)
Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.





Caro Paulo, como vai?

De tudo que se falou aqui no forum, muitas verdades se comprovaram.
Agora, gostaria de saber se vc ainda acredita em Vale. Tô comprado a 46 e penso em comprar mais. É um p! empresa, cujo pl esté em torno de 6. Diz aí, ainda Vale uma aposta?
Abraços,
André
 
small caps - 17/05/2011 10:44
citação: paulo_profPNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

P/L 10,82
P/VPA 2,18
PSR 0,32
DY 2,36%
EV/EBITDA 5,52
MARGEM BRUTA 21,2%
MARGEM OPERACIONAL 3,9%
MARGEM LÍQUIDA 3,0%
LUCRO POR AÇÃO R$ 7,955
MARGEM EBITDA 5,9%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,4%
ROE 20,11%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,92

TAXAS ANUAIS MÉDIAS DE CRESCIMENTO DO LUCRO LÍQUIDO: U1A = 15%; U2A = 79%; U3A = 35%

Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.



Sazonalmente o primeiro trimestre é sempre mais fraco.
Interessante é que estão conseguindo melhorar os resultados junto do crescimento...
É dos ativos do setor de "consumo" que ainda não precifica o eterno crescimento de 50% a.a.
Mantenho a posição no ativo.
Abraços,
Small caps.
 
paulo_prof - 17/05/2011 10:07
PNVL3
PREÇO: R$ 86,10
PAYOUT: 25,6%

P/L 10,82
P/VPA 2,18
PSR 0,32
DY 2,36%
EV/EBITDA 5,52
MARGEM BRUTA 21,2%
MARGEM OPERACIONAL 3,9%
MARGEM LÍQUIDA 3,0%
LUCRO POR AÇÃO R$ 7,955
MARGEM EBITDA 5,9%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,4%
ROE 20,11%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,92

TAXAS ANUAIS MÉDIAS DE CRESCIMENTO DO LUCRO LÍQUIDO: U1A = 15%; U2A = 79%; U3A = 35%

Bom Resultado, feijão com arroz, 24% acima daquele do ano passado, e com aumento de 12% na Receita Líquida e aumento moderado nas margens.

Por se tratar de ativo no segmento de consumo, acho que está relativamente barato.
 
cklamt - 18/04/2011 21:56
Acho que esse foi o último post sobre a carteira... mas já houveram alterações, tens que acompanhar o fórum... abraço

small caps - 13/12/2010 12:19
Carteira de ações por setor e peso em relação ao total:

Bancos médios - 22,84%
Ação Part(%)
PINE4 7,38%
BGIP4 6,51%
PRBC4 4,91%
IDVL4 2,28%
BEES3 1,76%

Construção civil - 20,08%
HBOR3 6,91%
EZTC3 5,60%
ETER3 3,40%
GSHP3 1,43%
JHSF3 1,41%
EUCA4 1,33%

Elétricas - 20,59%
GETI3 5,41%
COCE3 5,25%
ENBR3 3,72%
ELPL6 2,64%
CEPE5 2,21%
EQTL3 1,36%

Indústria - 16,41%
FRAS4 2,25%
POMO3 2,00%
GRND3 1,63%
MGEL4 1,60%
CAMB4 1,50%
TKNO4 1,26%
CEDO4 1,07%
PRVI3 1,02%
CNFB4 0,91%
SUZB5 0,86%
ECPR4 0,78%
MWET4 0,76%
CTSA3 0,75%

Serviços / Diversos - 20,08%
CTAX4 3,70%
TLPP3 2,77%
CGAS3 2,60%
TNLP4 2,13%
VLID3 1,72%
TGMA3 1,32%
PNVL3 1,15%
SGAS4 1,15%
CIEL3 1,01%
BEMA3 0,90%
BTTL3 0,84%
CARD3 0,80%

Como se pode ver, a carteira busca um equilíbrio setorial e dentro do setor, também ativos com características diferentes, de modo a minimizar os riscos de fatores externos dos quais não temos controle.

Abraços,
Small caps.
 
Assayd - 14/04/2011 14:50
citação: danieljoseaa
citação: danieljoseaa
citação: herdsman
citação: Assayd
citação: GST4
citação: AssaydOnde alocariam 150 mil, para buscar 2%a.m.

Abraços.



75k em OGXP3 e 75k em INEP4.
Ou então 50k das duas anteriores e 50k de EZTC3.



Não teria coragem de colocar tudo em 3 papéis.

Eu alocaria parte no Tesouro com 14%a.a., Parte em ETF´s (Consumo e Small) e esta última fração é que tenho dúvidas onde alocar.

Imaginei parte em FII e a outra em Small Caps.

Mas onde?

Alguém arrisca...

Acho que banco PINE a 13 R$ é uma boa !



Se for pra colocar tudo na bolsa, vai minha opinião:

15 mil em 9 empresas= total 135 mil

FRAS4 ou TNLP4
BGIP3/4
BEES3
GRND3
BBAS3
JHSF3
HBOR3
CARD3
ELPL4

ÚLTIMOS 15 MIL DIVIDIDOS EM ECPR3/4, CAMB4 E BTTL4, com 5 mil cada.

Só minha opinião, mais nada.



Ou botaria 10 mil em 14 empresas= 140 mil:

FRAS4
TNLP4
BGIP3/4
BEES3
BBAS3
PINE4 ou BICB4
GRND3
JHSF3
HBOR3
EZTC3
CARD3
ELPL4
COCE3
ETER3

e os 10 mil restantes em ECPR3/4, CAMB4, BTTL4 e HBTS5.........tem que ter emoção também :):):):):)

Abraços.



A um ano atrás 80% dessas indicações já estavam na carteira Small.

Continuam com folego para subir?

Percebi que a maioria dos papéis não ficaram só na promessa como EZTC, HBOR, ETER, PNVL, GSHP. - Continuam com bons múltiplos?

A não ser algumas excessões como MGEL, INEP4, EQTL enfim... (Poucos)

Me desculpem a desatualização, pois fiquei um tempo afastado.

Abraço e vlw pelas respostas
 
paulo_prof - 29/03/2011 13:48
No último ano, o lucro líquido da Panvel (PNVL3) aumentou 4%. Nos últimos 3 anos, a taxa de crescimento média ficou em 29%.

Admitindo-se um crescimento real anual médio do lucro líquido de 3% nos próximos 3 anos, perpetuidade de 0% e taxa de desconto de 10%, o preço justo seria de R$ 82,51%

Os demais multiplicadores são:

PREÇO R$ 89,46
PAYOUT 26,8%
P/L 11,76
P/VPA 2,37
PSR 0,34
DY 2,28%
EV/EBITDA 5,88
MARGEM BRUTA 20,9%
MARGEM OPERACIONAL 3,9%
MARGEM LÍQUIDA 2,9%
LUCRO POR AÇÃO R$ 7,609
MARGEM EBITDA 5,8%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,1%
ROE 20,13%
LIQUIDEZ CORRENTE 1,76
 
NotwenCardozo - 24/03/2011 20:07
citação: sobral30Notwen, não querendo ser chato, mas e a sua carteira, quando vai postá-la?

Aqui vai a carteira atual. Dá um total de 60 papéis. Recentemente me desfiz de PFRM3 e de CSMG3 e comprei GRND3.

Nem todos estes ativos serão eternos. Alguns eu vou vender antes da próxima crise quando tiverem subido na euforia puramente por serem os últimos papéis mais baratos por efeito comparativo. Possivelmente devo vender aquelas empresas cujo desempenho não foi tão excepcional nestes anos ou se a empresa normalmente tem prejuízo numa crise.

Na crise, aprendi que o setor industrial fica bem complicado pois é o primeiro a ser afetado e normalmente o último a se recuperar. Do setor industrial devo manter apenas as empresas que performaram muito bem, paguem dividendos e cuja minha margem de segurança seja alta (as açoes tenham se valorizado muito por causa do excelente desempenho da empresa).

Óbvio que todos papéis estarão sujeitos a eventos futuros para a melhor avaliação. Tudo vai depender do desempenho da empresa ao longo dos anos. Vou marcar abaixo quais papéis devo manter para LP baseado no histórico até hoje (sujeito a mudança). Na próxima crise, devo reforçar a posição nas empresas que tiveram melhor performance caso caiam demais:

ABCB4 (eterno)
AZEV4 (merreca de 3 ações, eterno)
BAUH4 (? tenho uma posição muito grande para pouquíssima liquidez)
BEES3 (? vai depender do desempenho. Até agora está pífio)
BEES4 (? vai depender do desempenho. Até agora está pifio)
BGIP4 (eterno)
BRFS3 (? vai depender do desempenho. de SDIA4 qd o despencou com os derivativos)
BRIV3 (provavelmente não)
BRIV4 (provavelmente não)
BRSR3 (eterno)
BRSR5 (eterno)
BRSR6 (eterno)
CGAS3 (eterno)
CGAS5 (eterno)
COCE5 (eterno)
CREM3 (? vai depender do desempenho. Até agora está pífio)
CRIV4 (provavelmente não)
CTSA3 (provavelmente não)
CTSA4 (provavelmente não)
CZRS4 (? meu PM é de 8,07. Vai depender do desempenho, provavelmente sim)
EALT4 (provavelmente não)
ECPR4 (talvez não. Meu PM é de 11,00 (PM do fundo do poço).
ELPL4 (eterno). Caso caia muito pela ação judicial, devo reforçar.
ENBR3 (eterno)
EVEN3 (? vai depender do desempenho. PM de 6,80. Até agora está pífio)
EZTC3 (eterno)
FESA3 (? vai depender do desempenho)
FESA4 (? vai depender do desempenho)
FFTL3 (provavelmente não)
FIBR3 (? provenientes de ARCZ6 qdo despencou com os derivativos). Talvez sim.
FRAS4 (? vai depender do desempenho)
FRIO3 (? vai depender do desempenho)
GETI3 (eterno)
GGBR4 (? Provavelmente não. Provenientes de AVIL3)
GOAU4 (? vai depender do desempenho)
GRND3 (eterno)
GSHP3 (eterno)
HBOR3 (eterno)
IDVL4 (? vai depender do desempenho)
INEP3 (? vai depender do desempenho). Até agora nada.
INEP4 (? vai depender do desempenho). Até agora nada.
JHSF3 (eterno)
MGEL4 (provavelmente não)
PINE4 (eterno)
PNOR5 (não)
PNOR6 (não)
PNVL4 (eterno)
PRBC4 (eterno)
PTNT3 (? vai depender do desempenho)
SGPS3 (? vai depender do desempenho)
TGMA3 (eterno)
TKNO4 (eterno)
TLPP3 (eterno)
TLPP4 (eterno)
TPIS3 (eterno)
TRIS3 (? vai depender do desempenho)
TUPY3 (eterno)
USIM3 (? vai depender do desempenho)
WHRL3 (eterno)
WHRL4 (eterno)

BAUH4 - apostando que a Sadia, nova controladora, poderá consertar a empresa. Mesmo que eu queira, tenho uma posição muito grande para vender no mercado se a empresa não performar bem. A Sadia pagou aos controladores 5,xx por ação.

Ainda não decidi sobre as construtoras que não sejam HBOR3 e EZTC3 pois todas elas caíram muito na crise.

A manutenção dependerá da minha percepção na época. Escrevi os comentários acima baseado na minha percepçao de hoje.

Na próxima crise, não desperdiçarei meu dinheiro com empresas em situação complicada (endividadas) ou com histórico ruim ou possíveis turnarounds. Crise é para se comprar empresas que dão lucro em qualquer época e que sejam boas e estejam baratas (foi onde eu ganhei mais). Ficar rico com empresas ruins é ilusão (casos tipo HGTX3 e CAMB4 é raríssimo e duvido que CAMB4 se valorize o que HGTX3 se valorizou). Sempre há tempo de se entrar nos turnarounds quando a situação mudar. Veja que INEP3/4, EALT4 quase não se valorizaram da crise para cá e não pagaram sequer dividendos. Empresas boas se valorizaram 700% mesmo descontando o valor dos dividendos pagos na cotação do papel.

Devo focar mais em empresas que paguem bons dividendos e afinar os critérios para que elas sejam boas para o LP (sejam boas em crises e em períodos em que a economia esteja crescendo). A carteira está grande pois reinvesti todos dividendos recebidos.
 
paulo_prof - 04/02/2011 22:15
Os gringos, as pessoas físicas e as empresas estão vendendo. O institucionais e bancos estão comprando ... barato.

Examinando a performance, este ano, dos ativos que tenho na planilha, é um massacre. Raros são os ativos que estão com performance positiva.

Para o que possa servir, as tabelas abaixo mostram a variação do preço do ativo no fechamento de hoje, comparado com o preço fechamento em 30DEZ2010, ajustado para os proventos eventualmente distribuídos este ano.

Setor de Varejo e Assemelhados
PNVL3 -7,61%
MRSL4 -7,74%
CGRA4 -9,00%
HGTX3 -9,22%
LLIS3 -9,65%
SLED4 -12,41%
DROG3 -14,07%
NATU3 -14,87%
LREN3 -16,13%
AMAR3 -16,30%
LAME4 -18,56%

Setor de Construção Civil e Assemelhados
SULT4 3,41%
RDNI3 1,26%
EUCA4 1,10%
DIRR3 -0,61%
SCAR3 -3,23%
EZTC3 -6,84%
JHSF3 -8,00%
ETER3 -8,33%
TRIS3 -9,93%
HBOR3 -9,96%
GSHP3 -10,77%
CCIM3 -11,68%
PDGR3 -11,91%
TCSA3 -12,09%
LPSB3 -12,77%
BISA3 -13,29%
EVEN3 -13,84%
DTEX3 -13,89%
CRDE3 -15,84%
RSID3 -15,96%

Setor de Bancos e Assemelhados
BPNM4 39,51%
TRPN3 6,36%
CZRS4 3,96%
CRIV3 2,16%
IDVL4 0,50%
PRBC4 -0,30%
BGIP4 -1,36%
BRIV3 -2,44%
BEES3 -4,13%
RDCD3 -8,31%
ABCB4 -9,56%
PINE4 -10,33%
BBDC4 -10,48%
BBAS3 -10,57%
BRSR6 -11,36%
CIEL3 -13,23%
SULA11 -13,46%
PSSA3 -13,95%
BICB4 -18,02%
SANB11 -18,76%
ITUB4 -29,42%

Setor de Serviços Públicos
CEBR3 28,86%
CGAS3 11,81%
SAPR4 11,72%
BRTO4 9,33%
TNLP4 6,22%
COCE5 5,17%
VIVO4 4,72%
TMAR5 3,85%
CLSC6 2,24%
RDTR3 1,78%
ELPL4 1,09%
CPLE6 0,72%
TLPP3 0,59%
ELET6 0,56%
EQTL3 0,53%
EMAE4 -0,39%
LIGT3 -0,51%
COCE3 -1,06%
CMIG3 -1,40%
CEPE5 -1,42%
CSMG3 -2,26%
ENMA3B -2,27%
GETI4 -2,50%
GETI3 -4,19%
ENBR3 -4,39%
REDE4 -4,85%
TLPP4 -4,93%
SBSP3 -5,85%
AFLU3 -6,35%
TBLE3 -6,38%
TRPL4 -6,45%
IENG5 -18,18%
EKTR4 -24,75%

Setor Industrial
MWET4 13,96%
EMBR3 14,66%
WHRL4 3,72%
PRVI3 -0,54%
BEMA3 -1,50%
FRAS4 -5,94%
BMTO4 -6,06%
POSI3 -7,18%
PLAS3 -9,04%
INEP4 -9,71%
RAPT4 -10,90%
FRIO3 -11,72%
WEGE3 -12,57%
POMO4 -14,59%
ROMI3 -16,21%
MYPK3 -19,09%

Setor de Metalurgia e Assemelhados
CSNA3 4,80%
PMAM3 2,40%
AVIL3 1,06%
USIM5 -1,10%
FESA4 -1,41%
TUPY3 -4,71%
FJTA4 -5,37%
FBMC4 -7,13%
EALT3 -9,33%
CNFB4 -10,16%
MGEL4 -11,11%

Setor de Fios, Tecidos e Calçados
ECPR4 6,28%
CTSA4 2,64%
CEDO4 -1,55%
PTNT4 -1,82%
GRND3 -6,12%
ALPA4 -7,32%
CAMB4 -13,42%

Setor de Agropecuária e Assemelhados
TERI3 0,93%
BRFS3 -0,91%
SUZB% -5,28%
BEEF3 -6,45%
FHER3 -9,71%
KLBN4 -9,74%
MRFG3 -10,58%
BAUH4 -12,55%
ECOD3 -13,00%
JBSS3 -15,20%

Outros
MNDL4 5,08%
BOBR4 4,66%
VALE5 4,54%
PNOR5 2,42%
SGAS4 1,82%
PETR4 1,21%
LUXM4 0,00%
BRKM5 -1,18%
TPIS3 -2,56%
WSON11 -4,64%
TOTS3 -6,51%
UNIP6 -6,90%
KROT11 -7,60%
PFRM -8,06%
RENT3 -9,89%
LLXL3 -19,66%
HYPE3 -19,88%
CREM3 -20,47%
TGMA3 -25,45%
 
WK2007 - 29/01/2011 23:17
citação: calbeto
citação: WK2007
citação: calbeto
citação: mtowersPrezados, não encontrei muita coisa sobre EVEN3? Parece uma das poucas que pode fazer frente a EZTC3 em termos de upside. Talvez no atual momento esteja até mais em conta.



No MoneyTalk do InfoMoney, o gestor entrevistado indicou a EVEN3, BMEB4, EALT4, PNVL3 e GUAR3.



Depois que esse gestor indicou BMEB4 eu parei de escutá-lo ...
Fui ver o desempenho do fundo dele e, sem nenhuma surpresa, constatei que era sofrível.



WK

Depois que vc comentou que procurou conferir dados sobre a gestora e seus fundos, resolvi fazer o mesmo. De fato, o desempenho do fundo de ações não é nenhuma maravilha, mas ficou razoavelmente acima do ibovespa desde a criação, tendo perdido no ano de 2010 (ficou negativo...). mas uma coisa há de se louvar: os caras não ficam no rame rame de só comprar aquele monte de blue chips, tentam ganham em ações menos badaladas, como as mencionadas na entrevista e também a... INEP4. Como admiro seus comentários, fiquei curioso em saber os seus motivos para essa aversão ao Banco Mercantil.

Abaixo o link do relatório deles, onde podemos ler as explicações para o investimento em cada papel semelhantes ao que ele deu na entrevista.
http://www.infinityasset.com.br/adm/Arquivos/697-Infinity%20Asset%20-%20Relató rio%20Mensal%20de%20Investimento%20-%20Dezembro%202010.pdf

Abraços



calbeto, lendo o relatório da Infinity Asset, os pontos positivos que ela aponta em relação ao Banco Mercantil, em síntese, são: sua rede de agências, gestão conservadora, bons dividendos e baivo p/vpa.
i) a rede de agências não é vantagem em relação aos demais bancos médios, porque é uma rede minúscula comparada com a dos bancões de varejo. Se é verdade que a rede de agências facilita a captação de depósitos a vista, também é verdade que essa rede gera um custo muito alto, que a torna uma desvantagem. Essa constatação é uma das razões porque o setor bancário passou por uma grande consolidação. Ou você tem uma grande rede de varejo (BB, Itau, Bradesco, por exemplo), ou é um banco de nicho (Bic, ABC, Cruzeiro do Sul, por exemplo). Enfim, será que a estratégia do Mercantil é correta e a de todos os outros bancos médios é errada?
ii) muita gente confunde gestão conservadora com incompetência para gerar crédito (o Indusval é um caso clássico disso). O BMEB, segundo o último balanço, tem uma carteira de crédito de 4bi, para um ativo total de 10bi, em valores arredondados. O Bic, por exemplo, com um ativo de 15 bi, tem uma carteira de crédito de 10 bi.
iii)os dividendos foram impactados por eventos (lucros) não recorrentes, como a venda da seguradora e o REFIS.
iv) o baixo p/vpa é mais do que justificado pelo baixo roe (recorrente). Se não me engano, dos bancos listados em bolsa, o BMEB é o que apresenta o pior roe.
Finalmente, acrescento a péssima governança corporativa do banco.
 
PERIQUITO VERDE - 29/01/2011 22:37
citação: calbeto
citação: WK2007
citação: calbeto
citação: mtowersPrezados, não encontrei muita coisa sobre EVEN3? Parece uma das poucas que pode fazer frente a EZTC3 em termos de upside. Talvez no atual momento esteja até mais em conta.



No MoneyTalk do InfoMoney, o gestor entrevistado indicou a EVEN3, BMEB4, EALT4, PNVL3 e GUAR3.



Depois que esse gestor indicou BMEB4 eu parei de escutá-lo ...
Fui ver o desempenho do fundo dele e, sem nenhuma surpresa, constatei que era sofrível.



WK

Depois que vc comentou que procurou conferir dados sobre a gestora e seus fundos, resolvi fazer o mesmo. De fato, o desempenho do fundo de ações não é nenhuma maravilha, mas ficou razoavelmente acima do ibovespa desde a criação, tendo perdido no ano de 2010 (ficou negativo...). mas uma coisa há de se louvar: os caras não ficam no rame rame de só comprar aquele monte de blue chips, tentam ganham em ações menos badaladas, como as mencionadas na entrevista e também a... INEP4. Como admiro seus comentários, fiquei curioso em saber os seus motivos para essa aversão ao Banco Mercantil.

Abaixo o link do relatório deles, onde podemos ler as explicações para o investimento em cada papel semelhantes ao que ele deu na entrevista.
http://www.infinityasset.com.br/adm/Arquivos/697-Infinity%20Asset%20-%20Relató rio%20Mensal%20de%20Investimento%20-%20Dezembro%202010.pdf

Abraços



O que acham do Banco Mercantil do Brasil (BMEB4)?

Um dos últimos bancos de varejo regionais de capital aberto no Brasil, situado em Minas Gerais, o banco possui
forte presença no estado, além de atuar em GO, SP, RJ e ES. Possui grande vantagem em relação aos bancos
médios listados, pois possui uma vasta rede de agências o que permite ao banco a estrutura de depósitos à
vista e não somente emissão de CDB?s, o que auxilia nos custos de captação do banco, uma gestão bastante
conservadora, delimitando os riscos da atividade bancária. O banco possui sólida estrutura patrimonial, índices
de Basiléia bastante confortáveis e sua carteira de crédito vêm crescendo a taxas interessantes. Nos nove
meses de 2010 as operações de crédito cresceram 27% e o ativo total do banco atingiu R$ 9,981 bilhões. Nos
últimos 2 anos o banco remunerou o acionista em média de 10% aa em dividendos, o que coloca o banco como
o de maior dividend yield do setor.
Atualmente o banco negocia a um valor de mercado de R$ 515 MM, o que representa 75% do seu patrimônio
líquido corrente e uma relação Preço / Lucro operacional para 2011 de 7,8x.
O Banco Mercantil é atualmente a posição mais antiga do Infinity Selection e foi constituída logo após o início
do fundo. Esta posição atualmente representa 4% da carteira.

http://www.infinityasset.com.br/adm/Arquivos/697-Infinity%20Asset%20-%20Relat%C 3%B3rio%20Mensal%20de%20Investimento%20-%20Dezembro%202010.pdf

Números bastante atraentes:

http://www.fundamentus.com.br/detalhes.php?papel=BMEB4&x=0&y=0


periquito verde
 
calbeto - 29/01/2011 19:15
citação: WK2007
citação: calbeto
citação: mtowersPrezados, não encontrei muita coisa sobre EVEN3? Parece uma das poucas que pode fazer frente a EZTC3 em termos de upside. Talvez no atual momento esteja até mais em conta.



No MoneyTalk do InfoMoney, o gestor entrevistado indicou a EVEN3, BMEB4, EALT4, PNVL3 e GUAR3.



Depois que esse gestor indicou BMEB4 eu parei de escutá-lo ...
Fui ver o desempenho do fundo dele e, sem nenhuma surpresa, constatei que era sofrível.



WK

Depois que vc comentou que procurou conferir dados sobre a gestora e seus fundos, resolvi fazer o mesmo. De fato, o desempenho do fundo de ações não é nenhuma maravilha, mas ficou razoavelmente acima do ibovespa desde a criação, tendo perdido no ano de 2010 (ficou negativo...). mas uma coisa há de se louvar: os caras não ficam no rame rame de só comprar aquele monte de blue chips, tentam ganham em ações menos badaladas, como as mencionadas na entrevista e também a... INEP4. Como admiro seus comentários, fiquei curioso em saber os seus motivos para essa aversão ao Banco Mercantil.

Abaixo o link do relatório deles, onde podemos ler as explicações para o investimento em cada papel semelhantes ao que ele deu na entrevista.

http://www.infinityasset.com.br/adm/Arquivos/697-Infinity%20Asset%20-%20Relató rio%20Mensal%20de%20Investimento%20-%20Dezembro%202010.pdf

Abraços
 
WK2007 - 29/01/2011 16:50
citação: calbeto
citação: mtowersPrezados, não encontrei muita coisa sobre EVEN3? Parece uma das poucas que pode fazer frente a EZTC3 em termos de upside. Talvez no atual momento esteja até mais em conta.



No MoneyTalk do InfoMoney, o gestor entrevistado indicou a EVEN3, BMEB4, EALT4, PNVL3 e GUAR3.



Depois que esse gestor indicou BMEB4 eu parei de escutá-lo ...
Fui ver o desempenho do fundo dele e, sem nenhuma surpresa, constatei que era sofrível.
 
calbeto - 29/01/2011 06:43
citação: mtowersPrezados, não encontrei muita coisa sobre EVEN3? Parece uma das poucas que pode fazer frente a EZTC3 em termos de upside. Talvez no atual momento esteja até mais em conta.



No MoneyTalk do InfoMoney, o gestor entrevistado indicou a EVEN3, BMEB4, EALT4, PNVL3 e GUAR3.
 
APRENDIZ 21 - 17/01/2011 08:45
citação: danieljoseaa
citação: morriconeobrigado daniel , então não tem carteira
abraços boa noite



A que tá lá em cima está desatualizada, o small(Anderson) parou de atualizá-la há mais de 1 ano.
Mas sempre ele aparece por aqui, dizendo suas últimas compras, últimas vendas, tá meio sumido, mas tá quase sempre por aqui.
O livro dele também é muito bom, constam alguns links aí na parte superior da Página.

Abraços e seja bem vindo, há muitos mestres por aqui, todos de boa índole e boa vontade.



Srs segue ultimo post do Anderson divulgado sua carteira:
58696 de 5872413/Dez/2010 12:19 8
small capsComentários: 4315 - Desde: Fev 2007
Carteira de ações por setor e peso em relação ao total:

Bancos médios - 22,84%
Ação Part(%)
PINE4 7,38%
BGIP4 6,51%
PRBC4 4,91%
IDVL4 2,28%
BEES3 1,76%

Construção civil - 20,08%
HBOR3 6,91%
EZTC3 5,60%
ETER3 3,40%
GSHP3 1,43%
JHSF3 1,41%
EUCA4 1,33%

Elétricas - 20,59%
GETI3 5,41%
COCE3 5,25%
ENBR3 3,72%
ELPL6 2,64%
CEPE5 2,21%
EQTL3 1,36%

Indústria - 16,41%
FRAS4 2,25%
POMO3 2,00%
GRND3 1,63%
MGEL4 1,60%
CAMB4 1,50%
TKNO4 1,26%
CEDO4 1,07%
PRVI3 1,02%
CNFB4 0,91%
SUZB5 0,86%
ECPR4 0,78%
MWET4 0,76%
CTSA3 0,75%

Serviços / Diversos - 20,08%
CTAX4 3,70%
TLPP3 2,77%
CGAS3 2,60%
TNLP4 2,13%
VLID3 1,72%
TGMA3 1,32%
PNVL3 1,15%
SGAS4 1,15%
CIEL3 1,01%
BEMA3 0,90%
BTTL3 0,84%
CARD3 0,80%

Como se pode ver, a carteira busca um equilíbrio setorial e dentro do setor, também ativos com características diferentes, de modo a minimizar os riscos de fatores externos dos quais não temos controle.

Abraços,
Small caps.
58697 de 5872413/Dez/2010 12:26 4
small capsComentários: 4315 - Desde: Fev 2007
Agora, a carteira de fundos imobiliários:

EURO11 15,21%
HGRE11 13,90%
FAMB11B 13,34%
FPAB11 12,61%
ALMI11B 10,32%
CXCE11B 9,19%
NSLU11B 8,65%
HGBS11 6,61%
TRXL11 6,48%
FIIP11B 3,70%

Como se vê, também diversificada por tipos diferentes de riscos/mercados: imóveis comerciais mono usuários, vários usuários, estados/cidades diferentes, logísticos, hospital, com turn key ao final do contrato, shopping, etc...

Abraços,
Small caps.
58698 de 5872413/Dez/2010 12:31 3
small capsComentários: 4315 - Desde: Fev 2007
Por fim, os ativos de renda fixa estão assim divididos:

PREVIDÊNCIA 32,72%
TESOURO DIRETO 25,81%
CDB 23,04%
POUPANÇA 10,60%
DEBÊNTURE 7,83%

A previdência é primordialmente atrelada a IGPM+0,5% a.m.. O Tesouro Direto um misto entre pré-fixados, selic e índices de preços (IPCA), o CDB à SELIC (CDI), a poupança é só para eventos de curto prazo pois tem rentabilidade negativa (TR+0,5%) e a debênture é atrelada ao IPCA.

Abraços,
Small caps.

Apolo anota meu pitaco, BTTL4.
Abs.
Aprendiz 21
 
ZOTTI - 28/12/2010 18:36
Minha rentabilidade da carteira foi de 37,4%. Os carros chefes foram hbor,eztc,camb e pnvl. Petrolina e inep foram as decepções.
O fato de estar 90% em ações até setembro tbém ajudou, estou diminuíndo a exposição e pretendo ficar 60/40.
Acho que todos do fórum estão de parabéns, todos por enquanto ganhando do ibov. Isso mostra que podemos por conta própria administrar nosso dinheiro, sem gerentes, consultores, etc.
 
rpiana - 21/12/2010 23:34
citação: APRENDIZ 21
citação: Gusmaran
citação: paulo_profSe a principal loja da Droga Raia em São José dos Campos for representativa do que ocorre na rede, os novos acionistas da empresa podem esperar dificuldades.

Como consumidor online, tenho dado preferência à Droga Raia, porque na minha avaliação, tem sido a melhor opção disponível no conjunto dos quesitos preço e qualidade de serviço (tempo de entrega, etc).

Como cliente presencial, entretanto, a Droga Raia deixou de ser opção. Os procedimentos implementados para a venda de medicamentos controlados são claramente inadequados pois não raras vezes um cliente é obrigado a despender mais do que 40 minutos no interior da loja quando, por exemplo, na Drogaria São Paulo este tempo jamais ultrapassa 10 minutos.

Se a tendência de contínuo "aperto" no que tange a venda de medicamentos se confirmar (a cada ano pelo menos mais uma classe de medicamentos é adicionada ao rol dos medicamentos controlados), acho que a qualidade/rapidez do serviço receberá um peso maior (relativamente ao preço) do que tem hoje. Se a Droga Raia não mudar os procedimentos vigentes, vai perder muitos clientes.

A noção de que medicamentos controlados representam um percentual pequeno no giro diário de uma drogaria e que, portanto, a venda de ítens não controlados seria pouco afetada não condiz com a realidade, uma vez que (pelo menos na DrogaRaia) até mesmo vitaminas foram retiradas das gôndolas e a interveniência de um funcionário (que estará sobrecarregado com a burocracia imposta pela rede na venda dos medicamentos controlados) é necessária.

Na Droga Raia daqui, até mesmo os caixas deixam a desejar.



prof, chegou a dar uma olhada no prospecto da drogaraia? Tem gente lá no B&H que já comprou muito provavelmente influenciado pela alta taxa de crescimento vis à vis com a Drogasil (acho que 40% a.a x 38% nos últimos 3 anos). Um detalhe que me chamou a atenção, é que o crescimento da drogaraia é inflado por aumentos de capital (primeiro a entrada de um Private Equity em 2007 e agora deve continuar com o IPO) enquanto a drogasil vai na garra mesmo.

Um colega que mora em Londrina, interior do Paraná disse que abriram 4 ou 5 lojas em novembro...Mas apesar de tudo isso, a empresa não apresenta LL. Parece que isso se deve à velocidade absurda de abertura de novas lojas...



Prof. Paulo, sou farmacêutico e posso discorrer com propriedade nesse campo, esse ano a ANVISA (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária), implantou a RDC 44/2010: portal.anvisa.gov.br/wps/wcm/connect/.../resolucao+antibioticos.pdf?MOD... Esse controle leva todas as farmácias a perderem um percentual significativo do faturamento, que pode chegar a 35% do faturamento mensal. Como sempre o sr esta certo ao afirmar que a os medicamentos controlados representam uma boa porcentagem do faturamento. A pouco Abriu a 1º unidade das farmácias Raia aqui em Foz do Iguaçu e no primeiro dia foi fechada pela vigilância sanitaria, algum motivo de ordem burocrática. Espero ter ajudado.
Abs
Aprendiz 21



Hoje vendi minhas PNVL4 com um lucro de cerca de 30%.

Subiu muito nos últimos dias e como estava querendo fazer um caixa, não podia perder a oportunidade do JSCP (ex-JSCP amanhã 22.12.2010) que sempre movimenta a cotação da ação para cima. Depois a liquidez complica a venda.

Deixei de levar um JSCP mas preferi realizar o lucro pois acho que as medidas da Anvisa podem reduzir o faturamento das farmácias, principalmente por conta da exigência de receita para antibióticos. Se a fiscalização funcionar, acredito que as farmácias sofrerão um bom impacto.

Por outro lado, nessas horas sempre há uma consolidação no mercado. Antigamente, era a farmácia do Sr. Joaquim, a do Sr. Manoel, etc... Depois virou as farmácias da Rede A, B, ... em geral redes regionais... Agora já estamos falando em redes nacionais. Daqui há pouco, PNVL e outras redes menores de boa cliente/resultado receberão fartas propostas... Nesse momento quem estiver comprado vai soltar fogos!!

Piana.
 
ltcripa - 13/12/2010 17:38
citação: small capsCarteira de ações por setor e peso em relação ao total:

Bancos médios - 22,84%
Ação Part(%)
PINE4 7,38%
BGIP4 6,51%
PRBC4 4,91%
IDVL4 2,28%
BEES3 1,76%

Construção civil - 20,08%
HBOR3 6,91%
EZTC3 5,60%
ETER3 3,40%
GSHP3 1,43%
JHSF3 1,41%
EUCA4 1,33%

Elétricas - 20,59%
GETI3 5,41%
COCE3 5,25%
ENBR3 3,72%
ELPL6 2,64%
CEPE5 2,21%
EQTL3 1,36%

Indústria - 16,41%
FRAS4 2,25%
POMO3 2,00%
GRND3 1,63%
MGEL4 1,60%
CAMB4 1,50%
TKNO4 1,26%
CEDO4 1,07%
PRVI3 1,02%
CNFB4 0,91%
SUZB5 0,86%
ECPR4 0,78%
MWET4 0,76%
CTSA3 0,75%

Serviços / Diversos - 20,08%
CTAX4 3,70%
TLPP3 2,77%
CGAS3 2,60%
TNLP4 2,13%
VLID3 1,72%
TGMA3 1,32%
PNVL3 1,15%
SGAS4 1,15%
CIEL3 1,01%
BEMA3 0,90%
BTTL3 0,84%
CARD3 0,80%

Como se pode ver, a carteira busca um equilíbrio setorial e dentro do setor, também ativos com características diferentes, de modo a minimizar os riscos de fatores externos dos quais não temos controle.

Abraços,
Small caps.



Boa Tarde Small

E o setor de petróleo. Nada te atrai? Vi só CNFB4 e outras que se beneficiam indiretamente.

Abs
 
small caps - 13/12/2010 12:19
Carteira de ações por setor e peso em relação ao total:

Bancos médios - 22,84%
Ação Part(%)
PINE4 7,38%
BGIP4 6,51%
PRBC4 4,91%
IDVL4 2,28%
BEES3 1,76%

Construção civil - 20,08%
HBOR3 6,91%
EZTC3 5,60%
ETER3 3,40%
GSHP3 1,43%
JHSF3 1,41%
EUCA4 1,33%

Elétricas - 20,59%
GETI3 5,41%
COCE3 5,25%
ENBR3 3,72%
ELPL6 2,64%
CEPE5 2,21%
EQTL3 1,36%

Indústria - 16,41%
FRAS4 2,25%
POMO3 2,00%
GRND3 1,63%
MGEL4 1,60%
CAMB4 1,50%
TKNO4 1,26%
CEDO4 1,07%
PRVI3 1,02%
CNFB4 0,91%
SUZB5 0,86%
ECPR4 0,78%
MWET4 0,76%
CTSA3 0,75%

Serviços / Diversos - 20,08%
CTAX4 3,70%
TLPP3 2,77%
CGAS3 2,60%
TNLP4 2,13%
VLID3 1,72%
TGMA3 1,32%
PNVL3 1,15%
SGAS4 1,15%
CIEL3 1,01%
BEMA3 0,90%
BTTL3 0,84%
CARD3 0,80%

Como se pode ver, a carteira busca um equilíbrio setorial e dentro do setor, também ativos com características diferentes, de modo a minimizar os riscos de fatores externos dos quais não temos controle.

Abraços,
Small caps.
 
Kings of Leon - 29/11/2010 11:02
2 - Oferta da Droga Raia pode movimentar até R768,5 mi. A Droga Raia pode levantar até 768,5 milhões de reais com uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) de ações, conforme prospecto divulgado nesta segunda-feira.


Vamos ver a quanto vai ser negocido esse IPO, talvez o mercado abra mais os olhos em direção a Panvel(Dimed)-PNVL3, que é uma empresa com crescimento constante da receita e lucratividade. A liquidez é terrível, mas alguns pontos importantes:

1-programa de recompra de ações recém aberto.
2-aumento na participação do fundo IP( fundo muito bem embasado nas suas escolhas) recentemente na empresa.
3-múltiplos bem mais baixos comparativamente à Drogasil, ok que o crescimento dos lucros não é igual, que o custo de capital para a Panvel deve ser mais alto,que a liquidez é baixa e que a governança não seja lá essas coisas, mas a Panvel é uma excelente empresa e pode ganhar atenção do mercado caso melhore estes pontos.
4-potencial de ser vendida para a Drogasil , Raia ou outro concorrente que deseje ganhar participação de maneira rápida no mercado do RS, SC e PR(área de atuação da Panvel)-especulação minha.
5-cerceamento da receita federal na arrecadação de impostos nas farmácias, favorecendo as empresas que não sonegam impostos.As farmácias menores geralmente sobrevivem às custas de certas manobras p/ evitar impostos.
6-aumento do tamanho do mercado de medicamentos nos próximos anos com a expectativa de envelhecimento populacional no Brasil, isso em si não diz muita coisa mas as empresas bem administradas vão poder ser beneficiadas

Riscos de negócio
- mercado muito fragmentado, margens baixas, competição acirrada entre as grandes redes, DY baixo.

Obs-estou comprado rsrsrsr

Abs
 
grouchomarx - 12/11/2010 07:31
citação: steve ray
citação: small caps
citação: steve rayCaro Small, uma empresa que eu tenho interesse mas ainda acho cara é a tal da CARD3-CSU.. Não entendo muito bem o mercado dela, por exemplo, ela perdeu o banco Nossa Caixa que era seu cliente...mas perdeu para qual concorrente?
Como é o mercado que ela atua? Com essa abertura de mercado recente como fica a sua posição estratégica?
Abs



steve, perdeu porque o Banco do Brasil incorporou a Nossa Caixa e produz internamente os cartões.

Ela atua na expedição e processamento de cartões e das respectivas transações, bem como em call center. Esta área é a que "emperra" a companhia atualmente.

A abertura de mercado lhe beneficia, eis que pode atuar juntamente com novos adquirentes, coisa que já está fazendo junto ao Banrisul, como prestadora de serviço.

O release deles é muito bom se você quiser se aprofundar na empresa:http://www.mzweb.com.br/csu/web/arquivos/CSU_ER_3T10_PT.pdf

Lembro só que é mais um investimento de médio/longo prazo, acreditando no sucesso das últimas iniciativas da companhia, que tem muiiiiiiito a crescer...

Abraços,
Small caps.



Obrigado Small! Já li o release mas presciso estudar melhor. Queria saber a quanto é razoavel negociar a CSU em relação aos pares internacionais,em termos de EV/EBTIDA.

Uma ação que tenho e que quero acompanhar é a Panvel(PNVL3).... Esse setor farmacêutico ainda vai bombar no Brasil e ela é muito mais barata que a Drogasil.. Administração excelente e receitas superando 1 Bi...Pena que não está no Novo Mercado...A ver...



Permita-me participar desta discussão já que tenho alguma familiaridade com a empresa e o setor. Indo direto ao assunto: não existem comparáveis perfeitas internacionalmente, a maioria delas tem outras atividades principalmente como acquirer. Hoje CSU negocia a um EV/EBITDA de menos de 5, numa venda ela valeria pelo menos o dobro: é um ativo muito estratégico para novos entrantes. Veja que neste setor há poucos players internacionalmente, é um negócio de escala. Nos EUA são 4 ou 5 enquanto existem cem vezes mais acquirers.

Existem duas frentes aonde pode haver muito avanço: processamento de acquirers e uma melhora no call center. O negócio de cartões vai bem e acho que aí inclusive poderemos ter algumas surpresas com novos entrantes no mercado de cartões e que portanto poderão se utlilizar dos serviços da CSU.

Se houver interesse posso ir mais a fundo. Gastei bastante tempo nesta história.
 
steve ray - 12/11/2010 00:19
citação: small caps
citação: steve rayCaro Small, uma empresa que eu tenho interesse mas ainda acho cara é a tal da CARD3-CSU.. Não entendo muito bem o mercado dela, por exemplo, ela perdeu o banco Nossa Caixa que era seu cliente...mas perdeu para qual concorrente?
Como é o mercado que ela atua? Com essa abertura de mercado recente como fica a sua posição estratégica?
Abs



steve, perdeu porque o Banco do Brasil incorporou a Nossa Caixa e produz internamente os cartões.

Ela atua na expedição e processamento de cartões e das respectivas transações, bem como em call center. Esta área é a que "emperra" a companhia atualmente.

A abertura de mercado lhe beneficia, eis que pode atuar juntamente com novos adquirentes, coisa que já está fazendo junto ao Banrisul, como prestadora de serviço.

O release deles é muito bom se você quiser se aprofundar na empresa:http://www.mzweb.com.br/csu/web/arquivos/CSU_ER_3T10_PT.pdf

Lembro só que é mais um investimento de médio/longo prazo, acreditando no sucesso das últimas iniciativas da companhia, que tem muiiiiiiito a crescer...

Abraços,
Small caps.



Obrigado Small! Já li o release mas presciso estudar melhor. Queria saber a quanto é razoavel negociar a CSU em relação aos pares internacionais,em termos de EV/EBTIDA.

Uma ação que tenho e que quero acompanhar é a Panvel(PNVL3).... Esse setor farmacêutico ainda vai bombar no Brasil e ela é muito mais barata que a Drogasil.. Administração excelente e receitas superando 1 Bi...Pena que não está no Novo Mercado...A ver...
 
renato1631 - 01/10/2010 18:37
citação: Dr Invest
citação: ltcripaBom Dia Paulo_prof e demais colegas...

Bom retorno, espero que tenha relaxado nas férias... :)

Qual a alocação do Sr., hoje, em renda variável?

Pergunto isso pois hj. tenho 57% em ações, tenho 28 anos, e acho que é possível

aumentar minha exposição, tendo em vista o fluxo de caixa (rendimento do

trabalho)e o momento do mercado acionário.

O que pensa sobre esta relação entre idade vs investimento em renda variável?

Sei que isso é bastante pessoal e tem muito a ver com gestão do risco de cada

um. Aos demais colegas que quiserem analisar, a vontade. Percebi que o Dr_Invest

é bem agressivo, se quiser opinar será legal!

Abraço a todos



Olá ltcripa...
td bem?

então, seu momento de vida é muito parecido com o meu (geraçao de fluxo de caixa constante, jovem se bem que eu já nem tanto, sou um "menino" de 41 anos... rsss),
logo se NÃO precisa do $$ investido, poderá esperar com tranquilidade as oscilações do mercado, e torcendo para que ele todos os dias caía mais, assim como eu , para poder comprar mais pechinchas....

Neste momento de minha vida, o que não me falta por hora é oportuniade de compra...(tenho trabalhado como louco para aproveitar o momento !!!). Vislumbro um enorme potencial nesta década (não estou falando de olimpiadas e copa NÃO, pois sobre isso já saiu muito artigo sobre o impacto das olimpiadas na China, e o aumento do consumo de aço e etc foi bem ridiculo... perto de 3% o aumento!!)

falo sim, do dinheiro dos fundos de pensões do americanos, japoneses e europeus AINDA investidos "burramente" nessas economias mesmos....
Acho que já comentei aqui sobre isso....
recapitulando : hoje esse volume de recurso está 95% locado lá por cima do hemisfério, será INSANO tal processo continuar assim.
Logo virao trilhões e trilhoes para os emergentes, sendo que a GRANDE maioria para os BRIC s... e em especial CHINA, porém BILHÕES virão também para o Brasil , o que vai gerar uma entrada fabulosa de recursos na nossa bolsa....
Some a isso, a queda dos juros na nossa economia que fará o N* de investidores pesssoa física multiplicar em muitoooooo nos próximos anos (5 anos >> 5 MILHÕES segundo a Bovespa, será ???? mas bem razoável a meta...).

Logo, foque nos segmentos demésticos que mais irão se beneficiar nos próximos anos: Construçao civil, óleo e gás, varejo e etc.

dentre essas as "mais baratas" (fundamentalista), e com pagto de dividendos.

temperada com as "caras" porém promissoras, veja bem NÃO micos (empresas que só acumulam prejuizos) ou seja turnarounds.

em minha modesta opinião, carteira ideal (para quem quer ficar rico e não pensar só em dividendos AGORA):

50% EMPRESAS de crescimento saudaveis e "voando" : EZTC3, HBOR3, PINE4, FRIO3, FRAS4, PRBC4, BGIP4, TGMA3 etc...

25% empresas de crescimento ainda NÃO BOMBARAM (deverá acontecer em breve, breve...): PRVI3, EVEN3, JHSF3, CNFB4, LOGN3, MGEL4, KROT11, BEMA3, ROMI3, MRSL4, PNVL3 TKNO4, IDVL4, FESA4 e etc.

25% turnaround: INEP4, SULT4, BTTL4, PTBL3, MAGG3, GSHP3, MWET4, EALT4, CAMB4, KEPL3,

Acho que c isso aí, respeitando as devidas proporções, terá um excelente retorno com relativamente baixo risco de insucesso.

QUANDO CHEGAR ao patrimonio de 1 M em ativos, aí sim sugiro ser mais conservador e aumentar posiçao em eletricas (empresas estas, em minha opinião de ricos ou velhinhos... "Carteira da viúva"!!!), com todo respeito aos que se "encharcam" AGORA , na atual circunstancia, desses ativos, afinal um dia eu serei ao menos um dentre esses dois !! rssss.

em off, para adiantar sua carteira (e a minha ) daqui a 5 - 7 anos , (antes que acabe o ciclo da economia, da bonança, e que o Brasil vire uma nova Grécia após Olimpiadas e copa juntos !!!) estará assim:
50% eletricas (no maximo)
25% FII
25% LETRAS do tesouro e outras...
bem longe de bolsa e RV.......
eperando a proxima crise bem liquidoooo e bem conservador !!!!

e que venha o double dip !! (pena que pelo jeito refugou !!! até o Floripa esta comprando.... kkkkkkkkkkkk !!!) :)

para terminar de responder sua pergunta, como tenho geraçao constante de renda, e varias vezes ao mes (recebo de varios locais...), estou 100% COMPRADO em bolsa....
e muito otimista !!! ainda mais !!!

abraçao !!





Excelente
 
Dr Invest - 30/09/2010 15:16
citação: ltcripaBom Dia Paulo_prof e demais colegas...

Bom retorno, espero que tenha relaxado nas férias... :)

Qual a alocação do Sr., hoje, em renda variável?

Pergunto isso pois hj. tenho 57% em ações, tenho 28 anos, e acho que é possível

aumentar minha exposição, tendo em vista o fluxo de caixa (rendimento do

trabalho)e o momento do mercado acionário.

O que pensa sobre esta relação entre idade vs investimento em renda variável?

Sei que isso é bastante pessoal e tem muito a ver com gestão do risco de cada

um. Aos demais colegas que quiserem analisar, a vontade. Percebi que o Dr_Invest

é bem agressivo, se quiser opinar será legal!

Abraço a todos



Olá ltcripa...
td bem?

então, seu momento de vida é muito parecido com o meu (geraçao de fluxo de caixa constante, jovem se bem que eu já nem tanto, sou um "menino" de 41 anos... rsss),
logo se NÃO precisa do $$ investido, poderá esperar com tranquilidade as oscilações do mercado, e torcendo para que ele todos os dias caía mais, assim como eu , para poder comprar mais pechinchas....

Neste momento de minha vida, o que não me falta por hora é oportuniade de compra...(tenho trabalhado como louco para aproveitar o momento !!!). Vislumbro um enorme potencial nesta década (não estou falando de olimpiadas e copa NÃO, pois sobre isso já saiu muito artigo sobre o impacto das olimpiadas na China, e o aumento do consumo de aço e etc foi bem ridiculo... perto de 3% o aumento!!)

falo sim, do dinheiro dos fundos de pensões do americanos, japoneses e europeus AINDA investidos "burramente" nessas economias mesmos....
Acho que já comentei aqui sobre isso....
recapitulando : hoje esse volume de recurso está 95% locado lá por cima do hemisfério, será INSANO tal processo continuar assim.
Logo virao trilhões e trilhoes para os emergentes, sendo que a GRANDE maioria para os BRIC s... e em especial CHINA, porém BILHÕES virão também para o Brasil , o que vai gerar uma entrada fabulosa de recursos na nossa bolsa....
Some a isso, a queda dos juros na nossa economia que fará o N* de investidores pesssoa física multiplicar em muitoooooo nos próximos anos (5 anos >> 5 MILHÕES segundo a Bovespa, será ???? mas bem razoável a meta...).

Logo, foque nos segmentos demésticos que mais irão se beneficiar nos próximos anos: Construçao civil, óleo e gás, varejo e etc.

dentre essas as "mais baratas" (fundamentalista), e com pagto de dividendos.

temperada com as "caras" porém promissoras, veja bem NÃO micos (empresas que só acumulam prejuizos) ou seja turnarounds.

em minha modesta opinião, carteira ideal (para quem quer ficar rico e não pensar só em dividendos AGORA):

50% EMPRESAS de crescimento saudaveis e "voando" : EZTC3, HBOR3, PINE4, FRIO3, FRAS4, PRBC4, BGIP4, TGMA3 etc...

25% empresas de crescimento ainda NÃO BOMBARAM (deverá acontecer em breve, breve...): PRVI3, EVEN3, JHSF3, CNFB4, LOGN3, MGEL4, KROT11, BEMA3, ROMI3, MRSL4, PNVL3 TKNO4, IDVL4, FESA4 e etc.

25% turnaround: INEP4, SULT4, BTTL4, PTBL3, MAGG3, GSHP3, MWET4, EALT4, CAMB4, KEPL3,

Acho que c isso aí, respeitando as devidas proporções, terá um excelente retorno com relativamente baixo risco de insucesso.

QUANDO CHEGAR ao patrimonio de 1 M em ativos, aí sim sugiro ser mais conservador e aumentar posiçao em eletricas (empresas estas, em minha opinião de ricos ou velhinhos... "Carteira da viúva"!!!), com todo respeito aos que se "encharcam" AGORA , na atual circunstancia, desses ativos, afinal um dia eu serei ao menos um dentre esses dois !! rssss.

em off, para adiantar sua carteira (e a minha ) daqui a 5 - 7 anos , (antes que acabe o ciclo da economia, da bonança, e que o Brasil vire uma nova Grécia após Olimpiadas e copa juntos !!!) estará assim:
50% eletricas (no maximo)
25% FII
25% LETRAS do tesouro e outras...
bem longe de bolsa e RV.......
eperando a proxima crise bem liquidoooo e bem conservador !!!!

e que venha o double dip !! (pena que pelo jeito refugou !!! até o Floripa esta comprando.... kkkkkkkkkkkk !!!) :)

para terminar de responder sua pergunta, como tenho geraçao constante de renda, e varias vezes ao mes (recebo de varios locais...), estou 100% COMPRADO em bolsa....
e muito otimista !!! ainda mais !!!

abraçao !!



 
ZOTTI - 15/09/2010 20:04
citação: WK2007
citação: ZOTTI
citação: WK2007Alguém tem alguma informação sobre uma eventual compra da Panvel (Dimed) pelo BTG?
Algém analisou ou estudou recentemente a Panvel? Quais as conclusões?
Tomei conhecimento desse boato na Exame, pg. 72, edição 972.


WK2007, eu também li esta reportagem.
Panvel é a disparada a maior rede de farmácias do RS, que agora está entrando em SC.
Do setor é a que tem os melhores múltiplos. Pnvl4 está com um p/l de 8,2.
Acho o setor interessante pois se beneficia diretamente do aumento do consumo do brasileiro.
A população está envelhecendo e cada vez mais precisa de medicamentos.
A margem de lucro do setor como um todo é baixa. Panvel consegue umas margens melhores com produtos de marca própria de perfumaria, cremes de barbear, etc.
O lado ruim a se pensar é o populismo do governo com a distribuição de medicamentos. Muitos que recebem realmente não tem condições de comprar, mas nem todos. Mas não acho isso um fator impeditivo.
Abraço



Zotti, pnvl4 tem tag along? Apenas as ONs tem o tag along de 80% previsto na LSA?


WK2007
Pelo que sei só ao ON tem tag along.
 
WK2007 - 15/09/2010 18:56
citação: ZOTTI
citação: WK2007Alguém tem alguma informação sobre uma eventual compra da Panvel (Dimed) pelo BTG?
Algém analisou ou estudou recentemente a Panvel? Quais as conclusões?
Tomei conhecimento desse boato na Exame, pg. 72, edição 972.


WK2007, eu também li esta reportagem.
Panvel é a disparada a maior rede de farmácias do RS, que agora está entrando em SC.
Do setor é a que tem os melhores múltiplos. Pnvl4 está com um p/l de 8,2.
Acho o setor interessante pois se beneficia diretamente do aumento do consumo do brasileiro.
A população está envelhecendo e cada vez mais precisa de medicamentos.
A margem de lucro do setor como um todo é baixa. Panvel consegue umas margens melhores com produtos de marca própria de perfumaria, cremes de barbear, etc.
O lado ruim a se pensar é o populismo do governo com a distribuição de medicamentos. Muitos que recebem realmente não tem condições de comprar, mas nem todos. Mas não acho isso um fator impeditivo.
Abraço



Zotti, pnvl4 tem tag along? Apenas as ONs tem o tag along de 80% previsto na LSA?
 
ZOTTI - 15/09/2010 07:36
citação: WK2007Alguém tem alguma informação sobre uma eventual compra da Panvel (Dimed) pelo BTG?
Algém analisou ou estudou recentemente a Panvel? Quais as conclusões?
Tomei conhecimento desse boato na Exame, pg. 72, edição 972.


WK2007, eu também li esta reportagem.
Panvel é a disparada a maior rede de farmácias do RS, que agora está entrando em SC.
Do setor é a que tem os melhores múltiplos. Pnvl4 está com um p/l de 8,2.
Acho o setor interessante pois se beneficia diretamente do aumento do consumo do brasileiro.
A população está envelhecendo e cada vez mais precisa de medicamentos.
A margem de lucro do setor como um todo é baixa. Panvel consegue umas margens melhores com produtos de marca própria de perfumaria, cremes de barbear, etc.
O lado ruim a se pensar é o populismo do governo com a distribuição de medicamentos. Muitos que recebem realmente não tem condições de comprar, mas nem todos. Mas não acho isso um fator impeditivo.
Abraço
 
mlopes_ml - 09/09/2010 12:05
Boa ....

(09/09) DIMED (PNVL) - Aquisicao de acoes de sua propria emissao
DRI: Roberto Coimbra Santos


Enviou o seguinte Fato Relevante:

"Nos termos da letra "n" do artigo 10 do Estatuto Social e as Instrucoes CVM
n. 10/80, 268/97 e 390/03, autorizada a Diretoria a providenciar na aquisicao
pela companhia de acoes de sua propria emissao, para permanencia em tesouraria e
posterior cancelamento ou alienacao, sem reducao do capital social, com o
objetivo de aproveitar recursos disponiveis da Companhia e atendidos os
seguintes criterios: (a) nos termos das instrucoes citadas, a quantidade de
acoes em circulacao no mercado no momento e de 2.139.407, sendo 1.720.992 de
acoes ordinarias e 418.415 de acoes preferenciais. Assim, serao adquiridas ate
213.940 acoes, sendo 172.099 acoes ordinarias e 41.841 acoes preferenciais, o
que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes atualmente em circulacao
no mercado; (b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de
mercado das acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de
ate 180 (cento e oitenta) dias, com vencimento em 08/03/2011, a contar dessa
data (09/09/2010); (c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a
Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av.
Paulista, 1.450 - 7 andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a
Diretoria autorizada a contrata-la."
 
lelete - 06/09/2010 11:03
citação: NotwenCardozo
citação: leleteAcabei de compor minha carteira de LP hoje, algumas já vinha carregando há algum tempo, como por exemplo, dixie, fibam Eletropaulo, Tupy.
Outras são apostas mais recentes como petro

Em comum todas tem baixo endividamento, alto retorno sobre PL, bom P/L e P/VP

Também a maioria tem liquidez corrente aceitável

BBAS3
BEES3
BGIP4
BMEB3
CGRA4
COCE3
DXTG4
ELPL6
FBMC4
FJTA4
GRND3
JHSF3
PETR4
PMAM3
PNVL4
PRBC4
SOND5
TLPP4
TRPL4
TUPY3

Cuidado que DXTG4 anunciou algum meses atrás que irá fechar capital pois foi comprada pela Bemis que tem ações listadas em NY. Falaram que pagariam 2,40 por ação. Na dúvida, me desfiz de minhas posições em 2,42 e 2,44.



agardeço o retorno minha posição e DXTG foi montada a ~ 1,74, mas quiza não seja uma boa alternativa trocar essa posição, valeu!!!
 
NotwenCardozo - 06/09/2010 02:21
citação: leleteAcabei de compor minha carteira de LP hoje, algumas já vinha carregando há algum tempo, como por exemplo, dixie, fibam Eletropaulo, Tupy.
Outras são apostas mais recentes como petro

Em comum todas tem baixo endividamento, alto retorno sobre PL, bom P/L e P/VP

Também a maioria tem liquidez corrente aceitável

BBAS3
BEES3
BGIP4
BMEB3
CGRA4
COCE3
DXTG4
ELPL6
FBMC4
FJTA4
GRND3
JHSF3
PETR4
PMAM3
PNVL4
PRBC4
SOND5
TLPP4
TRPL4
TUPY3

Cuidado que DXTG4 anunciou algum meses atrás que irá fechar capital pois foi comprada pela Bemis que tem ações listadas em NY. Falaram que pagariam 2,40 por ação. Na dúvida, me desfiz de minhas posições em 2,42 e 2,44.
 
lelete - 03/09/2010 20:03
Acabei de compor minha carteira de LP hoje, algumas já vinha carregando há algum tempo, como por exemplo, dixie, fibam Eletropaulo, Tupy.
Outras são apostas mais recentes como petro

Em comum todas tem baixo endividamento, alto retorno sobre PL, bom P/L e P/VP

Também a maioria tem liquidez corrente aceitável

BBAS3
BEES3
BGIP4
BMEB3
CGRA4
COCE3
DXTG4
ELPL6
FBMC4
FJTA4
GRND3
JHSF3
PETR4
PMAM3
PNVL4
PRBC4
SOND5
TLPP4
TRPL4
TUPY3
 
small caps - 29/08/2010 22:47
Carteira atual:

HBOR3 7,51%
PINE4 6,74%
BGIP4 6,56%
COCE3 5,95%
EZTC3 5,05%
GETI3 4,97%
ENBR3 4,06%
PRBC4 3,83%
ELPL6 3,09%
CTAX4 3,09%
ETER3 3,06%
TLPP3 2,82%
FRAS4 2,45%
IDVL4 2,45%
GSHP3 2,18%
CGAS3 2,04%
BICB3 1,91%
TNLP4 1,84%
CEPE5 1,76%
ABNB3 1,56%
EQTL3 1,46%
POMO3 1,45%
CAMB4 1,44%
BEES3 1,32%
TKNO4 1,28%
CEDO4 1,24%
MGEL4 1,23%
EUCA4 1,20%
GRND3 1,16%
PRVI3 1,14%
SGAS4 1,13%
PNVL3 1,06%
TGMA3 1,05%
CEBR5 1,01%
RDTR3 0,95%
BEMA3 0,95%
SUZB5 0,94%
CNFB4 0,93%
CTSA3 0,88%
BTTL3 0,80%
CEBR6 0,80%
ECPR4 0,76%
CARD3 0,75%
CEPE6 0,72%
MWET4 0,67%
SLED3 0,48%
CTSA4 0,27%

Abraços,
Small caps.
 
lelete - 23/08/2010 11:49
citação: renato1631
citação: palpitesacoes
citação: leleteEstou tentando garimpar alguns papéis e encontrei alguns que penso em por na carteira, se alguem puder comentar agradeço.
POMO4
GRND3
LEVE4
FRAS4
CNFB4
PFRM3
LIGT3
ELET3
PRBC4
DAYC4
ABCB4





Dessas citados, sugiro investir em POMO4, FRAS4 e ABCB4

Mas também os ativos abaixovale a pena dar uma analisada:

ELPL6
FRIO3
BGIP4
HBOR3
SBSP3
EZTC3
PNVL4
TGMA3

Palpites Ações



Prbc4 está descontado! Também estou apostando em grnd3, se os resultados melhorarem. Se não me engano, o professor acha que no quarto trimestre os resultados serão excelentes! E sem esquecer petr4.

Abç



Agradeço o retorno, quanto a PETR4 só não inclui por não ser small, mas sem dúvida esta descontada, mas o mercado percebe o risco do pré sal. Cautela aqui.
 
lelete - 23/08/2010 11:46
citação: palpitesacoes
citação: leleteEstou tentando garimpar alguns papéis e encontrei alguns que penso em por na carteira, se alguem puder comentar agradeço.
POMO4
GRND3
LEVE4
FRAS4
CNFB4
PFRM3
LIGT3
ELET3
PRBC4
DAYC4
ABCB4



Dessas citados, sugiro investir em POMO4, FRAS4 e ABCB4

Mas também os ativos abaixovale a pena dar uma analisada:

ELPL6
FRIO3
BGIP4
HBOR3
SBSP3
EZTC3
PNVL4
TGMA3

Palpites Ações



Agradeço a inclusão e tbm vejo bons multiplos para essas empresas. Vou continuar pesquisando para no decorrer da semana fazer uma carteira com vista a LP
 
renato1631 - 22/08/2010 21:19
citação: palpitesacoes
citação: leleteEstou tentando garimpar alguns papéis e encontrei alguns que penso em por na carteira, se alguem puder comentar agradeço.
POMO4
GRND3
LEVE4
FRAS4
CNFB4
PFRM3
LIGT3
ELET3
PRBC4
DAYC4
ABCB4





Dessas citados, sugiro investir em POMO4, FRAS4 e ABCB4

Mas também os ativos abaixovale a pena dar uma analisada:

ELPL6
FRIO3
BGIP4
HBOR3
SBSP3
EZTC3
PNVL4
TGMA3

Palpites Ações



Prbc4 está descontado! Também estou apostando em grnd3, se os resultados melhorarem. Se não me engano, o professor acha que no quarto trimestre os resultados serão excelentes! E sem esquecer petr4.

Abç
 
palpitesacoes - 22/08/2010 20:04
citação: leleteEstou tentando garimpar alguns papéis e encontrei alguns que penso em por na carteira, se alguem puder comentar agradeço.
POMO4
GRND3
LEVE4
FRAS4
CNFB4
PFRM3
LIGT3
ELET3
PRBC4
DAYC4
ABCB4



Dessas citados, sugiro investir em POMO4, FRAS4 e ABCB4

Mas também os ativos abaixovale a pena dar uma analisada:

ELPL6
FRIO3
BGIP4
HBOR3
SBSP3
EZTC3
PNVL4
TGMA3


Palpites Ações

 
paulo_prof - 13/08/2010 12:23
Os multiplicadores referentes aos resultados anualizados do 1o. semestre da PNVL3 são os seguintes:

Preço: R$ 68,00
P/L 11,08
P/VPA 1,90
PSR 0,28
DY 2,54%
EV/EBTIDA 5,29
MARGEM BRUTA 21,6%
MARGEM OPERACIONAL 4,0%
MARGEM LÍQUIDA 2,5%
LUCRO POR AÇÃO R$ 6,140
MARGEM EBITDA 5,4%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 12,6%
ROE 17,19%
LIQUIDEZ CORRENTE 2,06
 
jpma1977 - 28/07/2010 00:22
Excluindo-se algumas açoes e setores que de cara nao me interessariam:
P/L e ROE
ELPL6
COCE3
CSRN3
FBMC4
FRAS4
CTAX4
GETI4
CMIG3
TUPY3
PETR4
POMO3
VULC3
RDCD3
EKTR4
CIEL3
HBOR3
EZTC3
TRPL4
PNVL3
TRPL3
CGAS5
POSI3
PETR3
EMBR3
CMIG4
SBSP3
CLSC3
CSMG3
MTSA4
ETER3
TBLE3

EV/EBIT e ROIC
Papel
CIEL3
GETI4
NATU3
HGTX3
CNFB4
CTAX4
TKNO4
LLIS3
CGRA4
TGMA3
AMBV3
MTSA4
ETER3
EKTR4
TBLE3
ALPA3
FRAS4
CGAS5
PNVL3
CARD3
SEBB11
ABNB3
PETR4
CPFE3
TRPL4
EQTL3
COCE3
MDIA3
POSI3
EZTC3
CSRN3
SLED3
DROG3
GRND3
 
jpma1977 - 28/07/2010 00:00
Boa noite amigos...

fiz um pseudoestudo do ranking de greenblatt, utilizando os dados do fundamentus e vieram algumas coisas diferentes do que está no investidor jovem... fiz algumas exclusoes como baixa liquidez, divida ate 1,5 (nao queria excluir eletricas) etc...

utilizando-se P/L e ROE
Papel (50 primeiros)
TAMM4,GPIV11 VINE5 VINE3 TRPN3 EUCA4 ELPL6 ELPL5 COCE3 CSRN3 GOLL4 CSRN5 BRML3 FBMC4 FRAS4 CTAX4 GETI4 SUZB5 CMIG3 TUPY3 PETR4 POMO3 VULC3 RDCD3 EKTR4 MRFG3 CIEL3 HBOR3 EZTC3 TLPP3 TRPL4 CLSC6 PNVL3 TRPL3 CGAS5 NETC4 POSI3 PETR3 EMBR3 TLPP4 CMIG4 JHSF3 SBSP3 CLSC3 CSMG3 MTSA4 ETER3 CSAN3 TBLE3

utilizando-se EV/EBIT e ROIC
Papel
TRPN3 CIEL3 GETI4 TOTS3 NATU3 LPSB3 GPIV11 HGTX3 CNFB4 CTAX4 UOLL4 TKNO4 LLIS3 CGRA4 TGMA3 AMBV3 AMBV4 MTSA4 ETER3 EKTR4 TBLE3 ALPA3 ALPA4 FRAS4 CGAS5 PNVL3 TLPP3 TLPP4 FJTA3 FJTA4 CARD3 SEBB11 ABNB3 PETR4 PETR3 TVIT3 CPFE3 TRPL4 TRPL3 EQTL3 COCE3 MDIA3 POSI3 EZTC3 CSRN3 CSRN5 SLED3 DROG3 GRND3

se puderem fazer comentarios sobre as possiveis diferenças entre elas... lembrando ainda, que tem algumas com numeros "diminuidos"" por eventos nao recorrentes (ex: BRML3)

Pretendo adquirir ETER3 e EZTC3, pois me pareceram com boas perspectivas e fundamentos, como ja se falou muito por aqui, mas desejava ver onde as mesmas se encaixavam nesta "formula magica"

Sigo lendo assiduamente todos voces, apesar de postar pouco, pois vejo que tenho pouco a acrescentar e muito o que aprender

Abraços a todos

 
bgrana - 20/07/2010 12:26
citação: Capa_PretaBG,

quando passar por aqui leia essa.

Sera que voce consegue extrair da sua "base" o total de mencoes por ativo? Queria uma lista/ranking dos papeis mais comentados pelo povo daqui para uma planilha que estou montando. Se der para extrair agradeco.

Abraco
Capa




Ativo / numero de comentarios que onde é mencionado.

ABCB4 351
ABNB3 23
ABYA3 134
ACES4 2
ACGU3 105
AEDU11 9
AELP3 17
AESL3 2
AESL4 2
AFLU3 47
AFLU5 6
AGEI3 22
AGEN11 179
AGIN3 59
AGRO3 14
AHEB3 2
AHEB5 2
AHEB6 2
ALLL11 35
ALLL3 8
ALLL4 5
ALPA3 12
ALPA4 65
AMAR3 1
AMBV3 10
AMBV4 19
AMIL3 24
AMPI3 3
APTI4 2
ARCZ3 21
ARCZ6 96
ARLA3 4
ARLA4 2
AVIL3 166
AZEV4 5
BAHI3 9
BAHI4 14
BALM3 17
BALM4 22
BAUH4 225
BAZA3 87
BBAS3 449
BBDC3 12
BBDC4 96
BBRK3 24
BCAL6 3
BDLL4 31
BEEF3 658
BEES3 333
BEES4 24
BEMA3 225
BGIP3 18
BGIP4 564
BHGR3 2
BICB3 88
BICB4 1014
BIOM3 3
BIOM4 3
BISA3 218
BMEB3 8
BMEB4 96
BMIN3 2
BMIN4 32
BMKS3 3
BMTO3 5
BMTO4 118
BNBR3 9
BNBR4 6
BNCA3 25
BOBR4 47
BPAR3 4
BPAT11 2
BPIA3 24
BPNM4 94
BRAP3 4
BRAP4 44
BRFS3 38
BRGE11 4
BRGE12 4
BRGE3 3
BRGE5 2
BRGE6 4
BRGE7 2
BRGE8 2
BRIV3 50
BRIV4 94
BRKM3 28
BRKM5 219
BRKM6 4
BRML3 55
BRSR3 18
BRSR5 21
BRSR6 213
BRTO3 19
BRTO4 60
BRTP3 6
BRTP4 5
BSCT3 2
BSCT5 2
BSCT6 2
BSLI3 12
BSLI4 12
BTOW3 51
BTTL3 69
BTTL4 82
BUET3 3
BUET4 2
BVMF3 83
CAFE3 2
CAFE4 8
CALI3 2
CALI4 2
CAMB4 465
CARD3 48
CASN3 2
CBEE3 32
CBMA3 4
CBMA4 40
CCHI3 25
CCHI4 11
CCIM3 122
CCPR3 12
CCRO3 37
CEBR3 117
CEBR5 85
CEBR6 79
CEDO3 13
CEDO4 66
CEEB3 16
CEEB5 30
CEGR3 5
CELM3 2
CELP5 8
CELP7 5
CEPE3 10
CEPE5 158
CEPE6 51
CESP3 6
CESP5 10
CESP6 24
CGAS3 26
CGAS5 35
CGRA3 49
CGRA4 78
CIEL3 15
CIQU3 3
CIQU4 15
CLAN3 1
CLAN4 16
CLSC3 11
CLSC5 2
CLSC6 113
CMGR3 6
CMGR4 5
CMIG3 96
CMIG4 134
CNFB4 758
COCE3 213
COCE5 964
COCE6 32
CORR3 2
CORR4 2
CPFE3 24
CPLE3 15
CPLE5 7
CPLE6 27
CPNY3 2
CPSL3 3
CRBM3 2
CRBM7 2
CRDE3 131
CREM3 570
CRIV3 38
CRIV4 281
CRUZ3 69
CSAB3 5
CSAB4 2
CSAN3 23
CSMG3 466
CSNA3 49
CSRN3 24
CSRN5 11
CSRN6 19
CTAX3 27
CTAX4 76
CTIP3 10
CTKA3 14
CTKA4 68
CTNM3 14
CTNM4 70
CTPC3 8
CTSA3 232
CTSA4 254
CTSA8 2
CYRE3 82
CZLT11 4
CZRS4 157
DASA3 34
DAYC3 3
DAYC4 78
DHBI3 2
DHBI4 5
DIRR3 17
DOCA3 2
DOCA4 3
DOHL3 2
DOHL4 9
DPPI3 1
DPPI4 2
DROG3 73
DSUL3 1
DTCY3 7
DTEX3 20
DUFB11 17
DUQE3 2
DUQE4 5
DURA3 7
DURA4 38
DXTG4 84
EALT3 1
EALT4 145
EBCO4 2
EBTP3 5
EBTP4 5
ECOD3 447
ECOR3 3
ECPR3 39
ECPR4 242
EKTR3 17
EKTR4 197
ELEK3 7
ELEK4 15
ELET3 114
ELET5 6
ELET6 43
ELEV3 2
ELPL3 25
ELPL4 4
ELPL5 39
ELPL6 741
ELUM3 2
ELUM4 3
EMAE4 24
EMBR3 191
ENBR3 256
ENGI3 6
ENGI4 23
EQTL3 781
ESTC11 2
ESTC3 9
ESTR3 4
ESTR4 66
ETER3 527
EUCA3 6
EUCA4 140
EVEN3 148
EZTC3 1789
FBMC3 6
FBMC4 22
FCAP3 5
FCAP4 5
FESA3 36
FESA4 757
FFTL3 33
FFTL4 75
FGUI3 3
FGUI4 9
FHER3 894
FIBR3 58
FIGE3 2
FIGE4 3
FJTA3 3
FJTA4 76
FLRY3 9
FRAS4 1144
FRIO3 124
FTRX3 2
FTRX4 9
GAFP3 2
GAZO3 2
GAZO4 17
GEPA3 4
GEPA4 9
GETI3 492
GETI4 345
GFSA3 60
GGBR3 28
GGBR4 71
GLOB3 34
GOAU3 19
GOAU4 33
GOLL4 39
GPCP3 63
GPIV11 40
GRND3 671
GSHP3 347
GUAR3 22
GUAR4 27
GVTT3 18
HAGA3 5
HAGA4 119
HBOR3 1020
HBTS5 38
HETA3 2
HETA4 22
HGTX3 171
HOOT4 97
HYPE3 42
IDNT3 50
IDVL3 7
IDVL4 1161
IENG3 91
IENG5 116
IGBR3 114
IGTA3 72
IGUA3 4
IGUA5 7
IGUA6 11
ILMD3 2
ILMD4 5
IMBI3 3
IMBI4 14
INEP3 220
INEP4 685
INET3 26
INPR3 123
ITEC3 9
ITSA3 4
ITSA4 46
ITUB3 26
ITUB4 56
JBDU3 36
JBDU4 51
JBSS3 39
JFEN3 35
JHSF3 200
JOPA3 17
JOPA4 6
KEPL3 186
KLBN3 5
KLBN4 87
KROT11 101
KROT3 7
KROT4 7
KSSA3 201
LAME3 37
LAME4 86
LCSA3 9
LCSA4 5
LECO3 2
LETO3 2
LETO5 3
LEVE3 1
LEVE4 64
LFFE3 3
LFFE4 10
LIGT3 289
LIPR3 2
LIXC3 5
LIXC4 8
LLIS3 319
LLXL3 62
LOGN3 32
LPSB3 13
LREN3 70
LUPA3 53
LUXM4 27
MAGG3 109
MAPT3 2
MAPT4 3
MDIA3 19
MEDI3 53
MEND5 33
MEND6 26
MERC4 2
MGEL3 4
MGEL4 1449
MILK11 207
MILS3 1
MLFT3 25
MLFT4 144
MLPA3 2
MLPA4 2
MMAQ3 2
MMAQ4 2
MMXM3 73
MNDL3 13
MNDL4 82
MNPR3 89
MNPR4 10
MOAR3 32
MPLU3 3
MPXE3 46
MRFG3 37
MRSL3 20
MRSL4 105
MRVE3 46
MSPA3 2
MSPA4 3
MTIG3 2
MTIG4 32
MTSA4 29
MULT3 18
MWET3 2
MWET4 162
MYPK3 270
MYPK4 5
NAFG3 2
NAFG4 7
NATU3 54
NETC3 2
NETC4 17
NORD3 4
NUTR3M 9
ODPV3 62
OGXP3 45
OHLB3 16
OSXB3 7
PATI3 5
PATI4 15
PCAR3 4
PCAR4 9
PCAR5 23
PDGR3 48
PEAB3 9
PEAB4 12
PEFX3 2
PEFX5 2
PETR3 63
PETR4 454
PFRM3 175
PINE3 1
PINE4 1023
PLAS3 190
PLIM4 3
PLTO6 2
PMAM3 54
PMAM4 8
PMET5 2
PMET6 10
PNOR5 740
PNOR6 111
PNVL3 201
PNVL4 88
POMO3 47
POMO4 183
POSI3 112
PQUN3 3
PQUN4 3
PRBC3 5
PRBC4 661
PRVI3 302
PSSA3 27
PTBL3 48
PTBL4 2
PTNT3 56
PTNT4 115
PTPA3 1
PTPA4 5
RANI3 21
RANI4 11
RAPT3 60
RAPT4 272
RCSL4 43
RDCD3 58
RDNI3 22
REDE3 16
REDE4 22
REEM4 8
RENT3 24
RGEG3 2
RHDS3 25
RIPI4 2
RNAR3 79
RNEW11 2
RNPT3 3
RNPT4 9
ROMI3 97
RPAD3 4
RPAD5 4
RPAD6 4
RPMG3 100
RPMG4 41
RSID3 78
RSIP3 45
RSIP4 53
RSUL4 9
SANB11 17
SANB3 9
SANB4 28
SAPR3 4
SAPR4 82
SBSP3 36
SCAR3 82
SCLO3 2
SCLO4 5
SDIA3 20
SDIA4 86
SEBB11 25
SEMP3 2
SFSA3 2
SFSA4 61
SGAS3 18
SGAS4 120
SGEN3 6
SGEN4 13
SGPS3 308
SHUL4 27
SJOS3 3
SJOS4 10
SLCE3 26
SLED3 16
SLED4 173
SMTO3 21
SNSY5 61
SOND3 4
SOND5 13
SOND6 14
SPRI3 14
SPRI5 7
SPRI6 2
STBP11 15
STRP4 11
SULA11 125
SULA3 1
SULA4 1
SULT3 16
SULT4 28
SUZB5 116
SUZB6 2
SZPQ4 7
TAMM3 3
TAMM4 37
TARP11 48
TBLE3 51
TCNO3 60
TCNO4 34
TCOC4 1
TCSA3 35
TCSL3 15
TCSL4 25
TEFC11 4
TEKA3 2
TEKA4 13
TELB3 13
TELB4 98
TEMP3 120
TEND3 89
TENE5 2
TENE7 2
TGMA3 683
TIBR3 5
TIBR5 77
TIBR6 25
TKNO4 139
TLPP3 251
TLPP4 220
TMAR3 23
TMAR5 68
TMAR6 2
TMCP3 4
TMCP4 8
TMGC11 4
TMGC12 3
TMGC13 4
TMGC3 3
TMGC7 3
TNCP3 2
TNCP4 3
TNLP3 38
TNLP4 119
TOTS3 27
TOYB3 72
TOYB4 68
TPIS3 391
TRFO3 16
TRFO4 101
TRIS3 106
TRNA11 40
TROR3 2
TROR4 3
TRPL3 15
TRPL4 130
TRPN3 14
TUPY3 256
TUPY4 23
TVIT3 9
TXRX3 2
TXRX4 22
UBBR11 10
UBBR3 3
UBBR4 4
UCOP4 5
UGPA4 12
UNIP3 15
UNIP5 9
UNIP6 283
UOLL4 62
USIM3 190
USIM5 230
USIM6 9
VAGV3 2
VAGV4 15
VALE3 49
VALE5 292
VCPA4 29
VGOR3 2
VGOR4 2
VINE3 2
VINE5 4
VIVO3 13
VIVO4 21
VNET3 13
VPSC3 2
VPSC4 3
VPTA3 2
VPTA4 2
VULC3 9
VULC4 2
WEGE3 54
WEGE4 4
WHRL3 34
WHRL4 110
WISA3 2
WISA4 25
WMBY3 2
WSON11 38
 
padrinho - 12/07/2010 18:24
citação: ZOTTIA Geração Futuro tá manipulando(derrubando) a cotação da Dimed(pnvl3/4), fazendo zé com zé. Que eu me lembre é o terceiro ou quarto dia(não consecutivos). Qual seria o interesse? Derrubar a cotação por encomenda?( Para a recompra anunciada de ações pela empresa sair mais barata).
Acho isso muito provável já que o aluguel do ativo é insignificante e não se alterou nos últimos dias.
Lamentável isso ocorrer...



PNVL3: 1 negócio somente e duma direta da GF p/ GF !

PNVL4: 4 negócios e R$ 52K negociados....

Sei não hein !?!
 
ZOTTI - 12/07/2010 17:33
A Geração Futuro tá manipulando(derrubando) a cotação da Dimed(pnvl3/4), fazendo zé com zé. Que eu me lembre é o terceiro ou quarto dia(não consecutivos). Qual seria o interesse? Derrubar a cotação por encomenda?( Para a recompra anunciada de ações pela empresa sair mais barata).
Acho isso muito provável já que o aluguel do ativo é insignificante e não se alterou nos últimos dias.
Lamentável isso ocorrer...
 
apolo20 - 06/07/2010 20:12
Srs.

Tomei a liberdade de efetuar o levantamento das carteiras informadas pelo "ativistas " do fórum no periodo de 01/12/09 até 17/01/10, sendo que ficou assim

constituída:

Nome/nºinvestidores:32

Small Caps - Paulo Prof.-Ibiazao-Ugaz-Samudutra-Ch3481-Brunovcn-Dr Invest- Apolo20-George Cavalcante-Polycrav- Daniel Rodrigues-Cesar Muzel-

Romilda-Fhalves2-Assayd-RCbocardo-Capa_preta- PPPdadv-Capgarrido-WilkliamCw-Fockink-kOss- Malazarte- Cintrapc-Palpitações-Mafagafa- Neojr-
Dna invest-RenatoSP-Alpacius-RomuloM


Ativos Indicados:

45 ativos com 01 (uma) indicação = 45 indicações
Bobr4-Ceeb5-ccr03-criv3-cmig3-cebr6-baza3-ctax4-cebe3-cgra3-ciel3-csmg3-ctar3 -cebe5-card3-cedo4-fibr3-brap4-goau3-idvl3-magg3-mypk3-nwet4-bttl3-natu3-ogxp3

-
inep3-itsa4-lame4-itub4-prbc3-petr3-ptbl3-posi3-pnvl4-rnar3-rcsl4-scar3-sanb1 1-tmar5-tnlp4-trfo4-tarp11-tcsl4-usim5


24 ativos com 2 (duas) indicações = 48 indicações
Bees4-bmt04-bvmf3-bttl4-cgra4-cmig4-csna3-ctsa3-cepe5-cpfl3-euca4-hbts5-mlft4 -mndl4-prfm3-rapt4-romi3-sgps3-sula11-suzb5-tlpp3-uoll4-wege3-whrl4


14 ativos com 03 indicações = 42 indicações
bema3-bees3-brkm5-fesa4-gshp3-inpr3-ieng5-mrsl4-krot11-pomo4-plas3-ptnt4-pnvl 3-sgas3


07 ativos com 04 indicações = 28 indicações.
abcb4-bauh4-ctsa4-criv4-ecod3-geti3-sled4


06 ativos com 5 (cinco) indicações = 30 indicações
bicb4-camb4-ligt3-tkno4-tpis3-tupy3


04 ativos com 06 (Seis) indicações = 24 indicações
ektr4-petr4-prvi3-vale5


06 ativos com 07 indicações = 42 indicações
beef3-bgip4-enbr3-geti4-llis3-tlpp4


03 ativos com 09 indicações = 27 indicações
prbc4-tgma3-unip6

02 ativos com 10 indicações= 20 indicações
grnd3-eter3

02 ativos com 12 indicações= 24 indicações
coce5-pine4

01 ativo com 13 indicações =
Idvl4

01 ativo com 14 indicações =
Fher3

03 ativos com 15 indicações = 45 indicações
Inep4-crem3-cnfb4

01 ativo com 16 indicações =
Eqtl3

01 ativo com 17 indicações =
hbor3

01 ativo com 18 indicações =
mgel4

01 ativo com 20 indicações =
Elpl6

01 ativo com 21 indicações =
Pnor5

01 ativo com 25 indicações =
fras4

01 ativo com 31 indicações =
Eztc3


Total de ativos indicados:125
total de indicações: 550



A Carteira TOP10 dos "ativistas " do Fórum Small Caps (CATOP10-FSC) pelo Nº de indicações,teria a seguinte classificação:

1- Eztc3
2- Fras4
3- Pnor5
4- Elpl6
5- mgel4
6- hbor3
7- Eqtl3
8- Inep4
9- Crem3
10-cnfb4


Lançando um olhar mais atento e aguçado sobre esta "cesta de ativos",podemos apreciar análises muito bem elaboradas, comentários primorosos de excelente
conteúdo,ambiente adequado para dirimir eventuais dúvidas e questões pontuais, constituindo-se em importante fator de aprimoramento na seleção das melhores
opções de investimento.
Para os novatos e iniciantes, é a bússola que norteia o caminho a ser trilhado rumo ao pequeno e seleto grupo de sucesso, deste intrigante e fascinante mundo do mercado de capitais.

Gostaria de ouvir a opinião de todos os participantes acerca dos números apresentados e das empresas listadas.

Abraços.


Srs.




Podemos constatar nesse rápido flashback que a "carteira" continua TOP, com exceções relativas a algumas empresas que, devido ao dinamismo do mercado ou por questões pontuais estão abaixo do potencial de valorização estimado, cito mgel4, pnor5, Inep4, porém, creio que seja algo meramente circunstancial e momentaneo, haja vista que estão inseridas em mercados em plena expansão, faço ressalvas a pnor5, que no meu entender, deve levar algum tempo para equilibrar sua situação e voltar a apresentar números melhores e suficientemente atrativos ao mercado.
Se os nobres foristas quiserem adicionar alguns comentários, sintam-se a vontade.



Abs


Apolo20








 
danielbehar - 17/06/2010 14:36
Há dias algum investidor da NOVINVEST vem vendendo lenta e gradualmente sua posição em PNVL3. Se cair mais um pouco vou comprar um tantinho.
 
H Trader - 08/05/2010 14:53
citação: paulo_prof
citação: ZOTTINotwen! Respeito tuas opiniões, aliás acho que temos alguns papéis em comum(PNVL4, HBOR3, EZTC3, TGMA3(tinha e vendi). Não é CCIM3, acredite ou não. Acho que esse assunto já causou discórdia e não era o meu objetivo. Assunto encerrado da minha parte. Não é nenhuma jóia, apenas mais uma boa opção a eztec e hbor.
Abraço


Em termos de resultados 100% recorrentes, há 2 ativos que têm condições de rivalizar com EZTC3 e HBOR3: EVEN3 e TRIS3.

Acho que EVEN3 tem todas as condições de apresentar, em 2010, um lucro líquido de R$ 210 milhões, correspondendo (aos preços de ontem) a um P/L de 6,21.

Mas o Zotti deve estar se referindo a TRIS3. Acho que TRIS3 postará um lucro líquido de no mínimo R$ 100 milhões em 2010. Isto corresponderia a P/L = 5,15. Como P/VPA hoje é de apenas 1,11, seria de fato a construtora mais barata do mercado (considerados apenas resultados recorrentes).


Eita Prof, desvendando o mistério! Eu tinha pensado na Even, mas pela sua conta os dados ficariam um pouco diferentes.
Abraços
H-trader
 
paulo_prof - 08/05/2010 14:39
citação: ZOTTINotwen! Respeito tuas opiniões, aliás acho que temos alguns papéis em comum(PNVL4, HBOR3, EZTC3, TGMA3(tinha e vendi). Não é CCIM3, acredite ou não. Acho que esse assunto já causou discórdia e não era o meu objetivo. Assunto encerrado da minha parte. Não é nenhuma jóia, apenas mais uma boa opção a eztec e hbor.
Abraço


Em termos de resultados 100% recorrentes, há 2 ativos que têm condições de rivalizar com EZTC3 e HBOR3: EVEN3 e TRIS3.

Acho que EVEN3 tem todas as condições de apresentar, em 2010, um lucro líquido de R$ 210 milhões, correspondendo (aos preços de ontem) a um P/L de 6,21.

Mas o Zotti deve estar se referindo a TRIS3. Acho que TRIS3 postará um lucro líquido de no mínimo R$ 100 milhões em 2010. Isto corresponderia a P/L = 5,15. Como P/VPA hoje é de apenas 1,11, seria de fato a construtora mais barata do mercado (considerados apenas resultados recorrentes).
 
ZOTTI - 08/05/2010 11:06
Notwen! Respeito tuas opiniões, aliás acho que temos alguns papéis em comum(PNVL4, HBOR3, EZTC3, TGMA3(tinha e vendi). Não é CCIM3, acredite ou não. Acho que esse assunto já causou discórdia e não era o meu objetivo. Assunto encerrado da minha parte. Não é nenhuma jóia, apenas mais uma boa opção a eztec e hbor.
Abraço
 
lmajowka - 22/04/2010 21:16
Pessoal, fiz um software que pega alguns indicadores fundamentalistas ( P/L , ROE etc.. ) e dá uma nota de 0 a 5 estrelas para cada ação da bolsa.

Fiz isso para ajudar uns amigos meus que não tem noção de nada, to colocando o resultado aqui em baixo, vocês acham que o resultado ajuda ou tá muito distante da realidade? OBRIGADO


id codigo ult tipo stars
1149 ELPL6 \N A 5
1118 BRML3 \N A 5
1297 EUCA4 5.36 A 5
59 FHER3 9.3 A 5
1430 TARP11 13 A 5
1182 LIGT3 23.61 A 5
1236 TLPP3 30.02 A 5
1237 TLPP4 34.9 A 5
1130 CLSC6 \N A 4
1131 CMIG3 \N A 4
1132 CMIG4 \N A 4
1128 CCIM3 \N A 4
1133 CESP6 \N A 4
1152 EQTL3 \N A 4
1135 CNFB4 \N A 4
1136 CSMG3 \N A 4
1151 ENBR3 \N A 4
1150 EMBR3 \N A 4
1153 ETER3 \N A 4
1137 CPLE6 \N A 4
1106 AGIN3 \N A 4
1101 ABCB4 \N A 4
1163 GRND3 \N A 4
1162 GPIV11 \N A 4
1114 BRSR6 \N A 4
1320 IENG5 0.44 A 4
1407 IENG3 0.65 A 4
1289 DXTG4 2.25 A 4
1356 SAPR4 2.85 A 4
1178 JHSF3 2.98 A 4
1335 MRSL4 3.2 A 4
1380 CRIV4 3.58 A 4
1257 CRIV3 4.09 A 4
1260 RPAD6 4.91 A 4
1259 RPAD5 4.92 A 4
1258 RPAD3 5.1 A 4
1432 TPIS3 5.2 A 4
1255 BRGE11 5.48 A 4
1256 BRGE12 5.48 A 4
1402 FJTA4 5.97 A 4
1410 INEP3 6 A 4
1401 EVEN3 6.08 A 4
1266 BEES4 6.3 A 4
1431 TRIS3 6.34 A 4
1385 BEES3 6.45 A 4
1421 PMAM3 6.53 A 4
1347 PMAM4 6.55 A 4
1262 BRIV4 6.66 A 4
54 PRVI3 6.98 A 4
1195 BEEF3 7.45 A 4
1261 BRIV3 7.5 A 4
1281 CMGR3 8.35 A 4
3 EZTC3 8.5 A 4
1429 TCSA3 8.5 A 4
1341 FRIO3 9.85 A 4
1246 UOLL4 9.91 A 4
1346 PRBC4 9.95 A 4
53 DAYC4 10.17 A 4
1422 PINE4 10.46 A 4
1294 EBTP3 10.61 A 4
1295 EBTP4 10.7 A 4
1274 BRKM3 11.2 A 4
1336 BMEB4 12 A 4
4 HBOR3 12.2 A 4
1371 TUPY3 14 A 4
1423 PFRM3 18 A 4
1193 MRFG3 18.79 A 4
1388 CESP3 18.8 A 4
1265 BGIP4 21.79 A 4
1228 SUZB5 23.9 A 4
1 PETR4 33.86 A 4
1219 SBSP3 34 A 4
1393 CPLE3 35.4 A 4
1239 TRNA11 38.61 A 4
1244 TRPL4 46.95 A 4
1227 SULA11 47.7 A 4
1139 CPFE3 \N A 3
1134 CGAS5 \N A 3
1140 CREM3 \N A 3
1161 GOLL4 \N A 3
1171 INEP4 \N A 3
1123 BBAS3 \N A 3
1104 GETI3 \N A 3
1105 GETI4 \N A 3
1275 BMTO4 0.85 A 3
1399 ENGI4 2.04 A 3
1387 CAMB4 2.39 A 3
1376 WHRL4 3.25 A 3
1327 CTKA4 4.88 A 3
1359 SULT3 5.15 A 3
1360 SULT4 5.31 A 3
1326 JFEN3 9.5 A 3
1286 CSRN5 10 A 3
1332 MGEL4 10.1 A 3
1207 BPNM4 10.65 A 3
1230 TGMA3 15 A 3
1201 NETC4 21.28 A 3
1243 TBLE3 22.21 A 3
1392 CTAX4 22.77 A 3
1276 BUET3 24.99 A 3
1390 COCE5 29.67 A 3
1216 RDCD3 30.28 A 3
1391 CTAX3 30.5 A 3
1229 TAMM4 31.05 A 3
1190 MDIA3 41.59 A 3
1279 CEPE5 44.8 A 3
1254 AELP3 45 A 3
1226 CRUZ3 65.5 A 3
1102 ABNB3 \N A 2
1103 ABYA3 \N A 2
1120 BBDC4 \N A 2
1119 BBDC3 \N A 2
1117 BVMF3 \N A 2
1116 BICB4 \N A 2
1112 ARCZ6 \N A 2
1148 ELET6 \N A 2
1159 GOAU4 \N A 2
1157 GGBR3 \N A 2
1154 FESA4 \N A 2
1164 ACGU3 \N A 2
1146 ECOD3 \N A 2
1141 CYRE3 \N A 2
1170 IGTA3 \N A 2
1122 BISA3 \N A 2
1126 BRTO4 \N A 2
1125 BRTP4 \N A 2
1127 BRKM5 \N A 2
1147 ELET3 \N A 2
1235 TMCP4 0 A 2
1206 PCAR4 0 A 2
1249 VCPA4 0 A 2
1418 TIBR5 0.13 A 2
1382 BAZA3 0.7 A 2
1433 UNIP6 0.71 A 2
1413 MLFT4 1.24 A 2
1420 MNDL4 1.29 A 2
1344 MNDL3 1.45 A 2
1333 CTPC3 1.77 A 2
1411 INPR3 3.02 A 2
2 TEMP3 3.1 A 2
1212 PLAS3 3.28 A 2
1329 LIXC3 3.55 A 2
1384 ARCZ3 3.66 A 2
1241 TCSL4 4.57 A 2
1225 SFSA4 4.7 A 2
1238 TEND3 4.97 A 2
1358 SGPS3 5 A 2
1179 KLBN4 5.29 A 2
1180 KSSA3 5.33 A 2
1287 CRDE3 5.34 A 2
1394 CTNM4 5.49 A 2
1240 TCSL3 6.25 A 2
1334 POMO3 6.79 A 2
1277 CIQU4 6.8 A 2
1192 POMO4 8.1 A 2
1185 LOGN3 8.12 A 2
1177 JBSS3 8.33 A 2
1404 GSHP3 8.5 A 2
1409 IDVL4 8.71 A 2
1386 AGRO3 9 A 2
1283 CLAN4 9.3 A 2
1293 EMAE4 9.91 A 2
1269 BOBR4 10.8 A 2
1174 ITSA4 12.08 A 2
1323 ITSA3 12.09 A 2
1408 ROMI3 12.75 A 2
1218 RSID3 12.9 A 2
1217 RDNI3 13.5 A 2
1268 BICB3 13.6 A 2
1191 MAGG3 13.65 A 2
1273 BRTO3 14.64 A 2
1224 SLCE3 15.66 A 2
1318 CGRA4 15.9 A 2
1426 SMTO3 16 A 2
1415 KROT11 16.5 A 2
1425 STBP11 16.5 A 2
1345 PATI4 17 A 2
1213 PSSA3 17.7 A 2
1204 OGXP3 18.36 A 2
1285 CZLT11 18.98 A 2
1214 POSI3 19.1 A 2
1197 MPXE3 22.27 A 2
1340 LEVE4 26.9 A 2
1342 MTSA4 28.2 A 2
1233 TNLP4 28.27 A 2
1175 ITUB3 29.79 A 2
1199 MULT3 29.99 A 2
1405 GOAU3 30.06 A 2
1232 TNLP3 33.3 A 2
1210 PETR3 38.1 A 2
1271 BRAP3 40.19 A 2
1251 VIVO4 45.37 A 2
1374 VIVO3 46 A 2
1234 TMAR5 47.76 A 2
1247 USIM3 58 A 2
1248 USIM5 58.6 A 2
1397 PNVL3 71 A 2
1115 BEMA3 \N A 1
1109 AMBV3 \N A 1
1107 AGEN11 \N A 1
1129 CCRO3 \N A 1
1110 AMBV4 \N A 1
1325 JBDU4 0.11 A 1
1343 TIBR6 0.11 A 1
1300 FTRX4 0.31 A 1
1353 RSIP4 0.39 A 1
1369 TXRX4 0.4 A 1
1282 CCHI3 0.4 A 1
1270 STRP4 0.41 A 1
1419 MNPR3 0.44 A 1
1352 RSIP3 0.45 A 1
1337 BMIN4 0.47 A 1
1348 RPMG4 0.67 A 1
1377 WISA4 0.76 A 1
1357 SNSY5 0.83 A 1
1379 AVIL3 0.83 A 1
1355 RNAR3 1.04 A 1
1317 GPCP3 1.04 A 1
1296 ESTR4 1.07 A 1
1427 VAGV4 1.1 A 1
1181 MILK11 1.36 A 1
1290 DTCY3 1.44 A 1
1367 TELB3 1.48 A 1
1231 TELB4 1.57 A 1
1349 PTBL3 1.7 A 1
1330 LIXC4 3.9 A 1
1354 RCSL4 4.34 A 1
1361 TRPN3 8.4 A 1
1406 IGBR3 9.5 A 1
1416 LAME3 10.9 A 1
1186 LAME4 13 A 1
1196 MMXM3 13.22 A 1
1375 MWET4 15 A 1
1252 WEGE3 18.7 A 1
1188 LPSB3 23.3 A 1
1338 DUQE4 24 A 1
1278 CEDO3 31.5 A 1
1223 CSNA3 33.7 A 1
1389 HGTX3 36.35 A 1
1200 NATU3 36.35 A 1
1187 LREN3 42.22 A 1
1301 FBMC4 87.5 A 1
1242 TOTS3 118.75 A 1
1292 ECOD9 \N A 0
1310 FMOF11 \N A 0
1324 ITSA10 \N A 0
1313 ALMI11 \N A 0
1169 IDNT3 \N A 0
1108 ALLL11 \N A 0
1165 GUAR3 \N A 0
1166 GVTT3 \N A 0
1168 HYPE3 \N A 0
1314 WPLZ11 \N A 0
1311 EDFO11 \N A 0
1124 BRTP3 \N A 0
1167 HAGA4 \N A 0
1160 GLOB3 \N A 0
1309 HTMX11 \N A 0
1280 ENMA3 \N A 0
1303 FAMB11 \N A 0
1145 DURA4 \N A 0
1144 DUFB11 \N A 0
1143 DROG3 \N A 0
1142 DASA3 \N A 0
1370 TRPL2 \N A 0
1121 BRAP4 \N A 0
1138 CSAN3 \N A 0
1253 ABYA1 \N A 0
1113 BTOW3 \N A 0
1304 ANCR11 \N A 0
1305 BBFI11 \N A 0
1155 FFTL4 \N A 0
1306 HGBS11 \N A 0
1158 GGBR4 \N A 0
1111 AMIL3 \N A 0
1156 GFSA3 \N A 0
63 HBOR9 0 A 0
1364 TOYB3 0.09 A 0
1365 TOYB4 0.09 A 0
1331 RHDS3 0.17 A 0
1315 FNAM11 0.19 A 0
1284 CBMA4 0.21 A 0
1350 PMET6 0.31 A 0
1299 FGUI4 0.38 A 0
1366 TEKA4 0.45 A 0
1339 MTIG4 0.45 A 0
1414 KEPL3 0.5 A 0
1321 INET3 0.65 A 0
1368 TELB9 0.77 A 0
1316 FNOR11 0.87 A 0
1363 TCNO4 0.9 A 0
1267 BTTL4 1.04 A 0
1312 FLMA11 1.13 A 0
1362 TCNO3 1.28 A 0
1319 HOOT4 1.4 A 0
1398 IMBI4 1.46 A 0
1372 UNIP5 2 A 0
1403 GAZO4 2.32 A 0
1264 ALLL4 2.54 A 0
1298 BAUH4 3.99 A 0
1263 ALLL3 5 A 0
1381 ALPA4 6.3 A 0
1424 SDIA3 6.42 A 0
1220 SDIA4 6.42 A 0
1328 LLIS3 7.29 A 0
55 BBRK3 7.74 A 0
1183 LLXL3 8.59 A 0
1288 CARD3 8.7 A 0
1351 RAPT3 8.9 A 0
1373 VPSC4 9.99 A 0
1215 RAPT4 10.13 A 0
1396 CCPR3 11.8 A 0
1198 MRVE3 12.1 A 0
1395 CZRS4 12.3 A 0
1222 SATI3 12.35 A 0
1208 PDGR3 15.89 A 0
1417 MARI3 17.19 A 0
1194 MEDI3 17.2 A 0
1184 RENT3 19.15 A 0
1400 ESTC3 22 A 0
1428 SEBB11 23 A 0
1434 WSON11 23.7 A 0
1189 LUPA3 24.19 A 0
1383 AEDU11 25.5 A 0
1172 MYPK3 30.76 A 0
1291 DURA3 31.9 A 0
1378 EALT4 36.6 A 0
1176 ITUB4 37.9 A 0
1221 SLED4 39 A 0
1209 PRGA3 39.8 A 0
1205 OHLB3 43.55 A 0
27 VALE5 49.69 A 0
1322 SMAL11 56.7 A 0
1250 VALE3 56.9 A 0
1272 BBAS13 60.7 A 0
1203 ODPV3 61.49 A 0
1173 BOVA11 68.8 A 0
1202 BNCA3 70.3 A 0
1245 UGPA4 84.45 A 0
1211 PIBB11 97.3 A 0
1307 EURO11 180 A 0
1302 FPAB11 225 A 0
1412 IVTT3 356 A 0
1308 SHPH11 380 A 0
9 VALEL40 0 O \N
8 VALEL38 0 O \N
6 PETRL36 0 O \N
51 VALEB50 0.01 O \N
11 PETRA38 0.01 O \N
65 PETRD34 0.01 O \N
66 PETRD42 0.01 O \N
46 VALEB44 0.01 O \N
61 PETRD40 0.01 O \N
48 PETRB36 0.01 O \N
67 VALED52 0.01 O \N
52 VALEB52 0.01 O \N
26 PETRA40 0.01 O \N
50 PETRB38 0.01 O \N
60 PETRD38 0.01 O \N
45 PETRB34 0.01 O \N
44 PETRB32 0.1 O \N
10 PETRA36 0.21 O \N
64 PETRD32 1.08 O \N
47 VALEB40 1.75 O \N
12 PETRA34 2.5 O \N
7 PETRL38 2.5 O \N
58 PETRC34 3.28 O \N
62 VALED48 3.29 O \N
5 PETRL34 4.49 O \N
43 PETRA32 4.77 O \N
57 PETRC32 5.3 O \N
56 PETRC30 7.2 O \N
14 VALEA40 7.95 O \N
13 VALEA38 9.27 O \N
 
NotwenCardozo - 14/04/2010 02:18
Bom para quem tem PNVL3/4, DROG3 e PFRM3.

Vendas nas farmácias crescem 24,6% em 2009, diz Abrafarma

Por: Karla Santana Mamona
13/04/10 - 18h35
InfoMoney


SÃO PAULO ? O setor de farmácias e drogarias faturou no ano passado R$ 14,4 bilhões, o que representa uma alta de 24,6%, na comparação com 2008. É o que aponta um levantamento divulgado nesta terça-feira (13) pela Abrafarma (Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias).

Os medicamentos representaram 72,56% do total das vendas, com faturamento de mais de R$ 10 bilhões. A venda dos não-medicamentos também registraram aumento significativo, de 24,11%. A participação dessa categoria no faturamento geral chega a 27,44%. Os genéricos foram outro destaque na comercialização, somando mais de R$ 1,46 bilhão ? índice 23,54% superior ao do ano passado.

?Em 2008, o aumento nas vendas foi de pouco mais de um quinto em relação ao ano anterior. Já no ano passado, as farmácias tiveram um crescimento de quase um quarto. É muito expressivo?, afirma o presidente-executivo da Abrafarma, Sérgio Mena Barreto.

Número de clientes atendidos
Em relação ao número de clientes atendidos, a pesquisa aponta que, em 2009, foram mais de 500 milhões de atendimentos registrados, expansão de 11,7% ante 2008. No total, foram 1,35 bilhão de unidades vendidas para brasileiros de todos os estados e do Distrito Federal.

As cerca de 3 mil lojas representadas pela Abrafarma são responsáveis por cerca de 36% das vendas de medicamentos no País.
 
NotwenCardozo - 07/04/2010 08:20
citação: octacm
citação: uqaz
citação: NotwenCardozo
citação: Capa_PretaPois é mas tem outras tipo Unip, Eqtl e mais umas porqueiras ancorando. No final das contas vai dar certo. Fato é que está ultra defensiva com um peso enorme em ELPL (maior posicao atual), Crem e Bicudinha. Somando as 3 dá mais ou menos 40% do total... vamos ver no que da.

Abraco
Capa

Mas não dápra acertar todas né? Na crise a gente acertava qualquer papel mas depois fica mais arriscado. Eu tb estou perdendo quando resolvi entrar em BEES3/4 e MGEL4 (principalmente MGEL4!!). Acertei em outras como ELPL6, TUPY3, CSMG3, FRAS4, PNVL4. Fazer o quê?



Amigos, o que mais me apoquenta é o seguinte. Minha carteira atualmentne é composta de GRND3, ELPL6, IDVL4, EQTL3, EKTR4, CREM3, EZTC3, CSMG3, PRBC4, CNFB4, BGIP4 e FRAS4.

Pois bem. As que mais subiram ultimamente foram as supostamente mais dóceis como EKTR, CREM, CSMG e ELPL...eram para estar paradinhas, mas bombaram! Por outro lado, aquelas que deviam explodir (EZTC, GRND3, PRBC4 e EQTL3) não saem do lugar. Vcs podem argumentar que estou com elas a apenas a alguns meses...mas rebato e digo que tbm estou com CREM, ELPL e EKTR tbm nesses mesmos meses...

Isso me faz crer, talvez erroneamente, que o mercado estah meio escaudado, apelando para segurança, para empresas boas pagadoras de dividendos sem problemas (Vacas leiteiras que passam por dificuldades: ETER, TNPL rs, FFTL4 dentre outras...)

Não é possível que CREM, EKTR, ELPL e CSMG valorizaram por coincidência apenas...Convido aos colegas que possuam outras vaquinhas, que eu não acompanho, a partilharem suas observações...que aposto serem bem parecidas com as minhas.

Aaaa como é bom diversificar. Eu estou meio empresas de crescimento, meio empresas de valor...rindo à toa de quem só tem uma ação...



Apesar do prejuizo causado pelo REFIS da Mangels, vale lembrar que a empresa vem dando resultados operacionais positivos sempre.
O que quero dizer eh que apesar do prejuizo, a empresa tem feito um excelente trabalho para melhorar seu desempenho operacional.
Prova disto que ela ganhou um premio da Toyota de fornecedores.
Quem analisou o resultado da empresa pode observar que a empresa vem conseguindo reduzir seus niveis de estoques (Base do Sistema Toyota de Produção).
Para quem não conhece, a Toyota possui uma metodologia de formação de seus fornecedores, onde ela repassa as tecnologias de gestão para as empresas fornecedoras.
A parte boa é que a empresa por trabalhar em diferentes segmentos pode aproveitar as tecnologias da toyota nos outros negocios dela (galvanizados e botijões)
O grande problema da empresa realmente é a sua exposição ao dolar que com pequenas variações no trimestre pode impactar fortemente no resultado financeiro dela.
Mas convenhamos, que olhando os numeros da empresa, por mais que ela ja tenha caido e alguns apostem que o fundo é mais embaixo, sejamos realistas, não há tanto espaço para queda neste papel.

Concordo com vc. Já havia resolvido que "vou morrer abraçado com este papel" ou esperar que ele chegue ao meu PM. Acho que a empresa poderia melhorar bastante seus resultados se tivessem um melhor financeiro. Talvez nós acionistas devamos pedir para que eles analisem o resultado de FRAS4 para ver que é possível melhorar em muito o ganho financeiro da empresa.
 
octacm - 06/04/2010 22:50
citação: uqaz
citação: NotwenCardozo
citação: Capa_PretaPois é mas tem outras tipo Unip, Eqtl e mais umas porqueiras ancorando. No final das contas vai dar certo. Fato é que está ultra defensiva com um peso enorme em ELPL (maior posicao atual), Crem e Bicudinha. Somando as 3 dá mais ou menos 40% do total... vamos ver no que da.

Abraco
Capa

Mas não dápra acertar todas né? Na crise a gente acertava qualquer papel mas depois fica mais arriscado. Eu tb estou perdendo quando resolvi entrar em BEES3/4 e MGEL4 (principalmente MGEL4!!). Acertei em outras como ELPL6, TUPY3, CSMG3, FRAS4, PNVL4. Fazer o quê?



Amigos, o que mais me apoquenta é o seguinte. Minha carteira atualmentne é composta de GRND3, ELPL6, IDVL4, EQTL3, EKTR4, CREM3, EZTC3, CSMG3, PRBC4, CNFB4, BGIP4 e FRAS4.

Pois bem. As que mais subiram ultimamente foram as supostamente mais dóceis como EKTR, CREM, CSMG e ELPL...eram para estar paradinhas, mas bombaram! Por outro lado, aquelas que deviam explodir (EZTC, GRND3, PRBC4 e EQTL3) não saem do lugar. Vcs podem argumentar que estou com elas a apenas a alguns meses...mas rebato e digo que tbm estou com CREM, ELPL e EKTR tbm nesses mesmos meses...

Isso me faz crer, talvez erroneamente, que o mercado estah meio escaudado, apelando para segurança, para empresas boas pagadoras de dividendos sem problemas (Vacas leiteiras que passam por dificuldades: ETER, TNPL rs, FFTL4 dentre outras...)

Não é possível que CREM, EKTR, ELPL e CSMG valorizaram por coincidência apenas...Convido aos colegas que possuam outras vaquinhas, que eu não acompanho, a partilharem suas observações...que aposto serem bem parecidas com as minhas.

Aaaa como é bom diversificar. Eu estou meio empresas de crescimento, meio empresas de valor...rindo à toa de quem só tem uma ação...



Apesar do prejuizo causado pelo REFIS da Mangels, vale lembrar que a empresa vem dando resultados operacionais positivos sempre.
O que quero dizer eh que apesar do prejuizo, a empresa tem feito um excelente trabalho para melhorar seu desempenho operacional.
Prova disto que ela ganhou um premio da Toyota de fornecedores.
Quem analisou o resultado da empresa pode observar que a empresa vem conseguindo reduzir seus niveis de estoques (Base do Sistema Toyota de Produção).
Para quem não conhece, a Toyota possui uma metodologia de formação de seus fornecedores, onde ela repassa as tecnologias de gestão para as empresas fornecedoras.
A parte boa é que a empresa por trabalhar em diferentes segmentos pode aproveitar as tecnologias da toyota nos outros negocios dela (galvanizados e botijões)
O grande problema da empresa realmente é a sua exposição ao dolar que com pequenas variações no trimestre pode impactar fortemente no resultado financeiro dela.
Mas convenhamos, que olhando os numeros da empresa, por mais que ela ja tenha caido e alguns apostem que o fundo é mais embaixo, sejamos realistas, não há tanto espaço para queda neste papel.


 
uqaz - 06/04/2010 17:22
citação: NotwenCardozo
citação: Capa_PretaPois é mas tem outras tipo Unip, Eqtl e mais umas porqueiras ancorando. No final das contas vai dar certo. Fato é que está ultra defensiva com um peso enorme em ELPL (maior posicao atual), Crem e Bicudinha. Somando as 3 dá mais ou menos 40% do total... vamos ver no que da.

Abraco
Capa

Mas não dápra acertar todas né? Na crise a gente acertava qualquer papel mas depois fica mais arriscado. Eu tb estou perdendo quando resolvi entrar em BEES3/4 e MGEL4 (principalmente MGEL4!!). Acertei em outras como ELPL6, TUPY3, CSMG3, FRAS4, PNVL4. Fazer o quê?



Amigos, o que mais me apoquenta é o seguinte. Minha carteira atualmentne é composta de GRND3, ELPL6, IDVL4, EQTL3, EKTR4, CREM3, EZTC3, CSMG3, PRBC4, CNFB4, BGIP4 e FRAS4.

Pois bem. As que mais subiram ultimamente foram as supostamente mais dóceis como EKTR, CREM, CSMG e ELPL...eram para estar paradinhas, mas bombaram! Por outro lado, aquelas que deviam explodir (EZTC, GRND3, PRBC4 e EQTL3) não saem do lugar. Vcs podem argumentar que estou com elas a apenas a alguns meses...mas rebato e digo que tbm estou com CREM, ELPL e EKTR tbm nesses mesmos meses...

Isso me faz crer, talvez erroneamente, que o mercado estah meio escaudado, apelando para segurança, para empresas boas pagadoras de dividendos sem problemas (Vacas leiteiras que passam por dificuldades: ETER, TNPL rs, FFTL4 dentre outras...)

Não é possível que CREM, EKTR, ELPL e CSMG valorizaram por coincidência apenas...Convido aos colegas que possuam outras vaquinhas, que eu não acompanho, a partilharem suas observações...que aposto serem bem parecidas com as minhas.

Aaaa como é bom diversificar. Eu estou meio empresas de crescimento, meio empresas de valor...rindo à toa de quem só tem uma ação...
 
H Trader - 06/04/2010 17:19
citação: NotwenCardozo
citação: Capa_PretaPois é mas tem outras tipo Unip, Eqtl e mais umas porqueiras ancorando. No final das contas vai dar certo. Fato é que está ultra defensiva com um peso enorme em ELPL (maior posicao atual), Crem e Bicudinha. Somando as 3 dá mais ou menos 40% do total... vamos ver no que da.

Abraco
Capa

Mas não dápra acertar todas né? Na crise a gente acertava qualquer papel mas depois fica mais arriscado. Eu tb estou perdendo quando resolvi entrar em BEES3/4 e MGEL4 (principalmente MGEL4!!). Acertei em outras como ELPL6, TUPY3, CSMG3, FRAS4, PNVL4. Fazer o quê?



É como dizem, muitas vezes a gente até tá certo, mas o mercado demora pra "enxergar".
Por outro lado, quando o mercado tá otimista a gente "acerta" mais.
Valeu
H Trader
 
NotwenCardozo - 06/04/2010 17:04
citação: Capa_PretaPois é mas tem outras tipo Unip, Eqtl e mais umas porqueiras ancorando. No final das contas vai dar certo. Fato é que está ultra defensiva com um peso enorme em ELPL (maior posicao atual), Crem e Bicudinha. Somando as 3 dá mais ou menos 40% do total... vamos ver no que da.

Abraco
Capa

Mas não dápra acertar todas né? Na crise a gente acertava qualquer papel mas depois fica mais arriscado. Eu tb estou perdendo quando resolvi entrar em BEES3/4 e MGEL4 (principalmente MGEL4!!). Acertei em outras como ELPL6, TUPY3, CSMG3, FRAS4, PNVL4. Fazer o quê?
 
uqaz - 24/03/2010 13:03
citação: NotwenCardozo
citação: ZOTTI
citação: NotwenCardozoPNVL3/4 - Papel muito pouco líquido e desprezado. Quem sabe o papel não poderá se valorizar como uma DROG3 no LP. É papel para se esquecer e dormir tranquilo.

A empresa disse que recompraria o papel. Vamos ver.


Pois é Notwen. Lançaram um novo programa de recompra de ações em fevereiro. Ninguém melhor que "eles" para saber se a ação está barata a ponto de recomprarem.
Mas deixa assim, deixa ela quietinha prefiro assim.
É igual o atual momento do fórum, todo mundo comprando FRAS4 e não vêem que tem uma empresa sendo vendida muuuuuuuuuuuito mais barata. Não que FRAS4 não esteja barata, está e é minha segunda maior posição.

No mesmo setor ... vc está se referindo a MGEL4? Não é atoa que o PP está cheio dela.



Idem, é a ação mais fraca q tenho e inumeras vezes me deu vontade de vender metade e comprar FRAS. Mas no preju, não dou não!
 
NotwenCardozo - 24/03/2010 07:19
citação: ZOTTI
citação: NotwenCardozoPNVL3/4 - Papel muito pouco líquido e desprezado. Quem sabe o papel não poderá se valorizar como uma DROG3 no LP. É papel para se esquecer e dormir tranquilo.

A empresa disse que recompraria o papel. Vamos ver.


Pois é Notwen. Lançaram um novo programa de recompra de ações em fevereiro. Ninguém melhor que "eles" para saber se a ação está barata a ponto de recomprarem.
Mas deixa assim, deixa ela quietinha prefiro assim.
É igual o atual momento do fórum, todo mundo comprando FRAS4 e não vêem que tem uma empresa sendo vendida muuuuuuuuuuuito mais barata. Não que FRAS4 não esteja barata, está e é minha segunda maior posição.

No mesmo setor ... vc está se referindo a MGEL4? Não é atoa que o PP está cheio dela.
 
siriaco - 23/03/2010 20:27
Faltou a TEMP3 nessa análise.


citação: ZOTTI
citação: NotwenCardozoPois é ... só faltou PNVL3/4 que está com excelentes indicadores.

Morgan Stanley vê fundamentos sólidos no setor de saúde brasileiro

Por: Equipe InfoMoney
23/03/10 - 18h38
InfoMoney

SÃO PAULO - Após a realização da Terceira Conferência Anual do setor de saúde no Brasil, com dez empresas do setor e a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), os analistas do Morgan Stanley concluiram que há evidências macroeconômicas fortes e fundamentos específicos da indústria que tornam o setor muito atrativo. De acordo com o banco, todas as empresas participantes devem se beneficiar de crescimento no top line, e devem se aproveitar de vantagens de escala para melhorar suas operações e margens.

Os analistas Javier Martinez Cerdan e Esteban Schreck acreditam ainda que o segmento de planos de saúde deve surpreender positivamente o mercado e que as consolidações continuam como um tópico importante, sendo possivelmente um dos principais drivers do segmento em 2010.Dasa (DASA3)
A vantagem competitiva da empresa é ser a provedora de serviços de larga escala de baixo custo. Os gestores da DASA reafirmaram o guidance para 2010 e 2011 e afirmaram que a margem Ebitda (relação percentual entre geração operacional de caixa e receita líquida) é sustentável no longo prazo.

Uma possível aquisição dos Laboratórios Pardini, que tem papel central no processo de consolidação, poderia mudar a dinâmica do mercado, e os analistas acreditam que a DASA poderia extrair mais sinergias do que o Fleury, além de pretender pagar múltiplos maiores. Uma fusão entre DASA e Fleury "faz sentido", na opinião dos analistas, e o CEO da empresa acredita que a criação de valor para os acionistas seria maximizada se essa fusão acontecesse dentro de um ano. Entretanto, Cerdan e Schreck destacaram que o principal desafio, nesse caso, seria a integração das culturas das empresas. Cremer (CREM3)
A habilidade de continuar crescendo com pouco investimento, aliada a forte geração de fluxo de caixa torna o case atrativo. Os gestores estão focados em melhorar as operações, ganhando market share e introduzindo produtos no mercado.

O alto ROIC (retorno sobre capital investido) e dividend yield de 8% em um negócio resiliente sugere retorno de capital através de dividendos "extraordinários".

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
De acordo com o órgão regulador, o MLR (Medical Loss Ratio, que é a porcentagem paga pelos planos de saúde aos médicos) do setor deve reverter tendência de alta vista em 2009 (decorrência da gripe suína e avanço dos custos de importação de produtos), para níveis normais de 70% a 80%. Já a onda consolidação na indústria deve continuar.Sul América (SULA11)
A equipe do Morgan Stanley vê "um futuro brilhante pela frente após fortes resultados em 2009", e cita a maior penetração esperada dos seguros, resultado da expansão do PIB brasileiro. Outro driver importante para a empresa é a redução do IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) até 31 de março, benéfico para o negócio de seguro de carros.

Por fim, os analistas afirmam que a Sul América deve continuar usando oportunidades de cross-selling dentro do seu portfólio, sendo que o segmento dentário seria o maior beneficiado.Droga Raia
Terceira maior empresa privada da rede de farmácias, com 4% do market share, a Droga Raia não possui ações listadas em bolsa, e pode fazê-lo, mas não há pressões devido a recentes investimentos, em 2007, pro parte dos fundos Gávea e Pragma. A empresa afirmou que não acredita em consolidação entre os principais players no curto prazo.

A companhia afirmou ainda que é uma das únicas duas empresas que conseguiu, com sucesso, reproduzir o crescimento em novas lojas, mantendo alto ROIC.Amil (AMIL3)
Top pick dos analistas para o setor, a empresa está performando abaixo do mercado e da indústria desde a aquisição da Medial, com receio de que a Amil não consiga reverter rapidamente as operações da Medial. "Acreditamos que um forte resultado no primeiro trimestre consiga apagar as dúvidas sobre a força da aquisição da Medial e a posição de liderança da Amil no mercado", afirmam os analistas.

Durante a conferência, o CEO da empresa reafirmou aos investidores seu comprometimento em criar a líder no setor no Brasil. Para a equipe do Morgan Stanley, a empresa implementou medidas simples para melhorar a rentabilidade da Medial, que devem aparecer no balanço da companhia ainda em 2010.Odontoprev (ODPV3)
A potencial transação entre o Bradesco e a Ibi no México deve melhorar ainda mais o canal de distribuição da Odontoprev, expandindo a marca para fora do Brasil. A empresa ainda mecionou que a margem de Ebitda em 20% a 21% é sustentável.Drogasil (DROG3)
Os analistas destacam o forte crescimento financeiro e do market share, com a empresa crescendo mais rapidamente que os pares em 2009. Para a equipe, a empresa deve continuar focando forças no varejo, e é esperado que continue mostrando bom crescimento em 2010 e nos próximos anos.Fleury (FLRY3)
Com claras iniciativas de expansão, o objetivo da empresa é ter presença em regiões com mais de 1 milhão de membros de planos privados de saúde. Os analistas veem oportunidades de expansão no estado de Minas Gerais e nos arredores de Brasília, e afirmam que a estratégia da empresa deve manter altos o ROIC e as margens do Fleury. Profarma (PRFM3)
Atualmente utilizando 70% de sua capacidade, os analistas acreditam que o percentual pode chegar a 100% em dois anos, enquanto as despesas gerais e administrativas devem ser mais diluídas em função de maiores volumes em 2010.

A companhia também deve se beneficiar do aumento na venda de genéricos, o que pode levar a melhores margens. Para os analsitas, a Profarma terá um papel importante em ajudar na consolidação das varejistas, uma vez que funciona como um "banco" para muitas, ajustando sua necessidade de capital de giro.


Pois é Notwen faltou a com os melhores indicadores do setor.
PNVL4 está com P/L de 9,8 ROE de 17. Mas melhor assim, sem muito alarde que dá pra comprar mais aos poucos.

 
ZOTTI - 23/03/2010 20:13
citação: NotwenCardozoPNVL3/4 - Papel muito pouco líquido e desprezado. Quem sabe o papel não poderá se valorizar como uma DROG3 no LP. É papel para se esquecer e dormir tranquilo.

A empresa disse que recompraria o papel. Vamos ver.


Pois é Notwen. Lançaram um novo programa de recompra de ações em fevereiro. Ninguém melhor que "eles" para saber se a ação está barata a ponto de recomprarem.
Mas deixa assim, deixa ela quietinha prefiro assim.
É igual o atual momento do fórum, todo mundo comprando FRAS4 e não vêem que tem uma empresa sendo vendida muuuuuuuuuuuito mais barata. Não que FRAS4 não esteja barata, está e é minha segunda maior posição.
 
NotwenCardozo - 23/03/2010 20:02
PNVL3/4 - Papel muito pouco líquido e desprezado. Quem sabe o papel não poderá se valorizar como uma DROG3 no LP. É papel para se esquecer e dormir tranquilo.

A empresa disse que recompraria o papel. Vamos ver.
 
ZOTTI - 23/03/2010 19:49
citação: NotwenCardozoPois é ... só faltou PNVL3/4 que está com excelentes indicadores.

Morgan Stanley vê fundamentos sólidos no setor de saúde brasileiro

Por: Equipe InfoMoney
23/03/10 - 18h38
InfoMoney

SÃO PAULO - Após a realização da Terceira Conferência Anual do setor de saúde no Brasil, com dez empresas do setor e a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), os analistas do Morgan Stanley concluiram que há evidências macroeconômicas fortes e fundamentos específicos da indústria que tornam o setor muito atrativo. De acordo com o banco, todas as empresas participantes devem se beneficiar de crescimento no top line, e devem se aproveitar de vantagens de escala para melhorar suas operações e margens.

Os analistas Javier Martinez Cerdan e Esteban Schreck acreditam ainda que o segmento de planos de saúde deve surpreender positivamente o mercado e que as consolidações continuam como um tópico importante, sendo possivelmente um dos principais drivers do segmento em 2010.
Dasa (DASA3)
A vantagem competitiva da empresa é ser a provedora de serviços de larga escala de baixo custo. Os gestores da DASA reafirmaram o guidance para 2010 e 2011 e afirmaram que a margem Ebitda (relação percentual entre geração operacional de caixa e receita líquida) é sustentável no longo prazo.

Uma possível aquisição dos Laboratórios Pardini, que tem papel central no processo de consolidação, poderia mudar a dinâmica do mercado, e os analistas acreditam que a DASA poderia extrair mais sinergias do que o Fleury, além de pretender pagar múltiplos maiores. Uma fusão entre DASA e Fleury "faz sentido", na opinião dos analistas, e o CEO da empresa acredita que a criação de valor para os acionistas seria maximizada se essa fusão acontecesse dentro de um ano. Entretanto, Cerdan e Schreck destacaram que o principal desafio, nesse caso, seria a integração das culturas das empresas.
Cremer (CREM3)
A habilidade de continuar crescendo com pouco investimento, aliada a forte geração de fluxo de caixa torna o case atrativo. Os gestores estão focados em melhorar as operações, ganhando market share e introduzindo produtos no mercado.

O alto ROIC (retorno sobre capital investido) e dividend yield de 8% em um negócio resiliente sugere retorno de capital através de dividendos "extraordinários".

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
De acordo com o órgão regulador, o MLR (Medical Loss Ratio, que é a porcentagem paga pelos planos de saúde aos médicos) do setor deve reverter tendência de alta vista em 2009 (decorrência da gripe suína e avanço dos custos de importação de produtos), para níveis normais de 70% a 80%. Já a onda consolidação na indústria deve continuar.
Sul América (SULA11)
A equipe do Morgan Stanley vê "um futuro brilhante pela frente após fortes resultados em 2009", e cita a maior penetração esperada dos seguros, resultado da expansão do PIB brasileiro. Outro driver importante para a empresa é a redução do IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) até 31 de março, benéfico para o negócio de seguro de carros.

Por fim, os analistas afirmam que a Sul América deve continuar usando oportunidades de cross-selling dentro do seu portfólio, sendo que o segmento dentário seria o maior beneficiado.
Droga Raia
Terceira maior empresa privada da rede de farmácias, com 4% do market share, a Droga Raia não possui ações listadas em bolsa, e pode fazê-lo, mas não há pressões devido a recentes investimentos, em 2007, pro parte dos fundos Gávea e Pragma. A empresa afirmou que não acredita em consolidação entre os principais players no curto prazo.

A companhia afirmou ainda que é uma das únicas duas empresas que conseguiu, com sucesso, reproduzir o crescimento em novas lojas, mantendo alto ROIC.
Amil (AMIL3)
Top pick dos analistas para o setor, a empresa está performando abaixo do mercado e da indústria desde a aquisição da Medial, com receio de que a Amil não consiga reverter rapidamente as operações da Medial. "Acreditamos que um forte resultado no primeiro trimestre consiga apagar as dúvidas sobre a força da aquisição da Medial e a posição de liderança da Amil no mercado", afirmam os analistas.

Durante a conferência, o CEO da empresa reafirmou aos investidores seu comprometimento em criar a líder no setor no Brasil. Para a equipe do Morgan Stanley, a empresa implementou medidas simples para melhorar a rentabilidade da Medial, que devem aparecer no balanço da companhia ainda em 2010.
Odontoprev (ODPV3)
A potencial transação entre o Bradesco e a Ibi no México deve melhorar ainda mais o canal de distribuição da Odontoprev, expandindo a marca para fora do Brasil. A empresa ainda mecionou que a margem de Ebitda em 20% a 21% é sustentável.
Drogasil (DROG3)
Os analistas destacam o forte crescimento financeiro e do market share, com a empresa crescendo mais rapidamente que os pares em 2009. Para a equipe, a empresa deve continuar focando forças no varejo, e é esperado que continue mostrando bom crescimento em 2010 e nos próximos anos.
Fleury (FLRY3)
Com claras iniciativas de expansão, o objetivo da empresa é ter presença em regiões com mais de 1 milhão de membros de planos privados de saúde. Os analistas veem oportunidades de expansão no estado de Minas Gerais e nos arredores de Brasília, e afirmam que a estratégia da empresa deve manter altos o ROIC e as margens do Fleury.
Profarma (PRFM3)
Atualmente utilizando 70% de sua capacidade, os analistas acreditam que o percentual pode chegar a 100% em dois anos, enquanto as despesas gerais e administrativas devem ser mais diluídas em função de maiores volumes em 2010.

A companhia também deve se beneficiar do aumento na venda de genéricos, o que pode levar a melhores margens. Para os analsitas, a Profarma terá um papel importante em ajudar na consolidação das varejistas, uma vez que funciona como um "banco" para muitas, ajustando sua necessidade de capital de giro.


Pois é Notwen faltou a com os melhores indicadores do setor.
PNVL4 está com P/L de 9,8 ROE de 17. Mas melhor assim, sem muito alarde que dá pra comprar mais aos poucos.
 
NotwenCardozo - 23/03/2010 19:38
Pois é ... só faltou PNVL3/4 que está com excelentes indicadores.

Morgan Stanley vê fundamentos sólidos no setor de saúde brasileiro

Por: Equipe InfoMoney
23/03/10 - 18h38
InfoMoney

SÃO PAULO - Após a realização da Terceira Conferência Anual do setor de saúde no Brasil, com dez empresas do setor e a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), os analistas do Morgan Stanley concluiram que há evidências macroeconômicas fortes e fundamentos específicos da indústria que tornam o setor muito atrativo. De acordo com o banco, todas as empresas participantes devem se beneficiar de crescimento no top line, e devem se aproveitar de vantagens de escala para melhorar suas operações e margens.

Os analistas Javier Martinez Cerdan e Esteban Schreck acreditam ainda que o segmento de planos de saúde deve surpreender positivamente o mercado e que as consolidações continuam como um tópico importante, sendo possivelmente um dos principais drivers do segmento em 2010.

Dasa (DASA3)
A vantagem competitiva da empresa é ser a provedora de serviços de larga escala de baixo custo. Os gestores da DASA reafirmaram o guidance para 2010 e 2011 e afirmaram que a margem Ebitda (relação percentual entre geração operacional de caixa e receita líquida) é sustentável no longo prazo.

Uma possível aquisição dos Laboratórios Pardini, que tem papel central no processo de consolidação, poderia mudar a dinâmica do mercado, e os analistas acreditam que a DASA poderia extrair mais sinergias do que o Fleury, além de pretender pagar múltiplos maiores. Uma fusão entre DASA e Fleury "faz sentido", na opinião dos analistas, e o CEO da empresa acredita que a criação de valor para os acionistas seria maximizada se essa fusão acontecesse dentro de um ano. Entretanto, Cerdan e Schreck destacaram que o principal desafio, nesse caso, seria a integração das culturas das empresas.

Cremer (CREM3)
A habilidade de continuar crescendo com pouco investimento, aliada a forte geração de fluxo de caixa torna o case atrativo. Os gestores estão focados em melhorar as operações, ganhando market share e introduzindo produtos no mercado.

O alto ROIC (retorno sobre capital investido) e dividend yield de 8% em um negócio resiliente sugere retorno de capital através de dividendos "extraordinários".

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
De acordo com o órgão regulador, o MLR (Medical Loss Ratio, que é a porcentagem paga pelos planos de saúde aos médicos) do setor deve reverter tendência de alta vista em 2009 (decorrência da gripe suína e avanço dos custos de importação de produtos), para níveis normais de 70% a 80%. Já a onda consolidação na indústria deve continuar.

Sul América (SULA11)
A equipe do Morgan Stanley vê "um futuro brilhante pela frente após fortes resultados em 2009", e cita a maior penetração esperada dos seguros, resultado da expansão do PIB brasileiro. Outro driver importante para a empresa é a redução do IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) até 31 de março, benéfico para o negócio de seguro de carros.

Por fim, os analistas afirmam que a Sul América deve continuar usando oportunidades de cross-selling dentro do seu portfólio, sendo que o segmento dentário seria o maior beneficiado.

Droga Raia
Terceira maior empresa privada da rede de farmácias, com 4% do market share, a Droga Raia não possui ações listadas em bolsa, e pode fazê-lo, mas não há pressões devido a recentes investimentos, em 2007, pro parte dos fundos Gávea e Pragma. A empresa afirmou que não acredita em consolidação entre os principais players no curto prazo.

A companhia afirmou ainda que é uma das únicas duas empresas que conseguiu, com sucesso, reproduzir o crescimento em novas lojas, mantendo alto ROIC.

Amil (AMIL3)
Top pick dos analistas para o setor, a empresa está performando abaixo do mercado e da indústria desde a aquisição da Medial, com receio de que a Amil não consiga reverter rapidamente as operações da Medial. "Acreditamos que um forte resultado no primeiro trimestre consiga apagar as dúvidas sobre a força da aquisição da Medial e a posição de liderança da Amil no mercado", afirmam os analistas.

Durante a conferência, o CEO da empresa reafirmou aos investidores seu comprometimento em criar a líder no setor no Brasil. Para a equipe do Morgan Stanley, a empresa implementou medidas simples para melhorar a rentabilidade da Medial, que devem aparecer no balanço da companhia ainda em 2010.

Odontoprev (ODPV3)
A potencial transação entre o Bradesco e a Ibi no México deve melhorar ainda mais o canal de distribuição da Odontoprev, expandindo a marca para fora do Brasil. A empresa ainda mecionou que a margem de Ebitda em 20% a 21% é sustentável.

Drogasil (DROG3)
Os analistas destacam o forte crescimento financeiro e do market share, com a empresa crescendo mais rapidamente que os pares em 2009. Para a equipe, a empresa deve continuar focando forças no varejo, e é esperado que continue mostrando bom crescimento em 2010 e nos próximos anos.

Fleury (FLRY3)
Com claras iniciativas de expansão, o objetivo da empresa é ter presença em regiões com mais de 1 milhão de membros de planos privados de saúde. Os analistas veem oportunidades de expansão no estado de Minas Gerais e nos arredores de Brasília, e afirmam que a estratégia da empresa deve manter altos o ROIC e as margens do Fleury.

Profarma (PRFM3)
Atualmente utilizando 70% de sua capacidade, os analistas acreditam que o percentual pode chegar a 100% em dois anos, enquanto as despesas gerais e administrativas devem ser mais diluídas em função de maiores volumes em 2010.

A companhia também deve se beneficiar do aumento na venda de genéricos, o que pode levar a melhores margens. Para os analsitas, a Profarma terá um papel importante em ajudar na consolidação das varejistas, uma vez que funciona como um "banco" para muitas, ajustando sua necessidade de capital de giro.
 
Ray Invest - 22/03/2010 15:07
citação: Ray Invest
citação: NotwenCardozoÉ ... o ugaz está cheio de gás nas discussões!!!
Small, não estou conseguindo acessar o site da Bovespa para ver o 4T09 de PNVL3/4 (Dimed). Chegou a ver algo do 4T09? Não estou nem conseguindo acessar ao Plantão Empresas do Bovespa novamente pois não carrega as informações (o tenpo se esgota).



É faz tempo que o site da Bovespa tá numa lerrrrdeza.
Pelo que notei é desde que juntaram os dois sites BM&F com Bovespa num só.
Já mandei uns três e-mails para eles, sempre recebendo um "gentil obrigado pelo contato". Solução que é bom nada

Agora estou tentando de novo e parece que voltou
Abraços



Pra variar, agora as 15 hrs, novamente não consigo acessar empresas listadas.
Dá uma mensagem: -2147012894The operation timed out msxml3.dll

Traduzindo: "L E R D E Z A"
 
ZOTTI - 22/03/2010 13:44
citação: NotwenCardozoZotti, aidicionei mais algumas informações no post da Dimed (PNVL3/4).


Valeu Notwen!
 
Ray Invest - 22/03/2010 13:29
citação: NotwenCardozoÉ ... o ugaz está cheio de gás nas discussões!!!
Small, não estou conseguindo acessar o site da Bovespa para ver o 4T09 de PNVL3/4 (Dimed). Chegou a ver algo do 4T09? Não estou nem conseguindo acessar ao Plantão Empresas do Bovespa novamente pois não carrega as informações (o tenpo se esgota).



É faz tempo que o site da Bovespa tá numa lerrrrdeza.
Pelo que notei é desde que juntaram os dois sites BM&F com Bovespa num só.
Já mandei uns três e-mails para eles, sempre recebendo um "gentil obrigado pelo contato". Solução que é bom nada

Agora estou tentando de novo e parece que voltou
Abraços
 
NotwenCardozo - 22/03/2010 13:06
Segue o link com o resultado de PNVL3/4 (Dimed).
http://www.bmfbovespa.com.br/empresas/consbov/ArquivoComCabecalho.asp?motivo=&a mp;protocolo=235435&funcao=visualizar&site=B
 
NotwenCardozo - 22/03/2010 12:57
Zotti, aidicionei mais algumas informações no post da Dimed (PNVL3/4).
 
NotwenCardozo - 22/03/2010 12:56
Referente a PNVL3/4, seguem alguns comentários do resultado divulgado pela empresa:

COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO

O ano de 2009 foi marcado por um início preocupante decorrente de uma crise financeira de proporções globais que eclodiu no segundo semestre de 2008.
Mesmo com este cenário inicial, encerramos o ano de 2009 com um crescimento na receita bruta de 14,3% .Tivemos crescimento em todas as áreas comerciais em que atuamos, Atacado, Varejo e Indústria, atingindo R$ 1.180 de receita bruta de vendas. Além disso, é necessário destacar o significativo aumento do Lucro líquido que em relação a 2008 foi de 206%.
O cenário de incertezas, do final de 2008, foi o indutor de um planejamento bastante cauteloso com relação a despesas, investimentos, gestão do caixa e política comercial. A crise financeira internacional, afetou o nível de atividade econômica e também a situação de crédito. No nosso setor, a restrição ao crédito particularmente, alterou significativamente as condições de comercialização, onde se registrou redução nos prazos concedidos pelos distribuidores e cortes nos descontos de compra. A Dimed, dentro de sua linha conservadora, não sofreu impactos significativos da crise, pelo contrário a partir do último trimestre do ano de 2008 tivemos uma expressiva recomposição das margens e também aumento na taxa de crescimento das vendas. A excelência na gestão do caixa e dos estoques foi fundamental, além de um controle rigoroso das despesas.
A manutenção do regime de substituição tributária no ICMS, sobre medicamentos e produtos de perfumaria na maior parte dos estados em que atuamos e que influenciam nossos mercados, foi um dos fatores importantes no ambiente competitivo. Este regime implica na cobrança antecipada e concentrada do ICMS, beneficiando a concorrência justa. Outro fato importante foi à entrada obrigatória da Nota Fiscal eletrônica no segmento em dezembro de 2008, produzindo efeitos significativos em 2009, lembrando que neste quesito a Dimed foi pioneira na emissão da NFe no país.
Dentro do planejamento Estratégico do Grupo, fizemos uma revisão da proposta da Missão e da Visão da empresa, afim de torná-las mais moderna, mais clara e inspiradora. Os valores da empresa foram mantidos, pois são nossos pilares fundamentais.

VAREJO

A expansão da Panvel Farmácias, contou com a abertura de 24 novas lojas no ano de 2009, sendo 15 filiais no Rio Grande do Sul e 9 no estado de Santa Catarina, totalizando 254 filiais.
A Marca Panvel já conquistou o Mercado, por esse motivo a linha de produtos da marca própria está em constante atualização, seja com novos produtos ou com o aperfeiçoamento dos já existentes. No ano de 2009, os seguintes produtos passaram a compor o mix da marca própria Panvel ou foram remodelados para atender o consumidor :
Lançamento Panvel Leite de Cabra ? 3 novos produtos
Melhorias Panvel Care ? Primeiros Socorros ? 6 itens
Lançamento Panvel Mel ? 4 itens
Melhoria Baby Clube ? 4 referências de fraldas e 1 referência de lenço umedecido.
Melhoria Panvel Essencial ? higiene íntima ? relançamento 2 itens
Lançamento Panvel Secret ? Nova versão Fresh Dream ? 4 itens
Melhoria Panvel Erva Doce ? renovação de embalagem de 1 item
Panvel Make Up ? Coleções: outono/inverno e primavera/verão (31 itens)
Kits Mães / Natal: 15 kits + 4 novas embalagens de presente.
Repelente: 1 item
Talco para pés: 1 item
Dentro do conceito de sua Missão de ?Proporcionar Saúde e Bem Estar às Pessoas?, a Panvel lançou o projeto ?Troco Amigo?, que consiste na doação do troco da compra realizada pelos clientes da Panvel. As instituições beneficiadas foram a Santa Casa de Misericórdia, no Rio Grande do Sul e o Hospital Governador Celso Ramos, em Santa Catarina.
A Panvel é líder no mercado em que atua, a exemplo disto citamos alguns dos prêmios conquistados no ano de 2009 : Top Of Mind (Revista Amanhã) , Marcas de Quem Decide (Jornal do Comércio), Mérito Lojista (CDL),Reputação Corporativa (Revista Amanhã) e na pesquisa realizada pela Revista Consumidor Moderno, na categoria Farmácias, a Panvel obteve o melhor nível de reconhecimento junto ao público, recebendo o prêmio de ?Empresa que mais Respeita o Consumidor?.

ATACADO

Em 2009, o atacado cresceu positivamente em vendas e clientes atendidos, sustentado pela sua qualidade de serviços e pelo bom atendimento prestado aos clientes, no momento da crise de crédito, ocorrida no primeiro semestre.
Evoluímos significativamente nossos patamares de rentabilidade e reduzimos nosso prazo de venda, refletindo diretamente no LAIR e no fluxo de caixa de 2009.
Evoluímos a venda na modalidade operador logístico, onde a venda é feita em parceria com os fornecedores, em 123%. Desenvolvemos o Sistema de Gestão de Competências Comerciais, qualificando a equipe de vendas.
As feiras de negócios foram bem sucedidas, com significativos volumes de venda e rentabilidade elevada. Os canais eletrônicos representaram 60% das vendas, crescendo 35% em relação ao ano anterior e reduzindo custos.
Consolidamos a evolução da gestão de estoques, garantindo equilíbrio de estoques, nível de serviço e melhores condições de compras. Este projeto foi desenvolvido junto com consultoria especializada.
O Centro de Distribuição de Porto Alegre passou por uma expansão, aumentando a área de estocagem em 12%.

INDÚSTRIA

O laboratório da Controlada, Lifar, manteve o crescimento de vendas positivo.
Este crescimento foi sustentado pela expansão na produção de produtos de perfumaria e cosméticos, com destaque para a marca própria Panvel através do lançamento de novas linhas de produtos como a Leite de Cabra e a Mel.
O ano de 2009 foi marcado ainda pelo início das operações de exportação a Amway, empresa americana e uma das maiores fabricantes mundiais de cosméticos para o mercado de venda direta ( porta a porta ), que resultou em 27 embarques ao longo do ano para 11 países das Américas do Sul e Central, além do México.
A constante busca na redução dos níveis de inventário, associada à minimização das perdas de estoques, ao aumento da produtividade e a redução das despesas operacionais, marcaram sobremaneira as ações do gerenciamento do laboratório.
O laboratório manteve os investimentos e ações de melhorias para manutenção do Certificado de Boas Práticas de Fabricação, expedido pela ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que aprovou pelo quinto ano consecutivo o ?status? de laboratório certificado pelas BPF.


RESULTADOS

Tivemos um bom crescimento em receita bruta de vendas e/ou serviços, de 14,3%, e uma importante recuperação de margens, sendo que o lucro bruto evoluiu 44,5%, resultando em um lucro líquido 206% superior a 2008, de R$ 29.697 mil no ano de 2009.

INVESTIMENTOS

Os investimentos totalizaram 12,6 milhões em novas filiais no varejo, reformas de lojas e aquisição de equipamentos visando à modernização da área de tecnologia. Foram feitos investimentos também na ampliação das áreas dos centros de distribuição.

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

A expansão das vendas, através de canais eletrônicos, continua em destaque. A empresa terminou o mês de dezembro com parte muito expressiva do faturamento realizada através dos mesmos, crescendo em relação ao patamar do ano anterior. No varejo, foi significativo o avanço nos projetos de CRM (customer relationship management), com a captura do comportamento de compra de consumidores através do cartão fidelidade, que representou alto percentual das vendas de dezembro; essa base permitirá à empresa o desenvolvimento de inteligência na relação com o cliente. A expansão e sofisticação dos controles centralizados sobre reposição de mercadorias nas lojas, continuaram em foco, trazendo benefícios em termos de abastecimento, adequação de mix e reduzindo indicadores de cobertura de estoque e faltas nos pontos de venda. Os setores de suporte de TI foram reestruturados, com a criação de células especializadas, seguindo preceitos das melhores práticas do padrão ITIL (IT Infrastructure Library). Na mesma linha, concluiu-se a implantação de indicadores de nível de serviço automatizados para 4 serviços críticos de TI: transações via TEF, sistema de comércio eletrônico,  recomendação da reposição de mercadorias e faturamento via nota fiscal eletrônica (NF-e). Todos esses serviços tiveram metas acordadas com as áreas de negócio e houve report mensal dos níveis de serviço atingidos. Em termos de infra-estrutura destacamos a grande renovação do parque de equipamentos com recursos obtidos junto ao PSI, trazendo mais agilidade, segurança e satisfação junto aos clientes e colaboradres internos. A expansão de link de dados centrais, de Internet e o contingenciamento das bases de dados principais melhoraram a disponibilidade das funções de TI e a capacidade de resposta em caso de desastre. Finalmente, salienta-se a continuidade na unificação de informações e conceitos proporcionada pela plataforma de Business Intelligence, que consolida todos os dados de venda e agora deixa todos relatórios sobre as principais operações de venda disponíveis aos executivos na primeira hora. Também foram criados mecanismos de acompanhamento on-line de venda para os executivos.

REMUNERAÇÃO DOS ACIONISTAS

Para o ano de 2009, foi aprovada a distribuição de juros sobre o capital próprio, no montante de R$ 8.400 mil, com pagamento estabelecido em duas parcelas. Nos últimos três anos distribuímos remuneração líquida de IRRF por ação do capital social, conforme demonstramos a seguir:

...........................................................2009.............. ............2008....................2007........................................ .............................................................R$................. ...........R$........................R$

Ordinárias.............................................1,54................. ............0,80....................0,80

Preferenciais.........................................1,69................... ..........0,88....................0,88

Foram recompradas, no ano de 2009, 41.450 ações ordinárias no valor de R$ 1.504 mil e canceladas, 5.200 ações ordinárias no valor de R$ 234 mil, aumentando desta forma, a participação dos acionistas no capital social.

CONCLUSÃO

O ano de 2009 foi marcado por grandes evoluções. Tivemos um número expressivo de novas lojas, um bom crescimento em vendas, recuperação de margens, recorde em horas de treinamento das nossas equipes, e os resultados apareceram de maneira muito consistente.
O ano de 2010, sinaliza que a economia terá um crescimento promissor, com indutores como aumento da renda e confiança do consumidor em alta que são importantes para nossas atividades.
A empresa está muito bem preparada em termos de gestão, de pessoas, dos seus processos internos, de recursos financeiros, para buscarmos em 2010 uma performance ainda melhor que 2009. Pretendemos manter os investimentos em infra-estrutura e em lojas, onde deverão ser abertas mais lojas do que no ano de 2009.

Obrigado a todos.

Porto Alegre, 10 de fevereiro de 2010.





 
ZOTTI - 22/03/2010 12:47
citação: NotwenCardozoReferente a PNVL3/4, seguem alguns comentários do resultado divulgado pela empresa:
COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO

O ano de 2009 foi marcado por um início preocupante decorrente de uma crise financeira de proporções globais que eclodiu no segundo semestre de 2008.
Mesmo com este cenário inicial, encerramos o ano de 2009 com um crescimento na receita bruta de 14,3% .Tivemos crescimento em todas as áreas comerciais em que atuamos, Atacado, Varejo e Indústria, atingindo R$ 1.180 de receita bruta de vendas. Além disso, é necessário destacar o significativo aumento do Lucro líquido que em relação a 2008 foi de 206%.
O cenário de incertezas, do final de 2008, foi o indutor de um planejamento bastante cauteloso com relação a despesas, investimentos, gestão do caixa e política comercial. A crise financeira internacional, afetou o nível de atividade econômica e também a situação de crédito. No nosso setor, a restrição ao crédito particularmente, alterou significativamente as condições de comercialização, onde se registrou redução nos prazos concedidos pelos distribuidores e cortes nos descontos de compra. A Dimed, dentro de sua linha conservadora, não sofreu impactos significativos da crise, pelo contrário a partir do último trimestre do ano de 2008 tivemos uma expressiva recomposição das margens e também aumento na taxa de crescimento das vendas. A excelência na gestão do caixa e dos estoques foi fundamental, além de um controle rigoroso das despesas.
A manutenção do regime de substituição tributária no ICMS, sobre medicamentos e produtos de perfumaria na maior parte dos estados em que atuamos e que influenciam nossos mercados, foi um dos fatores importantes no ambiente competitivo. Este regime implica na cobrança antecipada e concentrada do ICMS, beneficiando a concorrência justa. Outro fato importante foi à entrada obrigatória da Nota Fiscal eletrônica no segmento em dezembro de 2008, produzindo efeitos significativos em 2009, lembrando que neste quesito a Dimed foi pioneira na emissão da NFe no país.
Dentro do planejamento Estratégico do Grupo, fizemos uma revisão da proposta da Missão e da Visão da empresa, afim de torná-las mais moderna, mais clara e inspiradora. Os valores da empresa foram mantidos, pois são nossos pilares fundamentais.
VAREJO

A expansão da Panvel Farmácias, contou com a abertura de 24 novas lojas no ano de 2009, sendo 15 filiais no Rio Grande do Sul e 9 no estado de Santa Catarina, totalizando 254 filiais.
A Marca Panvel já conquistou o Mercado, por esse motivo a linha de produtos da marca própria está em constante atualização, seja com novos produtos ou com o aperfeiçoamento dos já existentes. No ano de 2009, os seguintes produtos passaram a compor o mix da marca própria Panvel ou foram remodelados para atender o consumidor :
Lançamento Panvel Leite de Cabra ? 3 novos produtos
Melhorias Panvel Care ? Primeiros Socorros ? 6 itens
Lançamento Panvel Mel ? 4 itens
Melhoria Baby Clube ? 4 referências de fraldas e 1 referência de lenço umedecido.
Melhoria Panvel Essencial ? higiene íntima ? relançamento 2 itens
Lançamento Panvel Secret ? Nova versão Fresh Dream ? 4 itens
Melhoria Panvel Erva Doce ? renovação de embalagem de 1 item
Panvel Make Up ? Coleções: outono/inverno e primavera/verão (31 itens)
Kits Mães / Natal: 15 kits + 4 novas embalagens de presente.
Repelente: 1 item
Talco para pés: 1 item
Dentro do conceito de sua Missão de ?Proporcionar Saúde e Bem Estar às Pessoas?, a Panvel lançou o projeto ?Troco Amigo?, que consiste na doação do troco da compra realizada pelos clientes da Panvel. As instituições beneficiadas foram a Santa Casa de Misericórdia, no Rio Grande do Sul e o Hospital Governador Celso Ramos, em Santa Catarina.
A Panvel é líder no mercado em que atua, a exemplo disto citamos alguns dos prêmios conquistados no ano de 2009 : Top Of Mind (Revista Amanhã) , Marcas de Quem Decide (Jornal do Comércio), Mérito Lojista (CDL),Reputação Corporativa (Revista Amanhã) e na pesquisa realizada pela Revista Consumidor Moderno, na categoria Farmácias, a Panvel obteve o melhor nível de reconhecimento junto ao público, recebendo o prêmio de ?Empresa que mais Respeita o Consumidor?.
ATACADO

Em 2009, o atacado cresceu positivamente em vendas e clientes atendidos, sustentado pela sua qualidade de serviços e pelo bom atendimento prestado aos clientes, no momento da crise de crédito, ocorrida no primeiro semestre.
Evoluímos significativamente nossos patamares de rentabilidade e reduzimos nosso prazo de venda, refletindo diretamente no LAIR e no fluxo de caixa de 2009.
Evoluímos a venda na modalidade operador logístico, onde a venda é feita em parceria com os fornecedores, em 123%. Desenvolvemos o Sistema de Gestão de Competências Comerciais, qualificando a equipe de vendas.
As feiras de negócios foram bem sucedidas, com significativos volumes de venda e rentabilidade elevada. Os canais eletrônicos representaram 60% das vendas, crescendo 35% em relação ao ano anterior e reduzindo custos.
Consolidamos a evolução da gestão de estoques, garantindo equilíbrio de estoques, nível de serviço e melhores condições de compras. Este projeto foi desenvolvido junto com consultoria especializada.
O Centro de Distribuição de Porto Alegre passou por uma expansão, aumentando a área de estocagem em 12%.
INDÚSTRIA

O laboratório da Controlada, Lifar, manteve o crescimento de vendas positivo.
Este crescimento foi sustentado pela expansão na produção de produtos de perfumaria e cosméticos, com destaque para a marca própria Panvel através do lançamento de novas linhas de produtos como a Leite de Cabra e a Mel.
O ano de 2009 foi marcado ainda pelo início das operações de exportação a Amway, empresa americana e uma das maiores fabricantes mundiais de cosméticos para o mercado de venda direta ( porta a porta ), que resultou em 27 embarques ao longo do ano para 11 países das Américas do Sul e Central, além do México.
A constante busca na redução dos níveis de inventário, associada à minimização das perdas de estoques, ao aumento da produtividade e a redução das despesas operacionais, marcaram sobremaneira as ações do gerenciamento do laboratório.
O laboratório manteve os investimentos e ações de melhorias para manutenção do Certificado de Boas Práticas de Fabricação, expedido pela ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que aprovou pelo quinto ano consecutivo o ?status? de laboratório certificado pelas BPF.
RESULTADOS

Tivemos um bom crescimento em receita bruta de vendas e/ou serviços, de 14,3%, e uma importante recuperação de margens, sendo que o lucro bruto evoluiu 44,5%, resultando em um lucro líquido 206% superior a 2008, de R$ 29.697 mil no ano de 2009.
INVESTIMENTOS

Os investimentos totalizaram 12,6 milhões em novas filiais no varejo, reformas de lojas e aquisição de equipamentos visando à modernização da área de tecnologia. Foram feitos investimentos também na ampliação das áreas dos centros de distribuição.



Excelente empresa. Não é a toa que lançaram uma recompra de ações tempo atrás. Tem domínio absoluto no RS e agora está entrando em SC.
Não vendo as minhas PNVL4 tão cedo
 
NotwenCardozo - 22/03/2010 12:06
É ... o ugaz está cheio de gás nas discussões!!!
Small, não estou conseguindo acessar o site da Bovespa para ver o 4T09 de PNVL3/4 (Dimed). Chegou a ver algo do 4T09? Não estou nem conseguindo acessar ao Plantão Empresas do Bovespa novamente pois não carrega as informações (o tenpo se esgota).
 
nextar - 19/03/2010 11:00
citação: WK2007
citação: ltcripa
citação: flavio613
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%


Prof., sem querer abusar, terias o preço médio de suas aquisições? Se for possível postar...agradeço



Poxa, abusou...
Desculpa me intrometer, mas se ele dizer os PM, estará revelando o patrimônio investido...



Não duvido que a próxima pergunta vai ser quanto é o patrimônio investido ...



Aprox. 2,3M - Prof. é tuba.
 
flavio613 - 19/03/2010 09:40
citação: WK2007
citação: ltcripa
citação: flavio613
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%


Prof., sem querer abusar, terias o preço médio de suas aquisições? Se for possível postar...agradeço



Poxa, abusou...
Desculpa me intrometer, mas se ele dizer os PM, estará revelando o patrimônio investido...



Não duvido que a próxima pergunta vai ser quanto é o patrimônio investido ...



WK, não me interessa saber o quanto ele tem ou não investido - ate porque isso não me agrega nada. Já vi pessoas no fórum comentando o preço médio de um ativo, quando o possuem (e isso, pelo que entendo, serve para termos uma idéia da precificação do papel pelo mercado). Tanto achei que a pergunta poderia ser abusiva que deixei isso claro quando a formulei...basta nao responder, que foi o que ocorreu ;)
 
WK2007 - 18/03/2010 20:29
citação: ltcripa
citação: flavio613
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%


Prof., sem querer abusar, terias o preço médio de suas aquisições? Se for possível postar...agradeço



Poxa, abusou...
Desculpa me intrometer, mas se ele dizer os PM, estará revelando o patrimônio investido...



Não duvido que a próxima pergunta vai ser quanto é o patrimônio investido ...
 
ltcripa - 18/03/2010 18:38
citação: flavio613
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%


Prof., sem querer abusar, terias o preço médio de suas aquisições? Se for possível postar...agradeço



Poxa, abusou...
Desculpa me intrometer, mas se ele dizer os PM, estará revelando o patrimônio investido...
 
flavio613 - 18/03/2010 13:06
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%


Prof., sem querer abusar, terias o preço médio de suas aquisições? Se for possível postar...agradeço
 
renato1631 - 18/03/2010 12:26
citação: paulo_prof
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%



Professor muito obrigado
Abç
Renato
 
paulo_prof - 18/03/2010 12:03
citação: renato1631Boa noite professor Paulo
Gostaria de saber sua carteira atual de ações, se possível, e a distribuição % em cada ativo.
Muito obrigado


BEES3 2,1%
BEMA3 1,5%
BGIP4 3,8%
CNFB4 1,9%
COCE5 1,8%
CREM3 7,5%
CSMG3 3,5%
ELPL6 12,2%
ENBR3 1,1%
EQTL3 1,8%
ETER3 3,4%
EZTC3 4,5%
FHER3 1,8%
FRAS4 2,3%
GETI3 3,0%
GETI4 1,0%
GRND3 0,5%
HBOR3 1,4%
INEP4 1,6%
LIGT3 1,2%
LLIS3 1,0%
LUXM4 0,6%
MGEL4 7,9%
PINE4 4,4%
PNOR5 3,9%
PNVL3 1,8%
PRBC4 4,1%
PRVI3 0,8%
SLED4 1,2%
TGMA3 0,8%
TLPP3 4,9%
TLPP4 2,9%
TPIS3 1,4%
TRPL4 3,5%
TUPY3 1,6%
UNIP6 1,4%
 
FOCKINK - 16/03/2010 23:25
citação: padrinho
citação: pen driveolá amigos

o tópico é: "Carteira Small Caps: Liderança Mensal E Anual ? Mudanças Para Setembro."

pergunto, quando ocorreu a mudança da carteira para março? qual a carteira para março? quando ocorrerá a mudança para abril?

se puderem esclarecer, desde já agradeço



Em março a carteira tinha FRAS4, em abril também, em maio também e assim segue....O mesmo serve para outras ações discutidas por aqui.

as únicas exceções foram: PNVL e CAMB(como turnaround)...
 
lapenti012 - 13/03/2010 23:28
citação: aderdUma carteira com:

PRBC4
ELPL6
GETI4
EZTC3
HBOR3
INEP4
FRAS4
CAMB4 (especulation)
PETR4
VALE5

Alguém comenta? (sugestões, mudanças, comentários,críticas...)



Aderd,

Em geral a carteira está perfeita.
Trocaria VALE5 por uma empresa do ramo farmacêutico como PNVL3/4 ou PFRM3, e trocaria o banco PRBC4 pelo PINE4.
Quanto as empresas em turn around, creio que estão de ótima escolha e condiz com o perfil do nosso guru Small Caps.


abs
 
FOCKINK - 10/03/2010 22:47
rfalvares:: Como eu disse:: não entrei neste setor ainda:: tive que fazer minhas escolhas:: diversifico mas não muito (mantenho geralmente entre 4 a 8 papiros)...se fosse pra eu escolher entre Drog, Pfrm3 ou Pnvl3 ao preços de hoje: ficaria com Pfrm3...Pra não dizer que nunca tive nada do setor:: já tive Pnvl4 a 47..mas vendi rapidinho quando chegou nos 52,50 (coisa de 20 dias após a compra)...
 
NotwenCardozo - 03/03/2010 09:26
citação: paulo_profMesmo considerando ser um ativo muito caro, não se pode deixar de reconhecer que a Drogasil é uma senhora empresa.

Paulo, pede para o pessoal da Drogasil dar umas dicas para o pessoal da Dimed (PNVL3/4)!!!
 
FOCKINK - 16/02/2010 15:53
citação: GersonlpPNVL3 , será que ainda vale a pena comprar?
Grato.



pra mim na cotação atual: eu preferiro PFRM3 no setor...mas neste setor estou ZERADO...a única vantagem de PNVL3 que vejo é o anúncio de recomrpa de ações ::: se isso ocorrer realmente , devido a baixa liquidez, terão que pagar alto: com isso os minoritários podem ganhar uns troco na especuleta...
 
Gersonlp - 16/02/2010 15:41
PNVL3 , será que ainda vale a pena comprar?
Grato.
 
samudutra - 11/02/2010 12:36
citação: FOCKINK
citação: NotwenCardozoCoin inicia cobertura das ações da Cremer com recomendação de compra

Por: Equipe InfoMoney
10/02/10 - 20h38
InfoMoney




Tá chegando a hora de quem tem CREM vender...heheheh....vai ter festa igual teve em Pnvle Ektr....
E a festa em Criv que não começa nunca (nessa meu trade está a passos de tartaruga...)

Se volume de aluguel indica alguma coisa::: hoje vão afundar a VALE5.....e vão por toda a culpa no resultado do 4T09 ...(pra mim o resultado do 3T09 já tinha sido regular e mesmo assim inflaram a VALE...eu não troco PEtr4 por Vale5...)




É Fock, parece que voce esta começando a entender do negocio !!!

Por que vc não da uma olhadinha no PE da Ecod3 e me diz se vou ou não pagar suas brahmas de 2013 ???
 
FOCKINK - 11/02/2010 09:23
citação: NotwenCardozoCoin inicia cobertura das ações da Cremer com recomendação de compra

Por: Equipe InfoMoney
10/02/10 - 20h38
InfoMoney




Tá chegando a hora de quem tem CREM vender...heheheh....vai ter festa igual teve em Pnvle Ektr....
E a festa em Criv que não começa nunca (nessa meu trade está a passos de tartaruga...)

Se volume de aluguel indica alguma coisa::: hoje vão afundar a VALE5.....e vão por toda a culpa no resultado do 4T09 ...(pra mim o resultado do 3T09 já tinha sido regular e mesmo assim inflaram a VALE...eu não troco PEtr4 por Vale5...)



 
paulo_prof - 10/02/2010 15:12
citação: NotwenCardozo
citação: paulo_profNão. A minha "cota" de PNVL3 já está completa. Além disto. Não estou comprando. Eventualmente, só mudando de posição, e eu não saberia o que vender!

Acredito que alguns balanços a serem divulgados poderão servir como motivo para mudança de posições.
Vamos aguardar.http://web.infomoney.com.br/investimentos/ferramentas/crono/

Hoje ainda sai resultados do Banco Daycoval, Light, São Martinho e Vale.

Amanhã sai resultado do nosso Acúcra Guarani, PRBC4 (Banco Paraná), Souza Cruz, Tarpon,


Destas, só tenho PRBC4 e LIGT3. Algo me diz que vou "queimar" a 2a. Ainda tenho algumas TARP11 (o balanço já saiu e o (P/L)U12M atual é de ridículos 2,17), mas o que sai amanhã é o balanco da TRPN3.
 
NotwenCardozo - 10/02/2010 14:17
citação: paulo_profNão. A minha "cota" de PNVL3 já está completa. Além disto. Não estou comprando. Eventualmente, só mudando de posição, e eu não saberia o que vender!

Acredito que alguns balanços a serem divulgados poderão servir como motivo para mudança de posições.
Vamos aguardar.
http://web.infomoney.com.br/investimentos/ferramentas/crono/

Hoje ainda sai resultados do Banco Daycoval, Light, São Martinho e Vale.

Amanhã sai resultado do nosso Acúcra Guarani, PRBC4 (Banco Paraná), Souza Cruz, Tarpon,
 
paulo_prof - 10/02/2010 13:43
citação: NotwenCardozo
citação: paulo_prof
citação: NotwenCardozo(10/02) - DIMED (PNVL) - Programa de recompra de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

A RCA de 10/02/2010 aprovou a aquisicao pela companhia de acoes de sua propria emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao, sem reducao do capital social, com o objetivo de aproveitar recursos disponiveis da Companhia e atendidos os seguintes criterios:
(a) a quantidade de acoes em circulacao no mercado no momento e de 1.996.577, sendo 1.581.901 de acoes ordinarias e 414.676 de acoes preferenciais. Assim, serao adquiridas ate 199.657 acoes, sendo 158.190 acoes ordinarias e 41.467 acoes preferenciais, o que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes atualmente em circulacao no mercado;
(b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de ate 6 (seis) meses com vencimento em 09/08/2010, a contar dessa data (10/02/2010);
(c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a Diretoria autorizada a contrata-la.


He, he, he

Se o Bradesco realmente comprar todas as ações previstas até fins de julho, os preços do PNVL3 e PNVL4 vão explodir ... Só hoje, com o anúncio, é capaz dos preços aumentarem 5%!

Pois é Paulo. Já estava de olho no ativo faz tempo a nivel de diversificação porque acredito que o ramo é promissor. Conheço estas farmácias em Porto Alegre desde quando ia lá a negócios há 10 anos atrás.

Tentei comprar o papel várias vezes desde que estava 41,xx mas, devido à baixa liquidez, alguém colocava a OC com o valor um pouco maior e eu acabava perdendo o bonde. O anúncio me fez iniciar uma posição em PNVL4 hoje. Postei a notícia do plantão Bovespa antes da minha OC entrar e talvez devo ter disputado PNVL4 com alguém daqui (será que foi o Foca?)

Embora minha compra tenha elevado o preço de PNVL4 em 12,4%, acho que valeu a pena pois PNVL3 está exatamente 20% mais cara do que PNVL4 (PNVL3=70,8 e PNVL4=59,00). Sei da baixa liquidez de PNVL4 em relação a PNVL3 mas o desconto foi muito grande para eu optar por PNVL3, principalmente porque este papel é para manter por uns bons anos. Como vc mesmo já falou antes, se o preço de um papel está bom, melhor não ficar tentando economizar centavos e perder a oportunidade de compra. Foi exatamente o que fiz pois desde quando monitoro o papel, ele praticamente só subiu.

Não sabemos se eles irão comprar a quantidade informada mas acho que a liquidez e a atenção sobre o papel será aumentada com o programa de recompra. Desconfio que vc tenha entrado no leilão de PNVL3, certo?



Não. A minha "cota" de PNVL3 já está completa. Além disto. Não estou comprando. Eventualmente, só mudando de posição, e eu não saberia o que vender!
 
ZOTTI - 10/02/2010 13:16
citação: paulo_prof
citação: NotwenCardozo(10/02) - DIMED (PNVL) - Programa de recompra de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

A RCA de 10/02/2010 aprovou a aquisicao pela companhia de acoes de sua propria emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao, sem reducao do capital social, com o objetivo de aproveitar recursos disponiveis da Companhia e atendidos os seguintes criterios:
(a) a quantidade de acoes em circulacao no mercado no momento e de 1.996.577, sendo 1.581.901 de acoes ordinarias e 414.676 de acoes preferenciais. Assim, serao adquiridas ate 199.657 acoes, sendo 158.190 acoes ordinarias e 41.467 acoes preferenciais, o que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes atualmente em circulacao no mercado;
(b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de ate 6 (seis) meses com vencimento em 09/08/2010, a contar dessa data (10/02/2010);
(c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a Diretoria autorizada a contrata-la.


He, he, he

Se o Bradesco realmente comprar todas as ações previstas até fins de julho, os preços do PNVL3 e PNVL4 vão explodir ... Só hoje, com o anúncio, é capaz dos preços aumentarem 5%!



É prof as PN já subiram 12%. Acho que vou vender as minhas por 100,00 hehehehe.
Tirando a brincadeira, recompra de ações sempre é um bom indicativo do futuro da empresa.
 
NotwenCardozo - 10/02/2010 13:12
citação: paulo_prof
citação: NotwenCardozo(10/02) - DIMED (PNVL) - Programa de recompra de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

A RCA de 10/02/2010 aprovou a aquisicao pela companhia de acoes de sua propria emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao, sem reducao do capital social, com o objetivo de aproveitar recursos disponiveis da Companhia e atendidos os seguintes criterios:
(a) a quantidade de acoes em circulacao no mercado no momento e de 1.996.577, sendo 1.581.901 de acoes ordinarias e 414.676 de acoes preferenciais. Assim, serao adquiridas ate 199.657 acoes, sendo 158.190 acoes ordinarias e 41.467 acoes preferenciais, o que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes atualmente em circulacao no mercado;
(b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de ate 6 (seis) meses com vencimento em 09/08/2010, a contar dessa data (10/02/2010);
(c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a Diretoria autorizada a contrata-la.


He, he, he

Se o Bradesco realmente comprar todas as ações previstas até fins de julho, os preços do PNVL3 e PNVL4 vão explodir ... Só hoje, com o anúncio, é capaz dos preços aumentarem 5%!

Pois é Paulo. Já estava de olho no ativo faz tempo a nivel de diversificação porque acredito que o ramo é promissor. Conheço estas farmácias em Porto Alegre desde quando ia lá a negócios há 10 anos atrás.

Tentei comprar o papel várias vezes desde que estava 41,xx mas, devido à baixa liquidez, alguém colocava a OC com o valor um pouco maior e eu acabava perdendo o bonde. O anúncio me fez iniciar uma posição em PNVL4 hoje. Postei a notícia do plantão Bovespa antes da minha OC entrar e talvez devo ter disputado PNVL4 com alguém daqui (será que foi o Foca?)

Embora minha compra tenha elevado o preço de PNVL4 em 12,4%, acho que valeu a pena pois PNVL3 está exatamente 20% mais cara do que PNVL4 (PNVL3=70,8 e PNVL4=59,00). Sei da baixa liquidez de PNVL4 em relação a PNVL3 mas o desconto foi muito grande para eu optar por PNVL3, principalmente porque este papel é para manter por uns bons anos. Como vc mesmo já falou antes, se o preço de um papel está bom, melhor não ficar tentando economizar centavos e perder a oportunidade de compra. Foi exatamente o que fiz pois desde quando monitoro o papel, ele praticamente só subiu.

Não sabemos se eles irão comprar a quantidade informada mas acho que a liquidez e a atenção sobre o papel será aumentada com o programa de recompra. Desconfio que vc tenha entrado no leilão de PNVL3, certo?
 
paulo_prof - 10/02/2010 11:53
citação: NotwenCardozo(10/02) - DIMED (PNVL) - Programa de recompra de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos

A RCA de 10/02/2010 aprovou a aquisicao pela companhia de acoes de sua propria emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao, sem reducao do capital social, com o objetivo de aproveitar recursos disponiveis da Companhia e atendidos os seguintes criterios:
(a) a quantidade de acoes em circulacao no mercado no momento e de 1.996.577, sendo 1.581.901 de acoes ordinarias e 414.676 de acoes preferenciais. Assim, serao adquiridas ate 199.657 acoes, sendo 158.190 acoes ordinarias e 41.467 acoes preferenciais, o que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes atualmente em circulacao no mercado;
(b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de mercado das acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de ate 6 (seis) meses com vencimento em 09/08/2010, a contar dessa data (10/02/2010);
(c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a Bradesco S/A Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av. Paulista, 1.450 - 7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a Diretoria autorizada a contrata-la.


He, he, he

Se o Bradesco realmente comprar todas as ações previstas até fins de julho, os preços do PNVL3 e PNVL4 vão explodir ... Só hoje, com o anúncio, é capaz dos preços aumentarem 5%!
 
NotwenCardozo - 10/02/2010 11:10
(10/02) - DIMED (PNVL) - Programa de recompra de acoes
DRI: Roberto Coimbra Santos


A RCA de 10/02/2010 aprovou a aquisicao pela companhia de acoes de sua propria
emissao, para permanencia em tesouraria e posterior cancelamento ou alienacao,
sem reducao do capital social, com o objetivo de aproveitar recursos disponiveis
da Companhia e atendidos os seguintes criterios:
(a) a quantidade de acoes em circulacao no mercado no momento e de 1.996.577,
sendo 1.581.901 de acoes ordinarias e 414.676 de acoes preferenciais. Assim,
serao adquiridas ate 199.657 acoes, sendo 158.190 acoes ordinarias e 41.467
acoes preferenciais, o que equivale a 10% (dez por cento) do total das acoes
atualmente em circulacao no mercado;
(b) as aquisicoes, conforme autorizacao, serao sempre pelo preco de mercado das
acoes e no limite maximo aprovado, e serao realizadas pelo prazo de ate 6 (seis)
meses com vencimento em 09/08/2010, a contar dessa data (10/02/2010);
(c) como intermediaria das aquisicoes, ficou credenciada a Bradesco S/A
Corretora de Titulos e Valores Mobiliarios, com sede na Av. Paulista, 1.450 -
7o andar, Bairro Bela Vista, em Sao Paulo/SP , estando a Diretoria autorizada
a contrata-la.


 
eptc - 01/02/2010 16:43
citação: paulo_prof
citação: eptcpaulo_prof - Sou um iniciante em aplicações e tenho estudado a meses a análise fundamentalista através de livros e participando de simuladores - recentemente tomei a iniciativa e fiz minha primeira aplicação - mrsl4 que até o momento tem me dado retorno satisfatório - tive a sorte ainda de fujindo da análise fundamentalista aplicar na igbr3 justo no dia dos 93% de aumento.

graças a um amigo entrei e sai no mesmo dia - Ele me disse -NÃO DURMA ENCARTEIRADO EM MICO- foi um excelente conselho - sai com 78% de lucro.

MAS NÃO É ESTE O MEU FOCO - operar micos e fazer daytrade.

Meu foco é análise fundamentalista (aprendendo e estudando) e por isso tenho acompanhado as postagens dos participantes.

Se não for pedir muito gostaria que o Sr postasse uma sugestão de carteira ou algo semelhante para que eu possa aprofundar meus estudos baseado nas suas análises (composição da carteira).

DESDE JÁ AGRADEÇO!


eptc,

Este negócio de "sugestão" de carteira não é comigo. Posso externar a minha opinião sobre este ou aquele ativo, mas vc nunca verá uma "carteira recomendada pelo professor".

Se lhe puder interessar, a minha carteira, hoje, é composta de: BBAS3, BEEF3, BEES3, BEMA3, BGIP4, CNFB4, COCE5, CREM3, CRIV4, CSMG3, EKTR4, ELPL6, ENBR3, EQTL3, EZTC3, FHER3, FRAS3, GETI3, GRND3, GSHP3, HBOR3, IDVL4, INEP4, LIGT3, LLIS3, LUXM4, MGEL4, PINE4, PNOR5, PNVL3, PRBC4, PRVI3, SCAR3, SGAS4, SLED4, TARP11, TLPP3, TLPP4, TUPY3, UNIP6.



MUITO OBRIGADO paulo_prof - será de grande ajuda sua opnião para estudar estes papéis. Uma boa tarde para o Sr!!
 
paulo_prof - 01/02/2010 15:44
citação: Dsantospaulo_prof Boa tarde, o que voce acha da WSON11, me parece interessante, qual o seu parecer dela e/ou comparativo a alguma no mesmo segmento.


Uma busca no granweb ( http://small.granweb.net ) produzirá, entre outras, a postagem abaixo.

No que tange uma comparação, vc mesmo pode fazer. Ao preço atual de R$ 23,25 e taxa de câmbio de R$ 1,8700, os múltiplos seriam:

WSON11 (80047) - dólares

Ordinárias 71.144
Preferenciais A 0
Preferenciais B 0
TOTAL AÇÔES 71.144
VALOR DE MERCADO 884.544
ENTERPRISE VALUE 941.817
PAYOUT 28,5%

últimos 12 meses
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA 466.042
RESULTADO BRUTO 412.507
RESULTADO FINANCEIRO 10.843
RESULTADO OPERACIONAL 119.418
RESULTADO LÍQUIDO 88.786
EBITDA 140.300
ATIVO TOTAL 745.259
ATIVO CIRCULANTE 275.156
DISPONIBILIDADES 143.700
PASSIVO CIRCULANTE 129.851
DÍVIDA BRUTA 200.973
DÍVIDA LÍQUIDA 57.273
PATRIMÔNIO LÍQUIDO 403.508

P/L 9,96
P/VPA 2,19
PSR 1,90
DY 2,86%
EV/EBTIDA 6,71
MARGEM BRUTA 88,5%
MARGEM OPERACIONAL 25,6%
MARGEM LÍQUIDA 19,1%
LUCRO POR AÇÃO R$ 1,248
MARGEM EBITDA 30,1%
DÍVIDA BRUTA/PATRIMÔNIO LÍQUIDO 49,8%
ROE 22,00%
LIQUIDEZ CORRENTE 2,12
P/(CAP GIRO/AÇÃO) 6,09
GIRO ATIVOS 0,63
P/(ATIVO/AÇÃO) 1,19

Para completar, o (P/L)U3M = 8,60 e (P/L)U6M = 7,56

citação: Danere
citação: paulo_prof - 02/01/2010 15:25
Senhores na vossa opinião quais serão os setores da economia que estarão com boas perspectivas em 2010? E quais papeis dentro destes setores seriam os com melhores fundamentos?



Acredito que o setor que mais se beneficiará das condições econômicas em 2010 será o de Construção e Transporte.

No Subsetor de Construção e Engenharia eu ficaria com as nossas figurinhas carimbadas: EZTC3 e HBOR3 no segmento da Construção Civil e ETER3 no segmento de Materiais de Construção.

No que tange o transporte, acho que as empresas de movimentação e armazenamento de cargas, além de escolherem os clientes, ainda determinarão os preços. TGMA3, TPIS3 despontam como as minhas favoritas, mas vou começar a olhar WSON11 e LOGN3 mais de perto.

Como novos investimentos em transporte rodoviário têm um prazo muito menor de maturação, acredito que devem também serem beneficiadas as indústrias de material de transporte pesado. As minhas preferidas no segmento são FRAS4 e TUPY3, mas acho que até a Wetzel vai sair do buraco.

Outro setor que apresenta boas perspectivas é o de papel e celulose. Com a crise, diversos competidores globais fecharam as portas. Com a retomada, acho que mesmo com o câmbio desfavorável as empresas brasileiras conseguirão competir com vantagem. A minha preferida no setor é a SUZB5.

Com o crescimento generalizado da massa salarial e do crédito, todos os subsetores de consumo interno cíclico e não cíclico serão beneficiados. Difícil é indicar os papéis com as melhores perspectivas. Pessoalmente, gosto de CREM3, PNVL3, MRSL4, LLIS3, PRVI3, SLED4.

GSHP3 (shoppings para média/baixa renda) e FHER3, deverão se beneficiar indiretamente.

Finalmente, não se deve esquecer o setor elétrico. Não vejo como não vá se beneficiar com um crescimento entre 5 e 6%.


 
paulo_prof - 01/02/2010 14:44
citação: eptcpaulo_prof - Sou um iniciante em aplicações e tenho estudado a meses a análise fundamentalista através de livros e participando de simuladores - recentemente tomei a iniciativa e fiz minha primeira aplicação - mrsl4 que até o momento tem me dado retorno satisfatório - tive a sorte ainda de fujindo da análise fundamentalista aplicar na igbr3 justo no dia dos 93% de aumento.

graças a um amigo entrei e sai no mesmo dia - Ele me disse -NÃO DURMA ENCARTEIRADO EM MICO- foi um excelente conselho - sai com 78% de lucro.

MAS NÃO É ESTE O MEU FOCO - operar micos e fazer daytrade.

Meu foco é análise fundamentalista (aprendendo e estudando) e por isso tenho acompanhado as postagens dos participantes.

Se não for pedir muito gostaria que o Sr postasse uma sugestão de carteira ou algo semelhante para que eu possa aprofundar meus estudos baseado nas suas análises (composição da carteira).

DESDE JÁ AGRADEÇO!


eptc,

Este negócio de "sugestão" de carteira não é comigo. Posso externar a minha opinião sobre este ou aquele ativo, mas vc nunca verá uma "carteira recomendada pelo professor".

Se lhe puder interessar, a minha carteira, hoje, é composta de: BBAS3, BEEF3, BEES3, BEMA3, BGIP4, CNFB4, COCE5, CREM3, CRIV4, CSMG3, EKTR4, ELPL6, ENBR3, EQTL3, EZTC3, FHER3, FRAS3, GETI3, GRND3, GSHP3, HBOR3, IDVL4, INEP4, LIGT3, LLIS3, LUXM4, MGEL4, PINE4, PNOR5, PNVL3, PRBC4, PRVI3, SCAR3, SGAS4, SLED4, TARP11, TLPP3, TLPP4, TUPY3, UNIP6.
 
FOCKINK - 30/01/2010 19:48
citação: WK2007
citação: choque
citação: paulo_prof
citação: texmor
citação: FOCKINK
citação: texmorProf Paulo,
Vejo muita gente aqui no fórum falando sobre CRIV , que se eu não me engano tiveram resultados inflados pela venda de parcela da VISANET.

Acho que Indusval é uma melhor pedida , já que com a diminuição da inadimplência e aumento do dólar ( o Indusval têm credito destinado a exportadores) voltará a apresentar lucros , num período de normalidade da economia tende a apresentar crescimento de lucros bem maiores que aqueles apresentados por CRIV.



Discordo...eu particularmente já tive Bicb4 (que me rendeu um bom lucrinho), Pine4 (até semana passada...quando tive que fazer caixa e resolvi vender a 11,20), BGIP4(que é o melhor do setor,,mas sabe-se lá em ano eleitoral o que pode ocorrer com banco púbrikius) e estou segurando criv4...OK: lucrou com a venda da Visanet...mas se reparar..foi uma das poucas instituições financeira de médio porte que sofreu pouco(ou quase nada) com a crise..Se considerarmos somente o 3T09 que não inclui a venda da visanet teremos um P/L = 7,7 e P/VP=0,73 você acha isso ruim???
Eu até arriscaria uma graninha em IDVL4 se conseguisse comprar novamente abaixo de 7,50...



CRIV sofreu pouco com a crise... Mas também não tem crescimento de lucro razoáveis com economia em crescimento


Não dá para saber, texmor. Nenhum banco médio apresentará lucro líquido em 2009 maior do que em 2008. O lucro líquido do CRIV em 2008 só não foi maior do que em 2007 por causa do 4T08 terrível. Não fosse a crise, o lucro líquido do 4T08 seria no mínimo R$ 8 milhões maior e o lucro de 2008 teria sido no mínimo 5% maior do que o de 2007.

Na minha estimativa, o lucro líquido de 2010 deverá ser superior a R$ 60 milhões, um P/L = 5,37, DY = 4,5% e ritmo de crescimento anual de aprox. 12%. Considerando que o P/VPA é de somente 0,73, tão logo BEES3, BGIP4 e mais um ou outro aprecie, só restarão BRIV e CRIV ainda muito baratos. Não há como não valorizarem.

Vamos ver o balanço do 4T09. Será uma ótima indicação do que pode ser esperado em 2010.



Prof Paulo,

Entre criv4 e idvl4, qual está mais interessante para comprar nos preços atuais?

Tem o rumor de que idvl4 quando resolver a questão da inadimplencia, já estaria preparando sua entrada no novo mercado, logo o papel dispara...porém criv4 está com multiplos tão baixos, que nos preços atuais, me parece tambem que se o mercado reconhecer o valor da empresa, o papel tambem dispara e muito, pois todos os bancos já subiram bem, menos criv4 e briv4 e tb idvl4.

Qual sua estimativa para o balanço do 4 trim em relação a idvl4?

Obrigado



Minha opinião é que as empresas do grupo Alfa (Briv, Criv etc.), devido ao management e ao grupo de controle pouco interessados em se mostrar para o mercado de capitais, são investimentos pouco atrativos. O valor que está escondido vai continuar oculto por muito tempo.
Uma empresa que sequer tem uma página de RI decente deve ser vista com reserva.



hehhehehe,,,,se eu fosse pela página da empresa...não invsetiria em nenhuma elétrica, nem em Bgip4,nem em PNVL3/4...kkk..que atualmente são as
empresas mais seguras e rentáveis...sem contaram que subiram legal!!!!

Em compensação os lixos de MMXM, OGXP, ECOD...se mostrariam uma maravilha em termos de marketing....

Eu ainda prefiro usar minha Havaiana ou Ipanema modelo 1980 que custam 7 conto do que comprar um chinelo do Bam Bam Bam do momento a 50 conto....
 
FOCKINK - 23/01/2010 11:02
citação: herdsmanParece meio obvio de preferir entre ativos similares aquele que tem um P/VP mais baixo. Pode ser no caso de bancos e pensando num eventual compra por peixe maior.
Mas no caso de não envolver venda tem um outro lado da moeda.
Pegamos por ex. CRIV4 e BGIP4.
Faz tempo que um está com P/VP na faixa de 0,74 (CRIV4) e o outro com 1,48 (BGIP4)
Se a percepção de mercado quanto a administração de ambos não mudar esta relação vai continuar assim.
Portanto para cada 1 R$ de lucro (=VP) podemos esperar que a cotação de BGIP4 sobe 1,48 R$ enquanto a cotação de CRIV4 somente subirá 0,74 R$.
Este consideração me levou a ter somente BGIP4.



meus bgip4 já foram dessa pra melhor...vendi faz uns 3 meses..peguei 21,40...tentei recomprar esses dias a 20 conto e nem consegui...
idem pra PNVL4...paguei 48 e foram embora a 53,...

 
ZOTTI - 20/01/2010 13:28
Spread de 35% entre PNVL3 e PNVL4.
 
apolo20 - 20/01/2010 10:16
Srs.

Tomei a liberdade de efetuar o levantamento das carteiras informadas pelo "ativistas " do fórum no periodo de 01/12/09 até 17/01/10, sendo que ficou assim constituída:

Nome/nºinvestidores:32

Small Caps - Paulo Prof.-Ibiazao-Ugaz-Samudutra-Ch3481-Brunovcn-Dr Invest- Apolo20-George Cavalcante-Polycrav- Daniel Rodrigues-Cesar Muzel- Romilda-Fhalves2-Assayd-RCbocardo-Capa_preta- PPPdadv-Capgarrido-WilkliamCw-Fockink-kOss- Malazarte- Cintrapc-Palpitações-Mafagafa- Neojr-
Dna invest-RenatoSP-Alpacius-RomuloM


Ativos Indicados:

45 ativos com 01 (uma) indicação = 45 indicações
Bobr4-Ceeb5-ccr03-criv3-cmig3-cebr6-baza3-ctax4-cebe3-cgra3-ciel3-csmg3-ctar3 -cebe5-card3-cedo4-fibr3-brap4-goau3-idvl3-magg3-mypk3-nwet4-bttl3-natu3-ogxp3-
inep3-itsa4-lame4-itub4-prbc3-petr3-ptbl3-posi3-pnvl4-rnar3-rcsl4-scar3-sanb1 1-tmar5-tnlp4-trfo4-tarp11-tcsl4-usim5


24 ativos com 2 (duas) indicações = 48 indicações
Bees4-bmt04-bvmf3-bttl4-cgra4-cmig4-csna3-ctsa3-cepe5-cpfl3-euca4-hbts5-mlft4 -mndl4-prfm3-rapt4-romi3-sgps3-sula11-suzb5-tlpp3-uoll4-wege3-whrl4


14 ativos com 03 indicações = 42 indicações
bema3-bees3-brkm5-fesa4-gshp3-inpr3-ieng5-mrsl4-krot11-pomo4-plas3-ptnt4-pnvl 3-sgas3


07 ativos com 04 indicações = 28 indicações.
abcb4-bauh4-ctsa4-criv4-ecod3-geti3-sled4


06 ativos com 5 indicações = 30 indicações
bicb4-camb4-ligt3-tkno4-tpis3-tupy3


04 ativos com 06 indicações = 24 indicações
ektr4-petr4-prvi3-vale5


06 ativos com 07 indicações = 42 indicações
beef3-bgip4-enbr3-geti4-llis3-tlpp4


03 ativos com 09 indicações = 27 indicações
prbc4-tgma3-unip6

02 ativos com 10 indicações= 20 indicações
grnd3-eter3

02 ativos com 12 indicações= 24 indicações
coce5-pine4

01 ativo com 13 indicações =
Idvl4

01 ativo com 14 indicações =
Fher3

03 ativos com 15 indicações = 45 indicações
Inep4-crem3-cnfb4

01 ativo com 16 indicações =
Eqtl3

01 ativo com 17 indicações =
hbor3

01 ativo com 18 indicações =
mgel4

01 ativo com 20 indicações =
Elpl6

01 ativo com 21 indicações =
Pnor5

01 ativo com 25 indicações =
fras4

01 ativo com 31 indicações =
Eztc3


Total de ativos indicados:125
total de indicações: 550



A Carteira TOP10 dos "ativistas " do Fórum Small Caps (CATOP10-FSC) pelO Nº de indicações,teria a seguinte classificação:

1- Eztc3
2- Fras4
3- Pnor5
4- Elpl6
5- mgel4
6- hbor3
7- Eqtl3
8- Inep4
9- Crem3
10-cnfb4


Lançando um olhar mais atento e aguçado sobre esta "cesta de ativos",podemos apreciar análises muito bem elaboradas, comentários primorosos de excelente conteúdo,ambiente adequado para dirimir eventuais dúvidas e questões pontuais, constituindo-se em importante fator de aprimoramento na seleção das melhores opções de investimento.
Para os novatos e iniciantes, é a bússola que norteia o caminho a ser trilhado rumo ao pequeno e seleto grupo de sucesso, deste intrigante e fascinante mundo do mercado de capitais.

Gostaria de ouvir a opinião de todos os participantes acerca dos números apresentados e das empresas listadas.

Se, porventura deixei de mencionar alguém, por favor que emita o sinal de alerta para que eu possa corrigir a minha falha.

Abraços.








 
junijaif - 18/01/2010 22:41
citação: FOCKINK
citação: junijaifFOCKINK

claro que não vou entrar em qq dica de olhos fechados, mas apesar de não postar aqui estou sempre acompanhando e aprendendo um pouco com a turma. Então, vou tentar filtar as dicas e tb adequar às minhas estratégias.

Ab



OK...Vou dar uma de corretora....

carteira defensiva e com pouco risco:
EKTR4, COCE5, GETI3, BBAS3, PETR4, FRAS4, BGIP4

carteira com risco e chances de retornos médio:
EKTR4, FRAS4, FHER3, GRND3, PNVL4, PETR4, PINE4, BGIP4

carteira com risco e chance de retorno elevados:
Pnor5, Fher3, Unip6, Criv4,Camb4, Embr3, Euca4, Inep4



Valeu, FOCKINK!
Tá anotado e positivado! Vou analisar e tomar minha decisão. Ainda aguardo comentários e sugestões de quem mais queira ajudar.
Acredito que o momento ainda permite correr algum risco e tentar maikores retornos já que os preços dos papéis ainda não voltaram ao seu "normal", certo?
Tento sempre ser conservador mas quando se trata de dinheiro a gente sempre que mais e mais rápido. Não dá pra controlar e fica difícil as vezes tomar decisões baseadas apenas na razão e paciência e deixar a emoção de lado.

Abs.

Abs.
 
FOCKINK - 18/01/2010 22:16
citação: junijaifFOCKINK

claro que não vou entrar em qq dica de olhos fechados, mas apesar de não postar aqui estou sempre acompanhando e aprendendo um pouco com a turma. Então, vou tentar filtar as dicas e tb adequar às minhas estratégias.

Ab



OK...Vou dar uma de corretora....

carteira defensiva e com pouco risco:
EKTR4, COCE5, GETI3, BBAS3, PETR4, FRAS4, BGIP4

carteira com risco e chances de retornos médio:
EKTR4, FRAS4, FHER3, GRND3, PNVL4, PETR4, PINE4, BGIP4

carteira com risco e chance de retorno elevados:
Pnor5, Fher3, Unip6, Criv4,Camb4, Embr3, Euca4, Inep4
 
paulo_prof - 13/01/2010 13:37
citação: samudutra
citação: paulo_prof
Dos 20 que vc separou acima, os 8 de maior percentual em minha carteira (preços do ontem), pela ordem, são:

CREM3, FHER3, GETI4, TGMA3, EKTR4, PINE4, GSHP3 e PNVL3

Se eu tivesse uma carteira como os 6 ativos que vc separou, eu colocaria 30% em FHER3, 30% em ENBR3, 20% em HBOR3, 10% em PRVI3 e 5% em TUPY3 e CRIV4



Desculpa o incomodo....

ENBR3 ou EQTL3 ??? (se tiver uma comparação por Dividendos acho que opto pela melhor pagadora.... mas e as EQTL3 sem a Light ??)

TUPY3 ou TUPY4, ou quem sabe aumentar presença em FRAS4 ???

PRIV3 não tem historico bom de lucros e dividendos (dados do guia invest), mas mesmo assim faz parte de sua carteira??

Mais uma vez obrigado !


Acho que a liquidez de TUPY4 é ainda pior do que a de TUPY3.

Na minha carteira a participação de EQTL3 é maior. Paga melhores dividendos (mesmo sem a Light). Em compensação, o crescimento de ENBR é maior.

Eu acho que a PRVI atua num setor interessante. Há que se ver como será a sua performance após a venda do negócio de tubos e conexões para se concentrar em não-tecidos.
 
samudutra - 13/01/2010 12:46
citação: paulo_prof
Dos 20 que vc separou acima, os 8 de maior percentual em minha carteira (preços do ontem), pela ordem, são:

CREM3, FHER3, GETI4, TGMA3, EKTR4, PINE4, GSHP3 e PNVL3

Se eu tivesse uma carteira como os 6 ativos que vc separou, eu colocaria 30% em FHER3, 30% em ENBR3, 20% em HBOR3, 10% em PRVI3 e 5% em TUPY3 e CRIV4



Desculpa o incomodo....

ENBR3 ou EQTL3 ??? (se tiver uma comparação por Dividendos acho que opto pela melhor pagadora.... mas e as EQTL3 sem a Light ??)

TUPY3 ou TUPY4, ou quem sabe aumentar presença em FRAS4 ???

PRIV3 não tem historico bom de lucros e dividendos (dados do guia invest), mas mesmo assim faz parte de sua carteira??

Mais uma vez obrrigado !


 
paulo_prof - 13/01/2010 12:32
citação: samudutraCaraca.... vou repetir este post porque parece que passou desapercebido, ou as vezes ninguem mesmo quis ajudar !!!

citação: samudutraPreciso de um help dos especialistas.

Peguei alguns papeis da carteira dos 44 papeis do Prof Paulo (postou domingo a noite se não me engano), alguns eu já tinha, outros não me apeteceram, separei 20 e pelo site do fundamentus levantei alguns multiplos

ticker.....p/l....p/vpa...psr...cres 5 a %...p/l * p/vpa
fher3....(3,06)... 1,69...0,18...-8,9...... (5,17)
criv3... 6,13..... 0,83...-x- ....1,5........5,09
eqtl3....6,49..... 1,56...0,78...69,3.......10,12
coce5... 6,68..... 2,20...1,25....7,9.......14,70
tupy4... 6,82..... 1,07...0,7....-4,9....... 7,30
ektr4... 7,43..... 3,05...1,46....3,8.......22,66
geti4... 8,86..... 10,23..4,34....9,9.......90,64
enbr3...10,14...... 1,44..1,24...-0,8.......14,60
bema3...10,36..... .1,29...1,5....10,8......13,36
pnvl3...11,15...... 1,93...0,28...13,4......21,52
prvi3...11,18.......1,30...1,55...-17,4.....14,53
pine4...11,42.......1,17..........-86,9.....13,36
hbor3...12,12.......1,63...1,26....69,7.....19,76
sgas4...12,38...... 0,90...0,61....13,8.....11,14
crem3...15,32.......2,80....1,53...24,2.....42,90
tgma....15,56...... 2,65....0,9....7,8......41,23
sled4...16,48...... 2,80...0,81....29,2.....46,14
gshp3...24,02...... 1,25...4,87....30,8.....30,03
suzb5...26,06.......1,57...1,74....9....... 40,91
unip6...65,57...... 0,91...0,26...18,3..... 59,67

Alguem pode me ajudar a escolher uns 8 destes ai ???

E depois de escolher podem dar peso (em percentual) para formação de uma carteira , base 100.

Eu fiz minhas escolhas , consegui separar 6 papeis, mas não tenho a minima ideia do peso que ponho pra cada um:
FHER3
CRIV3
TUPY4
ENBR3
PRVI3
HBOR3



Dos 20 que vc separou acima, os 8 de maior percentual em minha carteira (preços do ontem), pela ordem, são:

CREM3, FHER3, GETI4, TGMA3, EKTR4, PINE4, GSHP3 e PNVL3

Se eu tivesse uma carteira como os 6 ativos que vc separou, eu colocaria 30% em FHER3, 30% em ENBR3, 20% em HBOR3, 10% em PRVI3 e 5% em TUPY3 e CRIV4
 
samudutra - 13/01/2010 12:06

Caraca.... vou repetir este post porque parece que passou desapercebido, ou as vezes ninguem mesmo quis ajudar !!!

citação: samudutraPreciso de um help dos especialistas.

Peguei alguns papeis da carteira dos 44 papeis do Prof Paulo (postou domingo a noite se não me engano), alguns eu já tinha, outros não me apeteceram, separei 20 e pelo site do fundamentus levantei alguns multiplos

ticker.....p/l....p/vpa...psr...cres 5 a %...p/l * p/vpa
fher3....(3,06)... 1,69...0,18...-8,9...... (5,17)
criv3... 6,13..... 0,83...-x- ....1,5........5,09
eqtl3....6,49..... 1,56...0,78...69,3.......10,12
coce5... 6,68..... 2,20...1,25....7,9.......14,70
tupy4... 6,82..... 1,07...0,7....-4,9....... 7,30
ektr4... 7,43..... 3,05...1,46....3,8.......22,66
geti4... 8,86..... 10,23..4,34....9,9.......90,64
enbr3...10,14...... 1,44..1,24...-0,8.......14,60
bema3...10,36..... .1,29...1,5....10,8......13,36
pnvl3...11,15...... 1,93...0,28...13,4......21,52
prvi3...11,18.......1,30...1,55...-17,4.....14,53
pine4...11,42.......1,17..........-86,9.....13,36
hbor3...12,12.......1,63...1,26....69,7.....19,76
sgas4...12,38...... 0,90...0,61....13,8.....11,14
crem3...15,32.......2,80....1,53...24,2.....42,90
tgma....15,56...... 2,65....0,9....7,8......41,23
sled4...16,48...... 2,80...0,81....29,2.....46,14
gshp3...24,02...... 1,25...4,87....30,8.....30,03
suzb5...26,06.......1,57...1,74....9....... 40,91
unip6...65,57...... 0,91...0,26...18,3..... 59,67

Alguem pode me ajudar a escolher uns 8 destes ai ???

E depois de escolher podem dar peso (em percentual) para formação de uma carteira , base 100.

Eu fiz minhas escolhas , consegui separar 6 papeis, mas não tenho a minima ideia do peso que ponho pra cada um:
FHER3
CRIV3
TUPY4
ENBR3
PRVI3
HBOR3

 
samudutra - 12/01/2010 17:24
Preciso de um help dos especialistas.

Peguei alguns papeis da carteira dos 44 papeis do Prof Paulo (postou domingo a noite se não me engano), alguns eu já tinha, outros não me apeteceram, separei 20 e pelo site do fundamentus levantei alguns multiplos

ticker.....p/l....p/vpa...psr...cres 5 a %...p/l * p/vpa
fher3....(3,06)... 1,69...0,18...-8,9...... (5,17)
criv3... 6,13..... 0,83...-x- ....1,5........5,09
eqtl3....6,49..... 1,56...0,78...69,3.......10,12
coce5... 6,68..... 2,20...1,25....7,9.......14,70
tupy4... 6,82..... 1,07...0,7....-4,9....... 7,30
ektr4... 7,43..... 3,05...1,46....3,8.......22,66
geti4... 8,86..... 10,23..4,34....9,9.......90,64
enbr3...10,14...... 1,44..1,24...-0,8.......14,60
bema3...10,36..... .1,29...1,5....10,8......13,36
pnvl3...11,15...... 1,93...0,28...13,4......21,52
prvi3...11,18.......1,30...1,55...-17,4.....14,53
pine4...11,42.......1,17..........-86,9.....13,36
hbor3...12,12.......1,63...1,26....69,7.....19,76
sgas4...12,38...... 0,90...0,61....13,8.....11,14
crem3...15,32.......2,80....1,53...24,2.....42,90
tgma....15,56...... 2,65....0,9....7,8......41,23
sled4...16,48...... 2,80...0,81....29,2.....46,14
gshp3...24,02...... 1,25...4,87....30,8.....30,03
suzb5...26,06.......1,57...1,74....9....... 40,91
unip6...65,57...... 0,91...0,26...18,3..... 59,67


Alguem pode me ajudar a escolher uns 8 destes ai ???

E depois de escolher podem dar peso (em percentual) para formação de uma carteira , base 100.

Eu fiz minhas escolhas , consegui separar 6 papeis, mas não tenho a minima ideia do peso que ponho pra cada um:
FHER3
CRIV3
TUPY4
ENBR3
PRVI3
HBOR3
 
fazambuj - 12/01/2010 01:11
citação: palpitesacoes
citação: Capa_PretaAlguém tem uma lista atualizada dos códigos de todos os papéis e seus respectivos setores? Se sim pode compartilhar comigo?

Abraço
Capa



Não está completamente atualizada mais, talvez te auxilie:

ABC BRASIL PN* ABCB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ABNOTE ON* ABNB3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
ABYARA ON* ABYA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
ACO ALTONA ON* EALT4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
ACO ALTONA PN* EALT4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
ACOS VILL ON* AVIL3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
AES ELPA ON* AELP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES SUL ON* AESL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES SUL PN* AESL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES TIETE ON* AESL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES TIETE PN* AESL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AFLUENTE ON* AFLU3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AFLUENTE PNA* AFLU5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AGCONCESSOESPN* ANDG4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AGRA INCORP ON* AGIN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
AGRENCO DR3* AGEN11 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
ALFA CONSORCON* BRGE3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNA* BRGE5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNB* BRGE6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNC* BRGE7 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPND* BRGE8 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNE* BRGE11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNF* BRGE12 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA FINANC ON* CRIV3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Soc. Crédito e Financiamento
ALFA FINANC PN* CRIV4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Soc. Crédito e Financiamento
ALFA HOLDINGON* RPAD3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA HOLDINGPNA* RPAD5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA HOLDINGPNB* RPAD6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA INVEST ON* BRIV3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA INVEST PN* BRIV4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALIPERTI PN* APTI4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
ALL AMER LATON* ALLL3 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALL AMER LATPN* ALLL4 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALL AMER LATUNT* ALLL11 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALPARGATAS ON* ALPA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
ALPARGATAS PN* ALPA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
AM INOX BR PN* ACES4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
AMAZONIA ON* BAZA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
AMAZONIA CELON* TMAC3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNA* TMAC5 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNB* TMAC6 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNC* TMAC7 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPND* TMAC8 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNE* TMAC11 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMBEV ON* AMBV3 Consumo Não Ciclico - Bebidas-cervejas e refrigerantes
AMBEV PN* AMBV4 Consumo Não Ciclico - Bebidas-cervejas e refrigerantes
AMERICEL ON* AMCE3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMIL ON* AMIL3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
AMPLA ENERG ON * CBEE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AMPLA INVESTON* AMPI3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ANHANGUERA UNT* AEDU11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
ARACRUZ PNA* ARCZ5 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
ARTHUR LANGEON* ARLA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Couro
ARTHUR LANGEPN* ARLA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Couro
AZEVEDO PN* AZEV4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
B2W VAREJO ON* BTOW3 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
BAHEMA ON* BAHI3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BAHEMA PN* BAHI4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BANESE ON* BGIP3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANESE PN* BGIP4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANESTES ON* BEES3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANPARA ON* BPAR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL ON* BRSR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL PNA* BRSR5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL PNB* BRSR5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BARDELLA PN* BDLL4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
BATTISTELLA ON* BTTL3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BATTISTELLA PN* BTTL4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BAUMER ON* BALM3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
BAUMER PN* BALM4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
BEMATECH ON* BEMA3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
BESC ON* BSCT3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BESC PNA* BSCT5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BESC PNB* BSCT6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BIC CALOI PNA* BCAL5 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BIC CALOI PNB* BCAL6 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BIC MONARK ON* BMKS3 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BICBANCO ON* BICB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BICBANCO PN* BICB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BIOMM ON* BIOM3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
BIOMM PN* BIOM4 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
BMFBOVESPA ON* BVMF3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
BOMBRIL PN* BOBR4 Consumo Não Ciclico - Produtos de Uso Pessoal e Limpeza - Produtos de Limpeza
BOTUCATU TEXON* STRP3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
BOTUCATU TEXPN* STRP4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
BR BROKERS ON* BBRK3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Intermediação Imobiliária
BR MALLS PARON* BRML3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
BRADESCO ON* BBDC3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRADESCO PN* BBDC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRADESPAR ON* BRAP3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BRADESPAR PN* BRAP4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BRASIL BNS C* BBAS13
BRASIL ON* BBAS3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRASIL T PARON* BRTP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL T PARPN* BRTP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL TELECON* BRTO3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL TELECPN* BRTO4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASILAGRO ON* AGRO3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
BRASKEM ON* BRKM3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASKEM PNA* BRKM5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASKEM PNB* BRKM6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASMOTOR ON* BMTO3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
BRASMOTOR PN* BMTO4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
BRB BANCO PN* BSLI4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRF FOODS ON* BRFS Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
BROOKFIELD ON* BISA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
BUETTNER ON* BUET3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
BUETTNER PN* BUET4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CACIQUE ON* CIQU3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CACIQUE PN* CIQU4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAF BRASILIAON* CAFE3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAF BRASILIAPN* CAFE4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAMBUCI PN* CAMB4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
CAPITALPART ON* CPTP3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CARAIBA MET ON* CRBM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CARAIBA MET PNA* CRBM5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CARAIBA MET PNC* CRBM7 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CASAN ON* CASN3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
CASAN PN* CASN4 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
CC DES IMOB ON* CCIM3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CCR RODOVIASON* CCRO3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
CEB ON* CEBR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEB PNA* CEBR5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEB PNB* CEBR5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEDRO ON* CEDO3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CEDRO PN* CEDO4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CEEE ON* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE PN* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-D ON* CEED3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-D PN* CEED4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-GT ON* EEEL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-GT PN* EEEL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEG ON* CEGR3 Utilidade Pública - Gás - Gás
CELESC ON* CLSC3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELESC PNA* CLSC5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELESC PNB* CLSC6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELGPAR ON* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELM ON* CELM3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
CELPA PNA* CELP5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPA PNB* CELP6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPA PNC* CELP7 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE ON * CEPE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE PNA* CELE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE PNB* CEPE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELUL IRANI ON* RANI3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
CELUL IRANI PN* RANI4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
CEMAR ON* CMGR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMAT ON* CMGR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMAT PN* CMGR4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMEPE ON* MAPT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CEMEPE PN* MAPT4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CEMIG ON* CMIG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMIG PN* CMIG4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP ON* CESP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP PNA* CESP5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP PNB* CESP6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CETIP ON* CTIP3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
CHIARELLI ON* CCHI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
CHIARELLI PN* CCHI4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
CIA HERING ON* HGTX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
CIELO ON* CIEL3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
CIMOB PART ON* GAFP3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CIMOB PART PN* GAFP3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CLARION PN* CLAN4 Industrial e Comércio
COBRASMA ON* CBMA3 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Ferroviário
COBRASMA PN* CBMA4 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Ferroviário
COELBA ON* CEEB3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELBA PNA* CEEB5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE ON* COCE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE PNA* COCE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE PNB* COCE6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COMGAS ON* CGAS3 Utilidade Pública - Gás - Gás
COMGAS PNA* CGAS5 Utilidade Pública - Gás - Gás
CONFAB ON* CNFB3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
CONFAB PN* CNFB4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
CONST A LINDON* CALI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CONST A LINDPN* CALI4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CONST BETER ON* COBE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
CONST BETER PNB* COBE6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
CONTAX ON* CTAX3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
CONTAX PN* CTAX4 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
COPASA ON* CSMG3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
COPEL ON* CPLE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COPEL PNA* CPLE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COPEL PNB* CPLE6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COR RIBEIRO ON* CORR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
COR RIBEIRO PN* CORR4 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
COSAN ON* CSAN3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
COSAN LTD DR3* CZLT11 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
COSERN ON* CSRN3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COSERN PNA* CSRN5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COSERN PNB* CSRN6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COTEMINAS ON* CTNM3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
COTEMINAS PN* CTNM4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CPFL ENERGIAON* CPFE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CR2 ON* CRDE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CREMER ON* CREM3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
CRUZEIRO SULPN* CZRS4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
CSU CARDSYSTON* CARD3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
CYRE COM-CCPON* CCPR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
CYRELA REALTON* CYRE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
D H B ON* DHBI3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
D H B PN* DHBI4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
DASA ON* DASA3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
DAYCOVAL PN* DAYC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
DIMED ON* PNVL3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DIMED PN* PNVL4 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DIRECIONAL ON* DIRR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
DIXIE TOGA PN* DXTG4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
DOC IMBITUBAON* IMBI3 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
DOC IMBITUBAPN* IMBI4 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
DOCAS ON* DOCA3 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
DOCAS PN* DOCA4 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
DOHLER ON* DOHL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
DOHLER PN* DOHL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
DROGASIL ON* DROG3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DTCOM-DIRECTON* DTCY3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
DUFRYBRAS DR3* DUFB11 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
DURATEX ON* DTEX3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
ECODIESEL ON* ECOD3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
ELEKEIROZ ON* RANI4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
ELEKEIROZ PN* ELEK4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
ELEKTRO ON* EKTR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELEKTRO PN* EKTR4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS ON* ELET3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS PNA* ELET5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS PNB* ELET6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAR ON* LIPR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO ON* ELPL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO PNA* ELPL5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO PNB* ELPL6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELEVA ON* ELEV3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
ELUMA ON* ELUM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
ELUMA PN* ELUM4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
EMAE PN* EMAE4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EMBRAER ON* EMBR3 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Aeronáutico
EMBRATEL PARON* EBTP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
EMBRATEL PARPN* EBTP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
ENCORPAR ON* ECPR3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
ENCORPAR PN* ECPR4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
ENERGIAS BR ON* ENBR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ENERGISA ON* ENGI3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ENERGISA PN* ENGI4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EQUATORIAL ON* EQTL11 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EST PIAUI ON* BPIA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ESTACIO PARTON* ESTC3 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
ESTRELA ON* ESTR3 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
ESTRELA PN* ESTR4 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
ETERNIT ON* ETER3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
EUCATEX ON* EUCA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
EUCATEX PN* EUCA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
EVEN ON* EVEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
EXCELSIOR PN* BAUH4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
EZTEC ON* EZTC3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
F GUIMARAES ON* FGUI3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
F GUIMARAES PN* FGUI4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FAB C RENAUXON* FTRX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FAB C RENAUXPN* FTRX4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FER HERINGERON* FHER3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
FERBASA PN* FESA4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
FIBAM ON* FBMC3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
FIBAM PN* FBMC4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
FIBRIA ON* FIBR3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
FLEURY ON* FLRY3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
FORJA TAURUSON* FJTA3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Armas e Munições
FORJA TAURUSPN* FJTA4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Armas e Munições
FOSFERTIL PN* FFTL4 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
FRAS-LE ON* FRAS3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
FRAS-LE PN* FRAS4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
GAFISA ON* GFSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
GAZOLA ON* GAZO3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
GAZOLA PN* GAZO4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
GENERALSHOPPON* GSHP3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
GER PARANAP ON* GEPA3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GER PARANAP PN* GEPA4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GERDAU ON* GGBR3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU PN* GGBR4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU MET ON* GOAU3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU MET PN* GOAU4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GLOBEX ON* GLOB3 Consumo Ciclico - Comércio - Eletrodomésticos
GOL PN* GOLL4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
GP INVEST DR3* GPIV11 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
GPC PART ON* GPCP3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
GRADIENTE ON* IGBR3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
GRAZZIOTIN ON* CGRA3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GRAZZIOTIN PN* CGRA4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GRENDENE ON* GRND3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
GTD PART ON* GTDP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GTD PART PN* GTDP4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GUARANI ON* ACGU3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
GUARARAPES ON* GUAR3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GUARARAPES PN* GUAR4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GVT HOLDING ON* GVTT3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
HABITASUL PNA* HBTS5 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
HAGA S/A ON* HAGA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
HAGA S/A PN* HAGA4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
HELBOR ON* HBOR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
HERCULES ON* HETA3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
HERCULES PN* HETA4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
HOTEIS OTHONPN* HOOT4 Consumo Ciclico - Hotelaria e Restaurantes - Hotelaria
HYPERMARCAS ON* HYPE3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
IDEIASNET ON* IDNT3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
IENERGIA ON* IENG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
IENERGIA PNA* IENG5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
IGUACU CAFE ON* IGUA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUACU CAFE PNA* IGUA5 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUACU CAFE PNB* IGUA6 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUATEMI ON* IGTA3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
IND CATAGUASON* CATA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
INDS ROMI ON* ROMI3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INDUSVAL PN* IDVL4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
INEPAR ON* INEP3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INEPAR PN* INEP4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INEPAR TEL ON* INET3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
INPAR S/A ON* INPR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
INVEST BEMGEON* FIGE3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
INVEST BEMGEPN* FIGE4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
INVEST TUR ON* IVTT3 Consumo Ciclico - Hotelaria e Restaurantes - Hotelaria
IOCHP-MAXIONON MYPK4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
IRONX MINER ON* IRON3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
ISHARES BOVACI* BOVA11
ISHARES MILACI MILA11
ISHARES SMALCI SMAL11
ITAUSA ON* ITSA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUSA PN* ITSA4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUTEC ON* ITEC3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
ITAUUNIBANCOON* ITAU3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUUNIBANCOPN* ITAU4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
J B DUARTE ON* JBDU3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
J B DUARTE PN* JBDU4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
JBS ON* JBSS3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
JEREISSATI PN* MLFT4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
JHSF PART ON* JHSF3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
JOAO FORTES ON* JFEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
JOSAPAR ON* RIPI4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
JOSAPAR PN* JOPA4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
KARSTEN ON* CTKA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
KARSTEN PN* CTKA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
KEPLER WEBERON* KEPL3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
KLABIN S/A ON* KLBN3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
KLABIN S/A PN* KLBN4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
KLABINSEGALLON* KSSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
KROTON UNT* KROT11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
LA FONTE PARON* MLFT3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LA FONTE TELON* LFFE3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LA FONTE TELPN* LFFE4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LAEP DR3* MILK11 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
LARK MAQS PN* LARK4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
LE LIS BLANCON LLIS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
LECO ON* LECO3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Grãos e Derivados
LIGHT S/A ON* LIGT3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
LIX DA CUNHAON* LIXC3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
LIX DA CUNHAPN* LIXC4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
LLX LOG ON* LLXL3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
LOCALIZA ON* RENT3 Consumo Ciclico - Diversos - Aluguel de Carros
LOG-IN ON* LOGN3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
LOJAS AMERICON* LAME3 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
LOJAS AMERICPN* LAME4 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
LOJAS HERINGON* LHER3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LOJAS HERINGPN* LHER4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LOJAS RENNERON* LREN3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LONGDIS ON* SPRT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
LOPES BRASILON* LPSB3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Intermediação Imobiliária
LUPATECH ON* LUPA3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
M G POLIEST ON* RHDS3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
M.DIASBRANCOON* MDIA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
MAGNESITA PNC* MAGG7 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
MAGNESITA SAON* MAGG3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
MANGELS INDLON* MGEL3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MANGELS INDLPN* MGEL4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MARAMBAIA ON* CTPC3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
MARCOPOLO ON* POMO3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
MARCOPOLO PN* POMO4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
MARFRIG ON* MRFG3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MARISA ON* MARI3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
MARISOL ON* MRSL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
MARISOL PN* MRSL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
MEDIAL SAUDEON* MEDI3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
MELHOR SP ON* MSPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELHOR SP PN* MSPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELPAPER ON* MLPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELPAPER PN * MLPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MENDES JR ON* MEND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MENDES JR PNA* MEND5 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MENDES JR PNB* MEND6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MERC BRASIL ON* BMEB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC BRASIL PN* BMEB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC INVEST ON* BMIN3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC INVEST PN* BMIN4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MET DUQUE ON* DUQE3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MET DUQUE PN* DUQE4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
METAL IGUACUON* MTIG3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
METAL IGUACUPN* MTIG4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
METAL LEVE PN* LEVE4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
METALFRIO ON* FRIO3 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
METISA PN* MTSA4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
MICHELETTO ON* LETO3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MICHELETTO PNA* LETO5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MILLENNIUM ON* TIBR3 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MILLENNIUM PNA* TIBR5 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MILLENNIUM PNB* TIBR6 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MINASMAQUINAON* MMAQ3 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
MINASMAQUINAPN* MMAQ4 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
MINERVA ON* BEEF3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MINUPAR ON* MNPR3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MINUPAR PN* MNPR4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MMX MINER ON* MMXM3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
MONT ARANHA ON* MOAR3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
MPX ENERGIA ON* MPXE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
MRS LOGIST ON* MRSA3 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRS LOGIST PNA* MRSA5 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRS LOGIST PNB* MRSA6 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRV ON* MRVE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
MULTIPLAN ON* MULT3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
MUNDIAL ON* MNDL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Acessórios
MUNDIAL PN* MNDL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Acessórios
NADIR FIGUEION* NAFG3 Bens Industriais - Comércio e Distribuição - Embalagem
NADIR FIGUEIPN* NAFG4 Bens Industriais - Comércio e Distribuição - Embalagem
NATURA ON* NATU3 Consumo Não Ciclico - Produtos de Uso Pessoal e Limpeza - Produtos de Uso Pessoal
NET ON* NETC3 Consumo Ciclico - Mídia - Televisão por assinatura
NET PN* NETC4 Consumo Ciclico - Mídia - Televisão por assinatura
NORD BRASIL ON* BNBR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NORD BRASIL PN* BNBR4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NORDON MET ON * NORD3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máq. e Equip. Industriais
NOSSA CAIXA ON* BNCA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NOVA AMERICAON* NOVA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
NOVA AMERICAPN* NOVA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
NUTRIPLANT ON* NUTR3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
ODERICH PN* ODER4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
ODONTOPREV ON* ODPV3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
OGX PETROLEOON* OGXP3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
OHL BRASIL ON* OHLB3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
OSX BRASIL ON* OSXB3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
P.ACUCAR-CBDON* PCAR3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
P.ACUCAR-CBDPN* PCAR4 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
PANAMERICANOPN* BPNM4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PANATLANTICAON* PATI3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
PANATLANTICAPN* PATI4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
PAR AL BAHIAON* PEAB3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PAR AL BAHIAPN* PEAB4 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PARANA PN* PRBC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PARANAPANEMAON* PMAM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
PARANAPANEMAPN* PMAM4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
PARMALAT ON* LCSA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
PARMALAT PN* LCSA4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
PATAGONIA DR3* BPAT11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PDG REALT ON* PDGR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
PET MANGUINHON* RPMG3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PET MANGUINHPN* RPMG4 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROBRAS ON* PETR3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROBRAS PN* PETR4 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROFLEX ON* PEFX3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROFLEX PNA* PEFX5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROPAR PN* PTPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
PETROQ UNIAOON* PQUN3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROQ UNIAOPN* PQUN4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETTENATI ON* PTNT3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
PETTENATI PN* PTNT4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
PIBB CI* Financeiro e Outros - Fundos - Fundos de Ações
PINE PN* PINE4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PLASCAR PARTON* PLAS3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
PORTO SEGUROON* PSSA3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PORTOBELLO ON* PTBL3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
POSITIVO INFON* POSI3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
PRO METALURGPNA* PMET5 Consumo Cíclico - Lazer - Bicicletas
PRO METALURGPNB* PMET6 Consumo Cíclico - Lazer - Bicicletas
PROFARMA ON* PFRM3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
PRONOR PNA* PNOR5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PRONOR PNB* PNOR6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PROVIDENCIA ON* PRVI3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
QGN PARTIC PN* QGNP4 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
QUATTOR PETRPN* SZPQ4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
RANDON PART ON* RAPT3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RANDON PART PN* RAPT4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RASIP AGRO ON* RSIP3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RASIP AGRO PN* RSIP4 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RECRUSUL ON* RCSL3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
REDE ENERGIAON* REDE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
REDE ENERGIAPN* REDE4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
REDECARD ON* RDCD3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
RENAR ON* RNAR3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RENNER PART ON* RNPT3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
RENNER PART PN* RNPT4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
RIMET PN* REEM4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
RIO BRAVO ON* RBRA3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
RIO GDE ENERON* RGEG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
RIOSULENSE PN* RSUL4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RODOBENSIMOBON* RDNI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
ROSSI RESID ON* RSID3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SABESP ON* SBSP3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
SAM INDUSTR ON* FCAP3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
SAM INDUSTR PN* FCAP4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
SANEPAR PN* SAPR4 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
SANSUY ON* SNSY3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
SANTANDER BRON* SANB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANDER BRPN* SANB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANDER BRUNT* SANB11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANENSE ON* CTSA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTANENSE PN* CTSA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTANENSE PND* CTSA8 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTOS BRP UNT* STBR11 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
SAO CARLOS ON* SCAR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
SAO MARTINHOON* SMTO3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
SARAIVA LIVRON* SLED3 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
SARAIVA LIVRPN* SLED4 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
SAVARG ON* VAGV3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
SAVARG PN* VAGV4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
SCHLOSSER ON* SCLO3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SCHLOSSER PN* SCLO4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SCHULZ PN* SHUL4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
SEB UNT* SEBB11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
SEG AL BAHIAON* CSAB3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SEG AL BAHIAPN* CSAB4 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SEMP ON* SEMP3 Consumo Ciclico - Comércio - Eletrodomésticos
SERGEN ON* SGEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SERGEN PN* SGEN4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SID NACIONALON* CSNA3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
SLC AGRICOLAON* SLCE3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
SOFISA PN* SFSA4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SONDOTECNICAON* SOND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SONDOTECNICAPNA* SOND5 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SONDOTECNICAPNB* SOND6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SOUZA CRUZ ON* CRUZ3 Consumo Não Ciclico - Fumo - Cigarros e Fumo
SPRINGER ON* SPRI3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGER PNA* SPRI5 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGER PNB* SPRI6 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGS ON* SGPS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SPTURIS ON* AHEB3 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SPTURIS PNA* AHEB5 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SPTURIS PNB* AHEB6 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SUL AMER NACON* SAGS3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SUL AMERICA UNT* SULA11 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SULTEPA ON* SULT3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
SULTEPA PN* SULT4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
SUZANO HOLD PN* NEMO4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
SUZANO PAPELPNA* SUZB5 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
SUZANO PAPELPNB* SUZB6 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
TAM S/A ON* TAMM3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
TAM S/A PN* TAMM4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
TARPON INV ON* TRPN Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
TEC BLUMENAUPNA* TENE5 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEC BLUMENAUPNC* TENE7 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECEL S JOSEON* SJOS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECEL S JOSEPN* SJOS4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECNISA ON* TCSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TECNOSOLO ON* TCNO3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
TECNOSOLO PN* TCNO4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
TECTOY ON* TOYB3 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
TECTOY PN* TOYB4 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
TEGMA ON* TGMA3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Rodoviário
TEKA ON* TEKA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEKA PN * TEKA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEKNO PN* TKNO4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
TELEBRAS ON* TELB3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TELEBRAS PN* TELB4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TELEFONICA BDR* TEFC11 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR ON* TNLP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR PN* TNLP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L ON* TMAR3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L PNA* TMAR5 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L PNB* TMAR6 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMIG CL ON* TMGC3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNB* TMGC6 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNC* TMGC7 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNE* TMGC11 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNF* TMGC12 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNG* TMGC13 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG PARTON* TMCP3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG PARTPN* TMCP4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELESP ON* TLPP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELESP PN* TLPP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELINVEST ON* TLVT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TEMPO PART ON* TEMP3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
TENDA ON* TEND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TERNA PART UNT* TRNA11 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TEX RENAUX ON* TXRX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEX RENAUX PN* TXRX4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TIG LTD DR3* TARP11 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
TIM PART S/AON* TCSL3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TIM PART S/APN* TCSL4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TIVIT ON* TVIT3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
TOTVS ON* TOTS3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
TRACTEBEL ON* TBLE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TRAFO ON* TRFO3 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
TRAFO PN* TRFO4 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
TRAN PAULISTON* TRPL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TRAN PAULISTPN* TRPL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TREVISA PN* LUXM4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
TRISUL ON* TRIS3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TRIUNFO PARTON* TPIS3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
TRORION ON* TROR3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
TRORION PN* TROR4 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
TUPY ON* TUPY3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
TUPY PN* TUPY4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
ULTRAPAR PN* UGPA4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
UNIBANCO HLDON* UBBR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
UNIPAR ON* UNIP3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UNIPAR PNA* UNIP5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UNIPAR PNB* UNIP6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UOL PN* UOLL4 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
USIMINAS ON* USIM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIMINAS PNA* USIM5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIMINAS PNB* USIM6 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIN C PINTOPN* UCOP4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
V C P ON* VCPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
VALE ON* VALE3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
VALE PNA* VALE5 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
VARIG SERV ON* VPSC3 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
VARIG SERV PN* VPSC4 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
VARIG TRANSPON* VPTA3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
VARIG TRANSPPN* VPTA4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
VICUNHA TEXTON* VINE3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VICUNHA TEXTPNA* VINE5 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VICUNHA TEXTPNB* VINE6 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VIGOR ON* VGOR3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
VIVO ON* VIVO3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
VIVO PN* VIVO4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
VULCABRAS ON* VULC3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
VULCABRAS PN* VULC4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
WEG ON* WEGE4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
WEMBLEY ON* WMBY3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
WETZEL S/A ON* MWET3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WETZEL S/A PN* MWET4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WHIRLPOOL ON* WHRL3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
WHIRLPOOL PN* WHRL4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
WIEST ON* WISA3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WIEST PN* WISA4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WILSON SONS DR3* WSON11 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
WLM IND COM ON* SGAS3 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
WLM IND COM PN* SGAS4 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
YARA BRASIL ON* ILMD3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
YARA BRASIL PN* ILMD4 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos


Capa,
agora só falta tu colocares o p/l, p/vp, DY, p/CCL, ROE e tese de investimento em compra ou venda alugada de cada papel!
(desculpe a brincadeira, foi só a insanidade da 01:00 hs!!!)

abraço!
 
palpitesacoes - 12/01/2010 00:56
citação: Capa_PretaAlguém tem uma lista atualizada dos códigos de todos os papéis e seus respectivos setores? Se sim pode compartilhar comigo?

Abraço
Capa



Não está completamente atualizada mais, talvez te auxilie:

ABC BRASIL PN* ABCB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ABNOTE ON* ABNB3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
ABYARA ON* ABYA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
ACO ALTONA ON* EALT4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
ACO ALTONA PN* EALT4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
ACOS VILL ON* AVIL3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
AES ELPA ON* AELP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES SUL ON* AESL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES SUL PN* AESL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES TIETE ON* AESL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AES TIETE PN* AESL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AFLUENTE ON* AFLU3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AFLUENTE PNA* AFLU5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AGCONCESSOESPN* ANDG4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AGRA INCORP ON* AGIN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
AGRENCO DR3* AGEN11 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
ALFA CONSORCON* BRGE3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNA* BRGE5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNB* BRGE6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNC* BRGE7 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPND* BRGE8 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNE* BRGE11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA CONSORCPNF* BRGE12 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA FINANC ON* CRIV3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Soc. Crédito e Financiamento
ALFA FINANC PN* CRIV4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Soc. Crédito e Financiamento
ALFA HOLDINGON* RPAD3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA HOLDINGPNA* RPAD5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA HOLDINGPNB* RPAD6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA INVEST ON* BRIV3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALFA INVEST PN* BRIV4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ALIPERTI PN* APTI4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
ALL AMER LATON* ALLL3 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALL AMER LATPN* ALLL4 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALL AMER LATUNT* ALLL11 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
ALPARGATAS ON* ALPA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
ALPARGATAS PN* ALPA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
AM INOX BR PN* ACES4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
AMAZONIA ON* BAZA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
AMAZONIA CELON* TMAC3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNA* TMAC5 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNB* TMAC6 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNC* TMAC7 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPND* TMAC8 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMAZONIA CELPNE* TMAC11 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMBEV ON* AMBV3 Consumo Não Ciclico - Bebidas-cervejas e refrigerantes
AMBEV PN* AMBV4 Consumo Não Ciclico - Bebidas-cervejas e refrigerantes
AMERICEL ON* AMCE3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
AMIL ON* AMIL3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
AMPLA ENERG ON * CBEE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
AMPLA INVESTON* AMPI3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ANHANGUERA UNT* AEDU11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
ARACRUZ PNA* ARCZ5 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
ARTHUR LANGEON* ARLA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Couro
ARTHUR LANGEPN* ARLA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Couro
AZEVEDO PN* AZEV4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
B2W VAREJO ON* BTOW3 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
BAHEMA ON* BAHI3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BAHEMA PN* BAHI4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BANESE ON* BGIP3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANESE PN* BGIP4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANESTES ON* BEES3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANPARA ON* BPAR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL ON* BRSR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL PNA* BRSR5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BANRISUL PNB* BRSR5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BARDELLA PN* BDLL4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
BATTISTELLA ON* BTTL3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BATTISTELLA PN* BTTL4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BAUMER ON* BALM3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
BAUMER PN* BALM4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
BEMATECH ON* BEMA3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
BESC ON* BSCT3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BESC PNA* BSCT5 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BESC PNB* BSCT6 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BIC CALOI PNA* BCAL5 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BIC CALOI PNB* BCAL6 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BIC MONARK ON* BMKS3 Consumo Ciclico - Lazer - Bicicletas
BICBANCO ON* BICB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BICBANCO PN* BICB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BIOMM ON* BIOM3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
BIOMM PN* BIOM4 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
BMFBOVESPA ON* BVMF3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
BOMBRIL PN* BOBR4 Consumo Não Ciclico - Produtos de Uso Pessoal e Limpeza - Produtos de Limpeza
BOTUCATU TEXON* STRP3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
BOTUCATU TEXPN* STRP4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
BR BROKERS ON* BBRK3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Intermediação Imobiliária
BR MALLS PARON* BRML3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
BRADESCO ON* BBDC3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRADESCO PN* BBDC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRADESPAR ON* BRAP3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BRADESPAR PN* BRAP4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
BRASIL BNS C* BBAS13
BRASIL ON* BBAS3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRASIL T PARON* BRTP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL T PARPN* BRTP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL TELECON* BRTO3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASIL TELECPN* BRTO4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
BRASILAGRO ON* AGRO3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
BRASKEM ON* BRKM3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASKEM PNA* BRKM5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASKEM PNB* BRKM6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
BRASMOTOR ON* BMTO3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
BRASMOTOR PN* BMTO4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
BRB BANCO PN* BSLI4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
BRF FOODS ON* BRFS Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
BROOKFIELD ON* BISA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
BUETTNER ON* BUET3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
BUETTNER PN* BUET4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CACIQUE ON* CIQU3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CACIQUE PN* CIQU4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAF BRASILIAON* CAFE3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAF BRASILIAPN* CAFE4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
CAMBUCI PN* CAMB4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
CAPITALPART ON* CPTP3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CARAIBA MET ON* CRBM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CARAIBA MET PNA* CRBM5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CARAIBA MET PNC* CRBM7 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
CASAN ON* CASN3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
CASAN PN* CASN4 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
CC DES IMOB ON* CCIM3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CCR RODOVIASON* CCRO3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
CEB ON* CEBR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEB PNA* CEBR5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEB PNB* CEBR5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEDRO ON* CEDO3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CEDRO PN* CEDO4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CEEE ON* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE PN* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-D ON* CEED3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-D PN* CEED4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-GT ON* EEEL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEEE-GT PN* EEEL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEG ON* CEGR3 Utilidade Pública - Gás - Gás
CELESC ON* CLSC3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELESC PNA* CLSC5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELESC PNB* CLSC6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELGPAR ON* Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELM ON* CELM3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Máqs e Equips Hospitalares
CELPA PNA* CELP5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPA PNB* CELP6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPA PNC* CELP7 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE ON * CEPE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE PNA* CELE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELPE PNB* CEPE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CELUL IRANI ON* RANI3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
CELUL IRANI PN* RANI4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
CEMAR ON* CMGR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMAT ON* CMGR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMAT PN* CMGR4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMEPE ON* MAPT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CEMEPE PN* MAPT4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
CEMIG ON* CMIG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CEMIG PN* CMIG4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP ON* CESP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP PNA* CESP5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CESP PNB* CESP6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CETIP ON* CTIP3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
CHIARELLI ON* CCHI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
CHIARELLI PN* CCHI4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
CIA HERING ON* HGTX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
CIELO ON* CIEL3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
CIMOB PART ON* GAFP3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CIMOB PART PN* GAFP3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CLARION PN* CLAN4 Industrial e Comércio
COBRASMA ON* CBMA3 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Ferroviário
COBRASMA PN* CBMA4 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Ferroviário
COELBA ON* CEEB3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELBA PNA* CEEB5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE ON* COCE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE PNA* COCE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COELCE PNB* COCE6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COMGAS ON* CGAS3 Utilidade Pública - Gás - Gás
COMGAS PNA* CGAS5 Utilidade Pública - Gás - Gás
CONFAB ON* CNFB3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
CONFAB PN* CNFB4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
CONST A LINDON* CALI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CONST A LINDPN* CALI4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CONST BETER ON* COBE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
CONST BETER PNB* COBE6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
CONTAX ON* CTAX3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
CONTAX PN* CTAX4 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
COPASA ON* CSMG3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
COPEL ON* CPLE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COPEL PNA* CPLE5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COPEL PNB* CPLE6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COR RIBEIRO ON* CORR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
COR RIBEIRO PN* CORR4 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
COSAN ON* CSAN3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
COSAN LTD DR3* CZLT11 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
COSERN ON* CSRN3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COSERN PNA* CSRN5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COSERN PNB* CSRN6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
COTEMINAS ON* CTNM3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
COTEMINAS PN* CTNM4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
CPFL ENERGIAON* CPFE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
CR2 ON* CRDE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
CREMER ON* CREM3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Medicamentos e outros produtos
CRUZEIRO SULPN* CZRS4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
CSU CARDSYSTON* CARD3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
CYRE COM-CCPON* CCPR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
CYRELA REALTON* CYRE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
D H B ON* DHBI3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
D H B PN* DHBI4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
DASA ON* DASA3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
DAYCOVAL PN* DAYC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
DIMED ON* PNVL3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DIMED PN* PNVL4 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DIRECIONAL ON* DIRR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
DIXIE TOGA PN* DXTG4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
DOC IMBITUBAON* IMBI3 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
DOC IMBITUBAPN* IMBI4 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
DOCAS ON* DOCA3 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
DOCAS PN* DOCA4 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
DOHLER ON* DOHL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
DOHLER PN* DOHL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
DROGASIL ON* DROG3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
DTCOM-DIRECTON* DTCY3 Bens Industriais - Serviços - Serviços Diversos
DUFRYBRAS DR3* DUFB11 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
DURATEX ON* DTEX3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
ECODIESEL ON* ECOD3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
ELEKEIROZ ON* RANI4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
ELEKEIROZ PN* ELEK4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
ELEKTRO ON* EKTR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELEKTRO PN* EKTR4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS ON* ELET3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS PNA* ELET5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROBRAS PNB* ELET6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAR ON* LIPR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO ON* ELPL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO PNA* ELPL5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELETROPAULO PNB* ELPL6 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ELEVA ON* ELEV3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
ELUMA ON* ELUM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
ELUMA PN* ELUM4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
EMAE PN* EMAE4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EMBRAER ON* EMBR3 Bens Industriais-Material de Transporte - Material Aeronáutico
EMBRATEL PARON* EBTP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
EMBRATEL PARPN* EBTP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
ENCORPAR ON* ECPR3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
ENCORPAR PN* ECPR4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
ENERGIAS BR ON* ENBR3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ENERGISA ON* ENGI3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
ENERGISA PN* ENGI4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EQUATORIAL ON* EQTL11 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
EST PIAUI ON* BPIA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ESTACIO PARTON* ESTC3 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
ESTRELA ON* ESTR3 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
ESTRELA PN* ESTR4 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
ETERNIT ON* ETER3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
EUCATEX ON* EUCA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
EUCATEX PN* EUCA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Madeira
EVEN ON* EVEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
EXCELSIOR PN* BAUH4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
EZTEC ON* EZTC3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
F GUIMARAES ON* FGUI3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
F GUIMARAES PN* FGUI4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FAB C RENAUXON* FTRX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FAB C RENAUXPN* FTRX4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
FER HERINGERON* FHER3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
FERBASA PN* FESA4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
FIBAM ON* FBMC3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
FIBAM PN* FBMC4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
FIBRIA ON* FIBR3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
FLEURY ON* FLRY3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
FORJA TAURUSON* FJTA3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Armas e Munições
FORJA TAURUSPN* FJTA4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Armas e Munições
FOSFERTIL PN* FFTL4 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
FRAS-LE ON* FRAS3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
FRAS-LE PN* FRAS4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
GAFISA ON* GFSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
GAZOLA ON* GAZO3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
GAZOLA PN* GAZO4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
GENERALSHOPPON* GSHP3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
GER PARANAP ON* GEPA3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GER PARANAP PN* GEPA4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GERDAU ON* GGBR3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU PN* GGBR4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU MET ON* GOAU3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GERDAU MET PN* GOAU4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
GLOBEX ON* GLOB3 Consumo Ciclico - Comércio - Eletrodomésticos
GOL PN* GOLL4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
GP INVEST DR3* GPIV11 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
GPC PART ON* GPCP3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
GRADIENTE ON* IGBR3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
GRAZZIOTIN ON* CGRA3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GRAZZIOTIN PN* CGRA4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GRENDENE ON* GRND3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
GTD PART ON* GTDP3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GTD PART PN* GTDP4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
GUARANI ON* ACGU3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
GUARARAPES ON* GUAR3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GUARARAPES PN* GUAR4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
GVT HOLDING ON* GVTT3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
HABITASUL PNA* HBTS5 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
HAGA S/A ON* HAGA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
HAGA S/A PN* HAGA4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
HELBOR ON* HBOR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
HERCULES ON* HETA3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
HERCULES PN* HETA4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Utensílios Domésticos
HOTEIS OTHONPN* HOOT4 Consumo Ciclico - Hotelaria e Restaurantes - Hotelaria
HYPERMARCAS ON* HYPE3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
IDEIASNET ON* IDNT3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
IENERGIA ON* IENG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
IENERGIA PNA* IENG5 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
IGUACU CAFE ON* IGUA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUACU CAFE PNA* IGUA5 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUACU CAFE PNB* IGUA6 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Café
IGUATEMI ON* IGTA3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
IND CATAGUASON* CATA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
INDS ROMI ON* ROMI3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INDUSVAL PN* IDVL4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
INEPAR ON* INEP3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INEPAR PN* INEP4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
INEPAR TEL ON* INET3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
INPAR S/A ON* INPR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
INVEST BEMGEON* FIGE3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
INVEST BEMGEPN* FIGE4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
INVEST TUR ON* IVTT3 Consumo Ciclico - Hotelaria e Restaurantes - Hotelaria
IOCHP-MAXIONON MYPK4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
IRONX MINER ON* IRON3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
ISHARES BOVACI* BOVA11
ISHARES MILACI MILA11
ISHARES SMALCI SMAL11
ITAUSA ON* ITSA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUSA PN* ITSA4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUTEC ON* ITEC3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
ITAUUNIBANCOON* ITAU3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
ITAUUNIBANCOPN* ITAU4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
J B DUARTE ON* JBDU3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
J B DUARTE PN* JBDU4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
JBS ON* JBSS3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
JEREISSATI PN* MLFT4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
JHSF PART ON* JHSF3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
JOAO FORTES ON* JFEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
JOSAPAR ON* RIPI4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
JOSAPAR PN* JOPA4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
KARSTEN ON* CTKA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
KARSTEN PN* CTKA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
KEPLER WEBERON* KEPL3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
KLABIN S/A ON* KLBN3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
KLABIN S/A PN* KLBN4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
KLABINSEGALLON* KSSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
KROTON UNT* KROT11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
LA FONTE PARON* MLFT3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LA FONTE TELON* LFFE3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LA FONTE TELPN* LFFE4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
LAEP DR3* MILK11 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
LARK MAQS PN* LARK4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Industriais
LE LIS BLANCON LLIS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
LECO ON* LECO3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Grãos e Derivados
LIGHT S/A ON* LIGT3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
LIX DA CUNHAON* LIXC3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
LIX DA CUNHAPN* LIXC4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
LLX LOG ON* LLXL3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
LOCALIZA ON* RENT3 Consumo Ciclico - Diversos - Aluguel de Carros
LOG-IN ON* LOGN3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
LOJAS AMERICON* LAME3 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
LOJAS AMERICPN* LAME4 Consumo Ciclico - Comércio - Produtos Diversos
LOJAS HERINGON* LHER3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LOJAS HERINGPN* LHER4 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LOJAS RENNERON* LREN3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
LONGDIS ON* SPRT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
LOPES BRASILON* LPSB3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Intermediação Imobiliária
LUPATECH ON* LUPA3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
M G POLIEST ON* RHDS3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
M.DIASBRANCOON* MDIA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
MAGNESITA PNC* MAGG7 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
MAGNESITA SAON* MAGG3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
MANGELS INDLON* MGEL3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MANGELS INDLPN* MGEL4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MARAMBAIA ON* CTPC3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
MARCOPOLO ON* POMO3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
MARCOPOLO PN* POMO4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
MARFRIG ON* MRFG3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MARISA ON* MARI3 Consumo Ciclico - Comércio - Tecidos, Vestuário e Calçados
MARISOL ON* MRSL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
MARISOL PN* MRSL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Vestuários
MEDIAL SAUDEON* MEDI3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
MELHOR SP ON* MSPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELHOR SP PN* MSPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELPAPER ON* MLPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MELPAPER PN * MLPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
MENDES JR ON* MEND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MENDES JR PNA* MEND5 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MENDES JR PNB* MEND6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
MERC BRASIL ON* BMEB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC BRASIL PN* BMEB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC INVEST ON* BMIN3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MERC INVEST PN* BMIN4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
MET DUQUE ON* DUQE3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MET DUQUE PN* DUQE4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
METAL IGUACUON* MTIG3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
METAL IGUACUPN* MTIG4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
METAL LEVE PN* LEVE4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
METALFRIO ON* FRIO3 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
METISA PN* MTSA4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máqs e Equips Construção e Agricola
MICHELETTO ON* LETO3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MICHELETTO PNA* LETO5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
MILLENNIUM ON* TIBR3 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MILLENNIUM PNA* TIBR5 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MILLENNIUM PNB* TIBR6 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
MINASMAQUINAON* MMAQ3 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
MINASMAQUINAPN* MMAQ4 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
MINERVA ON* BEEF3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MINUPAR ON* MNPR3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MINUPAR PN* MNPR4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Carnes e Derivados
MMX MINER ON* MMXM3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
MONT ARANHA ON* MOAR3 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
MPX ENERGIA ON* MPXE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
MRS LOGIST ON* MRSA3 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRS LOGIST PNA* MRSA5 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRS LOGIST PNB* MRSA6 Construção e Transporte - Transporte - Transportes Ferroviários
MRV ON* MRVE3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
MULTIPLAN ON* MULT3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
MUNDIAL ON* MNDL3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Acessórios
MUNDIAL PN* MNDL4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Acessórios
NADIR FIGUEION* NAFG3 Bens Industriais - Comércio e Distribuição - Embalagem
NADIR FIGUEIPN* NAFG4 Bens Industriais - Comércio e Distribuição - Embalagem
NATURA ON* NATU3 Consumo Não Ciclico - Produtos de Uso Pessoal e Limpeza - Produtos de Uso Pessoal
NET ON* NETC3 Consumo Ciclico - Mídia - Televisão por assinatura
NET PN* NETC4 Consumo Ciclico - Mídia - Televisão por assinatura
NORD BRASIL ON* BNBR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NORD BRASIL PN* BNBR4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NORDON MET ON * NORD3 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos - Máq. e Equip. Industriais
NOSSA CAIXA ON* BNCA3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
NOVA AMERICAON* NOVA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
NOVA AMERICAPN* NOVA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
NUTRIPLANT ON* NUTR3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
ODERICH PN* ODER4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Alimentos Diversos
ODONTOPREV ON* ODPV3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
OGX PETROLEOON* OGXP3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
OHL BRASIL ON* OHLB3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
OSX BRASIL ON* OSXB3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
P.ACUCAR-CBDON* PCAR3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
P.ACUCAR-CBDPN* PCAR4 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Alimentos
PANAMERICANOPN* BPNM4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PANATLANTICAON* PATI3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
PANATLANTICAPN* PATI4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
PAR AL BAHIAON* PEAB3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PAR AL BAHIAPN* PEAB4 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PARANA PN* PRBC4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PARANAPANEMAON* PMAM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
PARANAPANEMAPN* PMAM4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Cobre
PARMALAT ON* LCSA3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
PARMALAT PN* LCSA4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
PATAGONIA DR3* BPAT11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PDG REALT ON* PDGR3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
PET MANGUINHON* RPMG3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PET MANGUINHPN* RPMG4 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROBRAS ON* PETR3 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROBRAS PN* PETR4 Petróleo, Gás e Biocombustíveis-Exploração e/ou Refino
PETROFLEX ON* PEFX3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROFLEX PNA* PEFX5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROPAR PN* PTPA4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
PETROQ UNIAOON* PQUN3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETROQ UNIAOPN* PQUN4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PETTENATI ON* PTNT3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
PETTENATI PN* PTNT4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
PIBB CI* Financeiro e Outros - Fundos - Fundos de Ações
PINE PN* PINE4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
PLASCAR PARTON* PLAS3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
PORTO SEGUROON* PSSA3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
PORTOBELLO ON* PTBL3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Material de Construção
POSITIVO INFON* POSI3 Tecnologia da Informação - Computadores e Equipamentos - Computadores e Equipamentos
PRO METALURGPNA* PMET5 Consumo Cíclico - Lazer - Bicicletas
PRO METALURGPNB* PMET6 Consumo Cíclico - Lazer - Bicicletas
PROFARMA ON* PFRM3 Consumo Não Ciclico - Comércio e Distribuição - Medicamentos
PRONOR PNA* PNOR5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PRONOR PNB* PNOR6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
PROVIDENCIA ON* PRVI3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
QGN PARTIC PN* QGNP4 Materiais Básicos - Químicos - Diversos
QUATTOR PETRPN* SZPQ4 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
RANDON PART ON* RAPT3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RANDON PART PN* RAPT4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RASIP AGRO ON* RSIP3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RASIP AGRO PN* RSIP4 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RECRUSUL ON* RCSL3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
REDE ENERGIAON* REDE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
REDE ENERGIAPN* REDE4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
REDECARD ON* RDCD3 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Serviços Financeiros Diversos
RENAR ON* RNAR3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
RENNER PART ON* RNPT3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
RENNER PART PN* RNPT4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
RIMET PN* REEM4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Embalagens
RIO BRAVO ON* RBRA3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
RIO GDE ENERON* RGEG3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
RIOSULENSE PN* RSUL4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
RODOBENSIMOBON* RDNI3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
ROSSI RESID ON* RSID3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SABESP ON* SBSP3 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
SAM INDUSTR ON* FCAP3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
SAM INDUSTR PN* FCAP4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
SANEPAR PN* SAPR4 Utilidade Pública - Água e Saneamento - Água e Saneamento
SANSUY ON* SNSY3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
SANTANDER BRON* SANB3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANDER BRPN* SANB4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANDER BRUNT* SANB11 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SANTANENSE ON* CTSA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTANENSE PN* CTSA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTANENSE PND* CTSA8 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SANTOS BRP UNT* STBR11 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
SAO CARLOS ON* SCAR3 Financeiro e Outros - Exploração de Imóveis-Exploração de Imóveis
SAO MARTINHOON* SMTO3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
SARAIVA LIVRON* SLED3 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
SARAIVA LIVRPN* SLED4 Consumo Ciclico - Mídia - Jornais, Livros e Revistas
SAVARG ON* VAGV3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
SAVARG PN* VAGV4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
SCHLOSSER ON* SCLO3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SCHLOSSER PN* SCLO4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SCHULZ PN* SHUL4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
SEB UNT* SEBB11 Consumo Ciclico - Diversos - Serviços Educacionais
SEG AL BAHIAON* CSAB3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SEG AL BAHIAPN* CSAB4 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SEMP ON* SEMP3 Consumo Ciclico - Comércio - Eletrodomésticos
SERGEN ON* SGEN3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SERGEN PN* SGEN4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
SID NACIONALON* CSNA3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
SLC AGRICOLAON* SLCE3 Consumo Não Ciclico - Agropecuária - Agricultura
SOFISA PN* SFSA4 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
SONDOTECNICAON* SOND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SONDOTECNICAPNA* SOND5 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SONDOTECNICAPNB* SOND6 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
SOUZA CRUZ ON* CRUZ3 Consumo Não Ciclico - Fumo - Cigarros e Fumo
SPRINGER ON* SPRI3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGER PNA* SPRI5 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGER PNB* SPRI6 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
SPRINGS ON* SGPS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
SPTURIS ON* AHEB3 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SPTURIS PNA* AHEB5 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SPTURIS PNB* AHEB6 Consumo Ciclico - Lazer - Produção de Eventos e Shows
SUL AMER NACON* SAGS3 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SUL AMERICA UNT* SULA11 Financeiro e Outros - Previdência e Seguros - Seguradoras
SULTEPA ON* SULT3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
SULTEPA PN* SULT4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção pesada
SUZANO HOLD PN* NEMO4 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
SUZANO PAPELPNA* SUZB5 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
SUZANO PAPELPNB* SUZB6 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
TAM S/A ON* TAMM3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
TAM S/A PN* TAMM4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
TARPON INV ON* TRPN Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
TEC BLUMENAUPNA* TENE5 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEC BLUMENAUPNC* TENE7 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECEL S JOSEON* SJOS3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECEL S JOSEPN* SJOS4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TECNISA ON* TCSA3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TECNOSOLO ON* TCNO3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
TECNOSOLO PN* TCNO4 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Engenharia Consultiva
TECTOY ON* TOYB3 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
TECTOY PN* TOYB4 Consumo Ciclico - Lazer - Briquedos e Jogos
TEGMA ON* TGMA3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Rodoviário
TEKA ON* TEKA3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEKA PN * TEKA4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEKNO PN* TKNO4 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Artefatos de Ferro e Aço
TELEBRAS ON* TELB3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TELEBRAS PN* TELB4 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TELEFONICA BDR* TEFC11 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR ON* TNLP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR PN* TNLP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L ON* TMAR3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L PNA* TMAR5 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMAR N L PNB* TMAR6 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELEMIG CL ON* TMGC3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNB* TMGC6 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNC* TMGC7 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNE* TMGC11 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNF* TMGC12 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG CL PNG* TMGC13 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG PARTON* TMCP3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELEMIG PARTPN* TMCP4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TELESP ON* TLPP3 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELESP PN* TLPP4 Telecomunicações - Telefonia Fixa - Telefonia Fixa
TELINVEST ON* TLVT3 Financeiros e Outros - Outros - Outros
TEMPO PART ON* TEMP3 Consumo Não Ciclico - Saúde - Serviços Medico-Hopitalares, Análises e Diagnósticos
TENDA ON* TEND3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TERNA PART UNT* TRNA11 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TEX RENAUX ON* TXRX3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TEX RENAUX PN* TXRX4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
TIG LTD DR3* TARP11 Financeiro e Outros - Serviços Financeiros Diversos - Gestão de Recursos e Investimentos
TIM PART S/AON* TCSL3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TIM PART S/APN* TCSL4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
TIVIT ON* TVIT3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
TOTVS ON* TOTS3 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
TRACTEBEL ON* TBLE3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TRAFO ON* TRFO3 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
TRAFO PN* TRFO4 Bens Industriais - Equipamentos Elétricos - Equipamentos Elétricos
TRAN PAULISTON* TRPL3 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TRAN PAULISTPN* TRPL4 Utilidade Pública - Energia Elétrica - Energia Elétrica
TREVISA PN* LUXM4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Hidroviário
TRISUL ON* TRIS3 Construção e Transporte - Construção e Engenharia - Construção Civil
TRIUNFO PARTON* TPIS3 Construção e Transporte - Transportes - Exploração de Rodovias
TRORION ON* TROR3 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
TRORION PN* TROR4 Materiais Básicos - Materiais Diversos - Materiais Diversos
TUPY ON* TUPY3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
TUPY PN* TUPY4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
ULTRAPAR PN* UGPA4 Financeiros e Outros - Holding Diversificadas - Holding Diversificadas
UNIBANCO HLDON* UBBR3 Financeiro e Outros - Intermediários Financeiros - Bancos
UNIPAR ON* UNIP3 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UNIPAR PNA* UNIP5 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UNIPAR PNB* UNIP6 Materiais Básicos - Químicos - Petroquímicos
UOL PN* UOLL4 Tecnologia da Informação - Programas e Serviços - Programas e Serviços
USIMINAS ON* USIM3 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIMINAS PNA* USIM5 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIMINAS PNB* USIM6 Materiais Básicos - Siderurgia e Metalurgia - Siderurgia
USIN C PINTOPN* UCOP4 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Açucar e Alccol
V C P ON* VCPA3 Materiais Básicos - Madeira e Papel - Papel e Celulose
VALE ON* VALE3 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
VALE PNA* VALE5 Materiais Básicos - Mineração - Minerais Metálicos
VARIG SERV ON* VPSC3 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
VARIG SERV PN* VPSC4 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
VARIG TRANSPON* VPTA3 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
VARIG TRANSPPN* VPTA4 Construção e Transporte - Transporte - Transporte Aéreo
VICUNHA TEXTON* VINE3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VICUNHA TEXTPNA* VINE5 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VICUNHA TEXTPNB* VINE6 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
VIGOR ON* VGOR3 Consumo Não Ciclico - Alimentos Processados - Latícinios
VIVO ON* VIVO3 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
VIVO PN* VIVO4 Telecomunicações - Telefonia Móvel - Telefonia Móvel
VULCABRAS ON* VULC3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
VULCABRAS PN* VULC4 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Calçados
WEG ON* WEGE4 Bens Industriais - Máquinas e Equipamentos-Motores e Compressores
WEMBLEY ON* WMBY3 Consumo Ciclico - Tecidos, Vestuários e Calçados - Fios e Tecidos
WETZEL S/A ON* MWET3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WETZEL S/A PN* MWET4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WHIRLPOOL ON* WHRL3 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
WHIRLPOOL PN* WHRL4 Consumo Ciclico - Utilidades Domésticas - Eletrodomésticos
WIEST ON* WISA3 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WIEST PN* WISA4 Bens Industriais - Material de Transporte - Material Rodoviário
WILSON SONS DR3* WSON11 Construção e Transporte - Transporte - Serviços de Apoio e Armazenagem
WLM IND COM ON* SGAS3 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
WLM IND COM PN* SGAS4 Bens Industriais - Comércio - Material de Tranporte
YARA BRASIL ON* ILMD3 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos
YARA BRASIL PN* ILMD4 Materiais Básicos - Químicos - Fertilizantes e Defensivos